Car.blog.br

Pesquisar este blog

Citroen C4 Lounge: preços entre R$ 57 e R$ 77 mil reais

Categorias: , , , 41 Comentários

A Citroen do Brasil se prepara para lançar o Citroen C4 Lounge - carro que vem suceder o C4 Pallas no segmento de sedãs médios, um mercado dominado por Toyota CorollaHonda Civic, Chevrolet Cruze e Volkswagen Jetta. Dessa forma, a estratégia da montadora francesa é oferecer uma boa relação custo x benefício, posicionando o seu sedã em uma faixa de preço abaixo da concorrência.

Citroen C4 Lounge

O C4 Lounge topo de linha terá preço na casa dos R$ 77.000 reais, e oferecerá um motor 1.6 Turbo com 165 cv - o que representa um desconto de R$ 5.000 reais frente às versões top de Civic e Corolla, na faixa de R$ 82 mil.

Citroen C4 Lounge

Já o modelo de entrada será equipado com o motor 2.0 Flex - o mesmo que está atualmente no Pallas -, e será precificado na casa dos R$ 57.000 reais, ou seja, os mesmos R$ 5.000 reais de vantagem frente às versões de entrada de Civic e Corolla, na casa dos R$ 62.000 reais.

Outra novidade que chega com o C4 Lounge é o novo câmbio automático de seis marchas, que conta com programa esportivo "S" e ainda uma opção de ajuste para pisos com baixa aderência.


Em termos dimensionais, o novo sedã francês também impressiona. Começando pela distância entre-eixos de 2,71 metros (10 cm maior que a do Corolla) - o que favorece o espaço interno, especialmente no banco traseiro. Aliás, os passageiros do banco de trás contarão com saídas exclusivas de ar-condicionado. O porta-malas tem capacidade volumétrica de 440 litros.

Conclusão

O Citroen C4 Lounge chega no segundo semestre com bom espaço interno, preço inferior à concorrência, um conjunto mecânico honesto e que corrige antigas deficiências (como o câmbio automático de quatro marchas, substituído pelo de seis). Se isso vai ser suficiente para fazer o consumidor brasileiro superar os preconceitos que nutre em relação aos sedãs franceses só o tempo dirá. 

Novo Citroen C4 Pallas 2014 - painel



As fracas vendas do Renault Fluence, que também oferece boa relação custo x benefício e mecânica atualizada, indicam, porém, que apenas isso não tem sido suficiente.

Leia também: Citroen C3 Lounge - testando antes da hora

41 comentários:

  1. Fluence com vendas fracas? acho que não desde quando vender mais de 1100 unidades mensais é ser fraco? vende mais que Jetta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em maio o Jetta vendeu 40% a mais que o Fluence. Jetta 1475 e Fluence 1002. Portanto, Jetta vende mais que Fluence.

      Excluir
    2. esquece o Jetta Carlos.. para com isso...

      Excluir
    3. Boa Carlos, Jetta é melhor carro do mundo, tenho um de cada cor na minha garagem. kkkkkkkk

      Excluir
    4. Jetta???

      que carro é esse...??rs

      Excluir
    5. O Jetta é um carro tão mediocre que nem nos comparativos de carros de sua categoria ele não aparece...

      Civic, Corolla, Elantra, Cruze, Fluence, 408....

      veja esses carros antes de fazer a besteira de comprar um Jetta...

      Excluir
    6. O Jetta é um carro tão mediocre que nem nos comparativos de carros de sua categoria ele não aparece...

      http://quatrorodas.abril.com.br/carros/comparativos/civic-x-corolla-x-cruze-x-elantra-x-fluence-x-jetta-x-408-677134.shtml

      http://www.vrum.com.br/app/301,19/2012/04/28/interna_noticias,45756/honda-civic-exs-1-8-x-vw-jetta-2-0-tsi-confronto-de-elite.shtml

      http://bestcars.uol.com.br/comp4/honda-civic-toyota-corolla-vw-jetta-1.htm

      Excluir
    7. O Jetta tá aquecendo nas vendas, mais Fluence ainda continua vendendo mais no mutante do ano.

      Jetta é tão coadjuvante que a Volkswagem não faz nem questão de fazer comercial dele.

      Jetta é tão coadjuvante, que mesmo vendendo o triplo do Elantra, o pessoal comenta mais sobre Elantra que o Jetta.

      Excluir
    8. A Volks nem propaganda faz do Jetta e já vende mais que esses franceses todos ai, inclusive o queridinho dos leitores de revistinhas.

      Agora, imagine se ele fosse fabricado no Brasil e a VW fizesse muita propaganda!? Certamente seria o líder entre os sedãs médios, afinal, a Toyota, apesar de boa, não tem a tradição da Volks no Brasil.

      OLhem que a Volks com a Amarok, que só tem versão a diesel, já está chegando na Hilux em vendas. E vou falar mais: se considerar apenas as vendidas as diesel, é capaz da Amarok já ser líder...

      Excluir
    9. Ah, e o Jetta não vende apenas o triplo do Elantra. Ele vende o quádrulo do Elantra, quase o quítuplo.

      Excluir
    10. Caro amigo anonimo aí de cima (10/06/2013 15:51)

      O Jetta não vende mais pq a VW não tem o carro pra entregar aqui no Brasil, comprei meu em Março deste ano (2.0 comfortline) com: Banco em Couro, Teto Solar, Rodas 17, Ar Dual Zone, Automático, Sistema de Navegação com GPS, devido no periodo ser "final de safra" digamos assim pois fazia parte do lote de dezembro de 2012 demorei 45 dias pra encontrar o carro, pesquisei em cerca de 20 concessionárias pois queria o veiculo com estes opcionais. Paguei R$ 73,5 o preço de tabela era R$ 78021,00 na época. Que outro carro eu compraria em falta no mercado e com desconto?
      Quanto ao veiculo estou satisfeito, quanto aqueles que acham que o carro é manco pq o motor tem apenas 116cv, por favor dirijam o carro antes de falarem.
      Pra mim sem defeitos.
      Abraços!!!

      Excluir
    11. Se os brasileiros não tivessem o preconceito contra os franceses (boato que foi preparado ardilosamente pelas concorrentes medrosas, que vendiam os pé-de-boi a preços altissimos - e ainda o fazem), o Fluence ia vender mais que a maioria. O carro é excelente, mas é uma pena que as pessoas achem que VW/GM/FORD/FIAT são as "marcas nacionais" (eu tenho um amigo que pensa assim...).

      Se não fosse a cegueira dos consumidores, nunca o Jetta ia vender esse motor antigão em um carro cheio de peças do gol...

      Excluir
    12. Tem razão Adilson, é puro preconceito.Eu mesmo sempre comprei a trica VW-Ford-GM e recentemente comprei um Peugeot 408 e estou satisfeitíssimo principalmente comparando com a mesma categoria de outras marcas em termos de conforto e preço de peças de reposição.Show de carro...

      Excluir
    13. Eu já tive um Peugeot (S16) e um Citroen (Xsara). Como carros, eram bons, mas... as revisões eram caras, o pós-venda um lixo e as próprias CSS não pagam nada na hora da troca, sem dizer q são difíceis de passar pra frente, mesmo colocando o preço lá embaixo. Enfim, isso não é preconceito, é a realidade.

      Excluir
  2. "boa relação custo x benefício" é uma expressão que não deveria existir no Brasil. As pessoas estão tão habituadas com os preços que parecem ter perdido a noção do valor do dinheiro que ganham.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria boa relação custo-benefício do que temos em opção, pagar caro é outros 500.

      Excluir
    2. Por isso é que eles têm essa péssima relação custo-benefício. Porque o brasileiro aceita tudo como se fosse cordeirinho ou bilionário, não se importa em pagar o dobro do preço real em tudo que compra nesse projeto de país, de pagar lucro e imposto Brasil, de ser explorado pelos politicos que deveriam ser seus representantes. Continue assim Brasil. O governo e as montadoras agradecem!

      Excluir
  3. Nao dao ao Fluence o merito que ele merece como o melhor sedam medio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaaaa huahauhauhauhauhaauha, uhauhauahuahuahuahuhauhauhauhauhauhaua, uahauhauhauhauhauhauha... Perae, deixa eu parar de rir..... PQP, foi a melhor dos comentários. Ta zuando né ?

      Excluir
  4. kkkkkk.. Renault é uma Droga. (Ponto). Karaca.. Ta liiiiindoooo *0* Dependendo de como estiver a grana.. vai ser Este o meu futuro carro o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, o pós-venda Renault eu sei que é uma droga, mas a qualidade dos carros deve ser a mesma das demais, exceto o Fluence, este é acima da média, porque sua mecânica é Nissan, me refiro ao conjunto motor e câmbio, que é o coração do carro. Em segurança, não faz feio, na verdade é melhor do que muitos do seu segmento.

      Eu não tenho Fluence porque não gosto do pós-venda Renault, mas reconheço quando uma marca cria um carro de qualidade.

      Excluir
    2. O Fluence é muito mais carro que o Jetta.Agora tenho um 408 mas já tive Jetta e perde até pro 408 que é mais barato e de longe...

      Excluir
  5. Esse Citreon D4 seguirá a sina dos outros modelos da Citreon: vender pouco e viver de promoções e preço baixo, encher de barulhos depois de 6 meses e dar muitos problemas.
    Pior: quem tem, precisa se preparar para casar com ele, que na revenda NINGUEM quer.
    Na boa, o melhor carro desse segmento com cambio automatico aaté 69k é o Jetta. sem mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Incrivel como você é fã de VW... o Fluence Dynamique CVT, se adicionar Teto Solar e Pintura Metalica fica em 69680,00. Tem Air Bags de Cortina que não tem no Jetta, 143cv e 20,3 de torque contra os 120cv e 18,4 de torque do jetta, 2,70m de entre-eixos contra 2,65 do Jetta, Ar Digital Dual Zone com saída traseira contra o ar manual do jetta. Cara, e pode olhar a Fipe o consultar em sites, o Fluence não cai tanto o preço pra falar que a desvantagem dele é desvalorização...
      Jetta até pode ser uma boa Opção, pra quem gosta de VW, mas o Fluence bate em todos os aspectos, só tem o preconceito do povo e ser Renault.
      Faltou falar do Cartão Hands-Free, Acionamento do motor por botão, sensor crepuscular e de chuva.
      Não encontrei no site da VW se o Jetta vem com sistema Bluetooth, mas vou assumir que venha.

      Excluir
    2. Com tudo isso o Jetta vendeu 40% mais que o Fluence em maio? Como se vê, não sou somente eu que prefiro o Jetta.
      O que acontece é que o estilo tem um peso importante na decisão de compra, e, nesse aspecto, o Jetta bate todos os sedãs do segmento, pois é o mais lindo de todos, com desenho mais elegante e esguio. Aliás, já é bem mais bonito que esse Citroen C4 Lounge aí, com visual muito apelativo.
      O desenho do Fluence, por sua vez, é o pior entre Civic, Cruze, Corolla e Jetta. Até o Corolla, que tem visual datado, é mais bonito que o Fluence.
      Enfim, se bugigangas eletrônicas internas fossem suficiente para carros venderem bem, os chineses seriam os top de mercado, e que o vemos é o inverso, com o mercado rejeitando cada vez mais esses carros.
      Não quero dizer que o Fluence é como um carro chinês, mas o fato é que é um sedã que não agradou ao mercado e não me agrada.
      Eu considero o Jetta mais bonito, melhor de dirigir, com porta-malas melhor, painel bem mais bonito, interior melhor acabado, etc.
      E, para matar: se o Fluence é tão bom assim, porque não é vendido nos EUA, heim?
      O Jetta vendido aqui é o mesmo do mercado mais exigente do mundo: o dos EUA. sem mais.

      Excluir
    3. Carlos, se somente o numero de vendas definisse se o carro é bom ou não, a FIAT deveria ser aclamada em seu blog, pois é a que mais vende a anos no Brasil. E se compararmos as vendas do Civic e Corolla em relação ao Jetta, temos que dizer que o Jetta é uma porcaria, pois os japoneses vendem mais que o tripo do Jetta.
      Vamos ser menos fâboy e fazer analise mais justas.

      Excluir
    4. Gostei do seu comentário Brasuca, ele é cego pela ilusão, inclusive somente agora o Jetta tá passando do fluence, se temos ai 5 meses que se foram em 2013, então está 4x1 para o fluence que saiu na frente, ou seja na própria teoria do senhor carlos o fluence é mais carro que o jetta, pois fluence vendeu mais.

      Excluir
    5. Não podemos esquecer que o Jetta que vem aqui pra terrinha vem do México, e há cotas de importação deste país.

      Excluir
  6. Enquanto esses franceses não melhorarem seu pós-venda e baratearem o preço da manutenção de seus carros, pode vender a preço de banana esses carros que não vai colar, não adianta. Que adianta comprar um carro mais barato que a concorrência e depois se fuder literalmente na hora de vender, pq NINGUEM quer o carro, e pra piorar a manutenção é cara.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A manutenção é cara em todos, mas o pior é o "Cruze credo" e o Jetta arrastador (bate em qualquer lombada), mas pelo menos os preços na renault são tabelados e a revisão é anual e não a cada seis meses como na DAS ROUBO
      Vou comprar uma bike pra mim pois carro é transporte egoísta.

      Excluir
    2. Pode até ser, mas desses sedan's eu iria de Corolla, mesmo com seu estilo tiozão, pois n gostei do novo civic (traseira orrivel), jetta tem motor manco, e franceses tem pessimo pos venda. Corolla é tranquilidade na certa.

      Excluir
    3. Não resta dúvida que o Corolla e o Civic também é uma compra segura e são carros que não trazem maiores aborrecimentos aos compradores. É tranquilidade mesmo, inclusive na hora da revenda, que é só abrir a boca que vende.
      Ocorre que o Jetta tb compartilha desses atributos: tem boa liquidez de revenda, não dá problema, e é de marca consolidada.
      A grande vantagem do Jetta é seu custo x benefício, pois até 70k, vc só pega Corolla Gli com motor 1.8 e transmissao de 4 marchas, e pelado por dentro, com apenas 2 airbags e mais nada. Civic até 70k é a mesma coisa: LXS MEC.
      Enquanto por esse preço de R$ 69k tem Jetta 2.0 Automático de seis marchas (melhor câmbio do mercado), 4 airbags, maior porta-malas, maior espaçco interno, estilo mais bonito, interior mais bem acabado.
      Ou seja, Jetta é a melhor opção abaixo de 70k.

      Entre 70 e 80k, concordo que Corolla e Civic tem opções melhores, com Corolla XEi e Civic LXR, mas aí já fica 10k acima do Jetta.

      Agora, acima de 80k, novamente o Jetta se impõe, já que pelo mesmo preço de Corolla Altis e Civic EXR, vc pega um Jetta TSI.

      Excluir
    4. AH, detalhe: Jetta de 68k 2.0 Automático tem controle de tração (ASR), e bloqueio eletrônico do diferencial (EDL). Enquanto Civic e Corolla não dispõem desses recursos nem nas versões topo.

      Excluir
    5. Cara, você mesmo se contradiz, Acabou de dizer no meu comentário que se bugigangas internas valessem alguma coisa os chineses iam estar na frente, e agora você vem falar das bugigangas que o Jetta tem comparado com Corolla e Civic. É pessoas como você que não fazem pesquisa de mercado sobre tudo que tem dentro de um carro, que saem comprando Jetta e ainda vem vangloriar pra cima de outros modelos. O desenho do Fluence não te satisfaz, mas o desenho CANSADO de TODOS os carros da VW vc adora? "Olha atraz de mim, um GOL" Depois de passar: " Ah não, era um Jetta..." Gosto não se discute, tem mta gente que adora o desenho da VW, mas o que se discute são TODOS os diferenciais que apontei lá em cima e você fez que fez pra dar a volta e contornar pra falar que o Jetta vale mais a pena que o Fluence. O fato do Jetta vender mais, não quer dizer que ele seja melhor.
      Custo X Beneficio Fluence 10x0 Jetta...
      Mas pra dizer que não sou Fanboy da Renault, se fosse entre Jetta TSI e Fluence GT, ia de TSI com certeza, sem duvidas. Satisfeito?
      Entenda que o que quero provar e mostrar é que em 69k, ele Não é a melhor opção, pode ser uma opção, mas não é a melhor.

      Excluir
  7. Tenho um Fluence Dynamique com CVT desde 2011. Mais equipamentos que qualquer Civic, Corolla ou Jetta top de linha. Acabamento na média da categoria. Melhor carro do segmento. Nenhum problema até agora. Seguro, silencioso
    economico e confortável.
    Revisões baratas e tabeladas a
    cada 10.000 Km ou 01 ano. Preço do carro justo, não faz você se sentir roubado na aquisição do zero km. Muito satisfeito até agora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, fiquei muito feliz pelo fato de ter lido que as revisões são a cada 10 mil km ou 1 ano, porque quando eu tive um Nissan, que tinha a mesma política da Renault, era uma roubalheira desgraçada de revisão cara a cada 6 meses.

      Isso praticamente me inibiu de voltar a comprar um carro Nissan/Renault, mesmo gostando muito da mecânica Nissan (dos importados), que por sinal é a mesma que equipa o teu Fluence (confiável motor MR20).
      O pós-venda ruim eu reclamava pela frequência (6 meses), pelo preço caro e pelo serviço ruim. Agora só falta eu ver que melhoraram a qualidade do serviço, então eu voltarei a pensar em comprar carro desta marca, ver se supero os traumas que aqueles amadores me causaram no meu carro zero.

      Excluir
  8. Não entendi a reportagem colocar o Jetta entre os sedans que "dominam" o segmento dos médios ao lado de Civic, Corolla e Cruze, e, ao fim, chamar de "fracas" as vendas de um sedan que costumeiramente vende mais do que o Jetta, que é o Fluence. Por que tanta sardinha prá brasa da VW?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ih, cara, você é novo aqui?

      Aqui a banda toca assim mesmo... hahauhau

      Se comparassem Golf brasileiro 1.6 X Toyota Supra, o Golf nacional ganharia de lavada especialmente no 0-100 km/h.

      Excluir
  9. E a isso aí aqueles que não gostam de vW por favor saiam do BLOG.KKKKK

    ResponderExcluir
  10. Bom, já pesquisei em vários fóruns como opinião do dono, que o motor do Jetta é uma piada. Exemplo 1: Contras:1 Consumo excessivo e irregular, cidade pode variar de 5,5 Km/L a 8,5 Km/L e estrada no máximo 10 Km/L, inclusive o computador de bordo deveria mostra de maneira mais clara. Exemplo 2: Contras:Infelizmente o Seguro assusta. O seguro muitas vezes é o dobro de outros sedãs da mesma feixa de preço. Exemplo 3: Defeitos apresentados:Muitos ruídos no painel, nas portas, nos bancos, não se sabe de onde vem tanto ruído para um carro dessa categoria. Impressionante, tinha um Corolla 2006 com 150 mil km e era mais confortável e silencioso do que essa carroça! Exemplo 3: Contras: Acabamento interno é péssimo. Depois de um mês já começou a apresentar diversos grilos, atualmente depois de 1 ano de compra parece uma carroça de tanto barulho. Em pisos irregulares tenho a impressão de que o carro está desmontando mesmo com o rádio ligado em volume alto. Chega a ser extremamente desconfortável por conta disso. Exemplo 4: Estilo ultrapassado, manutenção muito cara pra se ter uma idéia na revisão de 30.000 km foram trocados apenas óleo, filtros de ar e combustível e pastilhas de freio e o valor foi R$ 1.900. É empregado muito plástico no interior. O acabamento poderia ser mais primoroso por ser um sedã médio. E por ai vai....

    ResponderExcluir
  11. Bom, já pesquisei em vários fóruns como opinião do dono, que o motor do Jetta é uma piada. Exemplo 1: Contras:1 Consumo excessivo e irregular, cidade pode variar de 5,5 Km/L a 8,5 Km/L e estrada no máximo 10 Km/L, inclusive o computador de bordo deveria mostra de maneira mais clara. Exemplo 2: Contras:Infelizmente o Seguro assusta. O seguro muitas vezes é o dobro de outros sedãs da mesma feixa de preço. Exemplo 3: Defeitos apresentados:Muitos ruídos no painel, nas portas, nos bancos, não se sabe de onde vem tanto ruído para um carro dessa categoria. Impressionante, tinha um Corolla 2006 com 150 mil km e era mais confortável e silencioso do que essa carroça! Exemplo 3: Contras: Acabamento interno é péssimo. Depois de um mês já começou a apresentar diversos grilos, atualmente depois de 1 ano de compra parece uma carroça de tanto barulho. Em pisos irregulares tenho a impressão de que o carro está desmontando mesmo com o rádio ligado em volume alto. Chega a ser extremamente desconfortável por conta disso. Exemplo 4: Estilo ultrapassado, manutenção muito cara pra se ter uma idéia na revisão de 30.000 km foram trocados apenas óleo, filtros de ar e combustível e pastilhas de freio e o valor foi R$ 1.900. É empregado muito plástico no interior. O acabamento poderia ser mais primoroso por ser um sedã médio. E por ai vai....

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.