Car.blog.br

Pesquisar este blog

JAC T40 2018 1.5 Flex Manual: impressões ao dirigir

Categorias: , , , 8 Comentários

A JAC Motors está tentando cair no gosto do povo brasileiro com seus lançamentos. A estratégia é oferecer um veículo completo, com preço muito competitivo e um elevado tempo de garantia. Esses fatores associados com um design acertado é a fórmula do JAC T40, que avaliamos neste artigo na configuração com com câmbio manual.

JAC T40 2018 MT: primeiras impressões

Na versão de entrada, o Jac T40 veículo parte de R$ 56.990 reais e, na topo de linha, sai por R$ 58.990 reais - valor que desperta a atenção dos consumidores por ser muito competitivo.

JAC T40 2018 MT: primeiras impressões

O veículo que estamos testando está com 9 mil km rodados. Notamos que a suspensão passa bastante impacto para o interior da cabine, porém, em estradas ou avenidas bem pavimentadas o comportamento é relativamente bom. Também é importante ressaltar que, mesmo com a baixa km, o veículo apresenta alguns barulhos da suspensão.

JAC T40 2018 MT: primeiras impressões

O modelo de testes é o topo de linha e conta com diversos itens de série, tais como: controle de estabilidade, controle de tração, assistente de partida em rampa, luzes diurnas de LED, sistema de monitoramento de pneus, piloto automático, faróis com acendimento automático, banco do motorista com regulagem de altura, rodas de 16 polegadas.


Há ainda direção elétrica, ar-condicionado digital, volante com revestimento em couro, câmera de ré de alta qualidade e central multimídia, além do Smart View Camera, um sistema de gravação de áudio e vídeo acoplado ao retrovisor interno instalado no para-brisa do T40.

JAC T40 2018 MT: primeiras impressões

O powertrain é conhecido por outros veículos da montadora: é o 1.5 Flex, capaz de gerar até 127 cv no etanol e 125 cv na gasolina e acopla uma transmissão manual de cinco velocidades. Em ciclo urbano, o veículo tem um bom comportamento - ágil e confortável. A direção, por ser elétrica, é bem macia e facilita nas manobras.

Conclusão


A Jac T40 impressiona no contato inicial pelo bom acabamento, dirigibilidade e comportamento em uso urbano, mas falta ainda um refinamento no ajuste de suspensão, para oferecer um melhor compromisso entre o comportamento em vistas de boa e de baixa qualidade.

8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Será que é só eu que acho o SUV mais atraente de todos? desde o desenho das rodas , até o design interno e externo, acabamento primoroso, enfim! pena ser um JAC ... bom e barato pra comprar , dificil e ruim pra manter e vender. Alguem sabe onde tem revendas JAC .. só capitais, e olha lá ..

    ResponderExcluir
  3. Por 59k e essa gama de itens, é um carro que pode chamar atenção!!! Só por favor JAC MOTORS, não abandone a fábrica, carros e os consumidores igual muitas outras chinesas...confiança vem com tempo e credibilidade!

    ResponderExcluir
  4. Um lixo essa marca.nao comprem nenhum carro... descartável....péssimo pós venda e faltam peças no Brasil.

    ResponderExcluir
  5. Na Argentina a Jac vai oferecer a linha atualizada em relação á motores, o T5 com motor 1.6 e o T6 com motor 1.5 turbo e cambio automático de dupla embreagem. Enquanto aqui?

    ResponderExcluir
  6. O Pessoal tá reclamando???
    Uai então vai e Compra um Argo 1.0 de 77 Cavalos por 50 Mil....
    Brasileiro é Bicho Besta Mesmo...
    Acostumado a Andar de Carroça e Vem Reclamar de Um Carrão Desse....
    Compra o Argo...Pelado por 46.900, com Multimidia sai por 50.900...
    Vai que é Tua Teffarel

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.