Car.blog.br

Pesquisar este blog

GM Onix LT 1.4 Automático, vídeo, preço e consumo - teste

Categorias: , 26 Comentários

O Chevrolet Onix LT 1.4 Automático é um dos modelos mais baratos a venda no mercado brasileiro que dispensam, com competência, o motorista de trocar de marchas e acionar a embreagem: em abril de 2014 ele custa R$ 53.390 reais, consubstanciado-se em uma opção interessante no segmento até R$ 55 mil reais.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Existem modelos com transmissões de operação automática mais baratos que o Onix, mas são todos modelos com câmbios automatizados de embreagem única, como os oferecidos pelo VW Up!, Gol (I-Motion), e o Palio (Dual Logig), que, se por um lado também dispensam o motorista de acionar a embreagem e trocar as marchas, não oferecem a mesma suavidade de uma transmissão automática convencional, como esta do Onix LT 1.4.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Há ainda o Hyundai HB20 1.6 Comfort Plus Automático, que sai a R$ 54.595 rais, e oferece um motor mais potente que o Onix, entretanto a Hyundai oferece descontos menores, de modo que a pequena diferença a tabela, se torna maior na prática.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Sendo assim, para quem quer um carro 0KM verdadeiramente automático, o Onix LT 1.4 é a opção mais barata, e ele é um carro que agrada bastante, como mostramos no vídeo a seguir.



O fato é que o Onix adota um motor antiquado, quatro cilindros, 8V, mas que oferece potência de 106 cavalos com etanol, mas o torque é relativamente baixo: 13,9 Kgfm e que surge a 4.800 RPM.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Associe-se a transmissão automática com conversor de torque, que rouba potência do motor para funcionar, e ainda um peso de 1.100 kg (algo elevado para um compacto) e tem-se um cenário que sugere um desempenho letárgico.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Ocorre que, na prática, o Onix LT 1.4 Automático, apesar de não oferecer um desempenho empolgante, o resultado é bastante satisfatório, pelo menos no que respeita a performance. Com etanol ele acelera de 0 a 100 Km/h em 12,9 segundos, e retoma de 80 a 120 Km/h em 10 segundos.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Demais resultados de desempenho - (Revista AutoEsporte) abaixo.
  • Aceleração: 0-100 km/h: 12,9 segundos;
  • Aceleração: 0-400 metros: 18,7 segundos;
  • Retomada: 40-80 km/h (D): 5,46 segundos;
  • Retomada: 60-100 km/h (D): 7,2 s;
  • Retomada: 80-120 km/h (D): 10 s;
  • Frenagem: 100 km/h: 52,7 metros; 80 km/h: 30,9 m; 60 km/h: 17,7 m
São números corretos para a proposta do Onix e que não deixa o motorista passar raiva, visto que oferece agilidade correta para um uso urbano civilizado. A transmissão automática tem um papel fundamental nesse processo, já que troca as marchas com rapidez e suavidade, e o gerenciamento não hesita em reduzi-las para procurar mais torque nas rotações mais elevadas.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

O câmbio tem a função de trocas manuais, mas é muito pouco prática, visto que seu acionamento é por meio de um botão colocado na manopla de transmissão, algo pouco intuitivo. O ideal seriam os shift paddles no volante.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

O aspecto negativo fica por conta do consumo. Em nosso percurso padrão, em cidade, com o ar-condicionado ligado 100% do tempo, o consumo de etanol ficou em 6,7 Km/l. Em rodovia ficou em 10.7 Km/l.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Esses dados mostram uma baixa eficiência do powertrain do Onix, visto que oferece desempenho apenas aceitável, mas ao custo de um consumo muito elevado para sua categoria.


Interior

O Onix tem a característica de receber o motorista com uma posição relativamente elevada - o que pode desagradar as pessoas que gostam de dirigir em posição mais baixa. Entretanto, com o passar do tempo, e o banco na posição mais baixa possível, acaba-se acostumando.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

É interessante notar como o motorista se sente em posição muito mais elevada no Onix relativamente ao HB20. Enquanto no Hyundai o condutor fica afundado, no Onix a posição é bastante elevada. O ideal seria um meio termo entre os dois - que é a posição de dirigir do VW Gol, que é a ideal, na nossa avaliação.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

O espaço interno é correto, tanto para passageiros quanto bagagem, sendo que o compartimento traseiro oferece bom espaço para as pernas graças aos 2,52 metros de entre-eixos. O porta-malas tem capacidade de 280 litros, abaixo dos 300 litros do HB20 e dos 285 litros do Up!.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

O acabamento interno surpreende positivamente, pela qualidade dos materiais de revestimento dos bancos, e pela boa montagem dos componente.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

O volante, com revestimento em couro, tem ótima pega, e os comandos multifuncionais permitem que se controle o sistema MyLink - som, atendimento de telefone, entre outros aspectos - sem tirar a atenção da via.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

Entretanto, em um carro com transmissão automática fica faltando o descansa braço central dianteiro, que aumenta em muito o conforto do motorista - e que é oferecido, por exemplo, no Hyundai HB20 com transmissão automática.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015 - interior

O sistema My-Link, porém, que é a decepção. A tela é grande, mas o sensor táctil é deficiente, e o mais importante ele não tem: sistema de navegação. É possível usar o GPS no modelo, mas através de um único aplicativo que é pago e demanda a conexão com o smartphone. O ideal seria uma central como a do Gol, que permitisse espelhamento de tela, e que, provavelmente, será oferecida no Onix 2017 reestilizado que chega em breve.

Conclusão

O Onix LT 1.4 Automático é um modelo confortável, silencioso, bem acabado e que oferece espaço interno adequado. A transmissão é suave e rápida, o desempenho não empolga, e o consumo é muito elevado para um carro de sua categoria.

GM Onix LT 1.4 Automático 2015

Ficha técnica - Onix LT 1.4 Automático

Motor: Dianteiro, transversal, comando simples, 8V, flex; Cilindrada: 1.389 cm³; Potência: 106 cv a 6.000 rpm; Torque: 13,9 kgfm a 4.800 rpm; Transmissão: Automático de seis marchas, tração dianteira; Direção: Hidráulica; Suspensão: Independente, McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira; Freios: Discos ventilados na dianteira e tambores na traseira; Pneus: 185/65 R15; Dimensões: compr.: 3,93 m, largura: 1,70 m, altura: 1,48 m, entre-eixos: 2,52 m; Capacidades: tanque: 54 l, porta-malas: 280 litros; Peso: 1.098 kg.

Postagens relacionadas:

26 comentários:

  1. Muito boa matéria, mas discordo no que refere a posição de dirigir.
    Ao contrário da matéria considero a posição do banco do motorista do Gol afundado, com aspecto mais esportivo, a do HB20 meio termo e a do Onix mais alta, parecida com a da Spin.
    Vai do gosto do motorista, mas com certeza esse é um ponto que muitas vezes determina a compra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho um Gol e também acho a posição de dirigir do Gol bem baixa. HB20 e Onix você fica em uma posição mais alta que no Gol.

      Excluir
    2. Claro que esse blog iria eleger a posição do Gol a ideal, afinal é VW... Mas o mais importante é o gosto do cliente.

      Excluir
    3. Eu tenho um fox e é do mesmo jeito, quando entro no carro parece que afundo do nada. Pra variar o VW blog vai eleger o gol como posição ideal e criticar os outros.

      Excluir
    4. Tá louco cara, o FOX é um do carros que tem a posição de dirigir mais alta, aliás foi o primeiro carro pequeno com posição alta.

      Excluir
    5. Esse foi o motivo que vendi meu Fox...posição muito alta de dirigir mesmo abaixando o máximo a regulagem...preciona muito as pernas.

      Excluir
    6. Fox posição baixa foi de lascar. Desses todos aí se o Fox não tiver a posição mais alta, será pelo menos o segundo.

      Excluir
    7. Vixe, vc não confundiu o Fox com outro carro não. Carro da vw com posição mais alta que o Fox so a kombi.

      Excluir
  2. A pior experiência que tive, foi dirigir um prisma automático. Prometi pra mim mesmo, jamais terei algo tão esquizofrênico que nem este ...quando pisa não anda .. lamentável ... e se fosse pelo menos econômico. Sem noção uma pessoa que compra um veiculo destes, hoje com tantas opções automáticas no mercado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qual para a faixa de preço? Ou você acha que o cara deixa de comprar um Corolla 2.0 para comprar um Prisma por pura opção?

      Excluir
    2. Concordo com o Oswaldo, o Onix/prisma automático é muito cambio pra pouco motor.

      Excluir
  3. O Onix e o Prisma são dois carros excepcionais. São bons, bem construídos e bonitos. Mas peca em dois aspecto:
    1º aspecto É o fato de não ter um motor mais forte que o 1.4 (de pelo menos uns 120 cavalos) e também deveria substituir o atual motor 1.0 de 4 cilindros por um de 3 cilindros.

    2º aspecto. Deveria ter uma versão aventureira e também uma versão realmente esportiva como os antigos Kadett GSI e Gol GTI ( ambos com aqueles belos bancos Recaro) que até hoje deixam saudade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles deveriam tirar o horrível effect e colocar um ônix GSI, alocar um motor turbo seria mais que ótimo

      Excluir
  4. Sentindo falta da comparação com o up!... hahaha

    ResponderExcluir
  5. Poderiam comparar com o 208 1.2 (em suas respectivas versões manuais). Acredito que o desempenho seja equivalente mas com a vantagem do menor consumo do 208.

    ResponderExcluir
  6. Ja tive um onix com o my link, e realmente o gps que espelha era horrivel. Era um tal de bringgo que eu paguei 48 dolares na época por licença de 2 anos. O ideal mesmo hj em dia é espelhamento com a tela do celular, com isso motorista usa o gps que quiser. Em relação ao carro, ele ótimo, cheguei a fazer 16 km por litro em uma viagem. Seguro foi 1600 reais e gastei 4 dias para vender ! Este câmbio at6 é muito show tb.

    Agora, uma coisa que as pessoas precisam eh falar mal dos automatizados monoembreagem. Não sao tão ruins assim. Conheço um cara que tem um gol que esta com 160 mil km e nunca deu problema no i motion, tenho um amigo que teve um stilo dualogic, e nunca teve problema também. Claro que sao inferiores aos de conversor, 2 embre, e principalmente cvt, mas são opções viáveis financeiramente.

    Agora 50 mil em um onix aut é um preço muito interessante! !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia " precisam parar de falar mal dos automatizados"

      Excluir
    2. Leia " precisam parar de falar mal dos automatizados"

      Excluir
    3. O problema maior dos câmbios mono embreagem, são os trancos que acontecem a cada troca de marcha, principalmente em marchas baixas. Minha sogra tem um Fox I-Motion 2015 e a cada troca de marcha a cabeça se movimenta bastante para frente, causando uma sensação muito estranha para que está acostumado ao Triptronic, segundo o Carlos, o melhor cambio automático do planeta rsrsrs.

      Excluir
  7. Onix que em breve deve ter uma leve mudança na dianteira. O carrinho é bom. Esse MyLink deixa o painel com um visual mais moderno. O pessoal critica os mostradores digitais, mas eu gostei, acho de boa e rápida visualização. Os bancos do Onix são muito bons também.
    A parte mecânica ainda defasada, mas é um bom motor, mecânica simples e confiável. Essa opção automática não deixa de ser mais um ponto positivo pro carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O carro realmente é bom, a meu ver o mostrador digital é bonito e tal mas poderia melhorar, acho ele meio esquisito. Mas gosto é gosto, ainda prefiro a moda antiga xD

      Excluir
  8. É um bom carro, merece com certeza um motor mais eficiente, mas pelo preço que se paga nele nesta versão automática vale muito a pena, na concorrência não tem nada melhor.

    ResponderExcluir
  9. O Onix é um ótimo carro, gostoso de dirigir, o desing dele, mesmo depois destes anos agrada, o sistema multimidia é bem feito, mas a gm com esse motor vindo da era mesozóica não dá!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  10. Como diz a matéria o acabamento interno surpreende positivamente. Parece um carro de categoria superior internamente, com o painel dividido em duas cores e com o vidro bem inclinado a impressao q da eh q ele eh enorme por dentro

    ResponderExcluir
  11. Tanto é muito alta a posição de dirigir dele que eu não pude comprar o Onix. Tenho 1,87 e foi impossível, mesmo reclinando mais o banco, achar uma posição cômoda pra dirigir, a cabeça raspa no teto, fica bem apertado e pessoas mais altas tem que se encolher ou deitar muito o banco, uma pena! No mais é um ótimo carro, mas não pra pessoas com mais de 1,80.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.