Car.blog.br

Pesquisar este blog

O sétimo Golf - best-seller com motor elétrico e híbrido

Categorias: 11 Comentários

A sétima geração do Golf chegou ao mercado no final de 2012, e está disponível com propulsores híbridos e elétricos desde 2014. Ele foi também é o primeiro modelo Volkswagen baseado na plataforma MQB - Matriz Modular Transversal.


O Golf Mk7, que já sofreu seu primeiro facelift, chegou mais conectado, com um novo display digital e elementos de controle no segmento, trazendo novamente sistemas de assistência dos modelos de luxo para o segmento médio/compacto.



O Golf 7 foi apresentado em Berlim, Alemanha, com uma carroceria até 100 Kg mais leve, e novas tecnologias. Em 2013 foi eleito o "Carro Mundial do Ano" . A partir de 2014, o Golf MkVII passou a oferecer motor elétrico puro (e-Golf) e com uma unidade híbrida plug-in (Golf GTE).


Graças à plataforma MQB, o design também ganha um novo dinamismo devido às suas proporções inteiramente novas. As rodas dianteiras são colocadas significativamente mais adiante.


Consequentemente, a saliência dianteira é mais curta enquanto a tampa parece mais longa. Com isso, a cabine do veículo foi deslocada para trás em termos visuais, resultando na "cab backward impression" - impressão de cabine recuada, que são as proporções típicas de modelos premium, onde o capô é longo.



Assim, o Golf MkVII tem o tipo de proporções normalmente só vistas em segmentos mais altos.

Postagens relacionadas:

11 comentários:

  1. Gostei desta informação sobre a cabine. Nao tinha percebido por este ângulo e de fato eh isso mesmo.

    ResponderExcluir
  2. galera gostaria da opinião de vocês estol na duvida entre dois carro.
    Honda Fit 2013 manual motor 1.4 ou forde focus 2013 manual motor 1.6
    desde já fico grato a todos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nenhum dos dois. O Focus é enorme, pesado e apertado por dentro. E o câmbio é uma bomba, torto de carroceria, péssimo acabamento. O Fit é um carro nada a ver.
      A melhor opção é vc pegar um Golf 2013 ou 2014, com baixa quilometragem. Isso sim é carro. Esses dois aí, apaga essa ideia ...

      Excluir
    2. eu sempre gostei muito do focus pelo designer mais dá muito defeito entao desanima, e o fit nao gosto nem um pouco do designer e o interior e muito simplorio, cheio de plastico duro e é uma barulheira insana.
      outra opção é o cruzer, mais o motor é fraco e o cambio ruim. e gm não inspira confiança.
      no fim, acho Q o golf é o idel mesmo e vc pode pegar um 1.6 sportline muito bom, com o pacote limited edition, tem banco recaro, volante de gti e até teto. uma delicia de digirir, e painel todo emborrachado, e o designer é o mais atual, mesmo sendo 2013. e tem os 2.0 com câmbio autoatico que são ótimos.
      minha amiga comprou um golf 1.6 msi Q eu Q indiquei e está A-M-A-N-D-O! quer um conselho? vai no golf@

      Excluir
    3. olha para ajudar um comparativo golf x cruzer e o golf deu de lavada...

      http://www.car.blog.br/2013/05/vw-golf-sportline-x-gm-cruze-sport6-o.html

      Excluir
    4. Qual o valor do fit e do focus? Quanto seria o Golf? Se não tiver disposto a gastar muito, uma boa opção é o bravo.

      Excluir
    5. Elias, se você tiver oportunidade, talvez seja melhor pesquisar um pouco mais... No entanto, por alguma situação específica, se você tiver apenas essas 2, eu escolheria através de uma soma de fatores, considerando que ambos estejam em bom estado mecânico, pneus, revisão...

      Primeiro, qual estiver em melhor estado, confortável e agradável por dentro, sem marcas aparentes. Fique com o melhor nesse quesito, pois é a parte do carro que você terá contato imediato e diário mais significativo, já que ambos vão lhe atender de modo geral e têm pontos positivos e negativos parelhos...

      Se ambos estiverem bons e equilibrados em conservação e estética, eu aconselho que você escolha o que for mais decisivo pra você: o Fit é mais econômico e o Focus tem melhor desempenho. Mas, se tiver mais opções...

      Excluir
  3. K d o híbrido no Brasil??? E o preço... vai vendo...

    ResponderExcluir
  4. Agora sobre o Golf, que é o tópico... Não sou fanático, nem recebo de nenhuma marca... Mas de tudo o que já pesquisei e conheço sobre carros, o que a VW fez com o MK7 foi histórico... Lembro, na época, de um vídeo (acho que da Alemanha) avaliando recursos, desempenho e até acabamento dos primeiros hatchs das marcas ditas premium... E o Golf bateu todos! Um carro que começa com 7 airbags, controles de tração, estabilidade e diferencial, motor turbo, start-stop, autohold, multilink, isofix, opção de câmbio DSG, saída de ar para passageiros de trás (se não me engano, para os pés também, pois embaixo do banco tem umas saídas suspeitas lá...) Enfim, desproporcional...

    O que os caras fizeram em 2013 ainda não se faz 3 anos depois, por preços médios de mercado. Esse carro é histórico e a VW mereceu cada prêmio que ganhou.

    ResponderExcluir
  5. O Golf 7 é um carro tão bem projetado e construído que a VW já viu que vai ser difícil fazer algo melhor, até ela mesma, ao menos nos próximos dez anos.

    Então ela fez o certo: disse que o Golf 8 e o Golf 9 serão derivados do Golf 7.

    Está corretíssima. Nenhum carro concorrente do Golf chegou perto sequer do Golf 4, que dirá do 7. Coloque um Golf GTI de 180 cv tipTronic 6 na pista, desses de 2009, e veja como ele humilha o o Focus 2.0 Powershift e o Cruze 1.4 Turbo. Não dão para o cheiro.

    Mais que isso. O Golf 4 é menor por fora e tem mais espaço interno que o Focus 2016 e o Cruze idem. Mais ainda. O Golf 4 tem acabamento infinitamente superior ao Focus e Cruze.

    Então, se a concorrência não chegou no Golf 4, o Golf 7 é algo inalcansável para todos os demais.

    O fato é que o Golf 7 é o Alfa e o Ômega automotivo, o princípio, o meio e o fim. O primeiro e o derradeiro. Não há nada como ele. Não haverá nada como ele.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.