Car.blog.br

Pesquisar este blog

Oficial: Volkswagen supera a Toyota em produção e vendas

Categorias: , , 67 Comentários

No final de janeiro conheceu-se que o conglomerado alemão Volkswagen se tornou o maior grupo automotivo do mundo, com vendas totais de 10,391 milhões de veículos em 2016, superando assim a japonesa Toyota, a qual, no mesmo período comercializou 10,18 milhões de veículos. Entretanto uma estatística ainda estava em disputa, que era o posto de maior produtor mundial de veículos.

Volkswagen x Toyota

A Toyota já tinha divulgado suas estatísticas de produção relativamente a 2016 simultaneamente ao resultado de vendas. Em 2016 a Toyota produziu 10,213 milhões de veículos na somatória de suas marcas Toyota, Lexus, Daihatsu e Hino.

Oficial: Volkswagen supera a Toyota em produção e vendas

Já a Volkswagen tinha divulgado as vendas, no começo de janeiro, mas ainda não se sabia o volume de produção. Agora, porém, com a publicação do resultado financeiro consolidado de 2016, conheceu-se que a produção total do Grupo VW em 2016 foi de 10,405 milhões de veículos, aumento de 3,9% sobre 2015, colocando uma dianteira de 189 mil unidades sobre a Toyota.

Toyota x Volkswagen

Dessa forma, o Grupo Volkswagen é oficialmente o maior grupo automotivo do planeta, no critério de vendas, e também o maior do mundo no critério de produção.


Vendas 2016Produção 2016
[milhões de veículos]
Volkswagen10,39110,405
Toyota10,17510,213

Fonte: Toyota Volkswagen

Postagens relacionadas:

67 comentários:

  1. O Carplace relinchou uma baboseirada sobre isso há um tempo atrás, com mimimi que a Toyota estava "contestando" que a VW tinha sido a maior. mimimii....um post ultra-hater da VW.
    A Toyota não tinha contestado boxta nenhuma. E quem disse que a VW era a maior do mundo eram os números de vendas.
    POis agora estão aí os números de produção.
    Ei sites, menos relinchos, mais fatos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Carplace não relincha, Carlos4Carros. Noticia. E faz isso tão bem que é um dos maiores sites automotivos do Brasil, tendo sido escolhido pelo Motor1.com para ser seu braço brasileiro. Quem questionou os números foi a Reuters e nós informamos isso a nossos leitores. Relinchar seria dizer que tração traseira é uma tecnologia ultrapassada, por exemplo. Nem os autores nem nossos leitores se atreveriam a dizer algo tão estúpido.

      Sempre que atacam o Car.Blog no Carplace como um site parcial, nós defendemos, mas é bom saber que não temos deste lado o mesmo respeito pelo nosso trabalho. Lembraremos disso na próxima malhação deste site por lá. E lamentamos esse tipo de postura. Em vez de valorizar a VW, o que parece ser o objetivo principal, ela alimenta as antipatias à marca. Defesa pela culatra, que ainda ataca quem não tem nada a ver com isso.

      Excluir
    2. Desculpa, mas nesse caso relinchou sim. Só tinha besteria escrita lá, uma confusão geral. Nem sei se você é do Carplace ou não, mas o próprio título da matéria é um relincho, duplamente relinchante:

      "Volkswagen “diz” ser a maior montadora global em 2016; Toyota contesta"

      http://carplace.uol.com.br/volkswagen-diz-ser-maior-montadora-global-em-2016/

      Primeiro relincho. A VW não "disse" nada. A VW informou os números de venda no começo de janeiro, e estava quieta. Quando a Toyota soltou seus dados de venda em 30 de janeiro, TODAS a imprensa de negócio (Reuters, FT, Wall Street Journal, e outras, com a Reuters) viram que a VW vendeu mais que a Toyota, e a imprensa que saiu "dizendo" em trocentas matérias que a VW era a maior do mundo.

      http://money.cnn.com/2017/01/30/news/volkswagen-toyota-global-auto-sales/

      https://www.publico.pt/2017/01/30/economia/noticia/vw-ultrapassa-toyota-como-maior-construtor-mundial-1760127

      http://fortune.com/2017/01/30/volkswagen-vw-toyota-best-selling-china/

      http://www.usatoday.com/story/money/cars/2017/01/30/volkswagen-toyota-world-largest-automaker/97234320/

      https://www.wsj.com/articles/toyota-loses-global-sales-title-to-volkswagen-1485765236

      http://www.bbc.com/news/business-38793253

      Então, foi a imprensa de negócios que "disse", não a VW. Aí está o primeiro relincho na frase.

      Segundo relincho: dizer que a Toyota "contestou".

      A Toyota não "contestou" nada. Isso é um tremendo relincho, sim. A Toyota só emitiu seu comunicado de vendas, e só. A imprensa que "disse".

      E, ao que parece, você continua a relinchar agora, ao dizer que foi a "Reuters que questionou os números". Relincho novamente. A Reuters não questionou nada. A Reuters, ao contrário, foi uma das primeiras a "dizer" que a VW passou a Toyota.

      http://www.reuters.com/article/us-toyota-sales-idUSKBN15E0F4

      Quem estava com esse mimimi todo, falando de produção, era o Bertel Schmitt, e ele é da Forbes, e não da Reuters.

      Então, sim, o Carplace nesse caso relinchou sim, e continua a relinchar. Inclusive relinchou duas vezes no título da matéria.

      kk

      Excluir
    3. PS: E, sim, tração traseira é um sistema ultrapassado. Tanto, que a BMW e Mercedes o estão começando a trocar em seus carros (vide BMW X1, próximo Série 1, Classe A, CLA, etc).

      Excluir
    4. PS1: E inclusive o Bertel Schmitt também relinchou bastante no artigo dele sobre VW x Toyota, que é o seguinte:

      https://www.forbes.com/sites/bertelschmitt/2017/01/30/its-official-volkswagen-worlds-largest-automaker-2016-or-maybe-toyota/#51e1b41376b0

      Esse mané escreveu uma artigo de 4 páginas com um mimimi sobre critério para saber qual era a maior, se vendas ou produção, e com um mimimi de que o critério correto era produção, e que "a VW não fornecia dados de produção", mas apenas de "entregas", e que não dava para comparar "produção", que é o informado pela Toyota, com "entregas" da VW.

      Porque ele relinchou. Porque a VW realmente só divulga os dados de produçaõ no final de fevereiro, quando sai o resultado financeiro do conglomerado.

      https://www.volkswagenag.com/en/news/2017/02/VW_Group_2016_results.html

      Saiu dia 24/02, os dados de produção e de entregas.

      Entregas: 10,297
      Vendas: 10,391
      Produção: 10,405

      Se o mané do Bertell Schmitt tivesse esperado até o dia 24/02, não teria escrito aquele monte de baboseira.

      Excluir
    5. Sim, trabalho no Carplace e reitero que não houve relincho nem zurro. Transmitimos a informação que existia naquele momento. E ela deixava em dúvida a dianteira do grupo VW. Errado teria sido assumirmos que ela era líder sem os dados corretos. Agora que eles estão disponíveis, a liderança está confirmada. Simples assim.

      A Volkswagen disse, sim, ser a maior do mundo antes de divulgar a produção. Pode não ter batido no peito, gritado por aí, mas disse ao divulgar suas "entregas". E a Toyota contestou, como contestou a liderança do Focus, alguns anos atrás, do mesmo modo, mas com os dados que são levados em conta, de produção. Sem alarde. Se o Bertell Schmitt fosse tão burro quanto você acha que é, ele certamente não trabalharia na Forbes.

      É curioso você usar a imprensa para confirmar o que diz, mas atacá-la quando ela traz dados com os quais você não concorda. Além de vir com esse "ad hominem" raso de dizer que os outros relincham enquanto você diz que tração traseira é ultrapassada. Se fosse verdade, o Série 5 teria tração dianteira. O 7 também. Assim como o Classe E. Todos os caminhões e ônibus teriam tração dianteira. O motor a combustão já estaria apenas nos museus. É uma questão de aplicação e propósito. Tração dianteira é mais barata, por isso BMW e Daimler estão usando para entrar ou se fortalecer em segmentos de vendas em alta. E para ter mais lucros com os volumes, especialmente porque este público que compra os modelos de entrada não liga se o veículo tem tração traseira ou dianteira, algo que a BMW descobriu com o Série 1. É uma galera que liga mais pra emblema do que para qualidades dinâmicas. Como você.

      Excluir
    6. carro tração traseira nao ou dianteira ou nas quatro rodas nao e tecnologia e característica mané.

      Excluir
    7. Transmitimos a informação que existia naquele momento. E ela deixava em dúvida a dianteira do grupo VW. Errado teria sido assumirmos que ela era líder sem os dados corretos. Agora que eles estão disponíveis, a liderança está confirmada. Simples assim.

      Não havia dúvida alguma, no dia 30/01, de que a VW era a maior do mundo em "vendas". E foi isso que foi noticiado mundo à fora. Não se falou de produção.

      A Volkswagen disse, sim, ser a maior do mundo antes de divulgar a produção. Pode não ter batido no peito, gritado por aí, mas disse ao divulgar suas "entregas".

      Como a VW iria "dizer" se ela divulgou seus dados de vendas muito antes da Toyota? Os dados de vendas da VW foram divulgados dia 09/01, e no comunicado não falava nada que era líder ou não era. A Toyota divulgou muito depois, no dia 30/01.

      Alías, até agora a VW não disse nada sobre isso. Eles estão esperando a publicação do resultado pela OICA.


      E a Toyota contestou, como contestou a liderança do Focus, alguns anos atrás, do mesmo modo, mas com os dados que são levados em conta, de produção. Sem alarde.

      A Toyota contestou a liderança do Focus anos atrás, mas agora não contestou nada sobre o fato de ser ou não líder. A VW divulgou os dados de vendas dia 9/1, e disse: "vendemos 10,3 milhões". A Toyota divulgou os dados dia 30/01, e disse, "vendemos 10,18 milhões".
      Nem a VW disse que era líder, e nem a Toyota "contestou". Nada.

      Se o Bertell Schmitt fosse tão burro quanto você acha que é, ele certamente não trabalharia na Forbes.

      Eu não acho que ele é burro. Acho que é um mané. A VW todo ano divulga dados de produção quase dois meses depois do de vendas. Era só ele ter esperado.

      É curioso você usar a imprensa para confirmar o que diz, mas atacá-la quando ela traz dados com os quais você não concorda.

      Eu não leio cegamente a imprensa. Eu leio sempre com visão crítica.

      E, sim, o Carplace é um ótimo site. O maior do Brasil, parabéns, mas no caso dessa matéria específica houve sim erros, que eu chamo de "relinchos". Normal.

      Sobre tração dianteira e traseira, é simples, o sistema mais eficiente é o dianteira. O traseira só fazem ainda porque tem algumas pessoas que acham mais gostoso de dirigir a tração traseira. Decisão totalmente irracional, pois o sistema faz o carro consumir mais, ter menos espaço interno, e etc, por causa de uma miniria que acha isso lindo (enquanto a maior parte nem sabe que tipo de tração tem o carro, e está usando um carro que bebe mais e mais apertado por dentro).

      Excluir
    8. Quem relincha é burro, Carlos. Não é normal chamar alguém de burro, me desculpe. É uma tremenda falta de respeito. É algo que você não faria se estivesse diante de ninguém, mas entendo que seja fácil fazer isso atrás de uma tela de computador. Só não é correto.

      Você não precisa ser literal ou explícito para dizer nada. Assim como você nos chamou de burros, a Volkswagen disse que é líder com os números. E a Toyota contestou com seus números. Isso é evidente. Assim como o nosso título, que usou "diz" deste modo, entre aspas. Pra bom entendedor, as aspas querem dizer que não foi exatamente isso, mas é como se fosse. Foi o que quisemos dizer. Tomara que agora você tenha entendido.

      Havia dúvida sobre a liderança em 30/01 sim. Era preciso ter os dados de produção, que são os considerados neste ranking. O de "entregas", seja lá o que isso queira dizer, são apenas um indício. Forte, como os dados de 24/02 mostraram, mas indícios. E é assim que vamos sempre considerar indícios: como possibilidade. Nunca como certeza.

      Por fim, tração dianteira tem um packaging mais racional, sim, mas atrapalha a distribuição de peso, que fica concentrado na dianteira. Se o carro de tração dianteira escapa, tem de ser de dianteira, já que se escapar de traseira é muito mais difícil de corrigir com esse tipo de tração. Carro de tração traseira você traz mais fácil de volta nas duas situações, além de muita gente preferir sobresterço do que subesterço exatamente por isso. Pilotos e gente que sabe o que faz ao volante, em sua maioria. Como dono do Car Blog, você deveria saber disso: que existe racionalidade em preferir um determinado comportamento do carro em vez de outro. Que é mais fácil empurrar do que puxar. Que carros com distribuição 50:50 são muito melhores de dirigir. E que respeito a gente oferece antes de exigir.

      Excluir
    9. Você não precisa ser literal ou explícito para dizer nada. Assim como você nos chamou de burros

      Nesse caso, precisa sim. Eu disse que o carplace "relinchou" nessa notícia. Não disse vocês são burros. Mesmo o Carplace sendo o maior site automotivo do Brasil, pode haver matérias com erros, que eu chamo carinhosamente de "relinchos". É normal isso.

      A Folha relincha de vez em quando, o Estadão relincha de vez em quando, o próprio Bertell Schmitt relinchou na matéria dele, e isso não faz deles burros. Apenas um relincho transitório. Todo mundo tem direito de relinchar...de vez em quando.

      Excluir
    10. inclusive vc ne carlos, pode da uma relinchada de vez em quando

      Excluir
    11. Basta aparecer alguém com um mínimo de conhecimento para fazer muitos deste fórum, principalmente o Carlos, a sentar na carteira de aluno.

      Dizer que pós-venda é "cafézinho na CSS", eixo de torção é melhor que o multilink, tração dianteira é superior à tração traseira, no mínimo carece de muito conhecimento básico, além, logicamente, de uma postura mais adequada como ser humano porque da forma com que descreve por aqui se mostra prepotente e tão pouco adequado.

      Belas palavras do Gustavo.

      Excluir
    12. "...que respeito a gente oferece antes de exigir..."

      HADOUKEN!!!!

      Excluir
    13. Todos tem direito de relinchar, mas esse Jaspion abusa. O Jaspion entende de coisas interessantíssimas de pós venda, como:
      - atendentes bem educadas;
      - cordialidade e atenção com o cliente;
      - temperatura do cafezinho;
      - canapés para colocar na sala de recepção;
      - como ser hipócrita e sorrir para o cliente mesmo quando é um pentelho;
      - quais os melhores programas de culinária para colocar na sala da concessionária;
      - revistas na sala de recepção: Caras ou Contigo!? A grande questão.

      Isso tudo é pós-venda, aquele tipo de serviço que vc usa 30 minutos por ano, e anda com carros geriátricos pelos outros 365 dias do ano.
      Realmente um assunto bem legal...

      Excluir
  2. A Toyota sempre vai ser o fenômeno automotivo de maior expressão, esteja ela em primeiro ou segundo em números. Melhor marca automotiva disparada. Já provou que consegue fazer muito com pouco. Palmas para a Toyota. Já emplaca o sedan mais vendido do país (e do mundo) e em breve, estará no G4 automotivo. Toyota Etios receberá em breve ESP, o que com certeza vai alavancá-lo de 4 estrelas (2012) para 5 estrelas no LatiNCAP. Quem fala mal dos carros da Toyota é porque nunca entrou em um ou teve contato por muito tempo com um Toyota.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. G4 automotivo brasileiro*. Ford que se cuide, Hyundai e Toyota vão engoli-la.

      Excluir
    2. Todos que tem Toyota por bastante tempo assinam e atestam a qualidade sem precedentes da marca. É um verdadeiro tsunami. Um fenômeno. O Corolla emplaca mais que a soma de todos seus concorrentes no Brasil, mais uma prova do poder da Toyota.

      Excluir
    3. As marcas está se.lixando para entrar no g4...g5...mimimi. isso. E.coisa de fanboy. O que elas querem mesmo e dar lucro...coisa que algumas delas não sabem o que é faz um tempo....

      Excluir
    4. Quer lucro maior do que o que o Corolla dá? A Toyota não tem que se preocupar por estar em segundo lugar. A Toyota está rica. O Corolla é o sedan mais vendido do país e do mundo. Se prepare para março, quando o Corolla 2018 chegar aqui. Vai ser o 4º ou 3º carro mais emplacado do país, se o atual já conseguiu chegar em 5º, imagine o ESTRAGO que o novo vai fazer. Vai acabar com o restinho de concorrência que tem.

      Excluir
    5. Nossa.essa ficou brava com a VW superando a toyota. De lavada ainda.

      Excluir
    6. Corolla é carro de tiozão coçador de sako. Uma vergonha Nacional, um carro de 100 mil reais sem ESP e controle de tração.

      Excluir
    7. Toyota é uma boa marca só em relacao a qualidade mecanica ,realmente os carros são bons mais n valem oq pedem carros horriveis de feios, cheio de vincos ,acabamento tosco produto tipico de carro de entrada em paises descentes

      Excluir
  3. Parabéns a VW, por fazer carros de primeira.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns a VW, é um feito importante.

    Mas, mais importante que isso, na minha opinião, é o pós-venda. Nisso a Toyota se mantém campeã enquanto a VW come poeira, não apenas no Brasil, mas em toda a America e também em muitos países da Europa.

    Líder nos rankings de satisfação dos clientes, a marca que menos dá defeito, a marca que menos desvaloriza e que tem os mais baixos custo de manutenção e seguro, especialmente no Brasil, sucesso absoluto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses fanboys de Toyota sempre vem com esse mimimi de pós venda, mimimi.

      É uma papagaiada dizer que Toyota tem "bom pós-venda".

      O problema é que os carros da Toyota são tão antigos e tão geriátricos, que só resta defender o pós-venda mesmo, pois os carros em si são péssimos.

      Primeiro, como pode dizer que Toyota tem bom pós venda se sua rede de concessionárias não chega a 150? A VW tem mais de 600 concessionárias.

      Bom pós-venda é estar na maior parte do país para atender o consumidor, e não apenas em lugares lucrativos.

      O dono de Toyota se tiver problema em muitas partes do Brasil ficará no sal, pois não tem concessionária.

      Segundo, a VW tem revisão programada com preço fixo e mais barato que os demais, com mão de obra inclusa. A VW oferece revisão expressa, com hora marcada.

      Veja que o Jetta tem manuteção mais barata que o Corolla. Pastilhas do Corolla custam mais de R$ 400 reais, enquanto do jetta/golf saem por R$ 251 reais, originais.

      http://www.itacuapecas.com.br/pecas-listagem/jg-pastilha-c-sensor-jetta-golf-polo-nfu/JZW698151

      E outra, só pode ser mané o consumidor que dá tanto valor a pós-venda.

      O mané que dá tanto valor a isso de pós-venda, sendo que passa 30 minutos na concessionária por ano, logo se vê que não sabe priorizar o que é o mais importante em um carro, como tecnologia, prazer ao dirigir, segurança, performance e desempenho.

      Dá valor a esse mimimi de pós venda gente afrescalhada, ou o povo de terceira idade que não tem o que fazer na vida, então fica indo em concessionária. Que piada.

      O mané passa 30 minutos por ano em uma concessionária, 15 minutos para deixar o carro, e 15 minutos para pegar.

      E passa os outros 518.400 minutos do ano dentro do carro.

      Vamos supor que o sujeito tenha :

      Carro A: melhor desempenho, menor consumo, mais prazer ao dirigir, mais seguro, e pós-venda nota "B+".

      Carro B: desempenho boqueta, consumo alto, prazer algum ao dirigir, inseguro, e pós venda nota "A".

      Ao longo do ano, o dono do carro "A" usufruirá 518.400 minutos da superioridade de desempenho, consumo, conforto, tecnologia, e prazer ao dirigir.

      E o dono do carro "B" passará 518.400 minutos com um carro pior em tudo, e 30 minutos por ano (tempo da concessionária) com um atendimento minimamente melhor.

      Ou seja, o que é melhor? O carro que é melhor em 518.400 minutos do ano, ou o carro que é melhor em apenas 30 minutos do ano? Claro que o que é superior em 518.400 minutos. Ou seja, o proprietário do carro que é mais prazeroso de dirigir, o carro A, terá um carro superior em 17.280 vezes (dezessete mil, duzentas e oitenta vezes) mais tempo ao longo de sua vida.


      Então, quem compra carro com base em mimimi pós-venda não passa disso: alguém que não sabe escolher carro.

      Excluir
    2. Mimimi VW mimimi VW mimimi VW e a Toyota continua super preocupado com esse textão!

      Excluir
    3. ^^ Quanta orelhada. Como eles vão ter poucas concessionárias se são os fabricantes do sedan mais vendido do país?

      Toyota antiquada? Mais bobagem. Já comparou o motor 1.5 16v Dual VVT-i construído em alumínio com o 1.6 8v da VW? Tem nem como, não é?

      Até o Corolla aspirado conseguiu fazer inéditos 0,2 segundos a menos que o Jetta no 0-100 km/h, teste da 4 Rodas.

      Você devia ter mais experiência com os carros da Toyota e com a Toyota antes de falar tanta coisa sem nexo.

      Excluir
    4. Inseguro? Mais orelhada. O Etios em 2012, ganhou 4 estrelas no LatiNCAP. Em breve vai receber ESP e vai subir para 5 estrelas. O Corolla já era 5 estrelas e agora vai fomentar ainda mais com a chegada do ESP nesse mês de março.

      Excluir
    5. Realmente o Corolla é bem páreo mesmo para o Jetta.

      O Corolla fez a volta no Vello Cittá em 1m14,4

      https://youtu.be/rZp7VvbdT-E?t=7m34s

      O Jetta em 1m11,7

      https://youtu.be/XDHUxMJenGk?t=11m42s

      O jetta 1.4 tsi tiptronic enrabou o corolla em nada menos que 2,7 segundos. Isso significa que se vc tem um Corolla 2.0, nem tente acompanhar um Jetta em qualquer percurso, pois vc corre o risco de vida. O jetta é muito mais estável, seguro, e permite uma condução muito mais rápida. Se vc, de Corolla, tentar acompanhar o Jetta, seu carro vai sair da pista e vc irá colidí-lo, e poderá morrer.

      Excluir
    6. E em termos de vendas, o Jetta vende bem mais que o Corolla em âmbito mundial.

      http://www.car.blog.br/2017/02/ranking-dos-40-carros-mais-vendidos-do.html

      Observe que o Corolla aparece com 1,3 milhão, e o Jetta com 954 mil. Sò que o Jetta é só sedã. E o Corolla é seda~+hatch+ station.

      Então, de fato, o Jetta é o sedã mais vendido do planeta.

      Excluir
    7. Não é não, o corola hatch e station vende uma mexia de 200 mil carros, ou seja a Toyota vende 1 milhão e poucos corolla. Corolla é o mais vendido do mundo choro é livre.

      Excluir
    8. Papagaiada são esses pseudo-argumentos...

      Primeiro você contesta o pós-venda da Toyota. Tem menos concessionárias, mas tem mecânicos bem treinados e preços competitivos. Lembre-se de que as pesquisas são realizadas com proprietários, ou seja, avaliam o grau de satisfação de quem tem um carro e precisou levá-lo para manutenção. Donos de Toyota tem alto grau de satisfação enquanto donos de VW... lá embaixo, juntos com donos de FIAT. Você vem dizer que isso não significa ter bom pós-venda?

      A Toyota oferece preço tabelado bem como agendamento via internet. A respeito dos preços de peças, confira novamente seus dados pois estão errados. O par de pastilha do Corolla sai por R$ 210, quanto do Jetta sai por R$ 776. Outro exemplo: os quatro amortecedores do Jetta custam R$ 4.176 e do Corolla R$ 971.

      Você diz que o Corolla não é prazeroso ao dirigir, eu te pergunto, já dirigiu um Corolla alguma vez? Ou é piloto de teclado apenas?

      Outro ponto citado por você, segurança: Tanto Corolla quanto Jetta tem 5 estrelas.

      Porém o mais importante é que você erra ao simplificar pós-venda como apenas serviço de revisão. Saiba que engloba muito mais que isso. Desvalorização, liquidez, custo de seguro, todos esses itens fazem parte de um pós-venda de qualidade. E sabemos que entre Toyota e Volks, qual deles está no topo e qual está na lanterna. Repito, não sou eu que estou dizendo, são dados de pesquisas, realizadas com milhares de proprietários.

      Excluir
    9. Pastilhas do golf a menos de 300 pratas??? hahahaha piada, original trw não se encontra por menos de 700/800 o par DIANTEIRO apenas, isso comprando fora da css, se for comprar na própria css passa de 1k o jogo DIANTEIRO... menos ORELHADA e mais fatos, como vc mesmo diz, Carlos... você deve ter se confundido com o jogo de pastilhas da sua caloi 100, só pode ter sido isso...

      Excluir
    10. Eu errei mesmo. O Jogo de pastilhas originais de Jetta/Golf com sensor, está R$ 230,82 reais

      Site oficial da concessionária VW:

      http://www.itacuapecas.com.br/pecas-listagem/jg-pastilha-c-sensor-jetta-golf-polo-nfu/JZW698151

      Excluir
    11. Esse preço é IMPRATICÁVEL e vc sabe disso, não há como ser original!

      Excluir
    12. ^^ Não preciso apostar corridas com ninguém. As vias são limitadas a 80 km/h. O Corolla dá uma naba de conforto e confiabilidade em toda a concorrência, não é a toa que vende mais do que a soma de todos seus concorrentes. Japonês não precisa de filuras, nem de frescurinhas para fazer carro bom.

      Excluir
    13. Esse preço é IMPRATICÁVEL e vc sabe disso, não há como ser original!

      É original. É o preço de concessionária VW.

      http://www.itacuapecas.com.br/pecas-listagem/jg-pastilha-c-sensor-jetta-golf-polo-nfu/JZW698151

      Pastilhas originais de Golf/Jetta, com sensor. R$ 230,82 reais.

      Excluir
    14. Pastilha original VW JEtta/Golf: R$ 230,82 reais.

      http://www.itacuapecas.com.br/pecas-listagem/jg-pastilha-c-sensor-jetta-golf-polo-nfu/JZW698151

      Código da peça original VW: Cód.: JZW698151

      Não adianta ficar de mimimi. O fato. Pastilhas de Jetta/Golf - R$ 230 reais.
      Pastilhas de Corolla, mais de R$ 450 reais.

      VW - mais de 600 concessionárias.
      Toyota - menos de 150 concessionárias.

      Excluir
    15. Corolla tem 5 estrelas?? No Brasil? Piada pronta né.


      Carro mais inseguro de sua categoria, sem controle de estabilidade.

      Como disseram aí em cima, nao tente acompanhar o jetta 1.4 tsi (quanto mais o 2.0 tsi), pricipalmente nas curvas, pois corre-se risco de vida.

      Quem tem o corolla atual tem sorte pq o mercado nao sabe o significado de controle de estabilidade. Se não, estaria com um mico inseguro nas mãos, considerando a sua faixa preço. Mas o próprio proprietário desses veículos compraram sem saber. É meio que um círculo vicioso, quem comprou não sabe ou nao liga muito para segurança (como o mercado) e que vem vai comprar o usado também.

      Excluir
    16. Golf claramente mais seguro que o Toyota Europeu:

      http://www.car.blog.br/2013/09/golf-e-mais-seguro-que-corolla-segundo.html

      Imagina no Brasil, onde o Corollão geriátrico não tem ESP, não tem controle de tração, não tem 7 airbgas. Nem na Europa o Corolla tem front assist, coisa que o Golf tem desde 2012.

      Corolla? Afff. que piada!

      Excluir
    17. Esse negocio de pos venda e relativo, ja fui muito bem atendido na VW, isso nao e da marca, e sim da consecionaria.

      Excluir
    18. Eu dirijo semanalmente em estradas de montanhas no ES (BR 262), ou seja, muito sinuosas. Meu carro é turbo, com 06 airbags e controle de estabilidade e Hill assist. Mesmo assim, não corro, sou extremamente prudente e respeito a sinalização. Quando vejo um Corolla me ultrapassando, fico imaginando o risco de vida, pois vejo que o motorista não sabe o risco de um carro tão inseguro. Só como exemplo, vi 3 Corollas fora da pista e com os ocupantes mortos.
      Falo do Corolla, pois é assunto do debate, mas Fiats são outros que são perigosos nas curvas. Eles se contorcem em exagero.

      Excluir
    19. Orelhada, Renan. Olha o teste do Corolla, ele é 5 estrelas. Naão se preocupe, em março, o Corolla receberá ESP. Vai colocar toda a concorrência no bolso de novo. Hahaha

      Excluir
    20. Teste onde? Se vc acha o corolla atual brasileiro seguro, blz vai em frente e seja feliz.

      Mas..., frente aos seus concorrentes, não é. Pode espernear, relinchar, etc! Não é.

      Como pode um cidadão desse falar que um carro de 100 mil, em pleno 2017 sem controles de estabilidades, é seguro.

      Piada né, e eu que dou orelhada?

      Vc deve ter um mico em casa e está defendendo-o? Só pode..

      Excluir
    21. Não precisa dessa raiva toda no coração. A Toyota vai lançar o Corolla com ESP nos dias 15 e 16 de março. Eles erraram de não ter posto quando chegou a nova geração, eu concordo, mas agora, vão corrigir o erro. E o Corolla vai continuar sendo o Corolla. Mico? O sedan mais vendido do país é um mico? O sedan médio que vende mais que a soma da sua concorrência é mico? Hahahaha, me poupe!

      Excluir
  5. Kkkkkkkkkkkkkkkk ganhar o primeiro lugar com um grupo repleto de marcas poderosa globais é fácil, quero ver a volks vender 7 milhões de carros sem suas subsidiárias como a Toyota vende, ou vender 8 milhões de carros com duas montadoras como é o caso de hyundai-kia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc, o esquema é a toyota sair comprando um monte de fabricantes e somar tudo igual a volks kkkk

      Excluir
    2. Primeiro, tem que ser a estratégia do grupo. Segundo, tem que ter dinheiro. O grupo Toyota tem 5 marcas. Dessas 5, somente 3 prestam: Lexus, Sabaru e Toyota. Daihatsu, passo longe. A Scion fechou as portas nos USA.
      Prefiro as marcas Audi, Bentley, Porche, Bugatti, Ducatti, Scania e VW. A Seat tem ótimos carros, inclusive, creio que o design desta seria mais agradável ao gosto do brasileiro.

      Excluir
  6. Volks vende mais que Toyota.
    Skol vende mais que Franziskaner.
    Casas Bahia vende mais que Tok&Stok.
    Sertanejo Universitário vende mais que Jazz.

    Fatos. Apenas fatos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As Toyotetes estão bravas com a VW enrabando a Toyota.kkk
      A marca que vende Porsche, Lamborghini, Bentley, Audi, Ducatti, Bugatti, vendeu mais que a que vende "Toyota" e "Lexus". A única marca "premium" da Toyota é a Lexus, e vende no menos de 1/3 da Audi e menos que a Porsche. Aliás, a Toyota desistiu de tentar fazer da Lexus premium, e está vendendo os carros em concessionárias da Toyota.

      Excluir
    2. Realmente fato incontestável. Lexus nos EUA está micando. Scion está encerrando as portas. mico geral.

      Excluir
  7. Gostaria de ver o Corolla 5 estrelas no IIHS onde Golf e Jetta atrasaram. O Corolla iria desmontar inteiro. Jamais o Corolla tiraria 5 estrelas no LatinNCAP mesmo porque não tem ESP, TCs e no máximo 4 Air Bags. E o ETIOS tem 4 estrelas no limite inferior, quase 3,o que até o Palio, projeto de mais de 20 anos também tem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "... Golf e Jetta atrasaram", creio que você quis dizer arrasaram.
      Corolla muito inseguro. Não apenas esse modelo, mas a Hilux. Vide o teste do veado, amplamente noticiado. Foi o PIOR da categoria.

      Excluir
    2. ^^ O Etios vai receber ESP, o que foi confirmado pela própria Toyota. Certamente, vai subir para 5 estrelas e ganhar a alcunha de compacto mais seguro do país. Hoje, o Etios é o único compacto a oferecer cintos de três pontos e apoios de cabeça para todos os assentos traseiros. Quando o Etioa receber ESP, vai dar uma naba enorme na concorrência.

      Excluir
    3. EU digo, o Etios é o único a oferecer esse equipamentos desde a versão de entrada. A maioria da concorrência sequer tem na versão topo de linha, mas o Etios tem desde a versão X.

      Excluir
    4. Gostaria de ver o Corolla com 5 estrelas no IIHS? Ora, então abra o site do IIHS, está lá para todo mundo ver. TOP SAFETY PICK+

      Jamais o Corolla tiraria 5 estrelas no LatinNcap? Ora, então abra o site e veja quantas estrelas ele tirou!

      Incrível como as pessoas falam groselha, sem ao menos verificar se o que estão dizendo é verdade ou não. Pesquise antes de falar besteira, meu caro.

      Excluir
  8. Esse Carlos é um mané, fica discutindo o dia inteiro sobre carros e marcas e não tem nem um up pra andar! Piada...

    ResponderExcluir
  9. Concordo que o Corolla é o melhor, que irá ao g4 dentro em breve, mas temo pelo seu futuro. Quem compra um SUV voltará para o sedan? Assim, se a resposta a minha pergunta for negativa o segmento, incluindo o Corolla, terá o mesmo futuro do segmento dos Hatch.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os sedans médios já estão entrando no mesmo processo que os hatches médios. Porém, o Corolla, Civic e Cruze são os únicos a resistir, principalmente, o Corolla. O Corolla só corre risco de perder mercado se a Toyota trouxer o C-HR.

      Excluir
    2. O dilema da Toyota, não participar do mercado de SUV compacto ou matar o Corolla.

      Excluir
    3. Sempre vai existir o público fiel aos sedans, isso não se pode negar. Mas a Toyota é receosa demais em lançar veículos "novos" no Brasil. Fica nesse feijão com Arroz de Corolla + Etios; e com isso outros veículos da Toyota poderiam ser fabricados por aqui. A RAV4 é um fiasco total agora que o Dolar está caro; quase não vejo mais dessas zero km.
      Poderiam botar esse bendito C-HR, uma perua semelhante a Fielder mas a Toyota Brasil está em berço esplêndido!
      Para que investir se o consumidor compra esses dois veículos?
      O problema é ela esperar demais e perder o momento, aí recuperar o terreno perdido é pior ainda!

      Excluir
  10. A VW tem dois problemas: a marca VW tem baixa rentabilidade, e como é a maior marca do grupo puxa tudo para baixo. Mas isso só vamos ver no balanço anual, é que fica pronto lá pelo meio do ano, que vai mostrar se a relação de desconto e corte de custo valeu a pena em 2016. O outro é a Hyundai que nas novas gerações está batendo, o Kia Rio atropelou o Polo nos comparativos, perua i30 lançada agora promete bater a Golf Variant em espaço interno. A Kia lançando Stinger, 370cv e com DNA BMW...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É cada orelhada que se vê por aqui. A VW deu 14,6 bilhões de Euros de Lucro em 2016, e a margem de lucro global do Grupo VW foi de 6,7%, aumentou em mais de 10% sobre 2015. É o maior lucro entre todas as montadoras do planeta até agora.

      Excluir
    2. Baixa rentabilidade?
      Amigo, confere aí o lucro líquido do grupo em 2016, antes de postar asneiras.
      Simplesmente, é o maior do mundo entre todas as montadoras.
      Afffifff...

      Excluir
  11. Só uma dúvida vi em vídeo no you tube um Jetta com as parte de dentro das portas em plástico duro sem uma forração se quer todos os Jetta sao assim?antes que me ofendam gosto muito de VW,tenho um Golf 4/5 é sonho em ter um Golf 7.

    ResponderExcluir
  12. fala sério nem da pra perceber que o site car.blog é coxinha da vw né, é lamentável, eles tentam empurrar a Toyota para o escanteio mas para a infelicidade de uns isso não ta dando certo, e afinal a sorte da vw é a Europa. E para a Toyota o importante agora é alcançar o quarto lugar, os japoneses colocam os alemães no bolso só não caiu a ficha ''ainda''!!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.