Car.blog.br

Pesquisar este blog

Honda City EXL 2018: avaliação, preço, consumo - vídeo

Categorias: , , , 62 Comentários

O segmento de sedas compactos médios é hoje um dos mais competitivos do mercado brasileiro. Esses modelos são menores, mais leves e mais acessíveis que os sedãs médios - o que os tornam atrativos para quem precisa um carro familiar.

Honda City 2018 EXL CVT

Um dos veículos que inaugurou esse segmento é o Honda City, cuja geração atual chegou ao Brasil em 2015, tendo se provado um sucesso entre os consumidores. Baixos custos de manutenção, powertrain eficiente e confiável, ele se configurou a porta de acesso aos sedãs da Honda.

Vídeo avaliação - Honda City EXL 2018



Nesta linha 2018 o City mantém as tradicionais características de bom espaço e acabamento, e agrega recursos de tecnologia e conveniência, além de um exterior mais elegante. Neste artigo avaliamos a versão topo de gama, EXL, precificada em R$ 83.400 reais.

Honda City 2018 EXL CVT

Nesta atualização do ano modelo de 2018, a Honda deu ao City um visual mais sofisticado. Não que o modelo anterior tenha algo particularmente errado com o design, mas nesta linha 2018 a dianteira mais proeminente agora vem com faróis maiores, uma nova grade frontal "Solid Wing Face" e luzes diurnas LED (DRLs). Em suma, a City 2018 agora se parece muito com seu irmão maior, o Civic 10.

Honda City 2018 EXL CVT

Outra novidade no Civic 2018 são as rodas de 16 polegadas com pintura diamantada. Na traseira há um novo para-choque, lanternas em LED, e tudo o mais permanece inalterado, incluindo as linhas de caráter ressaltadas na lateral.

Honda City 2018 EXL CVT

Abra as portas e você será recebido com uma cabine livre de desordem. O interior tem um design minimalista, onde tudo está onde deveria estar - o que contribui para um layout ergonômico.

Honda City 2018 EXL CVT

Todas as versões do City 2018 vem com uma direção com assistência elétrica com ajuste em altura e profundidade, associado ao assento do motorista totalmente ajustável. São características típicas de um sedã médio em um compacto.

Honda City 2018 EXL CVT

Nesta versão topo de gama há bancos revestidos em couro, juntamente com o volante e a manopla de transmissão.

Honda City 2018 EXL CVT

Os bancos dianteiros são grandes e largos, e oferecem ótimo apoio lateral para motorista e passageiro. O espaço no porta-malas é excelente - de 536 litros-, e no interior idem - graças ao entre-eixos de 2,6 metros até três adultos se acomodam na traseira.

Honda City 2018 EXL CVT

De série, o City EXL vem equipado com um sistema de informação e entretenimento com tela de 7 polegadas, sistema de navegação integrado e capacidade de espelhamento de tela de smartphone via Android Auto e Apple CarPlay.

Honda City 2018 EXL CVT

Em comparação com a unidade anterior, este sistema é mais rápido na resposta às entradas e comandos. É muito fácil conectar o telefone ao sistema via Bluetooth, e a conexão no console central oferece carga.

Honda City 2018 EXL CVT

Além disso, ele traz seis airbags, ar-condicionado digital de zona única de climatização, volante multifuncional, piloto automático, e múltiplos porta-objetos, sendo o central, do descansa braço, com revestimento inferior em feltro.

Honda City 2018 EXL CVT

Os notáveis ausentes nesta linha 2018 são o controle de estabilidade e tração, junto com o Hill Assist (aplicados na linha 2018 do City), além de faróis com acendimento automático e sensor de chuva e crepuscular - itens que seriam bem vindos nesta versão acima de R$ 80 mil reais.

Honda City 2018 EXL CVT

Residindo sob o capô está o motor de quatro cilindros i-VTEC 1,5 litros, que produz 115 cavalos e 15,2 Kgfm de torque com gasolina, e 116 cavalos/15,2 Kgfm com etanol, associado com uma transmissão automática continuamente variável (CVT), com opção S, e 7 marchas simuladas. A tração é dianteira.

Honda City 2018 EXL CVT

O motor de 1,5 litros pode parecer e soar mediano em face do peso de 1.137 Kg do sedã. Mas, na prática, o Cit5 1.5 CVT é ágil e entrega o que se espera de um sedã desse porte em termos de desempenho. Segundo a Honda, ele acelera de 0 a 100 Km/h em 11,3 segundos, e atinge 175 Km/h.


Ele é ágil em cidade e estrada, embora quando se exige o motor, o ruído invade a cabine com desenvoltura, sobretudo quando a transmissão procura rotações mais elevadas. A maior parte de sua potência está na faixa de média a alta rotação, mas ainda assim tem um boa resposta, e o sistema i-VTEC deixa o City agradável em uso urbano em baixos regimes.

Honda City 2018 EXL CVT

Quanto ao consumo, segundo o INMETRO, o City consume 8,5 Km/l de etanol em cidade, e 12,5 Km/l de gasolina. Em estrada melhora para 10,3 Km/l de etanol, e 14,5 Km/l de gasolina.

Honda City 2018 EXL CVT

Em nosso percurso de uma semana, em Brasília (DF), com esse modelo cedido pela Honda, obtivemos 12 Km/l de gasolina, com o ar-condicionado ligado 100% do tempo, e no mínimo 2 pessoas a bordo.

Honda City 2018 EXL CVT

Além das respostas do powertrain, o que eu gostei no City é sua qualidade do passeio. Não é tão macio que os passageiros possam sentir-se enjoados, e nem muito firme. O ajuste é bem equilibrado. Igualmente bom é a sua frenagem progressiva, que transmite confiança tanto em frenagens normais quanto de emergência.

Conclusão

A Honda goza de um prestígio  de marca premium junto ao consumidor brasileiro, fruto do pós-venda impecável oferecido pelas concessionárias, confiabilidade e aura de alta tecnologia, e isso tem um preço.

Honda City 2018 EXL CVT

Em suma, o Honda City EXL 1.5 CVT 2018 não é exatamente um exemplo de bom custo x benefício, mas é um carro que transpira qualidade de montagem, bem equipado, com amplo espaço interno, bom desempenho, baixo consumo e muito agradável de ser usado no dia a dia.

62 comentários:

  1. sou muito mais o vitus ..por mais tecnologia embarcada a honda ta ficando louca 83.400,00 neste carrinho boqueta...loucura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que exagero!! Chamar o Honda City de carrinho boqueta é muita insensatez. E olha q eu nem sou fã desse carro.

      Excluir
    2. Leandro, gosto é que igual a c* cada um tem o seu, quem tem dinheiro compra, agora chamar de boqueta não dá né ! Não entende nada de carro

      Excluir
    3. ta ai sua resposta.... agora se eu entendo de carro esta vamos ver ...

      Excluir
    4. Vamos ser justo, é um bom carro, mais nesse momento o Virtus é superior

      Excluir
    5. Virtus pode ser melhor como produto, mas a Honda dá uma lavada quando o assunto é pós-venda.

      E o que isso tem haver?
      R.: Por melhor que Virtus seja não tirou sequer 1 venda do City ...

      Excluir
    6. trabalho com compra e venda de carros a mais de 15 anos sei muito bém quem é bom e quem e ruim neste ramo meu amigo..Eduardo zacchi .. agora se vc só quer chamar atenção vc conseguiu... parabéns pela palhaçada ...nos que trabalhamos com veículos sabemos o que falta melhorar em cada modelo ja existente no mercado...não sou somente um fanático por carros ..todos nos temos princípios até mesmo na hora de opinar sobre um novo lançamento como este ai do novo city

      Excluir
    7. boqueta mesmo... beberrao, manco, cambio de enceradeira, mais um honda q se paga mais e leva menos.. mas os defensores acham um bom negócio.

      Excluir
    8. Virtus é sim bem superior, mas boqueta o city não é, pra mim o desenho interior do city é mais bonito.

      Excluir
    9. Virtus design Voyazão...
      No interior, tirando a central multimidia e o active info display, o City dá uma lavada... Externamente em design o City dá uma lavada no design VW sóbrio e cansado...
      Em mecânica (motor) e em tecnologia o Virtus ganha. Em segurança o Virtus só perde nos air-bags que o City completo tem 6...

      Excluir
    10. O unico Honda compacto que guiei foi um Fit 2014 1.5l Auto conversor. Uma decepção...motor barulhento...isolamento ruim. Nao sei como estaria hoje. Não vale quanto pesa.

      Excluir
    11. Quando você chama um carro de boqueta sem nunca ao menos ter tido um, seus argumentos se tornam nada... Ainda bem que você disse que trabalha nesse ramo!!! Agora sei exatamente onde NÃO procurar carros pra comprar!!!

      Excluir
  2. genti...se o city é tão bom porque não vendi?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Genti... se vc não tem o que falar porque não cala boca

      Excluir
    2. Compram somente os fãs da Honda que por sinal é ótima no pós venda !

      Excluir
  3. Realmente de frente ao virtus, mesmo fora das versoes tsi, porém completo o vw se faz melhor desde a msi completa... pra nao colocar as turbo na jogada. Mas a vw nao é confiavel como toyota e honda... se o virtus nao vencer, será apenas por isso. O brasileiro esta cansado de ser enganado. Fica a dica pra ford, fiat, vw e gm

    ResponderExcluir
  4. Nossa, não citaram a VW no post. Que milagreeeee...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em compensação, o fã clube VW sempre aparece em peso nos comments.

      Excluir
  5. carrão!! ele e o virtus vão estar bem servidos

    ResponderExcluir
  6. Farol de neblina em led? Aonde ... ???

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela reportagem, bom texto. Principalmente pelo o fato de ter falado sobre O carro que esta NO título da reportagem!

    ResponderExcluir
  8. Já tive Fiat, Renault, GM e Vw, de todas tenho
    histórias desagradaveis. Desde 2009 sou um feliz proprietário de Honda, inicialmente um fit e a partir de 2013 um city. Minha próxima compra já está 100% decidida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, já tive FIAT, dois VW, um Toyota, dois GM,meu atual carro seria o segundo GM. Nunca tive problemas com nenhum, exceto o primeiro GM, um Vectra GT 2010, que queimou a bomba de combustível com 12 mil km. Trocou na garantia, tudo OK.
      Só alegria com meus carros

      Excluir
    2. Parabéns pelos seus carros !!! Cada um compra a marca que quer e a grana que tem ! Gosto não se discute pois é igual a c* cada um tem o seu !

      Excluir
    3. Freitas, fã boy detect de Honda!! Chup*

      Excluir
  9. Tenho um city e jamais trocaria no virtus, minha prox opcao sera um civic semi novo ou um kicks semi novo tbm, quem compra carro japones NUNCA mais volta pra marca popular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wellinton, correto sua postagem, os caras não tem grana para comprar o carro e ficam postando bobagens ! Pós venda da Honda sem comparação com a VW !

      Excluir
    2. Não e questão de gosto. Como pagar 83k em um carro sem o mínimo de segurança? Tcs e esp? É muito simples esse city, se for comprar olhando somente pós venda e confiabilidade sou muito mais um Etios sedan.

      Excluir
    3. pra começar, voce não está falando de carro japones e sim carro montado no brasil. Japones de respeito é subaru e mazda.. o resto que se vende aqui no brasil é boquetagem....

      Excluir
  10. City, boquetagem pura. Mais de 80 mil sem ESP e TC?? Só louco que não tem pena do dinheiro pra comprar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Percebemos aqi um adolescente que nunca dirigiu carros, esp é um item fundamental para segurança e que é obrigatório em paises sérios. A honda deveria ter colocado, ate pq coloco no Fit... Vai entender

      Excluir
    2. Luiz concordo que foi uma mancada a Honda não colocar o esp de serie porém o esp atua em situações extremas,tenho carta a 20 anos e nunca passei por riscos simplesmente por andar conforme a lei respeitando os limites das vias e estradas..fica a dica pra quem fala muito sobre esse item,deve ser pilotos que andam em alta velocidade.

      Excluir
    3. A questão é pagar caro em um carro, sem ítens importantes de segurança. Pelo menos eu, dou valor ao meu dinheiro. Apesar da Honda fabricar bons carros, confiáveis, acha que tem um Rei na barriga.

      Excluir
    4. Elton vc nao conhece nada de carros mesmo. Pelo visto nunca dirigiu em chuva para falar q o ESP só atua em situações extremas....

      Excluir
    5. Então vc anda em chuva como homicida ? Sempre andei em chuva e nunca arrisquei minha vida, sempre tendo cuidado. Concordo com Elton!

      Excluir
    6. o ponto não é dirigir ou nao como homicida e sim a montadora negligenciar um item de baixo custo para ela.... isso que ela oferta em outros carros da marca. O problema é fanboy da marca defender essa ausencia ao invés de cobra-la. "apenas" isso.

      Excluir
  11. City pelo pós venda e Virtus pelo conjunto que entrega. Penso que num carro com até 3 anos de uso tenha que ser só revisão periódica, por isso optaria pelo Virtus, visto que na honda os valores das revisões são maiores, apesar do melhor atendimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acabei de pegar meu Virtus. 3 anos de revisão gratuita. Sensacional!

      Excluir
  12. Sensação de rodinhas pequenas...
    Pode ser um Honda etc, mas é um carro desproporcional.
    Vamos ver aquele novo Corollinha...

    ResponderExcluir
  13. Também concordo em que quem compra um Honda nunca mais vai querer carro popular é Brasileiro. O valor é um pouco salgado mais vale a pena quando se trata de Honda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. deixo bem claro aqui... sou muito fâ da honda mais este carro em si, esta acabando com a marca ele e desproporcional em tudo que vejo nele .. pelo preço pedido acho sim um carro boqueta (sem fundamento) mais esta e a minha opinião gente ..ao contrario do civic e outros da marca que admiro muito ...

      Excluir
  14. Tenho um City EX 2017 que usopro trabalho e está com 30.000km agora e também tenho um Golf 1.4TSi alemão.

    Em dirigibilidade dá Golf com 1.000 anos luz na frente, mas em conforto...

    Quando viajamos de carro, a família escolhe o City sem pensar duas vezes, em consumo é campeão e no pós vendas, coitada da VW...

    Por mais que tecnicamente o Golf seja superior, o Honda é mais confortável e atende muitíssimo bem as necessidades da família...

    Muito provavelmente o próximo carro será outro Honda...

    Toyota nem cogito...

    ResponderExcluir
  15. Erros fatais do City:
    - Design (alterações tímidas)
    - Motor e câmbio
    - Preço
    - itens de segurança

    ResponderExcluir
  16. Falando sério, como esse carrinho mequetrefe consegue vender o que vende? Carro mal acabado, motor fraco que morre de gritar pedindo socorro se você pisar um pouco, poucos equipamentos e caro.

    ResponderExcluir
  17. O City é um carro que vende pelo conjunto. Tudo nele é mediano, powertrain, segurança, plataforma, designe e foca com mais cuidado no interior, já que dentro transmiti uma sensação de qualidade e cuidado, coisa que infelizmente não aconteceu no Polo, um carro muito superior, dinâmico, com uma construção aprimorada e tímido em seu interior, fazendo com que o City seja uma escolha para muitos desavisados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boblop61, vc pensa que só vc entende de carro ? Por acaso já teve carros da Honda ? Gosto não se discute ! Falar até papagaio fala !

      Excluir
  18. Polo não concorre com o City e sim Virtus !!! Gosto não se discute !!!

    ResponderExcluir
  19. A que ponto chegamos... Mais de 80 mil num carro incompleto e com interior torto desses... Não tem essa de interior de qualidade... O carro tem painel torto, variação estranha de cores, materiais e texturas, enfim, feito pra economizar em projeto e montagem. Falta segurança também. O resto é mediano, até que bom, bom design externo, mas não deveria passar de 60, 65 mil... 80??? Dinheiro no lixo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem tem grana compra, quem não tem chupa o dedo ! Gosto não se discute, cada um tem o seu, por acaso já teve algum carro da Honda ? Aposto que nunca fez Test-drive ! Falar até papagaio fala !!!

      Excluir
    2. Pra vc ver. Basta oferecer pós-venda decente que a turma paga o que você pedir por um produto igualmente decente, mas de péssimo custo/benefício.

      Excluir
  20. Compraria esse carro tranquilamente. Me atende perfeitamente, não dá dor de cabeça e é tudo que quero. Nada de Vírus, Cronos ou Corolla.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem Civic eu queria, só esse carro me atenderia.

      Excluir
    2. Carlos, por acaso já teve carro da Honda ? Falar até papagaio fala ! Como dinheiro no lixo ? O dinheiro é do cara que compra e vc não tem nada com isso !

      Excluir
  21. É um bom carro. Mas a Honda abusa da amizade ao deixar o modelo sem ESP.

    ResponderExcluir
  22. Sem controle de estabilidade não dá.

    ResponderExcluir
  23. Excelente carro! Porém,.............. custa muito pelo que entrega.

    ResponderExcluir
  24. Como todo Honda, um bom carro...
    Como todo Honda, não vale o que custa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É caro sim, mas no caso do Civic, se você comparar o que a concorrência pede no segmento, verá que ele não está fora da realidade assim...

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.