Car.blog.br

Pesquisar este blog

Peugeot 5008 chega ao Brasil: preço R$ 157.490 reais

Categorias: , , 34 Comentários

A Peugeot do Brasil lança no mercado nacional o PEUGEOT 5008 – que chega nas versões Griffe e GriffePack – conta com a mesma plataforma do SUV PEUGEOT 3008, com preços partindo de R$ 157.490 reais.

Novo Peugeot 5008

A grande novidade fica por conta do maior espaço interno, um compartimento de bagagem de 780 litros, uma segunda fileira ajustável composta por três bancos independentes, além de dois bancos retráteis e removíveis na terceira fileira. Com seus quase 20 cm a mais de comprimento, ele é um utilitário esportivo que acomoda até sete passageiros.

Novo Peugeot 5008

O Peugeot 5008 mede 4,641 metros de comprimento, 1,646 metros de altura - o que resulta no maior espaço interno. A presença de três bancos independentes na segunda fileira é um grande diferencial do novo 5008 em termos de funcionalidade no segmento. Os assentos individuais proporcionam o mesmo nível de conforto aos três passageiros da segunda fileira. O comprimento é regulável em uma extensão de 150 mm, o que permite ajustar o espaço interno ou de carga do porta-malas. O aumento da distância entre eixos proporciona um generoso espaço para as pernas em todos os casos (um aumento de aproximadamente 60mm, o maior do segmento). A inclinação é regulável em cinco posições e os bancos têm um apoio de cabeça que não encobre a visão traseira na posição baixa – quando o banco não está ocupado.

Novo Peugeot 5008

O interior traz o cluster digital customizado de 12,3” que contém um bloco de mostradores digitais de alta resolução é dotado de um grafismo futurista. Totalmente personalizável, o painel de instrumentos tem quatro modos de visualização diferentes – acessíveis por meio de um comando no volante – o motorista pode compor o painel com as informações que quer ver.

Novo Peugeot 5008

No centro do painel há a tela sensível ao toque de 8'' é como se fosse um tablet posicionado no centro do painel de instrumentos e dispõe da tecnologia capacitiva. Ele tem seis elegantes teclas chamadas de toggle switches que proporcionam um acesso direto às principais funções de conforto: rádio, climatização, navegação, parâmetros do veículo, telefone e aplicativos móveis.

Novo Peugeot 5008

Outro diferencial se acha no interior do utilitário como bancos do motorista e passageiro dianteiro com massageador. O sistema pneumático com oito bolsas de ar proporciona uma experiência com cinco tipos de massagens diferentes que podem ser selecionados separadamente pelo condutor e passageiro.

Novo Peugeot 5008

Há ainda teto solar panorâmico que tem abertura automática, feita por meio de um botão na parte superior da cabine. Além disso, o teto vem com uma cortina com revestimento e guias luminosas azuis, Ambient Light, em LED.


O modelo traz sistemas avançados de segurança como Frenagem Automática de Emergência e Alerta de Colisão, Alerta – ativo - de Ultrapassagem Involuntária de Linha, Alerta de Atenção do Condutor; Comutação Automática de Faróis Altos/Baixos; Reconhecimento das Placas de Velocidade e Recomendações; Regulador De Velocidade Adaptativo com Função Stop; Sistema de Ponto Cego Ativo, entre outros.

Entre os recursos adicionais, há controle de estabilidade dinâmica; ABS, AFU - auxílio à frenagem de urgência, REF - repartidor eletrônico de frenagem e 6 airbags.

Novo Peugeot 5008

O motor é o 1.6 THP de 165 cv, abastecido apenas com gasolina, associado com câmbio automático de seis marchas, capaz de acelerá-lo de 0 a 100 K/h em 10,5 segundos para atingir 206 Km/h. O  consumo é de 9,1 Km/l em cidade, e 12,1 Km/l em estrada.

Ficha Técnica - Peugeot 5008

Clique para ampliar

Vídeo - Peugeot 5008



34 comentários:

  1. Por esse é preço e conteúdo, não tem pra ninguém, simplesmente o melhor da categoria.

    ResponderExcluir
  2. Veio para reinar! Acabou com a Equinox, CR_V, SW4 etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria verdade, não fosse o Brasil um país mergulhado na ignorância.

      Excluir
    2. Um ótimo carro. Só tem o diferencial de levar 7 pessoas, pois no restante perde em tudo pra Chevrolet Equinox.

      Excluir
    3. Problema é que traz meia dúzia, vende e depois demora para trazer mais, assim como acontece com 3008.

      Excluir
    4. reinar onde? aqui? acorda do seu sonho vai....

      Excluir
    5. Porque custa 40 000 reais a mais que o mesmo modelo vendido na Europa ? Porque os brasileiros ficam calados e pagam tanto ? Absurdo.

      Excluir
    6. Reinar nas oficinas mecânicas

      Excluir
  3. Bela máquina com excelente relação custo-benefício.

    ResponderExcluir
  4. E o Tiguan Allspace, Carlota? Chega quando, em 2035?

    ResponderExcluir
  5. Imaginem como é a Peugeot no Brasil a hora que esse carro comece a dar problemas de manutençào, principalmente na parte eletrônica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nem precisa imaginar.. está aí a realidade... inclusive, onde que tem CCS mesmo????

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Tem mais de 100 ccs no Brasil todo.

      Excluir
    4. fazendo as contas 3 ccs por ESTADO..... show hein!!!!!

      Excluir
    5. sim.. quem mora no interior tem que viajar kms para poder fazer revisao ou reparar algo como um simples recall...
      Não adianta querer defender, pq isso é inadimissivel!

      Excluir
    6. Claro que num país continental não dá pra uma marca sem grande volume de vendas ter boa presença no interior. Pra quem mora nessas regiões realmente fica complicado, o jeito é se conformar com um Fiat ou um VW.

      Excluir
  6. Ótimo preço para um SUV 7 lugares. Porém como alguém comentou problema da Peugeot é que o 3008 demoram até 120 dias para entregar e na negociação só avaliam o usado depois que a 3008 chegar além de dar um sinal. Esse foi meu motivo para não comprar a 3008.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ué, mas tem gente nesse blogs diz que o Polo leva 180 dias pra entregar. Logo, 120 dias é pouco.
      Sobre o 5008, deve ser um baita carro, mas a Peugeot não tem uma boa reputação no pós-venda. Familiares já tiveram Peugeot e não recomendam

      Excluir
  7. É preciso coragem e muito desapego com dinheiro, bens materiais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, mas não é uma questão de quem tem ou não recursos de comprar... Quem tem, muitas vezes (talvez, a maioria delas) não gosta de jogar fora não... Por isso é mais uma questão de desapego material... Pois as chances de desvalorização recorde é enorme, de problemas na marca, em peças importadas, atendimento... Enfim: não basta apenas ter grana, é preciso coragem!

      Excluir
  8. Sensacional esse carro.
    Esse painel é um show á parte.
    Se eu tivesse essa grana toda e condições financeiras pra bancar a manutenção dele, compraria de olhos fechados.

    ResponderExcluir
  9. carroça ..... que dia que este carro ganha de uma sw4 ..kkkk que viagem,,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. La onde trabalho tem Sw4 diesel top 7 lugares e 3008 griffe ...
      Tudo no pug eh melhor...pra dizer a verdade o interior parece q esta numa Bmw...banco q faz massagem...acabamento premium...agora imagine esse 5008

      Excluir
  10. Quem em sã consciência recomenda um peugeot? onde encontram-se as concessionárias? De que elas vivem, como vendem, donde vem? Compre um e verás você mesmo!

    ResponderExcluir
  11. Alguém aqui já teve carro da marca? Fui proprietário de 207 1.4 intermediário, 307 1.6 top manual e 308 full 1.6 THP ano 2013, e posso afirmar com categoria que os carros não deram problemas até 50 mil km rodados. Quem compra carros para rodar 100/200 mil quilômetros e almejam somente trocar baterias e óleos deve se internar por problemas mentais.

    Não existe carro que rode tanto assim que ao menos não seja necessário trocar um compressor de ar condicionado. Acordem! Quanto à rede de css, basta dar um google e verá a quantidade de têm por ai. Quem mora no interior melhor comprar um fiat com motor 1.8 torq, pq esse naipe de carro é o ideal para vcs.

    Eu vendi todos carros que tive da peugeot em pouco menos de 30 dias. O meu 308 THP fazia 9 na cidade e 12 na estrada. Sou entusiasta e estudei bastante antes de comprar o meu 3o carro da marca. Que loucura aquele motor, fora todos os itens de série. Vendi com 58 mil quilômetros e a última coisa que troquei foi o compressor do ar condicionado que quebrou. É óbvio que iria quebrar, afinal moro na zona sul do RJ. Vendi o carro por 43.500 com fipe de 44.800.

    Claro que o Golf é superior, mas custa 20 mil reais a mais. Comprem se puderem.

    Quanto à fama da marca, só tenho a dizer o seguinte:

    1. melhor motor 1.6 do mundo em 2013, humilhando 1.6 da mercedes e 1.8 TFSI da VW;
    2. melhor carro do mundo em 2015 (novo 308) e 2017 (3008);

    Aceitem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tive 3 Peugeots, dos populares mesmo (2 206 e 1 207). Os dois primeiros vendi com quase 100.000 km rodados. Não tiveram problemas, nada fora das manutenções comuns e venderam em menos de 2 semanas. O 207 deu problema no sensor de temperatura já fora da garantia, o que me custou pouco mais de 100 reais na época. Vendi esse último com mais ou menos 50 mil km e troquei por um Hyundai.
      Só troquei pelo Hyundai por causa da negociação na concessionária que foi melhor. A outra jogou o valor do 207 muito abaixo do que eu esperava, caso contrário, estaria hoje com o 4º Peugeot.

      Excluir
  12. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  13. Peugeot dando um show de eficiência,para quem pensa que lucratividade é só volume,essa montadora investe muito pouco em propaganda,oferece uma gama que não canibaliza um ao outro,tem um número de concessionárias quase ideal é por fim oferece produtos de última geração. Isso sim é ser eficiente e lucrativo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, a Peugeot focou na rentabilidade, o ticket médio da marca é de R$ 85 mil, muito mais alto que as marcas mais vendidas, vende menos mas com boa margem de lucro, diferentemente de certas marcas que vendem muito mas com margem quase zero ou mesmo negativa pra não perder market share.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.