Car.blog.br

Pesquisar este blog

Peugeot 208 2017: detalhes do novo motor 1.2 Pure Tech

Categorias: , , , , 36 Comentários

O Grupo PSA Peugeot Citroën anuncia o novo motor PureTech Flex, que, segundo a empresa é o "mais econômico do Brasil", no âmbito do lançamento industrial do Novo Peugeot 208 2017.

Novo Peugeot 208 2017 1.2 PureTech

O novo motor do grupo PSA é o PureTech 1.2l de 3 cilindros Flex aspirado, que será adotado nos novos modelos Peugeot 208 2017 que começam a ser fabricados em série em Porto Real.

Novo Peugeot 208 2017 1.2 PureTech

Segundo a empresa, trata-se do motor mais econômico e com menor nível de emissões de CO2 do Brasil. O novo 208 passa a ser o primeiro veículo da PSA em todo o mundo a receber esta nova motorização Flex.

Novo Peugeot 208 GT Turbo Flex

O Novo Peugeot 208 equipado com o motor tri-cilíndrico Pure Tech 1.2L atingiu o nível de eficiência energética mais alto do Inmetro: classificação “Triplo A”, figurando entre os melhores da sua categoria, do mercado e em emissões. Segundo a PSA, pode ser considerado o mais econômico do país.

O Novo Motor PureTech 1.2l

A motorização PureTech enviada ao Brasil, agora transformada em Flex, é fabricada em Trémery, na França, e tem tamanho compacto, peso reduzido e materiais de baixo atrito, o que permite redução de consumo de combustível e as emissões de CO2 em média em cerca de 20% em comparação com alguns motores de 4 cilindros de potência equivalente, segundo testes internos da PSA.

Novo Motor 1.2 Pure Tech Flex - Peugeot 208

O novo motor 1.2L PureTech do Peugeot 208 substituiu o antigo 1.5 flex, e conta com 4 válvulas por cilindro, duplo comando variável de válvulas, correia em óleo, bomba de óleo variável (para reduzir o atrito), sistema de arrefecimento dividido entre bloco e cabeçote (split cooling) e coletor de escapamento integrado no cabeçote.

Novo Peugeot 208 GT 2017

Para o funcionamento com o etanol, a sua taxa de compressão foi elevada dos 11:1 originais para 12,5:1; o sistema de partida a frio funciona com aquecimento de combustível no injetor (eliminando o reservatório de combustível chamado de “tanquinho”); o conjunto pistão-anéis foi reforçado com a utilização de injetores de óleo fundo de pistão; as válvulas e sedes foram reforçados; e foram instaladas velas especiais.

Novo Peugeot 208 THP Turbo Flex

Abastecido com 100% de etanol, o Novo 208 com esta motorização 1.2l de 3 cilindros alcança a potência máxima de 90 cavalos a 5.750 rpm e torque máximo de 127 Nm a 2.750 rpm.

O Novo Peugeot 208 2017

O desenvolvimento do Novo Peugeot 208 (veja detalhes aqui) iniciou-se em setembro de 2013, e dispõe de 230 novas peças, índice de reciclabilidade de aproximadamente 95%, e cerca de 27 kg de materiais verdes (ex: os carpetes, que utilizam PET reciclado, EVA reciclado e resíduos de madeira certificada e as fibras naturais, utilizados em partes de peças como tampão traseiro).

Novo Peugeot 208 2017 GT 1.6 Turbo Flex

O modelo tem uma discreta atualização estética na dianteira e novos sistemas multimídia.

Novo Peugeot 208 2017 GT 1.6 Turbo Flex - interior
Novo Peugeot 208 2017 GT 1.6 THP Flex - Interior
Além do novo motor 1.2L de 90 cavalos, o Peugeot 208 2017 mantém o 1.6 aspirado na nova versão Sport, e passa a adotar o 1.6 THP Turbo de 173 cavalos na versão topo de gama, GT.

Postagens relacionadas:

36 comentários:

  1. Agora a PSA me surpreendeu, achava que esses motores só chegariam ao Brasil daqui a alguns anos. Se o 1.5 atual é super econômico, imagina esse Pure Tech.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Teste de rodagem de SP à DF, 1 tanque fez absurdos 1005 km, No mostrador digital estava marcando 24km/l. Teste Realizado pela PSA e esta disponível somente para colaboradores, Ainda. Esperem que vai ter novidade mt top.

      Excluir
  2. Posso apostar que nos comparativos do carblog ele vai ser beberrão perto do up!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas o up É o mais econômico mesmo, mas pertence a outra categoria, a de entrada, e concorre com Clio, Palio Fire e do extinto Celta.
      O 208 é de uma categoria acima, e concorre com New Ka, Palio, Onix, etc e deve despontar como um dos mais econômicos.

      Excluir
    2. Os concorrentes do 208 são New Fiesta, C3, Punto e Fit.

      Excluir
    3. Na verdade, os primeiros testes indicam, de forma até surpreendente, que não. Quem vai bater em desempenho x consumo é só o TSi.

      Excluir
    4. Esperem pra ver o consumo real desse carro, dos proprios compradores, 20km/L ele vai fazer fácil... de 90cv para 101 a eficiecia não vai além, fopra que acabamento e beleza do 208 nem se compara.

      Excluir
  3. o bom desse motor é o torque em baixas rotações

    ResponderExcluir
  4. Minúsculo! Faz jus ao nome de compacto!

    ResponderExcluir
  5. Impressão minha ou esse motor trabalha com compressão variável??

    ResponderExcluir
  6. "Além do novo motor 1.2L de 90 cavalos, o Peugeot 208 2017 mantém o 1.6 aspirado na nova versão Sport, e passa a adotar o 1.6 THP Turbo de 173 cavalos na versão topo de gama, Sport."
    Oi? Não entendi

    ResponderExcluir
  7. Daqui a pouco o blog ta comparando o 208 GT com golf GTI ou up tsi. Só esperando pra ver

    ResponderExcluir
  8. "Peugeot volta ao lucro após 3 anos de prejuízos no 1º semestre
    As metas de reestruturação foram atingidas 3 anos antes do esperado.
    Apesar do resultado positivo, empresa alerta para desafios." Mais uma notícia boa. Aguardo números de consumo e desempenho desse novo motor.

    ResponderExcluir
  9. A Peugeot não cansa de fazer besteira no Brasil e esse motor 1.2L é apenas mais uma navalhada para a lista de bobagens, que já conta com o Peugeot 2008 THP com câmbio manual.

    Esse motor 1.2 nào traz benefício algum para a marca. Se fosse 1.0, eles teriam 5 cv a menos, e pagariam 7% menos IPI, o que poderia deixar seus carros mais competitivos em preço.

    O motor 1.2L terá consumo melhor que o 1.5? Sim, e só. Desempenho será pior.

    A Peugeot tá falando que é o motor mais "econômico" considerando sua faixa de potência. Não será mais econômico que o 1.0 do Up!, Fox e Gol, e muito menos que o 1.0 TSI do Up!.

    Enfim, motor ridículo. Péssima estratégia da Peugeot. Melhor seria um 1.0 tricilindrico flex, que daria preços mais compatíveis ao carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas se fosse a volkswagen quem fizesse seria uma marco de tecnologia.

      Excluir
    2. Carlos, tem hora que é melhor vc nem usar o teclado e ficar quieto. Se você entendesse de estratégia de mercado ... não vale a pena nem digitar o resto.
      Seja bem vinda Peugeot e continue avançando no mercado.

      Excluir
    3. Esse Carlos acredita mesmo no que eles diz ?

      Só emite besteiras. Primeiro de tudo, olhe o torque em baixa rotação, o peso do carro a proposta do carro, de onde ele vem ( Europa )

      Por lá foi um projeto elogiadíssimo, ai vem esse MOLOQUE dar pitaco com seus achismos, "O motor 1.2L terá consumo melhor que o 1.5? Sim, e só. Desempenho será pior." Desempenho ficou similar em testes realizados

      Você vive de achismos que quer passar uma noção de conhecer, fica quieto ai ORELHÃO.

      Excluir
    4. kkk. Carlos, seguindo a linha de Downsizing, sua bicicleta já está com 10V?

      Excluir
    5. Chora Carlos ele é mais econômico que o up tsi

      Excluir
    6. Chora Carlos ele é mais econômico que o up tsi

      Excluir
    7. Teste do inmetro(gasolina):

      UP TSI
      Cidade 13,8
      Estrada 16,1

      208 Puretech
      Cidade 15,1
      Estrada 16,9

      Excluir
    8. Dizer que o motor 1.2 não traz benefício é uma bobagem enorme, além do torque bem mais alto o pico ainda ocorre a 2750rpm, este puretech vai proporcionar maior agilidade ao carro do que qualquer outro 1.0 aspirado proporcionaria, mesmo o aspirado do up.
      A vantagem em torque é de mais de 20%.

      Excluir
    9. Esperem pra ver o real desempenho e economicidade do motor.
      Palavras de clientes...

      Excluir
    10. tem pessoas que deveriam abster de alguns comentários né? hahaha motor premiado lá fora, o 1.2 Turbo gera 130cv e o cara é só mais um mimizento fã de volks, mas esquece que o 208 no geral, é 200% mais carro que um up, que um fox ou que um Gol.

      Excluir
  10. gosto muito da vlksmas,mas sei ver e intender que; os benefícios adquiridos e trazidos a nos brasileiros pelas montadoras de automóveis nos últimos 2 anos, principalmente nos motores de litragem menor e não importa de onde vem os benefícios se e DO norte, sul, de baixo, de cima, dos lados o quero dizer e: não importa a montadora o importante e termos um bom produto automotivo.

    ResponderExcluir
  11. Porque as pessoas compram um popular?

    1º lugar preço!
    2º lugar tamanho.
    3º lugar custo de manutenção.

    O UP TSI é um popular que possui potência e econômia apesar de ser feio, pequeno d+ e caro.

    O Peugeot 208 com esse novo motor será o matador de UPs TSI. Eu sei que o UP é mais potente. Mas é só isso. O resto todo o Peugeot 208 detona o up. Inclusive no consumo.

    ResponderExcluir
  12. A Peugeot tinha mesmo que fazer algo para melhorar sua posição, crítica, no Brasil e começou de forma correta e arrojada; esperemos que nessa esteira, venha o 2008 Griffe com câmbio de 6 marchas,motor 1.2 Pure Tech Turbo e logo aós o THP 1.6, cambio de 6 marchas, aí a Peugeot passaria a ser competitiva.

    ResponderExcluir
  13. Também acho que Peugeot 208 1.2 vai detonar o UP! TSI por uma razão muito simples, econômico, bom acabamento é, sobretudo, uma cambada de itens de série, começando pelo trio elétrico completo, coisa que o UP! não tem nem na versão top de linha.

    ResponderExcluir
  14. Comprei um 208 1.2 Allure em meados de maio-2016, estou com 2 semanas com o carro, saí de um Cobalt LTZ 1.4 2013 com 24.000km rodados que peguei zero tb, meu medo foi do carro ser muito fraco, porém ele me surpreendei muito positivamente, tem um bom torque a partir de +/- 2500 rpm é bem econômico, estou no final do 1º tanque de combustível, mas o carro já fez uma média de 20km/l quando fui ao Rio de Janeiro. Quanto aos ítens de série nem falo é um show, estabilidade muito boa, é um belo carro realmente. Deixei de comprar um Cross UP TSI para comprar o 208 e até o momento estou muitíssimo satisfeito.

    ResponderExcluir
  15. Sou proprietario de peugeot desde 1995,que ainda uso diariamente,um valente 205xsi com aproximadamente 250000 km rodados sem qualquer tipo de dor de cabeça,acostumei tanto com o carrinho que adquiri um 207 em 2013,continuo com ele,e também um c3,em virtude da mecanica robusta do motor 1.4,agora penso neste 1.2,quem sabe?.quanto a economia tenho muito conhecimento de como tirar o maximo desses carrinhos,dificil comparar com outros modelos nacionais,o onix1.4 esta chegando perto,muito bom tambem,porem ainda fico na linha peugeot pela sua baixa manutenção,e nivel de equipamentos de serie.

    ResponderExcluir
  16. Sou proprietario de peugeot desde 1995,que ainda uso diariamente,um valente 205xsi com aproximadamente 250000 km rodados sem qualquer tipo de dor de cabeça,acostumei tanto com o carrinho que adquiri um 207 em 2013,continuo com ele,e também um c3,em virtude da mecanica robusta do motor 1.4,agora penso neste 1.2,quem sabe?.quanto a economia tenho muito conhecimento de como tirar o maximo desses carrinhos,dificil comparar com outros modelos nacionais,o onix1.4 esta chegando perto,muito bom tambem,porem ainda fico na linha peugeot pela sua baixa manutenção,e nivel de equipamentos de serie.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.