Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Honda WR-V terá preços entre R$ 69 mil e R$ 85 mil

Categorias: , 19 Comentários

O novo crossover compacto da Honda, o WR-V, que ficará posicionado abaixo do Honda HR-V, terá preços entre R$ 69 mil e R$ 85 mil reais, segundo o UOL Carros (veja aqui).

Novo Honda WR-V 2017 - Preço

O modelo, que foi revelado em todos os seus detalhes técnicos no dia 31/01/2017, adota a mesma plataforma do Fit, mas conta com alterações mecânicas para conferir maior robustez e capacidade off-road, como maior altura em relação ao solo, bitolas (distância entre as rodas de um mesmo eixo) mais largas, rodas de 16 polegadas, amortecedores de maior diâmetro, barras estabilizadoras mais robustas, buchas hidráulicas e novos ângulos de operação para a suspensão, além de cubos de roda maiores. A direção com assistência elétrica também foi ajustada para o modelo.

Novo Honda WR-V 2017 - Preço

O conjunto powertrain é o mesmo do Honda Fit: motor quatro cilindros 1.5 16V de 116 cv e 15,6 kgfm de torque, com etanol, caindo para 115 cv e 15,3 kgfm com gasolina, sempre associado a uma transmissão automática CVT (continuamente variável), mas recalibrado em relação ao Fit.

Novo Honda WR-V 2017 - Preço

Em termos estéticos, o Honda WR-V diferencia-se do Fit por uma dianteira e traseira reformulada, novos faróis, para-choque, grade, capô e para-lamas. Na traseira as lanternas adotam um desenho que invade a tampa do porta-malas.

Novo Honda WR-V 2017 - Preço

Já o interior é o mesmo do Fit, mas com materiais e revestimentos diferenciados, com opção de decoração com faixas alaranjadas ou prata, sobre o revestimento preto. O painel é o mesmo do Fit, enquanto volante tem revestimento em couro.

Novo Honda WR-V 2017 - Preço

As alterações estéticas se refletiram nas dimensões, já que o WR-V é 1 centímetro maior que o Fit no comprimento (4 metros), 2,5 cm mais longo no entre-eixos (2,55 m) e 3,9 cm a mais largo (1,73 m), e com 5,4 cm adicionais na altura livre do solo, que passou de 14,5 para 19,9 cm, resultando em ângulos de ataque e saída de 21º e 33º, os quais facilitam em muito a superação de valetas e lombadas sem raladas.

Vídeos - Honda WR-V - detalhes





O porta-malas tem a mesma capacidade do Fit de 363 litros.

19 comentários:

  1. É pessoal, pagar 70 pila nesse monstrinho vai ser complicado kkkk.

    ResponderExcluir
  2. Este carro é para competir com a Ecasport, estão distanciando o HRV para competir com renegade e esses SUVs de 90mil, agora cria-se esse segmento de SUV médio ? ou seria SUV Pequeno.

    De qualquer forma o preço é caro, mas afinal, oque não esta caro hoje em dia ??

    ResponderExcluir
  3. Pagar entre 70 mil e 85 mil nesse lixo de CrossFit 1.5 (podendo comprar um Golf 1.6 Comfortline Tiptronic por esse valor) é insanidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, porque todo mundo reclama que o Golf nacional é ruim, mas um monte de gente compra um fit lixo cheio de plástico

      Excluir
    2. Golf 1.6 MSI é MILHÕES de vezes superior à esse lixo de CrossFit em TUDO.

      Excluir
  4. Não dá! É forçar a barra nesse carro.

    ResponderExcluir
  5. A Honda deveria ter sido mais honesta e ter batizado esse monovolume "crossificado" de Fit WR-V ou simplesmente Twist, seria mais fiel a imagem que se tem do modelo. Vendê-lo como SUV compacto é subestimar (ainda mais) a inteligência do consumidor brasileiro. Diante das repercussões negativas, isso terá um preço para a marca.

    O design do carro prometia maior originalidade nos sketches. O resultado final ficou desequilibrado, com uma frente emulada do futuro CR-V que soa mais como um enxerto na dianteira, ostentando uma traseira com linhas orientais demais para o nosso gosto latino. Mais uma demonstração de desprezo pelas preferências do consumidor local. A marca parece ter usado a engenharia brasileira apenas para redução de custo e não por considerar o mercado nacional como relevante para o modelo. Modelo esse que poderia fazer mais sentido se estreasse a nova motorização 1.0 turbo (especulada aqui no site) e se viesse realmente aparelhado com acessórios úteis no cotidiano de quem leva a vida esportivamente. Nem bancos com revestimento impermeável ele tem! Bancos de couro seria pedir demais? Aletas no volante seriam bem-vindas também nas aventuras da vida. Mas não, a marca preferiu criar mais um arremedo de utilitário sem função específica significante. Na própria apresentação do modelo, a Honda apontou seu habitat de aventuras: os shoppings.
    OU seja, um lugar para o Honda Fit. Um carro realmente global e que em breve receberá melhorias para tornar-se mais competitivo. Se é para ser fiel à marca, melhor esperar por ele.

    No mais, considero como principal rival do WR-V em nosso mercado atual o Spin Activ. Resta saber se a Chevrolet manterá o modelo em linha na reestilização do monovolume. Vejo pouquíssimos nas ruas.

    Seja como for, tomara que o novo Honda galgue seu espaço no mercado a ponto de ativar a nova fábrica da montadora em Itirapina. Precisamos de mais empregos acima de tudo. Bem-vindos sejam os investimentos!

    ResponderExcluir
  6. a honda esta provando pra mim, com esse veiculo juntamente com o civic, que eles desaprenderam a desenhar traseiras..... oooo coisinha medonha a traseira desse wr-v e do civic

    ResponderExcluir
  7. Tá todo mundo chamando essa gambiarra aí de Honda CROSS FIT.
    kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Todo mundo reclama mas vai vender aos montes...rsrsrs

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito da marca honda. Mas o novo civic e agora a proposta wr-v demonstram um desacerto dessa montadora. Não é a toa que toyota dispara em vendas e ate as francesas mordem um pouco mais o mercado. A honra precisa adequar preços, melhorar propostas de financiamentos e repensar o estilo de alguns automoveis. Porem concordo que vai vender muito alguns modelos ou segmentos.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.