Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Toyota Prius 2017 chega ao Brasil: fotos e consumo

Categorias: , , 30 Comentários

A Toyota do Brasil lança oficialmente no mercado doméstico o Prius de 4ª geração - veículo equipado com motores a gasolina e elétrico que, juntos, resultam em 123 cavalos de potência. O preço é de R$ 119,950 reais.

Novo Toyota Prius 2017

O motor a combustão do Prius é um quatro cilindros 1.8 com 98 cavalos de potência a 5.200 rpm e 14,2 kgfm de torque @ 3.600 RPM. Ele está associado a um motor elétrico de 72 cavalos e 16,6 kgfm, chegando a uma potência máxima combinada de 123 cavalos.

Novo Toyota Prius 2017

Esse conjunto está acoplado a uma transmissão automática CVT, e o resultado de consumo, segundo o INMETRO, é de 18,9 km/l em cidade, e de 17 km/l em estrada, fazendo dele o carro mais econômico do Brasil. Em termos de desempenho, a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 11 segundos.

Novo Toyota Prius 2017

O novo Toyota Prius adota a nova arquitetura global TNGA da marca, que dará origem a aproximadamente metade dos carros da empresa até 2020.

Novo Toyota Prius 2017

Com isso, o novo Prius está com centro de gravidade mais baixo, 60 mm mais longo (4.540 mm), 15 mm mais largo (1.760 mm) e 20 mm mais baixo (1.490 mm).

Novo Toyota Prius 2017

O interior é mais espaçoso tambpém, graças ao crescimento de 15 mm a mais de comprimento na cabine (2.210 mm) e 20 mm na largura (1.490mm). O porta-malas comporta 412 litros e sua abertura ganhou 84 mm em sua largura.

Estética

O novo Toyota Prius adota linhas inspiradas no Mirai - veículo movido a hidrogênio da marca. O aspecto é futurista, porém polêmico.

Novo Toyota Prius 2017

Com isso, o conservadorismo das linhas retas do modelo anterior foi deixado de lado, e novo Prius traz linhas recortadas e agressivos.

Novo Toyota Prius 2017

A traseira ostenta uma lanterna mais delgada, enquanto na dianteira temos um farol bastante recortado e chamativo.

Novo Toyota Prius 2017

No interior o ar futurista dá o tom, com o painel adotando um quadro de instrumentos digital com 4,2 polegadas.

Autonomia

O Novo Prius 2017 tem centro de gravidade mais baixo, e um dos responsáveis por isso foi a colocação das baterias sob os bancos traseiros (antes era no porta-malas).

novo Toyota Prius 2017 - interior - painel

Trata-se de uma bateria de bateria de níquel de 40 kg, 10% menor e 28% mais eficiente que a do modelo anterior. Já a bateria de íon-lítio ficou 10% mais leve, passando a pesar 324,5 kg.

Novo Toyota Prius 2017

Com o deslocamento da bateria auxiliar do compartimento de bagagem, o porta-malas ficou maior em 56 litros.

Itens de série

O Novo Prius 2017 traz de série ar-condicionado dual zone com comando S-Flow, capaz de concentrar o fluxo de ar apenas nas áreas da cabine onde há ocupação. O sistema percebe se o banco traseiro está vazio, e, nesse caso, coloca o ar apenas para a parte frontal da cabine.

novo Toyota Prius 2017 - interior

Além disso, o modelo conta com carregador de celular sem fio, sistema de navegação integrado, head-up display colorido e TV digital, Smart Entry System nas portas dianteiras, permitindo o destravamento do veículo por proximidade da chave, partida por botão Start, banco do motorista com regulagem de altura e distância e de regulagem lombar elétrica, revestimento de couro e material sintético nos assentos, aquecimento dos bancos dianteiros, vidros elétricos nas quatro portas com função “um toque” e sistema antiesmagamento.

novo Toyota Prius 2017 - interior

A coluna de direção tem ajuste de altura e profundidade, e o há ainda travas elétricas, descansa braços traseiro com porta-copos, retrovisores externos elétricos, retráteis e com indicadores de direção, retrovisor interno eletrocrômico, volante de couro com comandos do áudio e do computador de bordo, controlador de velocidade, aviso sonoro de faróis ligados, entre outros.

novo Toyota Prius 2017 - interior

O sistema de entretenimento e informação traz rádio AM/FM, CD e MP3 player, conexões por Bluetooth, USB e auxiliar, além de sistema de navegação em uma tela de 7 polegadas sensível ao toque. O computador de bordo inclui um monitor TFT com dois visores de 4,2 polegadas - similar ao adotado no Etios, sendo possível personalizar o conteúdo da tela principal com as preferências do motorista.

Segurança e manutenção

No quesito segurança, o Novo Prius vem com sete airbags (duplo frontal, duplo lateral, dois de cortina e um de joelho para o condutor), alerta sonoro para uso do cinto de segurança nos assentos dianteiros, três apoios de cabeça com regulagem de altura para os passageiros do banco traseiro, cintos de segurança de três pontos e pré-tensionadores para todos os ocupantes.

novo Toyota Prius 2017

No campo dos sistemas ativos de auxílio a condução há controle de eletrônico de estabilidade, controle de tração e auxílio de partida em tampa, câmera de ré, sensores de estacionamento, alarme com acionamento à distância e travas de segurança para crianças nas portas traseiras, faróis de neblina em LED dianteiros, luz de neblina traseira em LED.

Plano de manuteção

novo Toyota Prius 2017 - motor

O novo Prius vem com plano de manutenção programada de seis anos, garantia de três anos (mesmo tempo de garantia da bateria). Os preços das revisões de 10 mil aos 50 mil quilômetros são similares às do Corolla.

Cores

novo Toyota Prius 2017 - Vermelho Emoção

O novo Prius 2017 é ofertado nas cores branco Polar, branco Perolizado, preto Atitude, prata Galáctico, cinza Granito, azul Noturno e vermelho Emoção.

Postagens relacionadas:

30 comentários:

  1. Alguem sabe dizer o peso total em ordem de marcha do Novo Prius?

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Que negócio feio, parece uma gambiarra! Cheio de vincos e linhas exageradas, coisa de petralha que estudou em escola doutrinada por paulo freire!

    ResponderExcluir
  4. o consumo é fantastico como se espera de um hibrido, e mais uma vez o painel central ta lá! pra causar intriga! rsr vai entender...

    ResponderExcluir
  5. O estilo desse Prius está bem legal. Foge do convencional, como requer um carro com esse nível de tecnologia.
    O design tem que reproduzir o que o carro é. E esse Prius é um carro muito avançado, então o estilo precisa ser futurista.

    A dianteira é magnífica. faróis com múltiplas pontas, porém bem resolvidos. O interior é um show, bem tecnologico, mas sem apelações.

    Entender uma estética sofisticada não é para qualquer um. As mentes menos aquinhoadas no quesito QI geralmente não entendem, mas esse pessoal não tem dinheiro para comprar o Prius mesmo, então são irrelevantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, falou o designer automotivo....

      Excluir
    2. Vc já viu o carro pra tirar alguma conclusão a ponto de dizer q é" show"? O nome disso é amadorismo

      Excluir
    3. Tava bem no comentário até o terceiro parágrafo... aí estragou tudo, como sempre...

      Excluir
    4. Carlos, qdo vc não está puxando o saco da VW faz comentários com boas ponderações e bastante lúcidos, perto do prius anterior esse 2017 é uma obra de arte... achei o preço dele interessante... afinal hj em dia qq carro um pouco melhor passa de 100 mil..

      Excluir
    5. O item mais lindo desse carro são as supercalotas aro 14, num carro de R$120 mil

      Excluir
    6. Eu achei o design muito emperiquitado. Essa palavra aprendi aqui.

      Excluir
    7. Carro tecnológico precisa ser estranho assim? Os Tesla mandam beijinho no ombro pra vc.

      Excluir
    8. Bem infantil o design e bem feio tambem. E pre requisito ser horroroso pra ser eletrico ou hibrido? Veja o E-Golf, se nao fosse os leds dos parachoques, ninguem nunca diria que se tratava de um eletrico. Nada haver esse design bizonho

      Excluir
  6. 98 cv do motor a combustão, mais 72 do motor elétrico, resultam em 123 cv??? Alguém fugiu da escola!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É só pesquisar no google. A conta é assim mesma.

      Excluir
    2. E vc nem foi ainda nem saiu do prézinho, Lucas huahauha

      Excluir
  7. Carro tipo assiiiiiimmmmm....JASPION....TRANSFORMERS....& ETC e TAL ! ! !

    ResponderExcluir
  8. Melhorou bastante perante a edição anterior, mas... Trabalho com design e, tanto na minha visão quanto em conceitos clássicos de concepção de produtos, há detalhes com falhas óbvias de proporção e significado estético, remetendo a problemas de equilíbrio e até de proximidade com consumidores potenciais.

    Isso pode ser resumido nessa sensação de "estranheza", que é justa, compreensível, não cabendo nenhuma ofensa a quem pensa assim (essa postura é coisa de pessoas limitadas, que não sabem respeitar).

    No entanto, essa "estranheza", dado o tamanho da Toyota, pode ser um aspecto realmente intencional, buscando forçar a diferenciação do seu produto. É o famoso "fale mal, mas fale de mim" ou simplesmente a intenção de que o visual acompanhe a diferença conceitual do produto.

    E, é lógico, a maior parte desse design vem de estudos de aerodinâmica. No entanto, resumindo, bem que eles poderiam acertar determinados detalhes (como essa traseira visualmente rebaixada e de lanternas enormes, o logo toyota na frente, muito pronunciado, enfim, detalhes para ficar melhor equilibrado, mantendo sua diferenciação, mas ao ponto de que as pessoas falassem apenas o seu universo tecnológico e não ficassem perdendo tempo falando da sua traseira...

    O Prius vende bem. E agora, com o interior mais agradável, venderá mais ainda. Mas sem esses deslizes, sua tecnologia atingiria bem mais consumidores.

    ResponderExcluir
  9. Qual outro modelo custa hoje a mesma coisa que custava em 2013?

    To pouco me lixando pra quanto a montadora ta lucrando - antes ela do que o governo, alias.

    Projeto novo, segurança, desempenho bom, porta-malas de tamanho razoável...

    Ai somas tudo isso a 30kms por litro e tens algo a ser pensado.

    ResponderExcluir
  10. O motor a combustão 1.8 com 98 cavalos associado a um motor elétrico de 72 cavalos chegando a uma potência máxima combinada de 123 cavalos. Que conta é essa ?

    ResponderExcluir
  11. Pena que não tem acc e assistente de faixa.
    As montadoras (com exceção de algumas poucas, como a audi) acham que o brasileiro não precisa desse tipo de tecnologia.
    Aqui só precisa de carro que ande....

    ResponderExcluir
  12. Um corola híbrido acho que venderia bem.

    ResponderExcluir
  13. Tira esse 1.8 de 90vc (piada) e poe um tsi junto do elétrico... Vai fazer 222km/l kkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parceiro, procura se informar sobre o ciclo Atkinson antes de soltar uma dessas...

      Excluir
  14. 30 km por litro de gasolina?bom demais,por onde esse carro passar,vai chamar atenção,quero um,só falta eu arrumar 119.500.00.

    ResponderExcluir
  15. Olá sou leigo em tecnologia alguém poderia me dizer qual a formula para calcular 98 cv + 72cv = 123 cv?

    ResponderExcluir
  16. Olá! É que quando o carro está no modo híbrido o gerenciamento eletrônico não habilita a potencia total dos dois motores. Entendeu?

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.