Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Chevrolet Tracker 2017 : preços, consumo, detalhes

Categorias: , , , 41 Comentários

A Chevrolet do Brasil anuncia os preços da linha 2017 do SUV Tracker, lançado no Salão do Automóvel de São Paulo.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O modelo, que tem nova dianteira, interior reformulado, e novo motor 1.4 flex, parte de R$ 79.990 reais, na versão de acesso, LT, que traz direção elétrica, faróis com regulagem de altura, luz de rodagem diurna, faróis de neblina, sistema Isofix, alarme, rodas de alumínio aro 16″, ar condicionado, coluna de direção com regulagem em altura e profundidade, volante com comandos multifuncionais, piloto automático, retrovisores externos elétricos, travas e vidros elétricos nas quatro portas com one touch, banco traseiro bipartido, sistema multimídia MyLink 2 com tela LCD de 7″ e compatibilidade com Android Auto e Apple CarPlay.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Há ainda o modelo intermediário, LTZ, a R$ 89.990 reais, com todos os itens do LT e ainda sensor de estacionamento traseiro, alerta de ponto cego, faróis tipo projetor, luz de condução diurna em LED, lanternas em LED, frisos cromados nas portas e tampa do porta-malas, rodas de alumínio aro 18", sistema Easy Entry (abertura das portas e alarme anti-furto através de sensor de aproximação na chave), partida sem chave, retrovisores com aquecimento, teto solar elétrico, bancos em couro e banco do motorista com regulagem lombar elétrica. A configuração LTZ2, completo, alcança R$ 92.990 reais, é equipada com 6 airbags.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Além disso, vem com sistema de alerta de motorista distraído.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O motor, o mesmo do Cruze, oferece 153 cavalos de potência e 24,5 kgfm de torque, estando associado com um câmbio automático de 6 marchas.

O consumo do Tracker 1.4 Turbo Automático, segundo o INMETRO, é de 7,3 km/l de etanol em cidade, e 8,2 km/l em estrada.

Com gasolina, o modelo faz 10,6 km/l em cidade, chegando a 11,7 km/l em estrada.



Para melhorar o consumo, o modelo passa a incorporar o sistema start-stop, que desliga automaticamente o motor em paradas temporárias.

Em termos estéticos, o modelo ganha nova dianteira, com de desenho delgado e sistema de posição diurno em LED.

Novo Chevrolet Tracker 2017

No interior, a novidade é a central multimídia MyLink 2, com capacidade de espalhamento de tela via Android Auto e Apple CarPlay, além do sistema OnStar.

Postagens relacionadas:

41 comentários:

  1. Esses valores tem fonte boa? Nenhuma concessionária sabe o preço até hoje 18/11.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fonte mais que boa!
      A GM já começou a pré-venda do Tracker lá no Salão do Automóvel, logo, esses preços foram tirados diretamente do estande da GM.

      Excluir
    2. SEM ESP e controle de tração... putz

      Excluir
  2. Se vier por esse preço, vai vender muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só pra quem não entende nada de carro. Quem é o animal que vai parar 93 mil num carro sem ESP?

      Só lembrando que o ESP é a segunda maior invenção de segurança automotiva (só perde pro cinto de segurança) e já é obrigatório há anos nos EUA e Europa.

      Ninguém, em pleno 2017, compra um carro desse valor sem ESP.

      Excluir
    2. E o freio traseiro é a tambor...
      Igual ao do Creta...
      Absurdo

      Excluir
    3. Só pra quem vê um farolzinho bunitinho, uma frente moderninha, mas não sabem o produto que estão levando, q capota mais num breca... Brasil é o sonho das montadoras, pois os consumidores pagam os valores mais altos do mundo somente por design, com esse preço da tracker da pra levar o 2008 1.6 turbo, completasso com ESP e sobra um bom troco, o duro é o pos venda da peugeot e desvalorização pq o mercado não entende de carro bom... Ou seja, brasileiros que querem comprar um carro q eh bom de verdade que salva vida só se fode...

      Excluir
    4. Quem vai comprar são os animais que dirigem desde que você estava nas fraldas e jamais se envolveram em acidentes, porque não são daqueles animais que ficam infringindo as leis e dando pau em estrada só porque o papai pode pagar um carro novo.
      ESP =1%
      Cinto = 10%
      Air-bag = 10%
      Pecinha atrás do volante = 1.000%

      Excluir
    5. Até o melhor motorista pode precisar um dia do ESP. Penso que o ESP é como o seguro do carro, tenho não desejo precisar usar nunca!!!

      Excluir
    6. Concordo mas brasileiros pelo menos uma boa parte não estão nem ai pra ESP pois como exemplo corolla não seria jamais líder no seguimento embora seja outro mas custa facilmente mais de 90K

      Excluir
  3. Respostas
    1. Pelo que li em outro blog o ESP é de serie em qualquer versão.

      Excluir
    2. No site da Chevrolet não consta ESP para nenhuma das versões.

      Excluir
  4. RAPAZ, vai vender muito, so faltou mesmo o ESP e um ar digital

    ResponderExcluir
  5. To achando esse preço bom demais para ser verdade.

    ResponderExcluir
  6. carro sem ESP por 80k
    pra ter mais de dois airbags precisa pagar 93k
    o que salva nesse carro é o motor

    a VW mosqueou muito no tempo aqui no Brasil.. Se tivesse lançado um SUV do porte Renegade/HRV com motor 1.4T seria líder há muito tempo

    ResponderExcluir
  7. Cara, como pode a GM vender esse carro sem ESP?? Só o CRUZE mesmo possui todos os atributos de segurança que a GM disponibiliza em outros mercados, o resto sempre falta algo (Tracker) ou todo o resto (toda a linha nacional da GM). Impressionante.

    ResponderExcluir
  8. Uma vergonha lançar um carro de 90k em pleno 2017 sem Esp...

    ResponderExcluir
  9. O esp e 6ab poderiam ser de série desde a versão de entrada. Alguém sabe se tem isofix?

    Mas para a realidade brasileira o preço está muito bom.

    ResponderExcluir
  10. Acho muito engraçado esses perfis fakes repetindo a mesma reclamação do ESP.

    ResponderExcluir
  11. LT - Tem entre os principais itens de série airbag duplo, freios ABS com EBD, alarme antifurto, sistema OnStar, faróis e lanternas de neblina, Isofix para fixação de cadeirinhas infantis, luz de condução diurna, regulagem de altura dos faróis, rodas de alumínio de 16 polegadas, ar-condicionado, direção elétrica progressiva, chave canivete dobrável, volante com ajuste de altura e profundidade, computador de bordo (com consumo médio e instantâneo, velocidade média, autonomia, hodômetro parcial e vida útil do óleo), controle de cruzeiro, retrovisores externos elétricos, sistema start/stop, travas elétricas das portas com acionamento pela chave, vidros elétricos com sistema “um toque”, anti esmagamento e fechamento/abertura automática pela chave, banco traseiro bipartido e rebatível, banco do motorista com ajuste de altura, sistema multimídia MyLink com tela sensível ao toque de sete polegadas, Apple CarPlay e Android Auto, sistema de som com seis alto-falantes e volante multifuncional
    Há também aviso sonoro do cinto de segurança, barras de proteção nas portas, brake light, cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores e ajuste de altura, cintos de segurança traseiros laterais e central de três pontos, protetor de cárter, sistema de imobilização do motor e de proteção contra descarga da bateria, trava de segurança nas portas traseiras, alavanca do freio de mão com detalhe cromado, retrovisores externos pintados na cor da carroceria, grade dianteira com detalhes cromados, maçanetas externas na cor do veículo, maçanetas internas cromadas, rack de teto, rodas de alumínio de 16 polegadas, abertura da tampa do combustível com acionamento conjunto com as travas elétricas, alças de segurança no teto, alerta dos faróis ligados, desembaçador traseiro, bancos de tecido, encosto de cabeça no banco traseiro para os três passageiros e interior na cor preta.

    LTZ 1 - Agrega alerta de movimentação traseira (em marcha ré), alerta de ponto cego, faróis dianteiros tipo projetor, luz de condução diurna em LED, friso cromado na parte superior das portas e na tampa traseira, lanternas em LED, maçanetas externas com detalhe cromado, rodas de alumínio de 18 polegadas, câmera de ré, chave eletrônica, computador de bordo (acrescenta velocidade instantânea e hodômetro parcial para duas viagens), descansa-braço para motorista, descansa-braço traseiro com 2 porta-copos, retrovisores externos com aquecimento, destravamento das portas e partida do motor sem chave, porta-objetos embaixo do banco do passageiro, sensor de estacionamento traseiro, para-sóis com iluminação, tapetes em carpete, teto solar elétrico, volante e bancos revestidos em couro e banco do passageiro dianteiro rebatível.

    LTZ 2 - Agrega apenas airbags laterais e de cortina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. seria mto mai facil so vender uma LTZ nao entendi essa jogada da chevrolet

      Excluir
    2. Acho que deveriam ter deixado o teto-solar exclusivo da versão LTZ 2.

      Excluir
    3. Já tiraram do ar as configurações....alguma coisa tá errada.

      Excluir
  12. Alguém sabe o tamanho do porta malas? É engraçado como vários, para não falar todos, os sites e blogs especializados em carros apresentaram esse carro e sequer mencionaram o porta malas. Dever ser muito pequeno.

    ResponderExcluir
  13. Apesar de ter um bom motor e equipamentos, a GM falha de forma imperdoável ao não oferecer itens indispensáveis de segurança como os controles de estabilidade e tração. Os freios traseiros a tambor também depõem contra o veículo.
    Mais um lançamento estragado pela falta de visão da marca no Brasil.

    ResponderExcluir
  14. Os caras fizeram os mais difícil: motor turbo em um SUV. Boa! Ótimo!

    Mas nenhuma tem controles de tração e estabilidade. Versão de 80 mil não vem nem sensores de estacionamento (comodidade significativa) ou câmera de ré. Esses últimos são equipamentos simples, mas caros na concessionária. Instalando por fora corre o risco de perder a garantia ou não é prático para os clientes...

    Enfim, que besteira!

    HRV, Renegade, Eco, Kicks e até Duster devem ficar à frente, pois a única versão aceitável do Tracker seria a de 90 mil, que ainda fica devendo perante os demais (com exceção do Duster...)

    A versão de 80 tinha que ter pelo menos os sensores de estacionamento + 6 airbags, para se diferenciar pelo menos perante o público leigo ou que ainda não entende as vantagens do ESP... Aí a Tracker, que é figurante no segmento, entraria no jogo...

    Errr GM... Quando a gente imagina que vai: fica ou volta...

    ResponderExcluir
  15. Fabricada no México, a versão top lá tem controles de estabilidade e de tração. As versões exportadas para os EUA tem 10 airbags de série, além dos controles.

    ResponderExcluir
  16. Se pagam quase 110 em um Corolla sem ESP imagina o Tracker

    ResponderExcluir
  17. Estranho não ter ESP, mas pelo valor é Powertrain vai dar um sufoco na concorrência. Alguém consegue lembrar de algum 0km 1.4T a R$79.900?

    ResponderExcluir
  18. Achei que o consumo, por ser turbo, seria melhor. Praticamente mesmo consumo do HR-V.

    ResponderExcluir
  19. O Consumo na Estrada esta correto? o Cruze 1.4 faz 14...

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.