Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen Up! 2017: preços, detalhes e especificações

Categorias: 61 Comentários

O Volkswagen up! chega à linha 2017 com algumas pequenas alterações e mantendo duas opções de motores (MPI e TSI), duas carrocerias (duas e quatro portas), transmissão manual ou automatizada I-Motion (SQ100) – que o torna o modelo com câmbio automatizado mais em conta do País.

Volkswagen Up! 2017

Para a linha 2017, o modelo passa a trazer, desde a versão de entrada take up!, rodas de 14 polegadas com pneus “verdes”, de baixa resistência à rodagem, nas medidas 175/70 R14. Pneus “verdes” têm composição diferenciada que colabora para a redução no consumo de combustível.

Volkswagen Up! 2017

Além disso, as versões move up! e high up! passam a ser identificadas por adesivos nas laterais (localizados nas portas dianteiras).

Volkswagen Up! 2017

O up! é oferecido nas versões: take up!, move up!, high up!, black up!, red up!, white up!, speed up! e cross up!. As versões com o motor TSI trazem como diferencial a tampa do porta-malas é pintada na cor preto ninja, com a nomenclatura TSI. Além disso, o up! TSI é equipado em todas as suas versões com o controle de tração M-ABS.

take up! - R$ 32.590 reais

A versão take up! tem opção de carroceria de duas ou quatro portas e é oferecida com o motor 1.0l MPI, de até 82 cv. Desde a versão take up! o modelo oferece lista de equipamentos que contempla, chave tipo “canivete” sem controle remoto, limpador, lavador e desembaçador do vigia traseiro; banco do motorista com regulagem de altura; espelho no para-sol do passageiro; cintos traseiros laterais retráteis e palhetas “aerowischer” – que têm funcionamento mais silencioso, melhor desempenho e durabilidade, mesmo em comparação às palhetas convencionais de maior eficiência.

move up! - R$ 40.084 / R$ 42.250 (i-motion) / R$ 46.590 (tsi) reais

O move up!, sempre em carroceria de quatro portas, está disponível com o motor MPI ou com o TSI. Também é oferecida a transmissão I-Motion, que é combinada ao motor MPI. A versão move up! adiciona à lista de itens de série o sistema “s.a.v.e” de ajuste variável do porta-malas (285 litros), espelhos retrovisores e maçanetas na cor do veículo e itens como antena no teto e faróis com máscara escurecida. Na cabine há detalhes como porta-objetos removível, acabamento em “chrome effect” no painel, maçanetas com acabamento “siberian”. O move up! também conta com o “infotrip” – computador de bordo com 10 funções; quadro de instrumentos com conta-giros, relógio digital e indicador de temperatura externa.

high up! - R$ 44.790 / R$ 47.900 (i-motion) / R$ 51.590 (tsi) reais

O high up!, também disponível com motor MPI (com opção de transmissão I-Motion) ou TSI, é equipado com rodas de liga leve aro 15 polegadas “são paulo” e pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, nas medidas 185/60 R15. Traz, além dos itens disponíveis no move up!, faróis e lanterna de neblina, bancos revestidos em tecido com faixa em couro sintético “native” e volante com apliques em preto brilhante.



Há cinco opções de cores para o acabamento (“pad”) do painel, duas opções de ambientação interna (escura preto “titan” ou na clara cinza “dublin”) e duas luzes de leitura para motorista e passageiro.

Volkswagen Up! 2017

O high up! também traz chave do tipo “canivete”, que concentra o sistema de alarme com comando remoto “keyless”, direção com assistência eletromecânica “easy drive” e com regulagem de altura, trava elétrica das portas e vidros dianteiros elétricos – os comandos ficam localizados na porta do motorista – e sensor de estacionamento traseiro “park pilot”.

Os retrovisores externos têm ajuste elétrico e luzes indicadoras de direção integradas “side blinker” (esse recurso é opcional para a move up!).

cross up! - aventureiro - R$ 43.755 / R$ 46.860 (i-motion) / R$ 50.490 (tsi) reais

Volkswagen Up! 2017

Quarto modelo da família Cross, que também é composta pelos modelos CrossFox, Space Cross e Saveiro Cross, o cross up! pode ter o motor MPI (com opção do câmbio I-Motion) ou o TSI e traz decoração e equipamentos exclusivos. A lista de itens é baseada no high up!, acrescida de ar quente e rodas de liga leve de 15 polegadas “zurique”.

black up!, red up! e white up! – versões de topo de linha - R$ 51.790 reais

As versões mais equipadas do up! – black up!, red up! e white up! – estão disponíveis com o motor TSI e se diferenciam externamente pelos retrovisores, frisos laterais e aro dos faróis de neblina em “chrome effect”, soleira das portas dianteiras com aplique em alumínio e pelas rodas de 15 polegadas com design exclusivo “berlin”, com o fundo da parte central pintado conforme o nome da versão (preto, vermelho ou branco). Na versão white up! a roda é toda branca. Os pneus são de baixa resistência ao rolamento, nas medidas 185/60 R15. Há também tapetes de carpete, que trazem bordado o nome do veículo.

Volkswagen Up! 2017

Na cabine, há revestimento de couro sintético “native” para as alavancas de transmissão, do freio de estacionamento e para o volante, que tem apliques em preto brilhante; os bancos são revestidos em tecido estilizado, com faixa em couro sintético “native” e costura diferenciada. Os modelos nessas versões são equipados com ar-condicionado com filtro de poeira e pólen e trazem sistema de som com rádio AM/FM, CD-player, bluetooth, MP3 player e entradas USB e auxiliar, com quatro alto-falantes e dois tweeters.

speed up! - R$ 51.790 reais

O speed up! faz uma “homenagem” a modelos consagrados da marca, como o Gol GT e o Gol GTi, trazendo identidade exclusiva e esportividade em uma linguagem icônica. A lista de itens de série do speed up! é baseada na do black/white/red up! TSI, com as exclusivas rodas zurique II, de 15 polegadas. Estão incluídos bancos revestidos de couro sintético “native” – alavancas de câmbio, freio de estacionamento e o volante também são revestidos desse material.

Volkswagen Up! 2017

O modelo é oferecido unicamente na cor branca, com os retrovisores laterais pintados na cor azul.

Motores

O motor 1.0l MPI Total Flex tem potência máxima de 75 cv (55 kW) a 6.250 rpm, quando abastecido com gasolina, e de 82 cv (60 kW) à mesma rotação, com etanol. O torque máximo é de, respectivamente, 9,7 kgfm (gasolina) e 10,4 kgfm (etanol), e ocorre a partir de 3.000 rpm e se mantém por longa faixa de rotações. Já a partir de 2.000 rpm mais de 85% do torque máximo está disponível. O motor EA211 1.0l é equipado com sistema “e-flex” de partida a frio, que dispensa o tanque auxiliar para gasolina.

O motor EA211 1.0l pode ser combinado à consagrada transmissão manual MQ200 ou à nova automatizada SQ100. Em ambos os casos, as relações são longas, permitindo ao motor trabalhar em rotações mais baixas, resultando em menor consumo de combustível e redução nas emissões.

Volkswagen Up! 2017

O motor TSI tem potência máxima de 101 cv (74 kW) a 5.000 rpm, quando abastecido com gasolina, e de 105 cv (77 kW) à mesma rotação, com etanol. O torque máximo é de 16,8 m.kgf, com gasolina ou etanol, disponíveis já a partir de apenas 1.500 rpm. O valor é próximo do entregue por motores maiores.

No up! TSI as relações de transmissão são as mesmas do modelo com o motor MPI. Mas a relação do diferencial foi alongada em 26%, sendo agora de 3,625:1. Isso faz com que o motor trabalhe em rotações incrivelmente baixas quando o up! TSI trafega em estradas, por exemplo. Em 5ª marcha, a 100 km/h, o motor está girando a aproximadamente 2.300 rpm. O baixo regime de giro colabora sensivelmente para a redução do consumo de combustível e para maior conforto a bordo do up! TSI.

Segurança

O Volkswagen up! obteve cinco estrelas no Latin NCAP (New Car Assessment Program), programa independente de avaliação de carros novos para a América Latina e Caribe. O resultado obtido pelo up! foi confirmado em novo teste realizado pelo Latin NCAP e divulgado em março de 2015. O modelo manteve as cinco estrelas na proteção para adultos e quatro estrelas para crianças.


O modelo é equipado de série, em todas as suas versões, com sistemas ISOFIX® e top-tether, e traz indicador visual e sonoro de desafivelamento dos cintos de segurança dianteiros.

Volkswagen Up! 2017

Para tornar o up! seguro foram aplicados modernos recursos técnicos de construção e cálculos avançados para detecção de acidentes, resultando na melhor e mais avançada carroceria produzida no Brasil. Toda a estrutura da carroceria foi desenvolvida para absorver a energia do impacto – cada parte da carroceira tem de ter determinado valor de resistência e rigidez.

Índices de reparabilidade

O up! detém o melhor índice geral de reparabilidade do País, de acordo com o ranking Car Group 2015, do CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária).

O modelo tem classificação 10, a melhor entre todos os veículos participantes do ranking. Quanto menor a pontuação (em uma escala que vai de 10 a 60), menor será o tempo e o custo de reparo do veículo.

Automatizado mais barato

Primeiro modelo do Brasil com motor 1.0l a oferecer câmbio automatizado, o up! I-Motion também se torna o veículo mais acessível do País equipado com câmbio de operação automática. A transmissão é oferecida a partir da versão move up!.



Totalmente novo, o câmbio I-Motion que equipa o up! é denominado SQ100 e foi desenvolvido com os objetivos de proporcionar maior conforto, precisão de respostas, eficiência (inclusive colaborando para a redução no consumo de combustível), baixo peso e manter o elevado padrão de manutenção e durabilidade Volkswagen.

Postagens relacionadas:

61 comentários:

  1. É preciso lembrar que a Take possui preparação para som e antena no teto, além da citada chave canivete, itens não presentes nessa versão até 2015. O conta giros e computador de bordo só a partir da move. Eu apreciaria mais o painel mais completo da move no take do que roda aro 14".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria interessante uma versão i motion tb na take duas portas na faixa de 37.000

      Excluir
    2. Eu tenho um take básico, a melhor coisa que fizeram foi tirar esses pneus 165/80 r13. É simplesmente impossível de encontrar, e quando acha só tem da marca chinesa que vem de fábrica.

      Excluir
    3. Seria interessante uma versão i motion tb na take duas portas na faixa de 37.000

      Excluir
    4. Lembrando que esse valor é da versão 2 p, na take

      Excluir
  2. Os preços estao errados...ou a linha 2017 abaixou? ou é para aparecer que é mais barato que o Mobi?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou a versao move e high perderam ar condicionado e som de série?

      Excluir
    2. Não tenho certeza se eram itens de série. Creio que nunca foram.

      Excluir
    3. Na linha 2016 ar condicionado/direçao elétrica e som são de serie nas versões move em diante. Move a partir de: R$ 42.590,00 / High a partir de: R$ 47.590,00 acabei de conferir no configurador VW

      Excluir
    4. Ainda são de série até onde saiba

      Excluir
  3. Acho que o principal problema do up realmente é o valor, um up aceitável é quase 40 k. preço muito próximo aos rivais hb20, ka, onix que agradam muito mais o Brasileiro em geral principalmente em estética e tamanho. Ai o pessoal prefere pagar um pouco mais e adquirir estes, se tivesse um valor mais em conta sairia um pouco dessa concorrência e deixaria somente o gol como rival desses carros.

    ResponderExcluir
  4. Sub compacto a preço de compacto, além do design discutível, por isto que vende mal.

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Não foi dessa vez, pela terceira vez. A vw tá ficando boa nisso...

      Excluir
    2. Não foi dessa vez, pela terceira vez. A vw tá ficando boa nisso...

      Excluir
  6. O índice de reparabilidade é apenas com o motor aspirado?

    ResponderExcluir
  7. Se esse valores estão certos a diferença de preço do motor TSI tá em quase 7 mil nas respectivas versões MPI? Quando lançaram se não me engano a diferença era em torno de 3 mil.
    Acho que tem erro na matéria ou as versões com TSI tem equipamentos a mais que não informaram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Observei isso também. Está sem lógica tamanha diferença. Caso os números estejam corretos, está sem lógica comprar o UP TSI.

      Excluir
  8. O move up mpi está com preço errado. O preço é 42590.

    ResponderExcluir
  9. O move up mpi está com preço errado. O preço é 42590.

    ResponderExcluir
  10. 44890 e o preço para o mpi i-motion

    ResponderExcluir
  11. Diferença exorbitante entre as versões MPI e TSI, caso estejam corretos nada justifica tamanha diferença.

    ResponderExcluir
  12. Entrei no site da VW, atualmente a diferença entre as verões Move MPI e TSI é de 4 mil. Pelos números do blog para os modelos 2017 será de 6,5 mil. Só uma besteirinha de 50%. Deve ter alguma coisa errada.

    ResponderExcluir
  13. O Up não tem concorrentes, muito a frente do seu tempo - grande "pequeno notável".

    São 3 VW Up (1 White manual, 1 White i-motion e 1 Cross) na família, só alegria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Impossível não lembrar do Cao-RJ. kkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    2. Esse Cao-RJ era o que ia comprar um Golf GTI com bancos de couro branco (ou algo assim)?

      Excluir
    3. Esse Cao-RJ era o que ia comprar um Golf GTI com bancos de couro branco (ou algo assim)?

      Excluir
    4. Bem ele mesmo. Deve está por aqui com outro nome, visto que era assíduo.

      Excluir
    5. Devem ser três VW na sua casa, um Fusca, uma Variant e uma Brasilia; parabéns

      Excluir
    6. O Cao-RJ é o que ia comprar o Golf com bancos de couro de vacas virgens da Alemanha, que comiam capim dos mais belos jardins da Baviera. Lenda Cao-RJ, lenda.

      Excluir
    7. O Cao-RJ não é o cara que quase foi corrido do Carplace de tanto que mentia? Trocou de nome e continua viajando kkkkk, bons tempos!

      Excluir
    8. Inclusive o lendário Cao-RJ escreveu uma vez aqui para o blog.

      Excluir
    9. Falou alguma mentira?Acho que nao. MOBI nao pode concorrer com o Up, pois nao existe argumentos que o favorecam na disputa

      Excluir
    10. Vc leu ele falar do Mobi? E pq não pode concorrer com o Up? Pode não ser melhor mas é concorrente direto, e por sinal certamente vai vender muito, pois tem o que o mercado quer.

      Excluir
    11. Diogo,

      não tem motor esse Mobi. Quero ver o crash test primeiro.

      Aos demais (Rss):

      - Não sou o Cao, que por sinal foi um grande parceiro aqui no Blog.

      Excluir
    12. Parceiro?ele tinha um certo conhecimento sim de carros,mas ele não acreditava em carro elétrico,se ele fosse parceiro não contava lorotas.

      Excluir
    13. Kkkkkkkk
      Muito bom ser lembrado como "lenda"....

      Excluir
    14. Lro83, Fiat Mobi pra vc! Rss

      Abraços Cao!

      Excluir
    15. Abração Eddie!
      Vc, como sempre, se destacando nos comentários!

      Excluir
  14. Continua sem vidro elétrico nas portas traseiras, nem como opcional

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele podia ter airbags laterais e de cortina e ESP mesmo que opcionais e o controle de tração ser adotado na versão aspirada.

      Excluir
  15. Pelas novas regras para 2016 do LatinNcap o Up! assim como todos os demais veículos sem ESP tem no máximo 3 estrelas para adulto.

    ResponderExcluir
  16. Novos Protocolos de Avaliação Latin NCAP
    Em 2016, o Latin NCAP introduziu uma expansão significativa das avaliações dos veículos. Os requisitos são, agora, mais exigentes para conseguir melhores resultados de estrelas. Os veículos quatro e cinco estrelas precisam contar com ESC e ultrapassar o teste de rendimento. Os carros cinco estrelas são os que demostram um bom desempenho em impacto frontal, lateral, de poste e precisam ser aprovados nos testes ESC. Os veículos quatro estrelas têm que mostrar um bom desempenho em impacto frontal e lateral e passar no teste ESC. Todos os modelos devem ter um bom desempenho em impacto lateral, visando manter o mesmo nível proporcionado com o protocolo anterior. Os carros que mostrarem rendimentos zero estrela nos testes de impacto frontal ou lateral terão um resultado total de zero estrela. O impacto lateral conta, também agora, com SRI e dois dummies criança como no teste de impacto frontal, avaliados com o objetivo de comprovar a proteção oferecida às ocupantes crianças em impactos laterais.

    ResponderExcluir
  17. Respostas
    1. Com certeza, baixo consumo e manutenção, gostoso de rodar, na estrada anda muito bem, muito seguro. To esperando o momento oportuno pra passar pro TSI. Sds

      Excluir
  18. Eu adoro meu High up!, sinto falta de vidros elétricos One Touch, além de vidros elétricos na traseira.

    o Maps and More poderia ser melhor aproveitado com a exibição de videos ou câmera de ré.

    O motor deste carro me surpreende todos os dias, sempre uso Etanol aditivado, faço médias de 13km/l na cidade utilizando a eco-condução, basta explorar o Cut off e ser feliz.

    Outro aspecto muito positivo é a potência, extremamente agradável de dirigir, muito forte para ser um carro 1.0 aspirado.

    Estou muito satisfeito e recomendo o carro.

    ResponderExcluir
  19. "... as versões move up! e high up! passam a ser identificadas por adesivos nas laterais (localizados nas portas dianteiras)."

    FIAT, é você? hahahahaha

    ResponderExcluir
  20. Citaram acima duas lendas que passaram por esse Blog (Rasek e Cao-RJ), pra quem não lembra, ou que não presenciou a brilhante passagem dos mesmos aqui no blog, faço questão de mostrar à vocês o porquê dos mesmos serem merecedores do título de lendas do Car Blog, vamos lá :

    Comentário do Rasek:

    "RASEC FK22 de dezembro de 2014 11:15
    Eddie e Richard, não tenho motivos para ter inveja do Golf, não dou a mínima se ele ta ganhando prêmios no mundo todo a torto e a direito,
    não gosto do carro e pronto! E outra coisa, não tenho recalque, tenho dinheiro para comprar mais de 10 Golfs a vista, sem problema.
    Tanto que atualmente na minha garagem tenho uma Lambourghini Galiardo e ainda tenho um Pônei que cavalgo nos fins de semana. Quero que a Volkswagen se acabe."


    Comentário LENDÁRIO do Cao-RJ :

    "cao-rj11 de dezembro de 2014 04:27
    Pois bem, em abril deste ano, meu amigo me ligou, avisando que, o cliente havia desistido da compra do Golf, acabando levando outro carro não customizado, arcando, porém, com todo o custo da importação,
    além de perder uma parte da entrada dada, quando da encomenda. Nessa ocasião, meu filho queria trocar seu Fox Prime 2011 por um 0km, visando à segurança que
    seus dois filhos gêmeos, hoje com 11 meses, demandavam, mas não tinha a menor possibilidade financeira em comprar um GTi, sonho de consumo, muito menos um customizado!
    Como o carro já estava embarcado, rumo ao Brasil, me ofereceu o carro que seria vendido a 170k no showroom, por 163k
    Eu sabia como o carro tinha ficado, pois acompanhei a finalização do projeto e sabia que o carro seria vendido rápido, pois um Golf Gti alemão legítimo,
    com revestimento em couro branco de bois alemães, seria uma peça rara e única no Rio, quiçá no Brasil;
    Pensando em meu filho, fechei na hora!
    Não se tratava do carro em si, muito menos pagar mais caro, mas se tratava de realizar o sonho de um filho que, aos 29 anos, estudou e "ralou" muito,
    como se diz aki no Brasil, para se formar como neurocirurgião! Ele merecia!O carro é customizado, tem bancos exclusivos de couro branco, sim,
    com apliques em carvalho, sim, pintura branca perolizada exclusiva e vários outros itens que não entrarei em detalhes,pois seria facilmente rastreado e descoberto!"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkk, foi o melhor comentário dele, também com o qual ele começou a cair.

      Excluir
  21. Tô com meu Move Up,um pouco mais de um ano,18 mil km rodados,6 viagens longas,eu curto o carro,apesar dele ser básico,ele é bem econômico na cidade,na marginal Tietê com o bichinho a 60 km/h em quarta marcha chego a fazer 18 km/l,em trânsito razoável com o carro em terceira marcha a 50 km/h dá 15 km/l,ele vai pra segunda revisão com 20 mil km,se tivesse grana trocava ele num TSI,mas infelizmente ainda falta muito pra quitar o carro.

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  23. A VW, assim como a Chevrolet, mantém um entendimento sobre revisões que é chato, na minha opinião, ser semestral, deveria aplicar a revisão anual e acabar com a farra das concessionárias (alguém sabe quanto custo as revisões de um UP por 3 ou 4 anos pelo menos?) Nesse conceito vai bem a Hyundai, Toyota, Renault e Nissan e agora a Citroen.

    ResponderExcluir
  24. O preço da versão move realmente abaixou?

    ResponderExcluir
  25. e ainda tem uns retardados criticando esses carro , compra o mobi lixo ....

    ResponderExcluir
  26. INFELIZMENTE A LINHA 2017 DO VW UP AINDA NÃO ESTÁ VENDENDO, JÁ LIGUEI PARA TODAS AS CONCESSIONÁRIAS EM SP E NENHUMA SABE INFORMAR QUANDO VAI SER LANÇADO, TALVEZ ELES ESTÃO QUERENDO DESOVAR A LINHA 2016, PARA DEPOIS COMEÇAR A VENDER A LINHA 2017, ENTÃO PORQUE A FABRICA ANÚNCIA A VENDA SE NÃO TEM O CARRO NAS CONCESSIONÁRIAS?

    ResponderExcluir
  27. Entrei hoje, dia 29/06/2016 no site da VW, a versão move somente é oferecida com o motor TSI a partir de R$ 47890,00!!! absurdo!

    Tiraram a versão com melhor custo benefício...

    ResponderExcluir
  28. Como se espera, os carros da VW são sempre muito bons, porém não entendi até hoje a ausência de vidros elétricos traseiros no UP! Parece a tradicional teimosia alemão, quando cisma que está certo em alguma coisa, perde a guerra mas não muda. Porém, apesar disso, estou pensando em comprar um Move ou High, com o motor TSI. Vamos ver.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.