Car.blog.br

Pesquisar este blog

Os números do sucesso da Audi nos Estados Unidos

Categorias: , , 4 Comentários

A montadora alemã de carros de luxo Audi tem muito a comemorar sobre seus resultados nos EUA. O ano de 2016 foi o sexto consecutivo de crescimento da marca, com crescimento de 4% sobre 2015 para um total de 210.213 unidades vendidas. A Audi cresceu 4% em um mercado de luxo que caiu 0,7%, sem incluir os ganhos da Audi, e 0,2% com eles. Esses números geram manchetes, mas são outros números que associados à marca que chamam a atenção.

Os números do sucesso da Audi nos Estados Unidos

76%

Por exemplo: 76% dos compradores de modelos Audi nos últimos 12 meses nos EUA são atuais proprietários de modelos da marca há mais de sete anos, indicando uma elevadíssima fidelidade do cliente, e sucesso da marca em reter seus consumidores em um mercado altamente competitivo.

US$ 1 bilhão

1 bilhão: é a quantidade de dinheiro que os 293 concessionários Audi nos EUA já investiram em suas lojas nos últimos seis anos, e a quantidade que eles planejam investir até 2020.

1

A posição 1, de líder, é onde a Audi ficou na pesquisa de satisfação de clientes com seus revendedores JD Power 2016.

Crescimento

Mesmo tendo crescido por 6 anos consecutivos, a Audi planeja avançar ainda mais nos EUA, com base em novidades do seu portfolio de produtos, e também por entrar em segmentos ainda inexplorados.

Os números do sucesso da Audi nos Estados Unidos

A Audi foi capaz de crescer em um mercado de luxo que está em declínio por causa de sua linha de produtos em expansão e pelos investimentos que os concessionários da marca fazem em suas lojas, assim como no atendimento aos clientes.

Os números do sucesso da Audi nos Estados Unidos

Mas, segundo executivos da Audi, o que faz os consumidores fiéis à marca é a capacidade de corrigir problemas corretamente na primeira vez que os carros chegam à loja. E isso não é uma questão de dinheiro, mas de treinamento correto da equipe.

Os números do sucesso da Audi nos Estados Unidos

Para isso, a Audi está usando tecnologias para ajudar os técnicos de concessionárias a resolverem os problemas de serviço mais rapidamente.



O sistema ART - Audi Robótica Telepresença - (vídeo acima) incorpora um tablet com câmera uma câmera que permite que o técnico da concessionária mostre um problema para um engenheiro de alto nível no escritório central da empresa. A implantação dessa tecnologia aumentou a taxa de problemas que são solucionados na primeira vez que o cliente o reporta na concessionária, bem como diminuiu a quantidade de tempo que os clientes estão em veículos emprestados, o que reduz os custos.

4 comentários:

  1. ai e outra coisa marca de primeiro mundo em país de primeiro mundo...

    ResponderExcluir
  2. A Audi tem sido muito feliz nos EUA com seus produtos, isso é fruto de uma gama acertada, com ofertas e opções que agradam em cheio ao norte-americano que gosta de automóveis alemães...
    Mas não é de se negar que também Mercedes-Benz e BMW, ambas com fábricas muito bem sólidas (histórico vencedor em terras ianques) tem atingido grandes feitos.
    Em termos de custo x benefício, Audi e BMW estão quase empatados, sendo que Audi ainda tem melhor CxB.
    Merccedes-Benz, apesar de ser minha marca preferida tá caro, mesmo lá...

    ResponderExcluir
  3. Por essa razão que troquei meu Fusion por um A4. É outra realidade, a Ford nivela seus consumidores por baixo aos contrário dos EUA

    ResponderExcluir
  4. Por essas e mais outras que, depois de dois Fusions e 5 anos com a marca, troquei a Ford pela Audi, especificamente um A4. É outra experiência. A Ford Brasil insiste em nivelar sues consumidores por baixo ao contrário dos EUA.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.