Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Audi A1 2019 será fabricado no Brasil, diz jornalista

Categorias: , , , 29 Comentários

O jornalista Roberto Nasser informa, em sua coluna "De Carro Por aí" do dia 29/06/2018, que a Audi fabricará a nova geração do compacto A1 no Brasil, em sua unidade de São José dos Pinhais. Audi A3 Sedan e Q3, porém, deixarão de ser fabricados no Brasil e voltarão a ser importados.

Novo Audi A1 2019 será fabricado no Brasil, diz jornalista

A segunda geração do Audi A1 foi apresentada na semana passada. O modelo adota a mesma plataforma do VW Polo (MQB-A0), mas com estética da Audi - tornando-o diferenciado em relação ao hatch médio da VW. Entretanto, "por baixo da pele" há um amplo compartilhamento de peças com o Polo - e é isso que viabilizará a produção do modelo no Brasil e sua oferta em preços competitivos.

Novo Audi A1 2019 será fabricado no Brasil, diz jornalista

O novo Audi A1 usa todo o conjunto mecânico do Novo Polo: motor, transmissão, direção, suspensão e freios. São os mesmos também o sistema elétrico e eletrônico - o que concorre para redução de custos em função de economias decorrentes de escala de produção.

Novo Audi A1 2019 será fabricado no Brasil, diz jornalista

Com preço competitivo, Nasser aponta que o A1 pode garantir boas vendas, apontando a fórmula para a Audi se diferenciar de BMW e Mercedes: "se libertar das vendas dos produtos limitadas pela etiqueta de preço. Ou seja, para vender mais, preço menor."


Além da mecânica, o Audi A1 usa do Polo a estrutura do painel, comandos, instrumentação, coluna de direção - apenas as saídas de ar são exclusivas do A1. Até mesmo o Virtual Cockpit do Audi A1 é o mesmo do Polo.

Novo Audi A1 2019

Segundo o jornalista, a estratégia aposta no máximo compartilhamento para elevar nacionalização e reduzir preços. Com o emblema das quatro argolas na dianteira, todavia, o modelo terá o rótulo premium, e, portanto, será mais caro que o Polo.

Novo Audi A1 2019 será fabricado no Brasil, diz jornalista

Os motores que serão usados no Audi A1 no Brasil são os do Polo: o 200 TSI de 128 cv, 250 TSI de 150 cv - associados com transmissão automática de seis marchas. Na Europa há ainda uma versão 2.0 TSI, mas esse propulsor no modelo nacional seria apenas uma "série especial".



A data de início de fabricação do novo A1 depende, porém, de definição do novo regime automotivo - algo que deve ficar para o próximo governo.

29 comentários:

  1. Tá de brincadeira, um polo com argolas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo menos tem um design interno e externo melhor. O problema é o que a Audi irá cobrar por isso...

      Excluir
  2. Qual vai ser a diferença então entre um Polo e um Audi A1?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Moço.Não tem nada a ver. O motor e acabamento são outros. Conversa do apresentador. Acho q vai arrebentar. Não tem concorrente.

      Excluir
    2. Só são parecidos no tamanho, e usam a mesma plataforma.

      Excluir
  3. O Audi A1 não se parece em nada com o Polo visualmente. Não há nada externa ou internamente que remeta ao Polo.

    Há uma identificação visual forte do Audi A1, totalmente diferenciado do Polo. Basta ver a lateral do A1, com sua coluna C larga e sem janela, totalmente diferente.

    Mas o Audi A1 é igual ao Polo na alma, só que com uma roupagem premium. A plataforma é a magnífica MQB-A0 que resulta em 10 estrelas + Advanced Award.

    Os motores são os altamente tecnológicos turbinados com injeção direta.

    O A1 tem ajuste de suspensão, freios e direção diferenciados. E conta com Audi Drive Select.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico toda molhadinha ne caloi?

      Excluir
    2. realmente por fora nao tem nada a ver mas o PAINEL PQP né poderiam ter feito diferente, parece um Polo xunado

      Excluir
    3. painel não tem absolutamente nada a ver com o do Polo. Tanto Polo quanto A1 tem ótimos e lindos paineis, mas com desenho próprio cada um. O do A1 é obviamente mais sofisticado.

      Excluir
    4. a tá entao coloca a foto dos dois um ao lado do outro. jesuis kkkkkkkkkkkk

      Excluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. O Audi A1 poderá entrar na mesma onde de sucesso estrondoso do Polo. Ou seja, fabricado no Brasil, partindo de 90k, poderá ficar no top 20, liderando o mercado premium com facilidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é o up! que lidera o mercado Premium?

      Excluir
    2. Partindo de 90k terá o mesmo preço do golf,teria que ser uns 10k mais barato para vender bem

      Excluir
    3. Xi, ferrou Audi, o Carlos fez mais uma das suas previsões que nunca acontecem.

      Excluir
  6. O Audi A1 de entrada sempre teve preço similar ao do Golf Highline. Assim, tudo indica que partirá de 110 mil reais, o que seria muito caro para um polo com a carcaça da audi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O A1 de entrada sempre foi importado da Alemanha, pagando 35% de imposto de importação.

      Este novo Audi A1 será fabricado no Brasil, compartilhando uma série de componentes com o Polo.

      Aposto em preços do Novo A1 partindo de R$ 85 mil reais.

      Seria interessante refletir um mínimo antes de sair relinchando baboseiras sem sentido.

      Excluir
  7. Claro que será fabricado aqui. É um “Polo de argolas”, como disseram acima

    ResponderExcluir
  8. Trazer esse carro pro Brasil já não faz sentido, quanto mais produzir ele aqui... Notícia sem fundamento.

    ResponderExcluir
  9. Carro de nicho.
    Lamentável a decisão da VW.
    Tá provado que o país consome SUV's.
    O Q3 é caríssimo e tem projeto antigo.
    O Tiguan allspace é um horror de tão feio.
    Perderam a oportubidade de fazer um SUV que agrade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh My Gosh, um talento de marketing e estratégia empresariam desperdiçado e descoberto nestes comentários. Uma das maiores marcas premium do planeta, que vende mais de 2 milhões de caros por ano não sabe avaliar qual o carro correto para fabricar no Brasil.

      Por favor, pense um pouco antes de relinchar tanto. O Audi A1 compartilha plataforma com o Polo/Virtus, que são sucessos estrondosos no Brasil.

      Esse carro terá preço de produção muito baixo, tem porte de hatch médio (muito maior que o outro A1), marca premium e muita tecnologia.

      Este carro vai fazer um sucesso enorme.

      E outra. A moda dos SUV´s está passando. Podem ver como HR-V e Creta estão despencando nas tabelas de vendas. Enquanto isso hatchs médios como o Polo disparando.

      Excluir
    2. Vi a nova Tiguan no Css VW inclusive a All Space. Eu que não gosto de SUV mas compraria uma Tiguan. Ficaram muito bonitas e com acabamento e powertrain primorosos.

      Excluir
    3. Queridinhos dos brasileiros, os utilitários esportivos ganham força e só crescem no mercado. Décadas atrás apostar nesse segmento seria ousado. Pois quem ousou, se deu muito bem. Hoje, os SUVs já são responsáveis por 25% do total dos carros emplacados, e segundo a Fenabrave (Federação dos Distribuidores de Veículos), o Jeep Compass é o destaque. O percentual é referente ao mês de maio. É a segunda maior fatia do mercado atrás apenas dos hatchs pequenos, que representam 27%.
      Fonte: Carros - iG @ http://carros.ig.com.br/colunas/carros-do-celio/2018-06-29/jeep-no-brasil.html

      Excluir
  10. Agora sim o Polo ficou bonito! Tá lindo esse A1! A depender do preço vai vender muito!!!

    ResponderExcluir
  11. Aproveitando a fabrica do up e Golf que estão ocisosas devido a baixa demanda

    ResponderExcluir
  12. Se a Audi BR colocar o powertrain do Polo 200 no A1 vai fracassar. A1 deveria vir com 1.4 TSI e DSG6 e, se possivel a suspensão traseira do GTI. O carro ficaria muito bom e pronto pra receber o motor TSI 350.

    ResponderExcluir
  13. Então irão deixar de fabricar o A3 "aperfeiçoado"? kkkk

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.