Car.blog.br

Pesquisar este blog

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

Categorias: , , 17 Comentários

O CESVI - Centro de Experimentação e Segurança Viária - analisou a relação entre custo e facilidade de reparo de 33 carros ao longo dos últimos doze meses, e divulgou a lista com os 10 piores modelos de 2016, dos quais seis são da Fiat, e o pior de todos é da Citroen.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

Os carros foram classificados no indicador de reparabilidade, o qual mede como cada modelo reage a uma batida leve (que representam 75% das ocorrências registradas nas grandes cidades). O indicador varia de 10 a 60, sendo que, quanto mais alta a nota, mais difícil e caro é o conserto do carro, e vice-versa. O Citroen C4 Lounge foi o pior de todos, com nota 52.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

O segundo pior modelo em termos de manutenção foi o Novo Palio, com indicador de reparabilidade de 49.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

Outro modelo francês aparece no top 3, desta vez o Peugeot 308, com 48 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

O segundo modelo da Fiat, o Linea, surge na posição 4 entre os piores do Brasil, com 46 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

E na quinta posição há outro modelo da Fiat, desta vez o hatch médio Bravo, com 44 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

O Fiat Palio Fire é o 6º. pior, com 44 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

Já o Grand Siena é o 7º entre os piores, com 43 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

O Novo Uno é o 8° pior do Brasil em 2016, com 41 pontos.

Manutenção difícil e cara: ranking dos piores carros de 2016

O primeiro SUV do ranking de piores de 2016 é o EcoSport, ficando com o 9º lugar e 40 pontos.


Fecha o top 10 dos piores do Peugeot 408, com 40 pontos. Fonte: EXAME

Veja também: ranking dos melhores carros de 2016 no quesito reparabilidade

Postagens relacionadas:

17 comentários:

  1. caramba
    ainda bem q o meu é up tsi o mais barato. rsrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem tem carro tem seguro, ou deveria ter.Então isso é um problema para a seguradora e não para o proprietário!
      Para o proprietário o que vale é o custo de manutenção de uso do veículo(revisões, cesta básica de peças...)nesse ponto o C4 Lounge é melhor que muitos dos seus concorrentes...é só pesquisar!!!

      Excluir
    2. A manutenção do C4 também é cara,além de ser o carro que mais desvaloriza em um ano 22,60% ao ano

      Excluir
    3. ah ta
      vc provalvemnte acha que o Lula é injustiçado
      se é problema para seguradora é um grande problema para o proprietário
      pois ele arcará com aumentos do premio do seguro(custo)
      e tudo isso reflete na avaliação do usado
      E para os eleitos, os que tem massa cinzenta operante
      O indice de reparação de um veículo alto, indica que em termos de engenharia mecanica o veículo citado, não foi bem projetado
      Ou seja é meia boca

      Excluir
    4. Manutenção do C4 não tem nada de cara

      Excluir
    5. O problema pra seguradora vira problema do segurado na hora da renovação, na forma de um prêmio caríssimo.

      Excluir
    6. Índice de reparabilidade alto indica que a engenharia do carro é meia boca? Inclua uma Ferrari no teste e o índice dela será alto, simplesmente porque Ferrari se não são projetadas para serem reparadas facilmente e a custo barato. Daí você conclui que os projetos das Ferraris são todos meia boca?

      Excluir
  2. Cadê os críticos dos chineses ? Vão dizer que os resultados não são verdadeiros ? E o New QQ ficou entre os melhores (no geral) com 21 pontos.

    ResponderExcluir
  3. Nenhuma surpresa aqui. Carros da Fiat: carros "baratos" (em projeto, modernidade, consumo, recursos), caros e complicados de manter. Os chineses surpreendem,

    ResponderExcluir
  4. Surpresa nao ver nenhum renaut entre os 10

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renault só vende Sandero, Logan e Duster, que basicamente são os mesmos carro sobre a mesma plataforma, então acho que o Fluence é carta fora do baralho.

      Excluir
  5. O Clio deveria estar aí.
    Manutenção e preço de peças absurdos.
    Mecânica fraca.

    ResponderExcluir
  6. O Clio deveria estar aí.
    Peças e manutenção caras.
    Mecânica fraca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mecânica fraca? nunca li isso em lugar nenhum, parece coisa de hater.

      Excluir
  7. Dificuldade de reparação implica em maior tempo parado na oficina e consequentemente maior custo. Além de representar um projeto que não atentou para este quesito.

    ResponderExcluir
  8. C4 liderar a lista é nenhuma surpresa.Basta ver o altíssimo número de reclamações de seus proprietários.Quem defende esse C4 não entende nada de carro,esse carro é fumo...manutenções caríssimas,sem rede de CSS,péssimo pós venda e alta desvalorização.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.