Car.blog.br

Pesquisar este blog

Lexus LS e Cadillac CTS são eleitos os piores sedãs de luxo

Categorias: , , 10 Comentários

A premiação "Best Cars 2017" da revista Auto Motor und Sport elegeu o Lexus LS como o pior carro à venda no mercado europeu no segmento sedã de luxo. O japonês concorreu em um grupo de 18 competidores, do qual o Porsche Panamera foi considerado o melhor.

Lexus LS - eleito o pior sedã de luxo da Europa

O Lexus LS foi o pior sedã de luxo, depois de obter apenas 0,4% dos votos dos eleitores, sendo secundado pelo Cadillac CTS, este considerado o segundo pior carro de luxo.

Cadillac CTS eleito como o segundo pior sedã de luxo europeu

O terceiro pior carro de luxo, segundo a eleição da publicação alemã, é o Bentley Flying Spur, modelo topo de gama da marca de ultra luxo do Grupo Volkswagen.

Bentley Flying Spur

Já o quarto pior carro de luxo eleito foi o Rolls Royce Ghost, modelo de acesso da marca britânica, hoje sob o comando da BMW.

Rolls Royce Ghost

Fecha o "top 5" dos piores sedã o Jaguar XJ, como 0,9% dos votos.

Os melhores

Porsche Panamera 2017

Na ponta oposta, na lista dos melhores sedã de luxo, desponta de forma isolada o novo Porsche Panamera, em primeiro lugar, com a expressiva preferência de 22% dos leitores.

Novo BMW Série 7 2017

Já a segunda posição, mas muito atrás em preferência, com 13,2%, aparece o Novo BMW Série 7.


O Mercedes-Benz Classe S Coupé foi o terceiro melhor sedã de luxo, com 12,2% dos votos, enquanto sua versão sedã ficou na quarta colocação, com 11,9%.


O top 5 dos melhores sedãs de luxo é o Tesla Model S, com 8.9% dos votos.


O Audi A8, mesmo na iminência de receber uma nova geraão, foi condecorado com a 8ª colocação, recebendo 6,8% da preferência, seguido de BMW Série 6 Gran Coupé, Aston Martin Rapid S, Mercedes-CLS e  Maseratti Quatroporte em 10º.


A seleção "Best Cars 2017" teve a participação de 129.719 pessoas. Fonte: Auto Motor und Sport

10 comentários:

  1. O civic 1.5 acaba de enfiar um benga de 0,9s no auidi a3 no acelerados.
    Com direito a afirmação de q o câmbio do audi é lento e q a remoção do dsg foi p baratear custo e deixou o carro pior em pista.

    Só que há quem diga que não. .......

    Insignificância de mentalidade é mato! !!

    ResponderExcluir
  2. Eu fiquei feliz dessa lista não ver não ter o audi A8 que para mim é um dos sedãs mais luxuosos do mundo e também pelo Gênesis g90 que é novato mais é um sucesso.

    O tesla e o pnamera não merecia está aí.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. O civic 1.5 acaba de enfiar um benga de 0,9s no auidi a3 no acelerados.
      “Acaba”? Em que mundo vc vive? Esse teste foi postado há mais de três meses...
      https://www.youtube.com/watch?v=4ISmu8EjPiw

      Benga? O Civic 1.5 Touring custa R$ 125 mil, preço do Audi A3 2.0 Ambition, que tem o mesmo conjunto mecânico do Golf GTI, e que virou em 1,07,551, ou seja, mais de 2,6 segundos mais rápido que o Civic. Isso que é “benga”.

      Mas a benga mesmo foi em Interlados, onde o Golf GTI/A3 Ambition virou em 2,04 ( https://www.youtube.com/watch?v=O9HPJSg6-Ms ) enquanto Civic 1.5 Touring ficou quase 7 segundos atrás do Golf GTI com 2,10,7 (https://www.youtube.com/watch?v=FEhH4nbJLcY ). Que piada esse Civic.

      E nem precisa do A3 Ambition. O Jetta 2.0 TSI, que custa mais de R$ 10 mil mais barato que o Civic Touring, já enfiou uma benga de 1,5 segundos no japa.

      Com direito a afirmação de q o câmbio do audi é lento e q a remoção do dsg foi p baratear custo e deixou o carro pior em pista.

      Bom, logo se vê que você a única coisa que sabe fazer é sair relinchando e repetindo como um papagaio afirmações alheias, sem qualquer crítica. Mostra-se incapaz de pensar, e analisar antes de sair relinchando besteiras.

      Vc e quem relinchou que o A3 nacional é lento, se esqueceu de olhar os próprios tempos do acelerados. O A3 1.4 TSI Flex nacional foi 0,3 segundos mais rápido que o Golf 1.4 TSI DSG-7 importado da Alemanha.

      http://www.car.blog.br/2016/10/audi-a3-sedan-nacional-supera-golf-14.html

      Ou seja, o mané fala uma coisa é desmentido pelos fatos.

      Em resumo: Audi A3 nacional 1.4 Flex com câmbio automático é MAIS RÁPIDO que o importado com câmbio DSG, NA PISTA. E é mais rápido, aliás, muito mais rápido que o Corolla 2.0, que Civic 2.0, mais de 3 segundos mais rápido que o Focus 2.0 Powershift e 3 segundos mais rápido que o Cruze 1.4 Turbo automático.

      Favor pensar antes de relinchar.

      Excluir
  3. a escolha de um carro é algo pessoal e discutir pq este ou aquele é mais veloz eu acho irrelevante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questão não é discutir se um carro é ou não mais veloz que outro.
      A discussão é outra. Tem um monte de mané aí, com mentalidade colonizada, que dizem que o Golf/A3 importados são melhores que os Golf/A3 nacionais.
      Eles não sabem porque dizem isso, mas repetem como papagaios.

      Aí o Rubens Barrichello vai com o Audi A3 nacional 1.4 Flex AT6 para pista, coloca quase 0,4 segundos no Golf 1.4 TSI DSG-7.

      Então esses são os fatos. O Golf/A3 nacional são mais macios, com motor flex mais potente (10 cv a mais que os importados), têm manutenção mais barata, suspensão mais robusta, são mais econômicos segundo o INMETRO, mais rápidos no 0 a 100 (segundo 4 rodas), e ainda são mais rápidos na pista.

      Essa é a questão. Está aí a prova cabal que o Golf e o A3 nacional são infinitamente melhores que os Golf e A3 importados em qualquer quesito, inclusive e especialmente comportamento dinâmico na pista, pois os nacionais são mais rápidos.

      Excluir
  4. Respostas
    1. Deus te ouça!!! Os carros dela são absolutamente lindos e o acabamento é fenomenal!!!

      Excluir
  5. Concordo com o primeiro lugar, panamera é top demais! Belo carro.

    ResponderExcluir
  6. É um tanto estranho sobre a classificação do LS (Lexus). É de se considerar que essa atual geração da linha LS é um "re-badge" da geração anterior, que remonta de 2006 se não me engano.
    Isso significa que mesmo com as melhorias que foram aplicadas em 2013, ele ainda tem plataforma antiga e tecnologia de construção e equipamentos inferiores a Classe S, BMW Série 7 e mesmo Audi A8 que, apesar de ter sofrido face-lifts durante os últimos anos, recebeu melhorias profundas em eletrônica e iluminação, além de ter melhorado o já bom acabamento que o faz uma das referências do segmento.
    Mesmo assim, acho que o europeu exagerou um pouco, LS é um senhor carro, eu já provei e não deve nada aos alemães, ingleses e italianos no que tange à qualidade construtiva.
    Ele precisa de uma nova geração e a Lexus já providenciou isso pra 2018.

    ResponderExcluir
  7. Tem que saber quais foram os critérios que eles adotaram para chegar a essa conclusão.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.