Car.blog.br

Pesquisar este blog

Painel digital no VW T-Cross Comfortline custa R$ 5.450

Categorias: , , , 64 Comentários

A Volkswagen do Brasil anunciou recentemente uma alteração na gama de opcionais para o SUV compacto T-Cross, contemplando a versão intermediária, Comfortline, com a opção do painel digital Active Info Display, antes oferecido apenas para o topo de gama, Highline.

Painel digital no VW T-Cross Comforline custa R$ 5.450

Esse recurso foi incluído na linha Comfortline por meio do pacote de opcionais ~, que substituiu o “Exclusive & Interactive”. O novo pacote, além do painel digital, traz itens como sistema KESSY & GO (acesso ao veículo sem o uso da chave e botão para partida do motor), sistema de infotainment “Discover Media” (com tela de 8” sensível ao toque, com navegação e comando de voz), seletor do modo de condução, iluminação ambiente em LED, retrovisores externos eletricamente rebatíveis, entre outros.

Painel digital no VW T-Cross Comforline custa R$ 5.450

Entretanto, na ocasião do lançamento o preço do pacote “Exclusive II & Interactive” não foi divulgado, mas agora é conhecido, e custa R$ 5.450 reais - aumento de R$ 1.500 reais sobre o valor do “Exclusive & Interactive” que substitui, e custava R$ 3.950 reais.

Painel digital no VW T-Cross Comforline custa R$ 5.450

Sendo assim, o T-Cross Comfortline 200 TSI Automático mais acessível com painel digital tem preço sugerido, em agosto de 2019, de R$ 105.440 reais.

64 comentários:

  1. Respostas
    1. Não tem problema, o suporte de celular vem na versão de 105 mil também! Coloca o waze no celular, que lá mede a velocidade também!!!
      O suporte no painel é pra isso!!!

      Excluir
  2. Tenho até dó desse Polo de salto alto quando o Renegade 1.3 Turbo chegar. Será um verdadeiro massacre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando ele chegar zé ruela, o homem já terá pisado em MARTE.

      Excluir
    2. HaterXhater, consertou o powerShit do seu focus 2014?

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Com motor antiquado já vende mais, imagina com o novo. E não venham dizer que Renegade é dos mais vendidos por causa de venda direta, pois ele foi o mais vendido PCD até o momento neste ano, e os PCD são classificados como venda direta no ranking.

      Excluir
    5. Correto, vende mais porque tem os otários que compram essa bota ortopédica que bebe mais que o Nove Dedos !

      Excluir
    6. Tem matérias que o melhor são os comentários do pessoal...

      Excluir
    7. JLF tinha que ser eleitor do bolsonaro para ta falando merda

      Excluir
  3. Prefiro pagar 5000 num pacote de acabamento. Está muito precário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pacote de acabamento custa R$ 1.950 reais, e chama Design View.

      Excluir
    2. Não. Esse pacote nao mida os plasticos duros e rebarbas. Tbm nao melhora a "napa" usada para forrar bancos e portas, tampouco coloca aro 18 nas rodas minusculas 17. Tbm nao atualiza o volante velho usado em gol e voyage. Era pra realmente diferenciar o acabamento. Renegade, kiks, creta e HRV tem acabamento mt superior. O motor pode ser inferior, mas ninguém usa isso em sua totalidade, mas qualidade denteo da cabine sim.

      Excluir
  4. Colocar uma tecnologia dessas num carro de acabamento porco como é o T Plástico ruim é o mesmo que botar brinco de ouro em focinho de gambá!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legislador..rsrs..isso foi engraçado.😂

      Excluir
    2. Coitados das haters. Tão burras. Só sabem repetir o mimimi do acabamento, por ser totalmente subjetivo.

      Elas estão desesperadas com as vendas do T-Cross, bombando cada vez mais.

      Então como o QI de papagaio só permite repetir, eles repetem, repetem, achando que com isso vão influenciar alguém. Sim, influenciam outros idiotas iguais a eles. E esses se juntam na repetição.

      O resultado é que mais pessoas ficam sabendo do T-Cross, vão nas concessionárias conferir o acabamento, verificam que é o melhor do segmento, e compram cada vez mais T-Cross!!

      legal né!????

      Excluir
    3. Mas que diabos é isso que você falou desesperadas com as vendas do t-cross?"Isso é ridículo da sua parte.. você é digno de pena por ter essas alucinações..

      Excluir
    4. Meu ídolo, Carlos, disse tudo. Gooool da Alemanha!

      Excluir
  5. Quando a VW vai aprender que essa política de pacotes só prejudica o consumidor? Quando for revender o carro, o comprador não vai estar nem aí se você colocou um pacote de 5000 reais, e falando sério, esse negócio de painel digital é frescura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é uma grande verdade.

      Um Jetta TSI 2015 a 2017 mesmo com pacote Premium e teto é vendido abaixo da Fipe.

      E quando comprado novo, para se ter essa configuração foi pago quase 20k além do valor do carro.

      Se fosse uma versão fechada seria muito melhor para o consumidor.

      Melhor exemplo que o "best seller" Corolla não há.

      Se vc quer xênon, bancos elétricos, ar dual zone, rodas diamantadas e etc vc compra o Altis, que tem tabela própria e desvalorização própria. Se isso não te interessar,tem o XEI ou GLI.

      Excluir
    2. e desde quando ela se preocupa com o consumidor?

      Excluir
  6. Display frufru, painel loco era o do antigo kadett gsi

    ResponderExcluir
  7. O T-Cross vem agradando muito os proprietários, vejam:

    "COMPARANDO COM OUTROS SUVS QUE TESTEI É O MELHOR"

    Volkswagen T-Cross Highline 1.4 TSi AT 2019/2020
    Gladston - Almenara MG
    Dono há menos de 1 ano - 900 km
    Estilo 10
    Acabamento 10
    Posição de dirigir 10
    ..
    Carro anterior: Toyota Corolla
    Prós:
    MUITO CONFORTÁVEL- MUITO POTENTE E MESMO EM ALTA VELOCIDADE TEM MUITA ESTABILIDADE. FALAM DO
    ACABAMENTO EM PLASTICO MAS É MUITO FIRME SEM BARULHO. TEM CONFORTO DE UM SEDAN. EXCELENTE CARRO..
    Contras:
    NENHUM
    Defeitos apresentados:
    NENHUM
    Opinião Geral:
    SHOW DE CARRO..
    12/05/2019 16:18:00

    "UM GRANDE CARRO VOLKS"
    Volkswagen T-Cross Highline 1.4 TSi AT 2019/2020
    Carlos - Rio de Janeiro RJ
    Dono há menos de 1 ano - 400 km
    Carro anterior: Renault Captur
    Prós:
    CARRO MUITO SILENCIOSO, EM TERMO DE CONSUMO FAZ 12KM NO TRANSITO E 16 NA ESTRADA COM GASOLINA
    EXCELENTE
    Contras:
    NENHUM
    Defeitos apresentados:
    NENHUM
    Opinião Geral:
    EXCELENTE
    29/04/2019 16:33:00

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz...

      Excluir
    2. Rodou 900km e já faz avaliação...

      Excluir
    3. Opiniões do site carrosnaweb são fiéis amigo, a satisfação do cliente é evidente

      Excluir
    4. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz...

      Excluir
  8. Comparativo T-Cross x Jeep Compass x Honda HR-V - vitória do T-Cross

    https://g1.globo.com/carros/noticia/2019/07/23/honda-hr-v-touring-volkswagen-t-cross-highline-e-jeep-compass-limited-comparativo.ghtml

    "Além dos custos de pós-venda mais em conta, o T-Cross também tem o preço de compra mais baixo do comparativo. A versão Highline é vendida por R$ 109.990. Mas este valor não inclui os equipamentos mais atrativos – eles são vendidos à parte em pacotes."


    "Mesmo com todos os opcionais, O T-Corss não passa de R$ 124.840, com teto solar panorâmico e faróis full-LED disponíveis no HR-V e o sistema de estacionamento autônomo disponível no Compass. E vai além, com um quadro de instrumentos totalmente digital e 4 modos diferentes de condução."

    "Ao volante, o SUV alemão (T-Cross) também mostra ser o mais equilibrado dos três modelos, superando o HR-V turbo.

    O Volkswagen compensa os 23 cv a menos com um torque melhor – 25,5 kgfm contra 22,4 kgfm do Honda. Além disso, ele pesa quase 100 kg a menos. É como se o HR-V estivesse rodando todo o tempo com uma pessoa a mais e algumas malas no compartimento de bagagens.

    A sensação de que o T-Cross é superior ainda é reforçada por um câmbio mais esperto e um acerto de direção e suspensão mais refinados – os dois modelos são "durinhos", mas o HR-V está um degrau abaixo, por não oferecer uma transferência tão genuína para o motorista do que acontece no solo.
    "


    "No fim, o equilíbrio é a chave da vitória do T-Cross. O triunfo é justificado pelo preço de compra mais baixo, custos de seguro e manutenção mais amigáveis, baixo consumo de combustível, bom espaço interno e oferta generosa de equipamentos."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz...

      Excluir
    2. Além do conjunto mais equilibrado do T-Cross (desempenho, espaço, consumo e equipamentos) tem o melhor preço. Compra racional.

      Excluir
    3. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz..

      Excluir
  9. https://quatrorodas.abril.com.br/testes/supercomparativo-colocamos-a-prova-estes-12-suvs-de-ate-r-95-000/

    Supercomparativo: colocamos à prova estes 12 SUVs de até R$ 95.000

    Fizemos o maior comparativo da história da QUATRO RODAS para revelar quem é quem no segmento de SUVs compactos do Brasil, até R$ 95.000

    Por Paulo Campo Grande e Péricles Malheiros
    15 maio 2019, 08h29


    Nos últimos tempos, não há edição de QUATRO RODAS sem pelo menos um SUV em destaque. Não é para menos. Esse é o segmento que mais cresce no Brasil.

    Os lançamentos não param e cada novo modelo chega em diferentes versões de motor, acabamento e conteúdo, o que nos convida a avaliar os carros em suas diferentes configurações, comparando-os com diferentes rivais.

    Em janeiro, selecionamos os competidores por faixa de preço (SUVs até R$ 85.000). Em abril, foi a vez do VW T-Cross na versão topo de linha encarar concorrentes em versões completas.

    As combinações se multiplicam e cada mudança na lista de modelos produz resultados diferentes.

    O Renegade costuma se dar bem entre as versões mais sofisticadas e ficar em desvantagem entre as mais simples, comportamento oposto ao do Kicks, que se destaca entre as opções mais baratas.

    Agora, convocamos todos os SUVs compactos do mercado, neste que se tornou o mais numeroso comparativo já realizado pela revista. Foram 12 modelos reunidos.

    O único que ficou de fora foi o Suzuki Vitara, porque a fábrica não dispunha do modelo. Nem todos SUVs mostrados nas fotos correspondem às versões consideradas no comparativo (o texto avisa quando isso ocorre). Veja a seguir.

    ...

    Veredicto QUATRO RODAS

    Na amostra considerada, encontramos opções com pontos fortes e fracos em diferentes aspectos. Mas, analisando esses 12 SUVs, fizemos uma radiografia que mostra quais deles têm maiores possibilidades de atender às expectativas dos consumidores.

    Do primeiro ao último colocado, a classificação foi a seguinte: T-Cross, Kicks, Tiggo 5X, Creta, T50, C4 Cactus, EcoSport, Captur, HR-V, Tracker, 2008 e Renegade.


    Melhor SUV até R$ 100 mil: T-Cross

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz...

      Excluir
    2. Contra análise técnica da QR e AE não há argumentos mesmo

      Excluir
    3. Tão boa análise técnica da QR q em 1998 colocou o Marea como melhor escolha entre Vectra e Honda Civic!
      Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      CHora q passa!

      Excluir
  10. Em compensação parece que removeram o pacote de som beats e park assist do Comfortline.

    ResponderExcluir
  11. Eu nao concordarem jamais com estes pacotes. Na hora da revenda você só recebe o valor do modelo padrão. Portanto estes pacotes implicam em uma desvalorização real que não aparece nas estatística de desvalorização do midelo. Correto estão as japonesas e francesas que tem três modelos padrão.

    ResponderExcluir
  12. Volkswagen voltou aos tempos de gloria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só me resta rir de você, está tendo alucinações como a Carlota!

      Excluir
    2. Esse gosta de passar vergonha!
      Já é uma vergonha por dizer que é engenheiro químico e não ter carro ainda.
      Vergonha por babar ovo de graça pra marca que nem sabe que ele existe.
      Pelo menos podemos ler as bobagens dele e dar boas risadas!

      Excluir
  13. Isso, vai lá comprar o carro, encher de opcionais e na hora da revenda eles não valerem nada!

    ResponderExcluir
  14. Matéria irrisória. Quero saber é do RECALL da Amarok...!!!
    Hahahahahahaha

    ResponderExcluir
  15. Agora vê se vende, bagaça!!! Ô vai continuar tomando pirulito até do TrecoSport?

    ResponderExcluir
  16. Pagar 5% do valor do carro num kit de bobagens.

    O que importa é o motor TSI, o câmbio automático, isso aí é frescura.

    Pode fazer sentido num carro de mais de R$ 150, 200 mil, mas nessa categoria popular é puro deslumbramento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se pensa assim é só comprar sem.

      Excluir
    2. Ainda se fosse possível espelhar Waze nessa tela, teria alguma utilidade.

      Caso contrário, é só pra mostrar pro vizinho.

      Excluir
  17. Mais de 100mil nesses suvs d boutique, simplesmente não vale! Na minha modesta opinião!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguém aqui perguntou a sua opinião ?

      Excluir
    2. Que eu saiba quando se abre campo para comentários, geralmente se abre um local destinado opiniões. Portanto relinche menos, subordinado do Carlos!

      Excluir
  18. Tem que ser muito louco para pagar 100 mil, em um carro que é inferior ao jetta que custa 90 mil. É apenas um polo cross, nada mais que isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O T-Cross é o melhor SUV do mercado até R$ 100 mil reais, até R$ 110 mil reais, e até R$ 140 mil reais. Superior a todos em tudo, como demonstrado tecnicamente pelos comparativos das principais revistas automotivas: Quatro Rodas e Auto Esporte:
      https://quatrorodas.abril.com.br/testes/supercomparativo-colocamos-a-prova-estes-12-suvs-de-ate-r-95-000/

      Supercomparativo: colocamos à prova estes 12 SUVs de até R$ 95.000

      Fizemos o maior comparativo da história da QUATRO RODAS para revelar quem é quem no segmento de SUVs compactos do Brasil, até R$ 95.000

      Por Paulo Campo Grande e Péricles Malheiros
      15 maio 2019, 08h29


      Nos últimos tempos, não há edição de QUATRO RODAS sem pelo menos um SUV em destaque. Não é para menos. Esse é o segmento que mais cresce no Brasil.

      Os lançamentos não param e cada novo modelo chega em diferentes versões de motor, acabamento e conteúdo, o que nos convida a avaliar os carros em suas diferentes configurações, comparando-os com diferentes rivais.

      Em janeiro, selecionamos os competidores por faixa de preço (SUVs até R$ 85.000). Em abril, foi a vez do VW T-Cross na versão topo de linha encarar concorrentes em versões completas.

      As combinações se multiplicam e cada mudança na lista de modelos produz resultados diferentes.

      O Renegade costuma se dar bem entre as versões mais sofisticadas e ficar em desvantagem entre as mais simples, comportamento oposto ao do Kicks, que se destaca entre as opções mais baratas.

      Agora, convocamos todos os SUVs compactos do mercado, neste que se tornou o mais numeroso comparativo já realizado pela revista. Foram 12 modelos reunidos.

      O único que ficou de fora foi o Suzuki Vitara, porque a fábrica não dispunha do modelo. Nem todos SUVs mostrados nas fotos correspondem às versões consideradas no comparativo (o texto avisa quando isso ocorre). Veja a seguir.

      ...

      Veredicto QUATRO RODAS

      Na amostra considerada, encontramos opções com pontos fortes e fracos em diferentes aspectos. Mas, analisando esses 12 SUVs, fizemos uma radiografia que mostra quais deles têm maiores possibilidades de atender às expectativas dos consumidores.

      Do primeiro ao último colocado, a classificação foi a seguinte: T-Cross, Kicks, Tiggo 5X, Creta, T50, C4 Cactus, EcoSport, Captur, HR-V, Tracker, 2008 e Renegade.


      Melhor SUV até R$ 100 mil: T-Cross


      Sem dúvida alguma, até R$ 100 mil, o T-Cross é disparado o melhor. O que anda mais, bebe menos, o mais seguro e bem acabado. O mais espaçoso, e o mais completo. Melhor custo x benefício.

      https://www.car.blog.br/2019/05/volkswagen-t-cross-10-tsi-tsi.html



      Excluir
    2. Comparativo T-Cross x Jeep Compass x Honda HR-V - vitória do T-Cross

      https://g1.globo.com/carros/noticia/2019/07/23/honda-hr-v-touring-volkswagen-t-cross-highline-e-jeep-compass-limited-comparativo.ghtml

      "Além dos custos de pós-venda mais em conta, o T-Cross também tem o preço de compra mais baixo do comparativo. A versão Highline é vendida por R$ 109.990. Mas este valor não inclui os equipamentos mais atrativos – eles são vendidos à parte em pacotes."


      "Mesmo com todos os opcionais, O T-Corss não passa de R$ 124.840, com teto solar panorâmico e faróis full-LED disponíveis no HR-V e o sistema de estacionamento autônomo disponível no Compass. E vai além, com um quadro de instrumentos totalmente digital e 4 modos diferentes de condução."

      "Ao volante, o SUV alemão (T-Cross) também mostra ser o mais equilibrado dos três modelos, superando o HR-V turbo.

      O Volkswagen compensa os 23 cv a menos com um torque melhor – 25,5 kgfm contra 22,4 kgfm do Honda. Além disso, ele pesa quase 100 kg a menos. É como se o HR-V estivesse rodando todo o tempo com uma pessoa a mais e algumas malas no compartimento de bagagens.

      A sensação de que o T-Cross é superior ainda é reforçada por um câmbio mais esperto e um acerto de direção e suspensão mais refinados – os dois modelos são "durinhos", mas o HR-V está um degrau abaixo, por não oferecer uma transferência tão genuína para o motorista do que acontece no solo.
      "


      "No fim, o equilíbrio é a chave da vitória do T-Cross. O triunfo é justificado pelo preço de compra mais baixo, custos de seguro e manutenção mais amigáveis, baixo consumo de combustível, bom espaço interno e oferta generosa de equipamentos."


      Excluir
    3. Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz....

      Excluir
    4. Nenhum SUV compacto é melhor do que um sedã médio, apesar daquele ser mais caro. Todos eles partem de modelos compactos, incluindo o Creta (HB20), HRV (Fit), EcoSport (Fiesta), Kicks (March)... contudo, o consumidor o prefere e paga mais caro. Dizer que Jetta é melhor que TCross, não mudará essa preferência.

      Excluir
  19. A oferta do cluster digital será um ótimo atrativo para a versão Comfortline, dirigir com o GPS no painel de instrumentos é outro nível de conforto, nas rodovias a visualização das curvas no painel favorecem o total domínio da pista e maior segurança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada a ver.

      Todo mundo usa Waze, esse GPS velho aí é inútil.

      Pode espelhar esse treco no para-brisa inteiro, que é INÚTIL, pois as pessoas vão continuar usando Waze, que só espelha na central.

      Excluir
  20. Quando chegar o novo onix, hb20 ou sei lá mais o que eu tô achando que vão integrar direto alguns desses opcionais, baixar o preço do info display e deixar como opcional para o Polo e virtus confortline também.

    ResponderExcluir
  21. Agora tecnologia mesmo que eu queria saber é do asfalto bom, liso e durável porque o ruim tem no país inteiro. Nunca vi notícia disso nem em blogs, YouTubers, revistas etc. Deve ser mais secreto que avião stealth americano.

    ResponderExcluir
  22. Custando quase um mesmo que um Renegade Limited, que é bem mais completo.

    ResponderExcluir
  23. Sabe o que deviam fazer? É colocar o motor 1.4 neste Comfortline e manter os 99.000 Bolsonaros....Ia bombar....sou dono de um Polo e estou aguardando o preço baixar..

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.