Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo BMW Série 7 2016: vídeo, fotos e especificações

Categorias: , 18 Comentários

A BMW lança a nova geração do seu modelo topo de linha, o BMW Série 7 - veículo que chega com novas tecnologias e materiais avançados.

2016 BMW 7 Series

A BMW usou o know-how adquirido no desenvolvimento de seus modelos elétricos BMW i para dar ao novo Série 7 um núcleo de carbono, que diminui o peso deste sedan emblemático por cerca de 70 Kg. A célula inteira de passageiros é reforçada com fibra de carbono e plástico reforçado. Também ajuda a manter o peso baixo, o uso de alumínio nas portas e no porta-malas.

2016 BMW 7 Series

Colocar o Serie 7 em uma dieta é uma coisa, mas o pessoal da BMW também reforçou a gama de powertrain. Há três motores disponíveis, o 750i usa um 4.4 litros V8 twin-turbo que faz 445 cv, o 740i ostenta um 3.0L turbocharged inline seis cilindros que faz 320 cv e há um novo plug-in chamado o 740e. Este modelo utiliza um motor turbo de 2.0 litros, juntamente com motores elétricos para fornecer ao sedã uma autonomia de até 36 Km em modo totalmente elétrico - com emissão zero de poluentes.

2016 BMW 7 Series

Todos os carros vêm com uma transmissão automática de oito velocidades, sistema start/stop, paddle shifters e até mesmo controle de largada. O V8 e o plug-in também chegam equipados com o sistema de tração xDrive all-wheel drive.

2016 BMW 7 Series

A distribuição de peso no sedan está perto de 50:50, segundo a BNW. O veículo vem de série com suspensão dianteira e traseira a ar que ajuda a suavizar o passeio. Os motoristas também podem escolher a altura livre do solo do carro, podendo reduzi-la em até 10 milímetros no cenário mais esportivo. O carro também minimiza as oscilações da carroçaria nas curvas, tornando o passeio em estrada mais agradável e ágil.

2016 BMW 7 Series

Outra novidade é que os modelos equipados com tração integral xDrive adotam rodas traseiras esterçantes, o que torna o modelo ainda mais ágil em curvas, e com mais estabilidade. Outra novidade do BMW Série 7 2016 é o fato de o modelo oferecer um modo adaptativo de condução que se ajusta ao modelo de dirigir do motorista, ajustando a transmissão, resposta do acelerador e do chassi para atender aos anseios do piloto de plantão.

2016 BMW 7 Series

Como este é um BMW topo de gama, o interior está cheio de materiais de alta qualidade, texturas impressionantes e características de conveniência impressionantes. Você não vai se surpreender depois de ouvir que as características desde BMW Série 7 2016 contam com detalhes como botões cromados no volante, madeira fina ou alumínio em arremates, revestimentos em Alcântara e carpete de alta densidade no assoalho traseiro.

2016 BMW 7 Series

Há também um pacote específico que torna o novo Série 7 mais confortável para os passageiros dos bancos traseiros, com assentos reclináveis e apoios de pé. Passageiros do banco traseiro também podem ter acesso a um tablet removível de sete polegadas para controlar diversas funções do carro, incluindo o sistema de entretenimento.

2016 BMW 7 Series

BMW também oferece um teto solar panorâmico simulado, que pode iluminar o teto com LEDs de modo a simular a visão de um céu estrelado.

2016 BMW 7 Series

Ao motorista está reservado novas funcionalidades e tecnologias de assistência, incluindo um auxiliar de estacionamento que para o carro não só em vagas paralelas, mas também em perpendiculares.

2016 BMW 7 Series

O sistema de infotainment iDrive foi atualizado e agora possui controles por gestos, por meio dos quais é possível ajustar o volume do áudio, aceitar ou rejeitar as chamadas recebidas. Há também opções disponíveis como head-up display, carregamento de telefone sem fio, controle de cruzeiro adaptativo e visão noturna.



O novo BMW Série 7 chega aos mercados ocidentais ainda este ano, com preços e dados de consumo que serão divulgados posteriormente.

Postagens relacionadas:

18 comentários:

  1. É um carro de tradição, eu sei, mas faltou ousadia por parte da BMW, poderiam ter colocado alguns detalhes inspirados no i8, o painel e console estão muito simples pra esse segmento. Também acho que faltou motor, mas quem sabe um M7 com o brilhante V10 retrabalhado, ou até a ressurreição do V12!

    ResponderExcluir
  2. Distribuição 50:50 é fantástico, faz com que vários componentes do carro tenham maior durabilidade, inclusive os pneus, que chegam a durar 100.000 kms. Mas esse volante e esses cromados mataram o painel do carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pneus que duram 100.000 km? De onde vc tirou isso?

      Excluir
    2. Experiência pessoal com a marca, fóruns de várias partes do mundo, visita à fábrica de Munique (plant tour), garantia dada pelo fabricante no local (Continental), estudos no Senai, entre outros.

      Excluir
    3. Eu tive um BMW 320i da geração anterior q usava pneus run-flat de 17" da Continental.
      Os pneus duravam pouco mais de 30.000km e custavam na época R$ 1.250,00 cada.
      Esse foi um dos motivos que me fizeram trocar de carro.
      Atualmente minha mãe tem um BMW 116i q tb usa pneus rum-flat. O carro ainda está com 20.000 km, mas pelo q vejo os pneus não devem durar muito mais do q os meus.
      Além do q pneus run-flat são muito duros.
      Com uma rápida pesquisa no Google, qualquer um vê q oq EU estou dizendo é muito mais coerente do q oq VC disse.
      Se pneus da Continental durassem 100.000 km, todo mundo compraria, não precisa ter um BMW para rodar com pneus Continental,

      Excluir
    4. Prezado Gabriel, os pneus aos quais me refiro não são Run-Flat. Os pneus Run-Flat são muito mais duros pois foram feitos para rodar mesmo sem ar. Dessa forma, absorvem muito menos o peso do carro, o deixam duro e com mais força G junto ao solo, gerando desgaste prematuro. A garantia normal da Continental é de 80.000 km. Quanto à durabilidade em BMWs, se você quiser eu te mostro o caminho para os cursos que fiz, ou sugiro marcar um Plant-tour na fábrica de Munique para confirmar essa minha informação. Esse é um princípio da física. Se em condições normais os pneus Continental garantem 80.000 km, obviamente em condição de distribuição de peso 50:50 chega fácil aos 100.000 kms. Ou então faça um teste mais fácil, pergunte a um alinhador/balanceador em sua cidade com quantos kms ele troca o pneu de um Palio e com quantos kms ele troca o pneu de um Ômega, por exemplo. Depois você me diz.

      Excluir
    5. Mas os BMW só usam pneus run-flat da continental.

      Excluir
    6. Sim, mas boa parte dos consumidores o trocam. Segue exemplo:

      https://m.youtube.com/watch?v=cNy-FX1tQSg

      https://m.youtube.com/watch?v=fDpobvd3N70

      Excluir
  3. Respostas
    1. SEMSACIONAL 2 :)

      Estive na BMW - Norden, recém inaugurada aqui no Rio de Janeiro, fui muitíssimo bem atendido pelo executivo de vendas (Tiago), explanou todos os detalhes do veículo que procurava, Série 1 - 120i. Ainda aproveitando pra conversar tecnicamente de forma informal sobre um belo M4 Cabriolet, só não tinha os freios de carbono cerâmica. Me fez pensar ao estar analisando um serie 3 - 320i. R$129.990,00 - o que faz uma pessoa pagar $100k num Corolla.

      Após essa visita, fui na Audi. O A3 de entrada esta saindo a $91k, novamente me pus a pensar, Corolla pra que? Se posso colocar mais um pouco e ter verdadeiros carros alemães. Isso basta pra mim. Sai rindo e feliz após o test drive.

      Excluir
    2. Pois é dncmotors, é aquele ditado: Criou fama, deita na cama. Em minha percepção a maioria dos consumidores não pesquisa e não entende de carros, portanto compra pela fama mesmo.

      Excluir
  4. Sonho de consumo, mas será um carro para poucos no Brasil.

    ResponderExcluir
  5. Um BMW topo de linha sem sistema de condução autônoma? A BMW quer o quê?
    O Audi A8 2016 já terá condução autônoma em estrada e em cidade até 60 Km/h. E o BMW?
    O Mercedes Classe E no ano que vem terá condução autônoma superior ao do atual Classe S.
    Enquanto isso a BMW me lança o Série 7 sem vestígio de condução autônoma.
    Desse jeito vai perder mesmo para a Audi já este ano....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você só se esqueceu de falar que dá para estaciona-lo apenas com o ´´chaveiro´´ simples, né????

      Excluir
  6. Carlos está com muita pressa, ainda há de vir as versões mais TOP 760i e quem sabe M7.

    ResponderExcluir
  7. A matéria cita apenas as versões 740i e 750i, mas a versão 760i tem motor V12 bi-turbo com 660cv.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde vc viu que vai ser o V12?
      Todo lugar se fala no V8 4.4 rendendo por volta de 600hp.

      Excluir
  8. No Brasil Vai ser uma fortuna. Kkkkk pobre aqui nunca vai ter um desse

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.