Car.blog.br

Pesquisar este blog

Kia Sportage 2017 Flex: preços, consumo e itens de série

Categorias: , , 29 Comentários

A Kia do Brasil lança oficialmente no mercado doméstico o Novo Kia Sportage 2017  Flex - veículo que chega em duas versões: LX, a R$ 109.990 reais; EX, a R$ 134.990 reais, ambas com tração 4x2, motor 2.0 Flex e câmbio automático de seis marchas.

Kia Sportage 2017 Flex

A geração atual do Kia Sportage chegou ao Brasil em 2010 e desde então configurou-se como um dos modelos importados mais vendidos do mercado. No mês de maio, mesmo na iminência de ser substituído, sustentou 311 emplacamentos.

Kia Sportage 2017 Flex

Esta nova geração é um carro totalmente novo, e chega ao Brasil importado da Coréia. A Kia está implantando uma unidade fabril no México, então não está descartada a produção no país abaixo do Rio Grande.

Kia Sportage 2017 Flex

Em termos mecânicos, o Kia Sportage vendido no Brasil adota sempre o motor quatro cilindros 2.0 Flex com 167 cavalos e 20,2 Kgfm quando abastecido com etanol, e 157 cavalos e 18,8 kgfm com gasolina. Esse motor está associado a uma caixa de transmissão automática de seis marchas, sempre com tração 4x2 dianteira.

Consumo

Kia Sportage 2017 Flex

Segundo o INMETRO, o Kia Sportage 2.0 Flex Automático consome 6,3 km/l de etanol em cidade, e 7,7 km/l em estrada. Já com gasolina melhora para 9,1 km/l em cidade, e 11,3 km/l em estrada.

Preços e itens de série

Kia Sportage 2017 Flex

Os preços de R$ 109.990 reais para o modelo de acesso, LX, chegando a R$ 134.990 reais no caso do EX. O modelo de acesso não conta com sistema de navegação por GPS e tampouco controle eletrônico de estabilidade, além do fato de possuir apenas dois airbags. Já o EX é bem mais completo e tem até sistemas de auxílios ativos à condução.

  • KIA SPORTAGE (p.775) LX- R$ 109.990: trazendo ar-condicionado manual, banco traseiro bipartido e rebatível, bancos dianteiros com porta-revistas no encosto, bancos em tecido, chave com travamento e abertura das portas e acionamento do alarme a distância, computador de bordo, console central com descansa-braço, porta-objetos e porta-copos, descansa-braço no banco traseiro com porta copos, encostos de cabeça com ajuste de altura, freio de estacionamento por pedal, maçanetas internas cromadas, para-sol do motorista e passageiro com iluminação, piloto automático com controles no volante, porta-garrafas nas portas dianteiras e traseiras, saída de ar-condicionado para bancos traseiros, seletor do modo de condução (Eco Drive / Sport / Normal), sistema de som com tela 5″ sensível ao toque, controles de áudio e de chamada no volante, bluetooth, rádio CD/MP3 player, entrada auxiliar e USB Sistema imobilizador de ignição, volante com regulagem de altura e profundidade, retrovisores externos com regulagem elétrica, faróis de neblina, molduras cromadas dos vidros laterais, para-choques e espelhos retrovisores na cor do veículo, rack no teto, rodas de liga leve aro 17″ e pneus 225/60, câmera de ré, sensores de estacionamento traseiro e sistema Isofix para ancoragem de assento infantil.
  • KIA SPORTAGE EX (p.786) – R$ 134.990: todos os itens do LX e acrescenta ar-condicionado digital duas zonas, banco do motorista com ajuste elétrico, banco do passageiro com ajuste elétrico, chave presencial, Console no teto com porta-óculos e luzes de leitura, iluminação de cortesia nas maçanetas externas, revestimento de couro nos bancos, volante, alavanca de câmbio e painéis laterais das portas, sensor de chuva, sistema de som com 4 alto-falantes e 2 tweeters, sistema multimídia com tela 7″ sensível ao toque, controles de áudio e de chamada no volante, navegador por GPS, DVD player, bluetooth, rádio CD/MP3 player, entrada auxiliar e USB, Soleira das portas em aço com detalhe “SPORTAGE”, travamento elétrico das portas e porta-malas sensível à velocidade, Volante esportivo (“D-Cut”), espelhos retrovisores externos com rebatimento elétrico, aquecimento e setas integradas, faróis de neblina em LED, lanternas dianteiras e traseiras em LED, maçanetas das portas com detalhes cromados, rodas de liga leve aro 19″ e pneus 245/45, teto solar duplo panorâmico, airbags laterais e de cortina, acendimento automático dos faróis, airbags frontais, assistente de partida em subidas, assistente de Tráfego, controle de estabilidade, controle de frenagem em declives, controle de tração, alerta de ponto cego, espelho retrovisor interno com antiofuscamento, luz diurna de navegação em LED (DRL), paddle shift (borboletas no volante), sensores de estacionamento dianteiros, sistema de assistência à frenagem (BAS)

Concorrentes

Hyundai ix35; Honda HR-V; Toyota RAV4; Jeep Renegade; Audi Q3; Mercedes GLA; BMW X1

Vídeo - Kia Sportage 2017



Conclusão


O Novo Kia Sportage 2017 chega com ampla reformulação estética e de interior, mas o modelo de entrada fica devendo itens fundamentais, como ESP - Controle Eletrônico de Estabilidade - e sistema de navegação, enquanto o topo de gama, mais completo, tem preço que o coloca em linha de competição com modelos premium, como Audi Q3, Mercedes GLA e BMW X1.

Postagens relacionadas:

29 comentários:

  1. É bonito e só vale a pena a topo de linha pelos equipamentos. Mas acho que só vai comprar quem não tem problemas com dinheiro. pois é caro demais.

    ResponderExcluir
  2. sem falar da falta de itens de serie, esse carro possui um motor raquítico

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho um e a velocidade de cruzeiro é de 140km/h! Se tossi ou esperar, pula para 160km/h. Imagina se NAO fosse raquítico??!! Chegava aos 240 sem esforço!!!

      Excluir
    2. Tenho um e a velocidade de cruzeiro é de 140km/h! Se tossi ou esperar, pula para 160km/h. Imagina se NAO fosse raquítico??!! Chegava aos 240 sem esforço!!!

      Excluir
  3. Prefiro mais ele do que o crv só faltou citar que ele tbm tem na versão ex faróis de xenonio

    ResponderExcluir
  4. Pra quem gosta de Suvs, está ficando dificil ter um, o preço alto afugenta muitos para os Suvs compactos.

    ResponderExcluir
  5. motor tinha que ser um 2.5 no minimo ,muito fraco pra ele ,imagina isso carregado com toda família nessas estradas do brasil? difícil não?

    ResponderExcluir
  6. Bom se no inmetro fez 6,3 no alcool na cidade, o cidadão comum mal chegará a 4,5 numa cidade como São Paulo
    Toma todas. como IX35 o povo reclama muito do consumo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo contrário... a média do inmetro é menor do que a real.

      Excluir
  7. 110 mil reais num carro com DOIS airbags? Passo... Segurança pra mim é fundamental. Um carro desse valor deveria vir com no mínimo quatro airbags, e mesmo assim ainda acho pouco.

    ResponderExcluir
  8. Quanto em Media sai o seguro dele sera?

    ResponderExcluir
  9. Prefiro Kia Spotage EX (top) por 135 mil, do que Audi Q3 (básica) por 142 mil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem doido pra tudo. Audi Q3 1.4 TFSI Attraction (que agora tem bancos elétricos de série) 2017 tá 135 mil (olha no site da Audi). Comparar um premium refinado, turbinado e rápido com o DSG6 com um coreano com o antigo 2.0 de 156 cavalos manco e beberrão é difícil. Mas cada um é cada um.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Isso é verdade, esses premiuns tiram o couro. Fui cotar uma Bmw 320i pra mim e o seguro ficou em impensáveis 12.000 reais. Fora os altíssimos custos de manutenção da bmw (o maior entre os premium).

      Excluir
    4. Sportage tem motor de 167cv (etanol), no Q3 só pode usar gasolina.

      Sportage tem rodas de 19", bancos em couro e com ajuste elétrico até no passageiro, teto-solar duplo panorâmico, GPS, DVD, retrovisores externos com rebatimento elétrico, alerta de ponto cego, espelho retrovisor interno com antiofuscamento, sensores de estacionamento dianteiros, etc...

      Esses são alguns dos itens que o Sportage oferece e o Q3 não.

      Excluir
    5. Q3 básica é 135 mil. Muito melhor que qualquer Kia. Não se compara Premium turbinado com generalista aspirado, independente de equipamentos.
      Prefiro um Cerato (completo) por 75.000 do que uma Bmw 320i pelada que dá pena por 150.000, com sonzinho de celta com 4 alto falantes, sem nem um GPS, ou piloto automático. Fora que a 320i tem um courinho sintético de péssima qualidade, parece um plástico.
      Entendeu?

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Daqui a pouco, vão fazer carros recheados de tecnologia que não passam de 70 km/h de velocidade final.
    Esse SUV sempre foi bonito, mas ordinário.
    E a Kia tem um mau gosto pra interior de carro que é surpreendente. Tudo monocromático cheio de espaços mal utilizados.
    Mas, pagar 135 cruzeiros por um carro desses com este motor e pouca segurança, só doido mesmo. Este motor na estrada, é arriscar a família. Ainda dizem que este motor é para economizar combustível. Economizar o quê, se ele faz horrorosos 6 km/l na cidade?
    Prefiro gastar isso comprando um alemão usado, por exemplo.
    Não tenho essa fissura de brasileiro por carro 0km.
    Sempre tive carros excelentes, comprados semi novos. Sim, o seguro é mais caro, mas nunca dá dor de cabeça. Meu Audi faz 9 km/l na cidade com motor turbinado. Quando viajo, um conforto só e mega seguro. E paguei bem menos dos que esses 135 cruzados que esses coreanos estão pedindo aí.
    Quer carros mais baratos e melhores? Parem de comprar 0 km, que as montadoras vão reduzir seus enormes lucros.

    ResponderExcluir
  12. Sinceramente? Diante do mercado explorador nacional está na faixa esperada.

    Com base nesses valores o novo 3008 pode vir por 140 que ainda é mais negócio que essa sportage.

    Certeza que a nova tiguan não vem por menos de 150. Infelizmente.

    Nessa categoria não cabe mais motores aspirados 2.0 dona KIA. Vamos evoluir.

    ResponderExcluir
  13. Muito dinheiro para pouco carro. Vai continuar pouco visto nas ruas

    ResponderExcluir
  14. Muito dinheiro para pouco carro. Vai continuar pouco visto nas ruas

    ResponderExcluir
  15. Será que tem gente capaz de pagar isso tudo na versão de entrada, sem controle de estabilidade e tração e com apenas dois airbags? Se o fizer, estará prestando um desfavor à própria família e ao brasileiro. Pois, as fabricantes continuarão a trazer carros depenados pra cá. Mas, enfim, compra quem quer. Eu não compro.

    ResponderExcluir
  16. Tenho um EX 15/15 e confesso que acho bem razoável. Esse novo parece que solucionou alguns "defeitos" do antigo. Não acho que o motor seja tão fraco assim como o pessoal fala em alguns comentários, porem, acho que o consumo poderia ser um pouco melhor. A versão de entrada realmente não vale a pena, muito menos o preço que pedem. Se alguém tiver interesse faça a opção pela versão EX ou escolha outro modelo. Com relação ao preço da versão EX, aconselho ir até a concessionária e verificar se consegue um desconto, pois acredito que esse preço pode cair bastante, algo em torno de 125.000,00 o que o deixa bem acessível do ponto de vista geral do mercado.

    ResponderExcluir
  17. Estive em uma concessionária da KIA hoje e notei que o freio de estacionamento ainda é o mesmo da antiga, ou seja, usa-se o pé pra acionar o freio. No vídeo acima podemos perceber que o freio é eletrônico. Como sempre as montadoras parecem fazer de pirraça, um item simples mais que normal para a categoria foi subtraído do carro. Olhei o carro de perto e achei mais bonito que na foto, principalmente a frente.

    ResponderExcluir
  18. Estive em uma concessionária da KIA hoje e notei que o freio de estacionamento ainda é o mesmo da antiga, ou seja, usa-se o pé pra acionar o freio. No vídeo acima podemos perceber que o freio é eletrônico. Como sempre as montadoras parecem fazer de pirraça, um item simples mais que normal para a categoria foi subtraído do carro. Olhei o carro de perto e achei mais bonito que na foto, principalmente a frente.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.