Car.blog.br

Pesquisar este blog

Chery Celer Sedan 2016 está sendo vendido a R$ 32.900

Categorias: , 43 Comentários

A montadora de automóveis Chery do Brasil está vendendo a versão sedã do modelo Celer (veja teste de longa duração com o modelo hatch aqui) pelo preço promocional de R$ 32.900 reais, para modelos 2016 - o que representa um desconto R$ 5.590 reais sobre o preço sugerido. O modelo topo de gama, ACT, idêntico ao das fotos, sai por R$ 33.900 reais.

Chery Celer Sedan 2016

Segundo apuramos em concessionária de Brasília, desde que a Chery do Brasil optou por reduzir o preço do Celer Sedan as vendas subiram bastante, tanto para consumidores pessoa física, quanto para motoristas que compram o modelo para trabalhar no Uber.

Chery Celer Sedan 2016

O modelo é equipado com um motor quatro cilindros 1.5 16V Flex de 113 cavalos e 15,5 kgfm de torque quando abastecido com etanol, e 108 cavalos e 14,3 kgfm de torque com gasolina, que permite acelerar os 1.210 Kg do modelo de 0 a 100 km/h em cerca de 12 segundos.

Chery Celer Sedan 2016

O Chery Celer Sedan mede 4,33 metros de comprimento, 1,68 metros de largura e tem entre-eixos de 2,527 metros.

Chery Celer Sedan 2016

O destaque fica por conta do porta-malas de 450 litros, com abertura similar à de um hatch (vídeo abaixo), e também o espaço interno.



No que respeita aos itens de série, a versão de acesso adota ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos nas quatro portas, travas elétricas, sensor de estacionamento traseiro, rodas de 15 polegadas, sistema de som, faróis com facho regulável.

Chery Celer Sedan 2016

Já o topo de gama, ACT, acrescenta rodas de alumínio, sistema de som com CD Player e 6 alto-falantes, entre outros itens.

Chery Celer Sedan 2016

Os preços foram coletados na concessionária Chery Dali, de Brasília (DF).

Postagens relacionadas:

43 comentários:

  1. E o gado desinformado acaba optando pelo mobi :-/

    ResponderExcluir
  2. Sei lá, a estratégia dessa montadora é tão equivocada que a gente fica até desconfiado quais suas reais intensões no mercado brasileiro. Não vende nada, seus produtos são insignificantes nas respectivas categorias em que atuam e continua investindo milhões por aqui. Estranho, não? Será que não andam mascarando algum coisa direto da China? Falta provar muito a que veio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "seus produtos são insignificantes nas respectivas categorias em que atuam e continua investindo milhões por aqui"

      Baseado em que você afirma isso? O Celer sedan e Hatch não possuem concorrentes de tamanho igual e preço igual, todos os concorrentes já estão acima de R$ 40 mil, e mesmo assim todos são bem parecidos em equipamentos, exceto , claro, nas versões topo de linha dos concorrentes.
      Brasileiro não compra chinês por preconceito e por ego, pois brasileiro vive muito de ego e status, e com un chinês o medo de ouvir "comprou um chinês? Hmmm..." e o ego ser destruído amedronta a mente de muita gente.

      Não tem nada se errado com a Chery, ela viu que nosso mercado é lucrativo e resolveu investir, pois não sei se sabe, mas somente no Brasil que os chineses são relativamente novos no mercado, pois no restante da América do Sul os chineses já tem bastante tempo se mercado. Claro que as montadoras deram algumas mancadas, mas dizer que um Celer não tem como qualidade? E o que da para levar com muita qualidade, que não tenho plástico duro e bancos de tecido por R$ 35 mil? Um Mobi pelado e apertado?
      O Celer é competitivo, mas brasileiro simplesmente não quer chinês porque "sim".

      Excluir
    2. Brasileiro não compra chinês por preconceito e por ego, pois brasileiro vive muito de ego e status, e com un chinês o medo de ouvir "comprou um chinês? Hmmm..." e o ego ser destruído amedronta a mente de muita gente.

      Orelhada sem fundamento algum. Brasileiro compra chinês sim. A JAC vendeu mais de 3.000 JAC J3 por mês por quase 2 anos. Vendeu quase 40 mil carros quando se estabeleceu no Brasil.

      A questão não é essa. A crise pegou a Chery de calça curta. O Celer está no segmento de mercado mais atingido pela crise, e com uma rede de concessionárias que minguou. E também não tem financiamento subsidiado.

      Mas a estratégia deles agora está correta. Vão lançar o Tiggo 3x que tem tudo para ser um sucesso, a depender do preço.

      Se tem 1 produto bom, as concessionárias já se viabilizam. E isso leva clientes para as lojas. Levando clientes, os outros produtos também vendem.

      Excluir
    3. O preconceito insistido é a maior burrice do homem... mas dizia alguém em Matrix... a ignorância e uma bênção... para Fiat, Chevrolet. Ford e VW.. fazem e vendem carros ruins e caros.. mas os "malandros" continuam comprando...

      Excluir
    4. Ainda que pratique preços abaixo dos seus (inúmeros) concorrentes no mercado brasileiro, isso não o torna uma ilha mercadológica. As escolhas não estão restritas apenas a valores. O Celer tem seus méritos, imagino, mas não acrescenta nada mais que o trivial em equipamentos e em segurança. E o brasileiro não compra esses veículos chineses porque já está escaldado, não por sinofobia ou status, até por que as chinesas fizeram um relativo sucesso no passado recente. É sim pelas inúmeras experiências de desabastecimento de peças e deficiências da rede de autorizadas que sempre estão encabeçando as listas de reclamações país afora. Você falou de ego, mas não imagino que essa seja a motivação para a escolha de um carro dessa categoria no Brasil. O que pesa mesmo é o valor que se dá ao dinheiro suado para comprar um veículo que possa representar no mínimo confiabilidade e benefícios a quem os possui. Sendo os chineses, eu não investiria tanto num mercado onde não estivesse me estabelecido. Por isso o estranhamento das suas ações no Brasil. Sua estratégia foi equivocada e só perceberam isso quando os trabalhadores em pouco tempo entraram em greve reclamando que a remuneração paga pela empresa estava muito abaixo do mercado. A maneira que encontraram para subsidiar seus carros. Malandragem à chinesa. Fiquemos mais atentos!

      Excluir
    5. Desinformação misturada com preconceito e achismo.

      Excluir
  3. O preço está bom para um Sedan compacto+, entrega um bom pacote, é uma boa opção.

    ResponderExcluir
  4. O preço está bom para um Sedan compacto+, entrega um bom pacote, é uma boa opção.

    ResponderExcluir
  5. Melhor que o finado Classic e Siena EL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem comparação, o Classic mesmo ...

      Excluir
  6. Tem uma estratégia de vendas ruim, eu compraria o Hatch mas aqui em Pernambuco não tem Css,carro - de 40.000 todo ele é a mesma coisa.

    ResponderExcluir
  7. Se fosse de uma marca conhecida,ou se tivesse melhor marketing esse modelo poderia pelo preço hoje praticado ser um dos líderes da sua categoria com louvor... E espero que a Chery numa versão 2017 do modelo ofereça a conectividade Bluetooth e quem sabe os comandos de multimídia no volante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, o Etios é muito mais feio, mais caro e vende bem mais.
      Para esse carro vender mais, deveria ter um interior bacana, esse é o pior entre os compactos, e o motor ser mais economico, no mais está ótimo para o que o mercado oferece.

      Excluir
    2. Discordo do interior, o Celer tem bons arremates, é plástico como todo carro na sua faixa de preço, entretanto tem boa qualidade; o que pode melhorar seria o volante, e quem sabe alguma coisa na parte de conectividade. Entretanto por esse preço, não precisaria oferecer nem melhorar nada, absolutamente nada. Não vende pelo fator marca, apenas isso.

      Excluir
    3. E sobre a motorização, bem... nos fóruns os proprietários relatam boas médias, levando em conta o peso e o fato de ser 1.5L ... poderia ter um desempenho melhor, mas aí tem os fatores como peso, dado ao tamanho do carro, e câmbio, que poderia ser mais curto, entretanto a mesma privilegiou o conforto, sacrificando um pouco o desempenho do carro. No mais, se confirmar as médias de 10,5 e 12,5 cidade/estrada com gasolina está bom, poderia ser melhor, mas tá bom sim. E há quem diga fazer até 14,5 na estrada, e uns 11 na cidade com gasolina é claro.

      Excluir
    4. Rodo na manha e nunca fiz mais que 11.5 na estrada.

      Excluir
    5. Faço com o meu na estrada 12.5, com ar ligado... para motor 1.5 de 113 cavalos... não acho ruim.. mas não é o primor como o purê tech

      Excluir
    6. Sim, mas custa bem menos... e por esse preço vc estaria de boa com um excepcional Mobi 1.0 Fire Evo, primor em desempenho e consumo, sqn kkkkk.

      Excluir
    7. Média de 13,2 Km/l, em estrada com etanol, rodando entre 100 e 110km/h, ar condicionado em tempo integral.

      Excluir
  8. Você olha o que um carro chinês desse oferece e vê o preço, chegar a ser tentador. Mas quando se olha a relação número de vendas/reclamações no Reclame Aqui, pra mim não dá, nem chinês, nem francês, nem Ford, nem Nissan. As escolhas ficam restritas a Toyota, Honda, VW, GM e Fiat. Tenho feito escolhas dentro desse universo e estou satisfeito. Nada contra a China. Tenho um celular chinês, de uma marca com boas referências, e até agora só alegria tb depois de quase 1 ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O carro vende pouco por falta de marketing e também pelo fato de ser uma marca nova (pra não dizer chinesa), pessoal acaba optando pelo que a maioria ta comprando, como uma forma de garantia, ou por achar que o fato de todo mundo estar comprando significa que o produto é bom. Acho que as pessoas precisam conhecer melhor o veículo, fazer um test drive, analisar o preços das revisões e se o carro atende as expectativas, se gostar, não vejo motivo pra não comprar. A gente tem que comprar o produto baseado na nossa preferência e não baseado na preferência de outros.

      Excluir
  9. Só gente sem noção... Falar de restrição ainda mais em tais exemplos? Sem cultura automotiva.. não sabe o que fala.

    ResponderExcluir
  10. Quando teremos uma atualização do teste de longa duração, do Celer pertencente ao Blog? Eu particularmente gosto e acredito no futuro da chery no Brasil.

    ResponderExcluir
  11. Nao vou entrar no mérito se o carro é bom, se vale a pena comprar...Este preço só confirma o tanto que as outras montadoras abusam do preço no Brasil. E a desculpa dos impostos? Ele paga o mesmo tanto de impostos que todas as outras que possuem fábrica aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É amigo, cada CCs Lucra em média $10.000 ou mais dependendo do segmento. Basta aferir as contas de uma loja dessas.

      Excluir
  12. Eu compraria ... Agora brasileiro acha melhor comprar um siena ou um voyage por 60 mil . Piada

    ResponderExcluir
  13. Seria melhor irem conhecer o carro antes de saírem falando besteira. Um carro desses por preco de Mobi que nem limpador traseiro tem, é um bom negócio.

    ResponderExcluir
  14. Custo benefício "aparentemente" bom. Mas produto nada confiável...Peca ainda muito no acabamento.Mas também não dá para cobrar muito de um carro com este preço!

    ResponderExcluir
  15. O similar Etios Sedan CUsta R$49.960,00 e usado conforme anuncios na web R$27.500,00 (2013) o Celer sedan 2013 na mesma web motors R$22.800,00 .Veja no Etios se perdeu R$22.460,00 enquanto no Celer R$9.700,00 e agora....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc comparou o preço de tabela de um com o preço promocional de outro. O Etios Sedan 2017 manual tava custando em setembro na promoção 44990 com juros de 0,99% a partir de 30% de entrada. Se vc coloca o desconto e subsídio do juros, equivale a comprar o carro à vista por 42, 43 mil. O Celer Sedan na tabela custa 39400, os caras tão vendo a 32 mil não é para lucrar, é para o prejuízo não ser tão grande depois do investimento na fábrica. A linha 2017 do Etios já vem com novo painel e consumo do Inovauto. O preço médio do Etios Sedan X Manual 2013/2013 é 32 mil no WebMotors, mais barato 28, mais caro 35. Por fim a Toyota beirando o 4° lugar nas vendas tem apenas 875 reclamações no Reclame Aqui nos últimos 12 meses, a Ford tem 3900, com vendas um pouco superiores. A Chery com um traço do mercado tem 300 reclamações. Faça a proporção, relação vendas/reclamações.

      Excluir
    2. Sim, você errou ao querer comparar o valor normal do Etios com o valor promocional do Celer, sem mencionar que não há termos de comparação entre a tradição e confiabilidade de um Toyota com a de uma marca chinesa recém desembarcada no Brasil...

      Excluir
    3. Quero saber quantos anos irão ainda dizer isso da Chery "marca chinesa recém desembarcada no Brasil"; pois a mesma está aqui desde 2009 e agora já se completaram 2 anos de fábrica no Brasil...

      Excluir
    4. Durante o tempo que for necessário até que ela tenha um mínimo de tradição! "2 anos de fábrica no Brasil e por aqui desde 2009 não passa nem perto disso" Por aqui temos marcas centenárias com suas fábricas instaladas há muitas décadas, tais como VW, FORD, GM, FIAT, HONDA, etc...Não é tarefa simples, que o digam Hyundai, Kia...

      Excluir
  16. Preço bom, condizente. Os chineses precisam ganhar mercado, e para isso, nas minha modesta opinião, precisam jogar os preços lá embaixo, e ir escalonando. Tenho um Tiggo, sei das deficiências, mas não me arrependo.

    ResponderExcluir
  17. Fiz uma cotação de seguro para um celer sedan e o preço que obtive foi 50% maior do que pago atualmente num Logan 1.6. O preço anunciado até me atraiu, mas após ver o preço do seguro já desanima, além de que seria um veículo pra Uber, o que causaria um custo bem maior com suas peças do que num modelo da concorrência, já que a rodagem é elevada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostaria de saber como é calculado esses seguros, primeiro que o carro é nacional, segundo que não é visado... as vezes só credito a "boicote" mesmo, tem algum dedinho podre da concorrência, não tem lógica alguma.

      Excluir
    2. O seguro do meu Celer sedan ACT 16/16 adquirido em agosto, ficou em quase R$1.300,00, sem bônus. O seguro de um Ford Ka sedan 1.5 , comprado 16/17, adquirido por um amigo em outubro, ficou o dobro do preço pago no seguro do Celer é olha que ainda tinha bônus de desconto.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.