Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Fiat 500: compacto elétrico chega ao Brasil este ano

Categorias: , 24 Comentários

A Fiat Chrysler apresentou na Itália a nova geração do modelo compacto 500. O modelo chega ao mercado brasileiro neste ano, e agora é vendido apenas em versão elétrica.

Novo Fiat 500 2021

O Novo Fiat 500 mantém a identidade com o modelo de primeira geração, mas evoluiu consideravelmente em estilo. Os faróis redondos permanecem, mas agora estão divididos entre o pára-choque e o capô, onde a parte superior da elipse das luzes diurnas está integrada.


Novo Fiat 500 2021

O símbolo Fiat não está mais na frente (a escrita está presente apenas na parte traseira): no centro da grade existe o logotipo 500 e as entradas de ar são reduzidas ao mínimo. Um novo indicador de mudança de direção LED integrado entre o capô e o arco da roda estréia na lateral, enquanto a traseira permanece fiel à configuração original, com faróis desenvolvidos verticalmente e uma aparência limpa.

Cresce em tamanho

Baseada em uma mecânica totalmente nova, a nova geração do carro urbano tem dimensões ligeiramente diferentes em comparação aos modelos atuais com motor térmico. Seis centímetros a mais do que os 500 atuais, o New 500 mede três metros e 61 centímetros de comprimento e 169 cm de largura (+6 cm).

Novo Fiat 500 2021

Até a distância entre eixos cresceu 2 cm (232 cm) e é precisamente entre os dois eixos que os técnicos decidiram posicionar a bateria, de modo a reduzir o centro de gravidade do carro para o benefício da dirigibilidade.

400 km de autonomia na cidade

O novo Fiat 500 é alimentado por um motor elétrico de 118 cv (87 kW), alimentado por uma bateria de íons de lítio de 42 kWh: a autonomia no ciclo Wltp é de 320 km, o que sobe para 400 km na cidade. O Novo 500 está equipado com um carregador de 85 kW que permite restaurar 50 km de autonomia em apenas cinco minutos, atingindo 80% da carga em 35 usando colunas compatíveis.

Novo Fiat 500 2021

Para encher com elétrons em casa, você pode usar o Easy Wallbox de 7,4 kW (seis horas para carregamento completo). A velocidade máxima, autolimitada, é de 150 km / h. Para os 0-100 km / h, são necessários nove segundos, enquanto os 0-50 km / h são fechados em 3,1 segundos.

Três modos de condução

Para a primeira geração elétrica nova, a Fiat desenvolveu três modos de direção diferentes. Além do Normal, projetado para dirigir o carro como um carro tradicional, o Range 500 e o Sherpa estão presentes no New 500. O primeiro permite que você conduza o carro em um modo de pedal: durante a liberação, a recuperação de energia e a desaceleração aumentam e é necessário intervir no pedal do freio apenas em uma emergência ou parar completamente o carro.

Novo Fiat 500 2021

O modo Sherpa, por outro lado, é projetado para garantir que o motorista chegue ao destino definido ou a uma estação de carregamento. Com esta função, o consumo de energia do veículo é reduzido ao máximo: a velocidade é limitada a 80 km / h.

Novo Fiat 500 2021

Novo infotainment para Android. Attention Assist e Urban Blind Spot com sensores ultrassônicos. Para dirigir em baixas velocidades (abaixo de 20 km / h), há um aviso acústico para pedestres, o Avas, que reproduz a música de Amarcord de Nino Rota.

O primeiro

Para o lançamento do New 500, a Fiat decidiu criar uma série especial, edição limitada de 500 cópias para cada mercado nacional, chamada "La Prima".

Novo Fiat 500 2021

Já encomendado on-line, o elétrico é caracterizado por um equipamento opcional completo disponível em três cores - cinza mineral, verde oceânico e azul celeste - apenas na versão conversível com capuz com padrão de monograma. Os detalhes estéticos são fornecidos como padrão, como as inserções cromadas para as laterais e os caixilhos das janelas, o emblema 1 de 500, o estofamento de couro ecológico e as rodas de liga leve de diamante de 17 ".

Novo Fiat 500 2021

Todas as amostras serão caracterizadas por faróis de LEDs completos e Série Adas que varia do controle de cruzeiro adaptável à manutenção da trajetória à frenagem de emergência automática.

24 comentários:

  1. Para quem estava a pensar que a Fiat não tinha capacidade para lançar tecnologia de ponta em carro elétricos, acabou de lançar um elétrico de alta autonomia.

    ResponderExcluir
  2. O Carro é bacana, é será muito bom para para quem vai utilizar dentro da cidade.
    A questão que vai ser complicada, será o preço...

    ResponderExcluir
  3. "Para dirigir em baixas velocidades (abaixo de 20 km / h), há um aviso acústico para pedestres, o Avas, que reproduz a música de Amarcord de Nino Rota."
    https://www.youtube.com/watch?v=bk4MEhUkxco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Id3 da VW que inventou isso, só pesquisar

      Excluir
    2. Não falei que inventaram, só achei interessante. E sobre o assunto, isso é uma obrigação legal dos carros elétricos emitirem som abaixo de 20 km/h, e como a lei não especifica qual som deve ser usado, abre possibilidade para usarem qualquer som.
      Como diz parte do texto retirado daqui https://www.maistecnologia.com/carros-eletricos-irao-emitir-um-ruido-abaixo-de-20-km-h/:
      "Mas há um detalhe interessante em falta na nova legislação: não há menção de que como som deverá ser. Isso abre um mundo inteiro de possibilidades. Cada fabricante poderá reproduzir o seu próprio som personalizado para cada veículo."

      Excluir
  4. Respostas
    1. Se vier esse preço vai vender bem , se polo gts e vendido por mais de 100 mil

      Excluir
    2. Sim, mesma categoria de carro, espaço, tamanho, combustível tb, ASNO.

      Excluir
    3. Estou comparando preço!!! e não o tipo de carro, carro e tudo igual tem um motor 4 rodas, 2 ou 4 portas , elétricos ou a combustão.. serve para locomoção de pessoas.. leia o comentário e pense um pouco antes de falar asneira!! educação mandou lembranças!!!

      Excluir
    4. Só pelo fato de ser Fiat, 100 mil nesse carro estaria muito bem pago. Acima disso tem Corolla híbrido que tem um abismo de diferenciais.

      Excluir
    5. Realmente o Corolla em termos de mercado nem se compara, mas esse Fiat 500 e p um publico de anta renda q não está procurando espaço interno e sim um carro eletrico diferenciado em design e tbm autonomia , 180 mil e bastante grana mas os concorrentes como o i3 da bmw está p lá de 200mil então e esperar p ver

      Excluir
    6. 180 mil só se for o básico.

      Excluir
    7. Pensando assim, a escolha racional é o bolt, pois já é um projeto consolidado, esse fiat tem muito que ser testado na Itália, pois lá não é carro de nicho mas sim popular.

      Excluir
  5. Muito interessante esse 500 com cara de pevertido, pena que, como todo elétrico no Brasil, será muito caro.

    ResponderExcluir
  6. Um dos poucos carros da FIAT que têm qualidade construtiva elevada.

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o 500, temos um cult que vai envelhecer na familia, mas mesmo sendo de 2013 está como novo.

    ResponderExcluir
  8. Boa intenção do minimalismo, menos é mais. Peca na minha opinião pela infinidade de teclas seguidas, poderiam estar aninhadas em grupos para facilitar o acionamento. Legal o fim daquela parede entre os bancos dianteiros. A idéia de energizar o capo e colocar lanternas é no mínimo duvidosa, mais fio e ligação para a central (custo) a troco pífio de design. Vale importar uns 50 pra tentar vender em SP por escapar do rodizio sendo eletrico e agilidade no transito devido ao tamanho e torque do motor.

    ResponderExcluir
  9. Bacana o carro. A aguardar o preço.

    ResponderExcluir
  10. Carrinho massa, embora esse painel ficou com gosto meio duvidoso. Lembrando que diversos pilotos e ex-pilotos da F1 tem um 500 Abarth em suas garagens, e não estão preocupado se irão achar que gostam de rapazes, o que não é nenhum demérito.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.