Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen registra aumento de vendas globais em maio

Categorias: 17 Comentários

A marca Volkswagen registrou vendas globais no mês de maio de 2017 de 513.500 veículos - crescimento de 3,5% relativamente a 2016, com destaque para a China, com aumento de 4%; avanço na Europa e América do Sul, e o sucesso do Atlas nos EUA.

Volkswagen registra aumento de vendas globais em maio

A Volkswagen continua sua ofensiva no campo dos SUV, com um lançamento bem sucedido do Atlas nos EUA, estreando um novo segmento nos EUA. Ao longo dos próximos meses chegarão outros modelos SUV.


MercadosMay 2016May 2017Δ (%)Jan.-May 2016Jan.-May 2017Δ (%)
Europe148.100 158.000 6,7%727.700 726.000 -0,2%
Europa Ocidental129.400 135.100 4,4%640.400 623.100 -2,7%
Germany48.000 50.800 5,8%239.300 225.800 -5,6%
Europa Central / Oriental18.700 22.900 22,5%87.300 102.900 17,9%
Russia5.600 7.100 26,8%27.400 32.300 17,9%
North America51.600 50.600 -1,9%229.800 229.300 -0,2%
USA28.800 30.000 4,2%125.200 133.900 6,9%
South America30.500 35.000 14,8%150.800 166.500 10,4%
Brazil20.300 21.600 6,4%101.200 100.200 -1,0%
Asia-Pacific247.700 254.700 2,8%1.247.600 1.231.200 -1,3%
China232.400 241.600 4,0%1.170.800 1.163.200 -0,6%







Worldwide495.900 513.500 3,5%2.432.200 2.422.400 -0,4%

As principais tendências em maio foram as seguintes:

  • Europa: 158.000 veículos vendidos, aumento de 6,7% em relação ao mês correspondente do ano anterior. Os mercados da Europa Ocidental da Holanda (+35,6%), França (+10,5%) e Itália (+9,9%) foram os principais impulsionadores desta tendência positiva.
  • Alemanha: 50.800 veículos vendidos, 6% a mais do que em maio de 2016. O novo Tiguan continua a ser um favorito particular e registrou o aumento mais claro de todos os modelos da Volkswagen.
  • A marca da Volkswagen também reportou um crescimento significativo na Europa Central e Oriental, onde as vendas aumentaram 22,7% para 22,9 mil veículos. O principal motor foi a Rússia com um aumento substancial de 27,9%. O novo Tiguan recentemente lançado, que é produzido localmente, continua a ser muito popular entre os clientes.
  • 30 mil veículos foram vendidos nos EUA, o que corresponde a um aumento de 4,3%. A entrega do novo SUV Atlas construído na fábrica em Chattanooga / Tennessee começou em meados de maio e 1.600 modelos foram entregues aos clientes.
  • Na região da América do Sul, as vendas atingiram 35 mil veículos, 14,7% acima do ano anterior. O mercado na Argentina foi um dos principais impulsionadores desse desenvolvimento positivo. As entregas aumentaram em 27,5% para 10,3 mil veículos.
  • A marca Volkswagen continuou em seu curso de crescimento na China, seu maior mercado, em maio. 241.600 veículos foram entregues aos clientes, correspondendo a um aumento de 4%. Havia uma demanda particularmente alta para a família Tiguan, com 29.100 veículos (+61%) vendidas, e o Magotan, onde 18.800 modelos (+44%) foram entregues. Mais de 5.000 clientes receberam o Teramont, o novo SUV, no segundo mês completo de vendas.

Postagens relacionadas:

17 comentários:

  1. O número mais interessante desse relatório são as vendas na América do Sul, de 35.000 unidades. Essas vendas não englobam o México, que está contabilizado na América do Norte (50.600 unidades vendidas).

    Ou seja, as vendas da VW Brasil para a América do Sul corresponde a mais de 62% do seu mercado interno. 21.600 vendidos no brasil, e 13.400 no restante da América do Sul.

    mas não é só isso. O México compra muito carro da VW Brasil também, Up!, Gol e Voyage, nomeadamente, então pode-se concluir que as vendas externas da VW Brasil já são tão importantes quanto as vendas internas, o que significa dizer que a VW Brasil, se somar vendas internas + externas já é a maior fabricante e vendedora de carros do Brasil, à frente de GM e FCA, já que essas tem exportações pífias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o mais interessante de tudo é que a VW está no Brasil com market share de 16%, mesmo seus produtos sendo muito caros, bem mais caros que os da concorrência.

      O up! é um exemplo. É atualmente o sub-compacto mais caro e sem concorrentes no mercado brasileiro. Seu ASP é acima de R$ 45 mil reais. O único com motor 1.0 TSi.

      É o único carro abaixo de 1 tonelada vendido acima de 50 mil reais. E mesmo assim é atualmente o 15º carro mais vendido no brasil em um mercado que conta com mais de 200 modelos.

      Não só isso. O Up! vendido no brasil DOBRA suas vendas quando se soma o que é exportado.

      Então, vejo que a VW consegue ampliar suas vendas, e ao mesmo tempo ampliar suas margens de lucro, pois vende produtos bem mais caros que a concorrência, sem a necessidade de ter que vender para locadoras. O up! mesmo, jamais é vendido para locadoras, só no varejo, a preços bem elevados.

      Então, parabéns VW!

      Excluir
  2. Boa parte desse resultado deve-se ao fato da VW ter adaptado-se às necessidades e preferências do consumidor americano, o que fez com muita competência. Poderia ser muito maior no Brasil se permitisse maior flexibilidade da VW local para adequações em seus produtos ao mercado local, mas sabemos que a VW alemã morre de medo da VW Brasil sujar o nome da matriz fazendo carros problemáticos. Vamos lembrar que os maiores sucessos da VW Brasil foram e são veículos pensados no Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A mudança da VW para fazer carros ao gosto do consumidor americano é recente. A VW sabe que o carro europeu é superior ao americano. E carro de pegada europeia tem uma aura premium nos EUA, há público grande para isso.
      O Jetta e o Golf eram claros. O Jetta de 2008 era vendido muito mais caro que os concorrentes, mas era tecnicamente muito superior, e tinha a aura de carros europeu.
      Depois a VW optou por focar em volume, e o Jetta atual foi simplificado. resultado: sucesso estrondoso de vendas, e hoje, mesmo 7 anos ap´pos o lançamento, vende mais de 11.000 unidades por mes nos EUA.
      Então vejo um mix de ajustes.
      A VW nao está fazendo carros como os americanos. Ela está fazendo nos EUA carros europeus com alguns aspectos americanos.
      O Atlas, tem uma estética tipicamente americana, conservadora. E um ajuste de suspensão também mais macio.
      MAs o motor é 2.0 turbo, muito superior e eficiente a todos os concorrentes. E o Atlas tem comportamento dinâmico também muito superior aos demais.
      Então, juntou-se o melhor de dois mundos. A excelência técnica alemã, com algumas características chave apreciadas na gordolândia, e aí temos isso: a VW está em crescimento nos EUA, vendendo como nunca. enquanto toyota e gm caem e hyuundai desaba.

      Excluir
    2. Outro ponto importante no avanço da VW nos EUA é a confiabilidade. Podem ver que segundo a JD Power, a VW é a marca não premium mais confiável nos EUA:

      http://www.car.blog.br/2016/07/volkswagen-melhor-marca-nao-premium.html

      A VW é muito mais confiável que Toyota, Honda e todas as americanas. E no segmento de luxo, a Porsche lidera e a Audi está muito bem posicionada.

      E o fato de a VW ser hoje uma marca com melhores indicadores de confiabilidade é um feito e tanto, pois a VW é também a mais inovadora das marcas. É a VW que coloca as maiores inovações no mercado. E sempre que vc está muito avançado na tecnologia, corre o risco de não ter amadurecido totalmente a nova tecnologia.

      mas não é isso que acontece. A VW parece ter obtido o Santo Gral da engenharia, ou seja, é mais confiável que as demais, e mesmo assim muito mais avançada tecnicamente.

      E finalmente, não posso deixar de destacar o estrondoso sucesso da dupla Atlas/Teramont. Vejam que o Atlas vendeu 1.600 unidades em 1 semana nos EUA, e o Teramont (que é o Atlas vendido na China) vendeu 5.000 unidades no primeiro mês de vendas completo.

      Ou seja, um sucesso estrondoso do Atlas/teramont, e isso decorre de um design realmente muito acertado, conservador e sóbrio, mas muito imponente, associado com ótimo acabamento e mecãnica muito superior aos concorrentes.

      Em resumo: Toyota e Honda podem começar a se preocupar seriamente nos EUA, pois a VW vai avançar sobre suas cotas de mercado sem dó nem piedade, já que os produtos da VW são muito superiores aos da toyota e Honda.




      Excluir
    3. Vw confiável nos EUA?enquanto um Toyota roda suave a sua 200 mil milhas um Volkswagen já estará no lixão da "desova" dúvida?só perguntar pra quem vive nos EUA

      Excluir
  3. A cada 10 notícias nesse blog... 8 são sobre a VW...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá achando ruim?vai pro Motor1 que além de ser infestado de Fiateiros,tem fanboy da GM,inclusive donos do Lixônix.

      Excluir
    2. Quando vc vê q existe gente q AMA marca de carro, explica o porquê desse país ser tão ridículo no quesito, educação e péssima mão de obra, quem é gestor Sabe doq To falando.

      Excluir
  4. Carlos4carros, gostaria de saber quando a VW vai lançar o novo Tiguan de 5 lugares no Brasil. Tenho uma RAV4 2006 que é uma maravilha da engenharia, quero trocá-la pelo novo Tiguan, mas para isso preciso que seja lançado no Brasil e esperar uns 10 anos de uso para comprá-lo num precinho camarada. Você acha que vão lançar o Tiguan de 5 lugares ainda em 2017 ou só em 2018?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisa ver se a Tiguan curta será fabricada no México. Se for, acho que vem. O que se sabe atualmente é que a tiguan allspace será fabricada no méxico. a de tiguan curta não se sabe.
      E sabemos que a a tiguan all space, com entre-eixos 10 cm alongado, virá. Só que importar a tiguan curta da alemanha e a tiguan all space do méxico criaria uma situação que a tiguan allspace seria mais barata que a tiguan curta.
      então precisa ver se a tiguan curta será feita no méxico. Se não for, é provável que não venha.
      Mas, de qualquer forma, a tiguan allspace será oferecida em versões de 5 e 7 lugares, tanto aqui quanto nos EUA. Então vc pode esperar com certeza uma tiguan longa com 5 lugares ainda este ano.

      Excluir
  5. Ué, tem gente aqui no blog comentando (e muito) numero de vendas de montadora ?!!!. O que aconteceu com numero de vendas é irrelevante, uma vez que o cidadão não fez nada para merecer ou contribuir com o resultado final, o sujeito que comenta vendas é porque tem baixo QI e não se importa com a qualidade dos veículos somente vendas e blá blá blá...

    ResponderExcluir
  6. Renner Vieira eu sou Gestor e não tem nada haver sua comparação. Cada um tem o seu direito de gostar sim de uma determinada marca... O que falta em muitos brasileiros, políticos é caráter e caráter vem de BERÇO e sempre vejo vc falando um monte de net dá neste blog

    ResponderExcluir
  7. Os acionistas do Grupo VW devem estar felizes com esse bom resultado. Agora quem não tem nada de lucro com isso, deve ficar em off. Ser fã boy não gera lucro.

    ResponderExcluir
  8. Essa SUV da VW realmente ficou show! linda demais!!!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.