Car.blog.br

Pesquisar este blog

JAC T5 Automático CVT: vídeo, preço, consumo - avaliação

Categorias: , , , 41 Comentários

O JAC T5 CVT é um SUV/Crossover, com transmissão automática (CVT - Continuamente Variável), de dimensões marginalmente maiores que as do Honda HR-V, com preço sugerido no Brasil de R$ 73.490 reais. Neste artigo relacionamentos nossas impressões.

JAC T5 Automático CVT

Começando pelas dimensões, o JAC T5 Automático mede 4,32 metros de comprimento - 3 cm maior que o Honda HRV; 1,62 metros de altura - 4 cm mais alto que o HR-V; 1,76 metros de largura - 1 cm mais estreito que o Honda. O entre eixos é de 2,56 metros - 5 cm menor que o Honda HR-V.

JAC T5 Automático CVT

Essa vantagem dimensional do JAC T5 se reflete no interior, com bom espaço interno para passageiros, e espaço para bagagem de 600 litros (168 litros a mais que o porta-malas do HR-V). O peso é de 1.210 Kg (50 Kg mais leve que o Honda HR-V).

JAC T5 Automático CVT  - interior - painel

O powertrain do JAC T5 Automático é formado por um motor quatro cilindros 1.5 FLex de 125/127 cv e torque de 15,5/15,7 m.kgf, gasolina/álcool, respectivamente. Esse motor está associado a uma caixa de transmissão automática do tipo CVT (Continuamente Variável), com seis marchas simuladas.

Desempenho

Além do conforto proporcionado pela caixa automática e ausência do pedal de embreagem, o que mais surpreende é que este JAC T5 Automático ficou até mais rápido e ágil que o modelo com transmissão manual que avaliamos anteriormente - algo confirmado pelos números de desempenho aferidos pela revista Quatro Rodas com o T5 CVT abastecido com gasolina: 0 a 100 Km/h em 13 segundos (1 segundo mais rápido que o JAC T5 MT), e retomada de 80 a 120 Km/h em 9,9 segundos (21,1 segundos mais rápido que o T5 MT).

Consumo

Em relação ao consumo, no teste da revista Quatro Rodas, o JAC T5 Automático foi mais econômico que o T5 MT. Abastecido com gasolina, o T5 CVT obteve 10,6 Km/l em cidade e 14 km/l em estrada, em ciclo urbano/rodo­viá­rio, contra 9,3/11,3 do manual.

JAC T5 Automático CVT

No nosso percurso, em São Paulo (Capital), obtivemos 9,5 Km/l de gasolina. Já no INMETRO a história foi outra, com o JAC T5 Automático consumindo em média 13% mais que o MT5, conforme tabela abaixo.


Modelo
Consumo Etanol [Km/l]Consumo Gasolina [Km/l]
Média
CidadeEstradaCidadeEstrada
Nissan Kicks 1.6 CVT8,19,611,413,712,4
JAC T5 1.5 MT68,09,211,213,212,1
Peugeot 2008 1.6 AT67,59,210,713,011,7
Honda HRV 1.8 CVT7,78,611,012,311,6
GM Tracker 1.4 Turbo AT67,38,210,611,711,1
Hyundai Creta 1.6 AT67,18,210,111,310,6
JAC T5 1.5 Automático (CVT)6,77,89,711,610,6
Jeep Renegade 1.8 AT66,57,69,510,910,1

Itens de série

Um dos grandes atrativos dos modelos chineses é sua boa relação de itens de série vis à vis preço. E no JAC T5 não é diferente. Por R$ 73.490 reais (R$ 14.400 reais mais barato que o HR-V LX CVT) ele traz alarme antifurto, alerta para baixa pressão dos pneus, ar-condicionado automático, assistente de saída em rampa, bancos revestidos em couro, câmera traseira de manobras, computador de bordo, piloto automático, controle eletrônico de estabilidade e tração, Isofix, rodas de alumínio de 16 polegadas, sensores de estacionamento traseiros e sistema de som com tela de 8".

JAC T5 Automático - Central Multimídia com espalhamento de tela

Airbags são apenas os dois frontais.

JAC T5 Automático CVT - interior - volante

Há ainda acendedor de cigarros, tomada de 12 volts, ajuste elétrico do facho dos faróis, descansa braço central dianteiro, cintos de três pontos e encostos de cabeça para todos os ocupantes, faróis e luz traseira de neblina, acionador elétrico do vidro do motorista com one-touch.

JAC T5 Automático CVT - interior

O interior ostenta um painel confeccionado em plástico duro (como o de todos os concorrentes, exceto o Jeep Renegade), porém com boa qualidade de montagem.


JAC T5 Automático CVT

Os bancos dianteiros são amplos e confortáveis. A posição de dirigir é elevada - típica de SUV - sendo que o volante tem ajuste de altura (mas não em profundidade). O cluster de instrumentos tem leitura fácil tanto dos instrumentos analógicos (velocímetro e conta-giros), quanto do computador de bordo. O que não gostamos foi a profusão de cores e do funcionamento pouco intuitivo do botão para zerar o hodômetro parcial.

JAC T5 Automático CVT - interior

Em relação ao sistema multimídia, sua tela de 8 polegadas é uma das maiores, e conta com capacidade de espalhamento de tela de smartphone por meio dos aplicativos Apple CarPlay e Android Auto. Há portas USB, HDMI e SD. A qualidade do som é boa, e ela projeta as imagens da câmera de ré - facilitando as manobras. Mas, novamente, a interface é colorida demais.

Estética

Os designers do JAC T5 parecem ter se inspirado, sobretudo na lateral, no desenho do Hyundai ix35. Mas este chinês ficou mais chamativo, sobretudo por conta da dianteira com uma enorme grade cromada em formato hexagonal.

JAC T5 Automático CVT

A lateral e a traseira são um pouco mais discretas, com formas harmoniosas e um aspecto de requinte emprestado pelos elementos cromados na base da área envidraçadas e na tampa do porta-malas.


Habitalidade

O espaço interno é surpreendentemente bom, especialmente no compartimento traseiro que comporta até três adultos (mas dois adultos e uma criança viajam com mais conforto). O porta-malas tem 600 litros medidos até o teto, mas deve ficar em torno de 400 litros se medido até a tampa.

JAC T5 Automático CVT - espaço interno

O sistema de som tem boa qualidade e o ar-condicionado consegue refrigerar a cabine com competência, tornando o ambiente interno agradável.

Comportamento dinâmico

Os 13 segundos na aceleração de 0 a 100 Km/h indicam que o JAC T5 Automático está longe de oferecer uma performance esportiva. Mas ele é mais rápido, por exemplo, que o Jeep Renegade 1.8 Automático e que o Renault Captur 1.6 CVT.

JAC T5 Automático CVT

O conjunto fornece um desempenho adequado à proposta do carro, mas em baixos regimes ele se mostra lento, melhorando depois com a subida de rotações. Em estrada, retomadas exigem rotações elevadas, o que acaba por elevar muito o ruído interno.

JAC T5 Automático CVT

Em subidas de serra, porém, o câmbio reduz as relações e motor sobe de giro, em geral acima de 4.000 RPM, o que gera um ruído maior. Em regiões planas, porém, cruza-se a 120 km/h a 3.000 rpm, rotação que torna o interior mais tranquilo.

JAC T5 Automático CVT

A suspensão do JAC ainda não está no nível do obtido por fabricantes nacionais, mas já mostra avanço em relação aos primeiros modelos da marca. O ajuste prioriza o conforto, o que faz o SUV inclinar a carroceria em curvas. Entretanto, os pneus Giti são a boa surpresa, conferindo elevado nível de aderência, transmitindo segurança em curvas.

JAC T5 Automático CVT

A direção é bastante leve, tornando-se muito confortável em cidade. Mas falta um pouco de progressividade em estrada, o que aprimoraria a sensação de segurança e a estabilidade direcional.

Vídeo - JAC T5 Automático - Impressões



Conclusão

O JAC T5 Automático é um SUV com bom acabamento, estilo chamativo, bom espaço interno, desempenho correto, boa relação de itens de série e um câmbio automático CVT suave e agradável. A construção mostra que o fabricante chinês está reduzido a diferença em relação aos tradicionais.

JAC T5 Automático CVT

Seu principal fator de vendas, porém, continua a ser o preço - significativamente mais baixo que o dos concorrentes, e com mais conteúdo, consubstanciando-se em uma opção viável.

41 comentários:

  1. Excelente compra, porém, não deixa de ser um chinês, baixa liquidez de mercado, e ainda encara um certo preconceito. Mas pra quem não importa com isso é quer um SUV, vale a pena pensar em adquirir um T5. Uma penas que na minha cidade não tem concessionária da JAC, queria fazer um teste drive nesse carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Baixa liquidez? Não foi isto que divulgou o "Jornal do Carro" do Estadão de junho de 2017; Mesma desvalorização, em um ano, do Honda HRV. É isso mesmo, as coisas estão mudando...

      Excluir
    2. Mesma desvalorização na tabela né....

      Vai em uma loja e tenta vender um Honda é um JAC.

      Excluir
    3. Exato, na prática a dificuldade de venda é maior. Não é um carro para vender em um ou dois anos mas sim para usar por uns 5 anos, 100 mil Km

      Excluir
    4. Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura. Dificuldade com venda, desvalorização, usar por mais de 5 anos... Todo este paradigma é quebrado quando há qualidade.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HR-V Cayenne e WR-V Macan?

      Acho que colocaram altas doses de cannabis sativa e haxixe no Marlboro Red do Bob Sharp.

      Viajou legal. O Macan é maior que o Audi Q5....fala sério.

      Excluir
  3. Este modelo já passou por uma reformulação na china está mais bonito e harmonioso. É um longo caminho para os carros chineses conquistarem a confiança do consumidor brasileiro. O foda quando isto ocorrer se tornaram exploradores da mesma forma que as montadoras já estabelecidas...

    ResponderExcluir
  4. Sobre o consumo, eu desafio qualquer carro automático a fazer mais km por litro que um manual nas mãos de quem sabe dirigir e nas mesmas especificações de motor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tb não acreditei nesse milagre nunca antes visto hahahah. O Imetro não tem erro. Muito esperta é a jac falar q o porta malas tem 600 litros e não revelar que no fim deve ter 400 ou menos, o que é menor que a maioria de seus concorrentes. Nenhuma fabricante é cara de pau de dar a distância até o teto.

      Excluir
    2. Faço com o meu Jac T5 CVT, na cidade, de 11,5 a 13 Km/l na gasolina. Ainda não peguei estrada. Nenhum outro carro que possui, teve consumo semelhante, no máximo chegavam a 10 Km/l.

      Excluir
  5. A JAC tem modelos interessantes no país mesmo assim está abaixo da Chery a nível mundial, além disso falta personalidade em seus carros... uma vez falando com um dono de concessionária Chery ele disse que os chineses vieram lá e ele perguntou se eles tinham medo ou preocupação com a JAC, a resposta veio com risos e sarcasmos, dizendo que chinesas só a Great Wall e Geely são preocupações para a Chery a nível mundial, JAC e Lifan são fraquíssimas ainda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Uma vez falando com um dono de uma concessionária que disse que uns chineses da Chery disseram..." papel aceita tudo e boca fala o que quer. A realidade é que a Jac está indo muito bem e eu torço para a Chery, Lifan e outros chineses que por aqui aportarem, irem também. Quanto mais opções melhor. Dar crédito a conversinhas de fabricantes concorrentes é o mesmo que acreditar em papai noel.

      Excluir
    2. Eu sinceramente concordo que a nível global a Chery está um patamar acima, pois contratou gente nova e de peso, tem um time de designers invejável com até ex-designers da Porsche... agora não podemos negar que internamente, apesar de em vendas hoje, a Chery ser líder entre as chinesas, deixa muito a desejar, pois não trouxe seus principais produtos ao nosso mercado. Nisso concordo em quem acha a JAC superior, pois não chegaram a ver a linha atual da Chery como também os novos motores TGDI da ACTECO. Lifan ainda como a JAC não tem identidade visual, espelhando-se nos coreanos da Hyundai tal como a JAC e mesclando com a Ford, especialmente na nova linha de MPV. Não é porque prefiro marca A ou B mas em relação a tais aspectos Geely, Great Wall e Chery estão sim um patamar acima, além disso a JAC na China ainda é mais conhecida pela linha de caminhões leves e médios, tendo até menos anos na fabricação de automóveis de passeio que a Chery.

      Excluir
    3. Torço muito para os chinas; tanto é que no sábado dei uma boa olhada no novo Lifan X60 CVT e só não fiz o teste drive porque, antes, tinha que marcar horário na concessionária. O X60 melhorou muito, se comparado com o modelo antigo; porém o Jac T5 CVT, na minha opinião, ainda é muito superior nos detalhes de acabamento ao SUV da Lifan. Vamos aguardar fazer o teste drive para avaliarmos a dirigibilidade.
      Com relação à liderança da Chery no Brasil, ainda é fantasiosa; porque a Jac Fatura quase 3 vezes mais por T5 vendido comparado ao Chery QQ. E a diferença entre eles nas vendas mensais, é de apenas algumas dezenas de unidades dando à Jac uma margem de lucro muito superior.
      A Jac utiliza os serviços dos mesmos designers italianos da Hyundai; pois tem parceria com a coreana, dai os desenhos serem tão parecidos.
      A Volks firmou parceria com a Jac para produzir carros elétricos na china a nível mundial. Será que a Jac não tem tecnologia tão boa quanto a Chery?
      Todas as peças, chapas eletrolíticas, equipamentos mecânicos e eletroeletrônicos que a Jac utiliza, são as mesmas que os grandes fabricantes mundiais utilizam também.
      Os profissionais que fizeram o acerto de suspensão e motorização do T5 CVT, por exemplo, são os melhores do mundo; os mesmos que trabalham para a Mercedes, Porsche, etc.
      Como você pode ver, no atual mundo globalizado só é amador quem quer, ou melhor, quem não tem cacife prá bancar ter o melhor; creio que não é o caso da Jac Motors.
      Independente do fabricante chines, eles são, num futuro bem próximo, a bola da vez no Brasil. Se os chinas continuarem assim, daqui prá frente, meus carrinhos serão todos de olhos puxados.

      Excluir
    4. Chery tem, joint venture com a Jaguar-Land Rover por exemplo... mas voltando a questão, se formos olhar os dados técnicos, inovações e uso de tecnologias de ponta a Chery está sim um passo a frente, veja que os novos motores TGDI da Acteco foram premiados, estando na frente de todos os motores turbocompressor oriundos da China, especialmente em economia de combustível. Fora isso a Chery sabiamente deixou de se "espelhar" nos coreanos e lançar sua própria identidade visual, por mais que o T5 seja um bom produto, muitos veem nele uma cópia dos Hyundai, e isso prejudica a identidade visual da JAC, que recentemente já mudou de logotipo, ao meu ver para outro mais feio... em questão de lucratividade das operações no país concordo contigo, mas faço a seguinte indagação, sem ter sequer um SUV em gama, não é méritos da Chery assumir a liderança dentre as conterrâneas ? Creio que a exemplo do mercado Argentino, onde a Chery emplacou 3240 carros no primeiro semestre, sendo 2300 dos Tiggo's 3 e 5, aqui há muito espaço para crescimento nas vendas. Espero que o Tiggo2 venda bem, tal como o JAC T40... concorrência sempre é bem-vinda.

      Excluir
    5. Nesta vida as coisas seguem como uma curva senoidal, ora se está em cima, ora se está em baixo. O Gol levou um bom tempo em cima, depois o Pálio, HB20, e assim por diante... Não é um motor premiado que vai levar uma montadora a ser líder em vendas, e sim várias outras nuances. Como eu já disse, torço para TODOS os chineses e os grandes concorrentes da Chery não é a Jac, Lifan, Gelly ou outro chinês qualquer; e sim as montadoras que já estão há bem mais tempo em solo tupiniquim. Como tenho muitos anos de experiência no ramo comercial de produtos com tecnologias inovadoras, falo como observador e não como especialista no seguimento automobilístico, os chineses, principalmente a Jac Motors, estão se mexendo e procurando agregar valor aos seus produtos. A tomada de rápidas decisões vai ser determinante para abocanhar uma boa fatia do mercado futuro. Olha só a dificuldade das pessoas em assimilar um produto excelente que é o Jac T5 CVT e preferem gastar mais de R$ 40.000,00 numa marca já consolidada, que oferece um carro similar, sem ter nada a mais que justifique esta diferença, somente por estar há mais tempo no Brasil.
      Com relação a identidade visual, eu não vou deixar de comprar um excelente produto por este motivo; quero um carro que agrade aos meus olhos, que tenha qualidade, conforto, segurança, etc. Se tem isso ou aquilo que parece com o de outra marca, é o de menos...
      Com relação ao mérito da Chery ser líder entre os chinas no Brasil, para mim não é mérito não, principalmente por ter fábrica no Brasil e vender o carro mais barato do mercado. Era para estar bombando milhares de unidades e não 224 carros do QQ contra 187 do Jac T5 até o último dia 20 de julho. Creio que isto vai mudar com a chegada do Tiggo 2; mas a Chery é muito lenta na tomada de decisões e no marketing. Não dá prá entender, investir centenas de milhões numa fábrica e não investir na propaganda que é a alma do negócio.
      Não adianta ter tecnologia se não for agressivo nos lançamentos de novos produtos e ser, mais agressivo ainda, na área comercial e no marketing. E neste quesito, lançamento de novos produtos, a Jac está bem mais à frente da Chery. Segundo a Jac, e com razão, ela não investe em propaganda devido ao Inovar Auto, que limita a cota de vendas para os importados. Mas esta tramamóia deste governo protecionista vai acabar em dezembro e, ai sim, vamos ver como a banda vai tocar.

      Excluir
  6. Em consumo a tabela do Imetro com muito mais competência e imparcialidade mostra bem o oposto do que foi dito no texto. Com o câmbio automático ele cai da segunda posição do manual pra penúltima ficando apenas à frente do renegade.

    ResponderExcluir
  7. Os maiores problemas desse carro são a alta desvalorização e por favor não me venham falar que isso não conta. O custo de peças que é acima da media.revisoes também não são nada baratas. E o seguro dependendo do perfil também é acima dos concorrentes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se focarmos somente na idéia futura da desvalorização, vamos continuar presos nos fabricantes tradicionais e reféns dos preços praticados por eles. Os Japoneses e depois, mais recentemente, os coreanos passaram por este problema no Brasil e superam o preconceito da desvalorização porque incrementaram qualidade aos seus produtos. Os chinas estão fazendo o mesmo, e melhor ainda, oferecendo mais por menos; então vamos parar com o preconceito e pensar com lógica.
      Com relação ao preço das peças são meio salgados sim mas as revisões programadas, com preços pré fixados, não estão muito fora dos demais não.
      O seguro do T5 CVT não fica caro. Fiz o meu há 5 meses, cobre terceiros, carro reserva com ar condicionado, com número ilimitado de dias (se faltar peça e precisar ficar meses na oficina, não fico sem carro), cobre vidro, faróis, lanternas, retrovisores, enfim seguro completo; por R$ 2.900,00. Fiz um seguro na mesma época para um Toyota Etios 1.3 por R$ 3.000,00 com menos cobertura que o jac T5 CVT. Vamos investir nos chinas, é o futuro.

      Excluir
  8. Como já comentei em outras oportunidades, há 5 meses adquiri um Jac T5 CVT, e o fiz por pesquisar muito em vários canais automobilísticos e ouvir várias opiniões de donos do T5 e de especialistas em carros. A realidade é que o T5 CVT é um excelente SUV que não me deixa ter saudades de nenhum outro que já tive, muitos top de linha, como Nissan, Fiat, Volks, Honda entre outros. Eu estava propício, e até já determinado, a comprar um HRV top de linha quando vi passando um Jac T5 na rua e fui dar uma olhada na internet e resolvi fazer um teste drive. Gostei muito e comprei. Por qual motivo pagar a mais, quase 40.000,00 Reais pelo status de uma marca; que oferece como garantia a metade dos anos de um da Jac? Meu lado racional não permitiu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E quanto aos custos você como proprietário. São mais elevados ou menores do que os outros modelos que teve ?

      Excluir
    2. Parabéns...vc não é preconceituoso ...e sabe avaliar os bons produtos independentemente de qual marca. E se é ou não tradicional
      👏👏👏👏👏👏

      Excluir
    3. Com relação aos custos do Jac T5, ainda não necessitei substituir nenhuma peça. Segue relação de alguns carros que eu tive que o preço das peças eram bem salgadas: Tempra Ouro, Tempra SW, Honda Civic e Livina.

      Excluir
    4. Você achou as peças do civic salgadas? ai já perdeu toda sua credibilidade.

      Excluir
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    6. Com relação a perder a credibilidade segue um exemplo de como as peças do Honda Cívic são caras, pelo menos a do Cívic automático 2004 que está comigo desde então; um único amortecedor dianteiro do Cívic 2004 da COFAP, custa em torno de R$ 1.000,00. Um amortecedor Cofap dianteiro do Corolla (carro do mesmo nível), custa em torno de R$ 350,00. Quase três vezes mais caro.
      Pode ser que para os modelos mais novos seja mais barato.

      Excluir
  9. Respostas
    1. Argumento deveras raso. E os pretensos proprietários estão longe de ser aventureiros. São, em verdade, pioneiros.

      Excluir
  10. Esse Crossover me surpreendeu positivamente, principalmente em relação ao consumo, efetivamente os chineses evoluíram, discordo apenas que se trata de um SUV, está longe disso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for assim, não é SUV:
      HRV, CRETA, CAPTUR, kICKS, EcoSport, Duster, Tracker, ASX, ix35, 2008 e por ai vai...

      Excluir
    2. SUV: "sport utility vehicle"

      A similar class of vehicle is the crossover (CUV), but it is built on a car chassis.[5] Often it uses a Unibody chassis instead of the heavier body-on-frame design of SUVs.[5] Crossover vehicles often have all-wheel-drive instead of four-wheel drive. Crossovers are usually lighter than SUVs and get better fuel mileage. In general, when referring to an SUV, many include crossovers.[5] However it is incorrect to refer to an SUV on a truck frame as a crossover.

      Excluir
  11. Acredito que o T5 só não vende mais por não ter revisão com preço fixo, aliás, vejo muita gente reclamando dos preços das revisões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os preços das revisões são fixos sim; até os primeiros 50 mil vou desembolsar em torno de R$ 4.000,00. As revisões dos 50 e 100 mil são grátis.

      Excluir
  12. 74!!!! nesse preço até a Eco manda um abraço!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Eco pelada né? a intermediaria batendo em 86K.

      Excluir
  13. estão melhorando, ja andei nesse carro e digo, nao tem nada de chines (baixa qualidade) pode tirar o simbolo da frente e colocar de qualquer marca conhecida que nego ne mpensa que é um chines.. estão no caminho.. vamos ver daqui uns anos...

    ResponderExcluir
  14. Estou com um Jac T5 manual a 60 dias. Já cheguei a fazer 15.6 km/l.
    Gasolina BR
    Tinha um Honda fit 2008 e cheguei a fazer 17 Km/l
    O JAC T5 vale cada centavo investido, não há comparação

    ResponderExcluir
  15. Se desejarem envio a foto de rendimento dovJac T5
    Mendes125311@gmail.com
    Portal57.com/curriculo

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.