Car.blog.br

Pesquisar este blog

Nissan GT-R: preço R$ 391 mil mais caro que Porsche 911

Categorias: , , , 26 Comentários

A Nissan do Brasil lança oficialmente a linha 2017 do esportivo GT-R, que passa a ser vendido sob encomenda para todo o Brasil ao preço de R$ 900 mil, o que é R$ 391 mil mais caro que o pedido pela Porsche no 911 Carrera.

Nissan GT-R 2017 - Brasil

O Nissan GT-R, que é produzido no Japão, será vendido no Brasil já em sua linha 2017, na versão 3.8 V6 Premium, com opções de cinco cores de acabamento interno.

Nissan GT-R 2017 - Brasil

A estratégia de vendas do GT-R visa atender todo território nacional. O cliente que estiver interessado no modelo poderá contatar qualquer revenda da marca, independente da localização e estas os indicarão para a Nissan Carrera, que dará continuidade ao processo de venda. Como será oferecido sob encomenda, o modelo terá prazo previsto de entrega em média de três a quatro meses após a compra.

Modelo 2017

O GT-R 2017 vem com motor biturbo V6 3.8 24 válvulas com potência de 572 cavalos a 6.800 rpm, que é transferida para as quatro rodas pelo eixo transversal traseiro independente, sistema de tração batizado de ATTESA E-TS (Advanced Total Traction Engineering System for All-Terrain, ou "sistema avançado de engenharia para tração total em todo terreno").

Nissan GT-R 2017 - Brasil

Em condições normais de condução, o GT-R se comporta como um veículo com tração traseira, com o torque repartido em 0:100, podendo ser ajustado em 50:50 dependendo da velocidade, aceleração lateral, ângulo de esterçamento, rotação do pneu, superfície de rodagem e velocidade angular.

Nissan GT-R 2017 - Brasil

O modelo conta com o sistema DampTronic oferece três opções de configuração ao motorista: Normal, Comfort (para um máximo de flexibilidade) e R. A transmissão e o sistema de controle de estabilidade VDC seguem o mesmo princípio de funcionamento adaptável de três estágios.

Porsche 911 é R$ 391 mil mais barato

O Nissan GT-R tem a ambição de competir com modelos como o Porsche 911, que, no Brasil, parte de R$ 509 mil reais na versão Carrera, o que é R$ 391 mil reais mais acessível que o Nissan GT-R.

Porsche 911 Carrera 2017 - Brasil

O Porsche 911 Carrera vem importado da Alemanha, sendo equipado com o motor 3.0 Turbo de 370 cavalos associado com a transmissão PDK automática de dupla embreagem.

Porsche 911 Carrera 2017 - Brasil

Quem quiser um Porsche 911 com potência similar ao Nissan GT-R, porém, pode partir para o Porsche 911 Turbo 3.0, com 540 cavalos e preço de R$ 997 mil reais.

Postagens relacionadas:

26 comentários:

  1. Jeremy Clarkson disse tudo. O GT-R é um carrão, anda muito, mas não tem como comparar com o Porsche 911 Turbo.
    O Porsche é inigualável no quesito "Precision", acerto de direção perfeito, suspensão perfeita, acabamento impecável, tudo na medida. Só quem dirige um 911 Turbo sabe a sensação.

    Além disso o 911 Turbo e Turbo S vieram muito potentes nessa geração, com 0-100 em 2,8 segundos (Turbo S).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Parceiro nunca dirigi um 911, mas rodo com Golf 7 TSI DSG Multilink, eu sei também muito bem o que é acerto de direção perfeito, suspensão perfeita e acabamento impecável, no Golf 7 também tudo é na medida. (Rrss)

      Excluir
    3. Sei disso, caro Eddie.
      Tenho um Golf Highline alemão e nunca dirigi um carro tão bom de direção e com uma suspensão que "gruda" tanto nas curvas.
      Abraços.

      Excluir
    4. Estamos no mesmo time então caro SC. Nós conhecemos automóveis. Outro abraço.

      Excluir
  2. O "problema" é que o Porsche 911 que realmente "compete" com o GT-R em desempenho é o 911 Turbo, que aí vai para seus 1 milhão de reais para mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo. A matéria tenta nos levar a acreditar que o preço do Nissan ta abusivo, mas um Porsche Carrera não anda com esse GT-R. Tem q ser outro Porsche, mais caro.

      Excluir
  3. Prefiro um Porsche 1979 do que esse Nissan GTR.

    ResponderExcluir
  4. Carraço, imagino o quão dão muito trabalho nesse motor de alta potencia e nível muito acima e principalmente os encaixes das peças. realmente, GT-R é pra toda vida! nada contra de porsche!

    ResponderExcluir
  5. Pague 900k depois tente vender essa bomba por 200k

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, se for vender é ruim mesmo... mas só que quem compra carro esportivo não pensa vender, fica com o carro pra vida toda, apenas deixa guardado na garagem e pra curtir final de semana.

      Excluir
    2. E depois de anos, claro que conservando ele vai valer ainda mais que hoje.

      Excluir
  6. Apesar do dólar alto, devia ter vindo por menos, muito menos.

    ResponderExcluir
  7. Pois eh, as vezes fica dificil entender ... obviamente eh com a Turbo em tudo, pra que fazer a chamada em cima da S?

    ResponderExcluir
  8. Olho grande da Nissan por conta do sucesso do carro, pois antes da Nissan anunciar a venda oficial do GTR, era possível importá-lo por cerca de 600 mil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O GTR é um esportivo maravilhoso, mas Porsche é meu sonho de consumo. Um 911 4s já estava de bom tamanho.

      Excluir
    2. Com certeza, estão supervalorizando o produto deles. Se tem gente que paga, eles continuam marretando, vide Etios do post anterior.

      Excluir
  9. Olho grande da Nissan por conta do sucesso do carro, pois antes da Nissan anunciar a venda oficial do GTR, era possível importá-lo por cerca de 600 mil.

    ResponderExcluir
  10. Gtr é lenda, só colocar no youtube e vai ver ele tunado na mesma potencia dos lambo etc 2000cv e dando pau em arrancada, pista etc. Na epoca de seu lancamento custava bem menos q um porsche e bateu recorde em nurburgring.
    Ta certo, gtr não é pra qualquer um mesmo!

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Esse sim é o meu carro japonês godzila monstro dos Sonhos!!! Por 900mil, vou ficar sonhando mesmo, Kkkk!!! Aposto que lá fora é muito mais acessível!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.