Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Audi A4 2016 3.0 TDI é um cruzador suave e poderoso

Categorias: , , , 29 Comentários

O novo Audi A4 2016 é oferecido em múltiplas versões de motores e acabamento na Europa. Este artigo traz os detalhes da versão equipada com o motor 3.0 TDI, Diesel, de 218 cavalos, com tração dianteira.

Novo Audi A4 2016

O Audi A4 3.0 TDI adota um motor diesel que oferece torque abundante desde os regimes baixos de rotação, fazendo com que o carro ganhe velocidade com vigor ao menor toque no acelerador. Ele é capaz de acelerar de 0 a 100 Km/h em 6,6 segundos.

Novo Audi A4 2016

Em pisos de baixa aderência, o controle de tração atua fortemente para evitar a patinação das rodas, e permitir a maior aceleração possível, mas para clientes que usam o carro nesse tipo de condição com frequência, há a opção do sistema de tração integral Quattro.

Novo Audi A4 2016

O que chama a atenção no Audi A4 3.0 TDI diesel, além do seu desempenho, é o seu refinamento do propulsor diesel. Mesmo em aceleração forte, ouve-se apenas o sussurro do motor, quase sem vibração alguma invadindo a cabine. Em estrada ouve-se apenas o ruído do vento, evidenciando o caráter cruzador deste sedã.

Novo Audi A4 2016

O modelo vem de série com uma suspensão passiva, mas opcionalmente (em torno de R$ 5.000 reais na Inglaterra) pode ser equipado com suspensão ativa adaptativa, que permite endurecer ou amolecer a suspensão pressionando um botão. Escolha a configuração mais suave Comfort e o Audi flutua suavemente, passando por todos os tipos de imperfeições fazendo ocasionalmente o "clonk" ao passar em buracos. O passeio de auto-estrada é ainda melhor.

Novo Audi A4 2016

Selecione o modo dinâmico e a viagem se torna mais firme e A4 inclina-se menos das curvas, mas mesmo assim ele se mantém confortável. Esta versão do A4 não é um carro para fortes emoções, mas sua direção é precisa e oferece tanto feedback quanto um Jaguar XE, mas ele é mais confortável que este e que o BMW Série 3.

Novo Audi A4 2016

O motor 3.0 TDI de 210 cavalos está associado sempre a uma caixa S tronic de sete velocidades caixa de velocidades automática, que troca as marchas com suavidade, mantendo as rotações baixas, a menos que você selecione o modo de condução dinâmico.

Novo Audi A4 2016

Oficialmente o A4 3.0 TDI tem consumo de 22,2 Km/l de diesel, mas em testes reais na imprensa britânica o modelo consegue médias em torno de 15,4 Km/l.

Interior

A Audi é conhecida pelos seus elegantes interiores minimalistas, que são maravilhosamente bem acabados e super intuitivos. O novo A4 não decepciona - estando alguns passos à frente de seus rivais da BMW, Jaguar e Mercedes, graças a seus materiais luxuosos em todos os lugares, e um layout de painel simples e user-friendly.

Novo Audi A4 2016 - interior

O sistema de infotainment MMI da Audi vem de série e possui um display de 7 polegadas montado no centro do painel de instrumentos, que você controla usando um seletor giratório montado entre os assentos dianteiros. Basta torcer o botão para percorrer os menus na tela e pressione-o para baixo para selecionar, e há algumas teclas de atalho úteis para levá-lo direto para funções específicas.

Novo Audi A4 2016 - interior

O sistema de navegação vem de série, mas o Cockpit Virtual digital mostrado nas fotos, em uma tela de 12,3 polegadas, que toma o lugar dos mostradores convencionais de série, é opcional, e tem custo adicional.

Novo Audi A4 2016 - interior

O novo A4 é de cerca de 11 centímetros mais longo do que um BMW Série 3 por isso não é surpreendente que há uma abundância de espaço para as pernas na parte de trás, o que permite acomodar até seis pernas e pés de adultos com facilidade - algo difícil no BMW Série 3.

Novo Audi A4 2016 - interior - virtual cockpit

O porta-malas do Audi A4 é maior que do Jaguar XE, e no nível do oferecido pelo BMW Série 3, permitindo acomodar bagagens de uma família média. Caso haja necessidade de espaço adicional, basta usar o recurso de rebatimento do encosto traseiro 40:20:40, de série.

Conclusão

O Audi A4 3.0 de 218 cavalos é apontado como a opção de melhor custo x benefício na Europa, já que o modelo topo, com o motor 3.0 TDI de 272 cavalos é excessivamente caro. Apesar de marginalmente menos eficiente que os TDI quatro cilindros 2.0 Ultra, este V6 3.0 TDI oferece um nível de suavidade de funcionamento associado com performance que só é entregue por limousines de luxo bem mais caras. Em resumo: este A4 3.0 TDI está mais para um Baby A8 que um concorrente do BMW Série 3.

Novo Audi A4 2016

Ele não oferece a mesma pegada esportiva do BMW Série 3, mas para a maioria de seus compradores isso é uma qualidade, pois esse público não está interessado em performance esportiva. São homens e mulheres de negócios, que andam muito em auto-estradas, razão pela qual conforto e funcionalidades de cruzeiro são absolutamente as prioridades.

Postagens relacionadas:

29 comentários:

  1. Belíssimas fotos! Belíssimo A4 prata! É impossível você olhar para essas fotos do novo A4 e não dizer que o carro transpira modernidade, tecnologia e solidez!

    ResponderExcluir
  2. Esse A4 é o supra-sumo do bom gosto. Podre de chique.
    Série 3 e Classe C parecem adolescentes perto dele...

    ResponderExcluir
  3. Ao meu ver, acho este dna da audi totalmente cansado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Audi não é para o seu bico...por isso vc acha isso. Ao que parece vc deve gostar de Hyundai....rs..rs.

      Excluir
    2. Realmente não está pois já foi há uns dez anos atrás ....hoje tenho 37 e posso comprar algo melhor,menos emergente....mas não entrarei na sua onda de ofender os outros....agora tenho certeza que nem nessa onda vc está perto.

      Excluir
  4. Carro excelente, mas prefiro seus concorrentes, principalmente o novo jaguar xe que é um carro maravilhoso também.

    ResponderExcluir
  5. Matéria sem lógica.
    Pra que falar de uma configuração que não será vendida aqui. E pior, falar de aspectos do carro com afirmações levianas, sem nunca ter feito um teste drive.
    Por exemplo, pelo que li, o comportamento é macio e suave, e de fato elegante, mas não tem o mesmo comportamento dinâmico que o XE e Série 3, nem tem o mesmo nível de requinte do Jaguar. O console é genérico (uma mistura do Série 3 com o tablet do Classe C), a qualidade é melhor que ambos germânicos por obrigação, já que se trata do mais novo do trio. O design do carro é criticado pela falta de criatividade apesar da excelente qualidade de montagem.

    Eu não sei com quais fundamentos o Car.Blog publicou essa matéria altamente tendenciosa.

    ResponderExcluir
  6. O fato é que esse novo A4 não tem concorrentes. Ele está muito acima de Classse C e BMW Série 3. Jaguar XE, com mecânica Ford, é um arremedo de carro premium e só entra em comparativo forçado da imprensa britânica, por razões óbvias. O Jaguar não tem nem mercado e nem prestígio competir nem com o BMW e Mercedes, que dirá de Audi, que está acima das demais.

    Para entender este novo A4 precisa mais que ler ficha técnica e números de despenho e consumo (que ele é amplamente superior).

    Esse carro tem coisas que são desafios públicos às demais marcas alemãs. o recorte lateral na carroceria que acompanha o corte do capô é um exemplo, e mostra um nível de qualidade de conformação de chapas de aço que está muito além de capacidade de BMW e Mercedes.

    Os faróis em matriz de LED só estão disponíveis na Audi. BMW e MB ainda não chegaram neste nível.

    A construção geral da carroceria tem um nível tão alto, que acho praticamente impossível que BMW e MB cheguem perto.

    E tem o design. Ah, o design. O Design deste A4 é uma obra de arte. Vai durar anos e anos sem envelhecer, enquanto os outros farão facelifts e facelifts...

    A estética é limpa, sóbria e elegante. E chique. Podre de chique. Esse carro em preto é um dos objetos mais distintos que se movem na face da Terra.

    O interior, então!!? O cockpit virtual é outra exibição de força da Audi, enquanto Mercedes ainda está com telas analógicas e coloridas, este A4 tem um cluster de 12,3 polegadas multiplamente configurável. Um arraso. É para deixar engenheiro da BMW e da Mercedes deprimido.

    O design interior é outra obra de arte. As saídas de ar ao longo de toda a largura do painel forma projetadas para refirigerar o ambiente sem despejar jatos de ar na cara dos passageiros e só fazem isso pois se estendem por toda a lateral. E ainda o design ficou impecável.

    O console central é outra exibição de bom gosto e técnica, com instrumentos simples e fáceis de serem usados. Lindo.

    A BMW Série 3 não conta, pois parece carro dos anos 80 perto deste Audi. E a Mercedes Classe C parece que andou tomando lições da Hyundai, com aquele interior brega, chamativo e pouco funcional. Com ridículas saídas de ar redondas, disfuncionais e ineficazes. E o cluster de instrumentos colorido é a cereja do bolo de mal gosto do Classe C.

    MB e BMW: este A4 é uma AULA para vocês. Para vocês. Para alguns consumidores, é apenas algo além da compreensão deles, então ignore-os...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente análise! Resta saber como será o pacote Brasil do A4. Visto que com toda essa gama de tecnologias, vai ficar bem mais salgado que seus concorrentes diretos...

      Excluir
    2. Na Europa o A4 custa a mesma coisa que o Passat. Então se o Passat saiu a R|$ 144 mil no Comfortline e R$ 151 mil no Highline, profetizo R$ 145 mil para o Ambiente e 155 mil para o Ambition.

      Excluir
    3. E o sistema de condução autônoma + Cockpit virtual como opcional de uns R$ 15 mil.

      Excluir
    4. Mercedes Classe C tem faróis full LED desde o lançamento. Não sei de onde o Carlos tira essas bobagens...

      Excluir
    5. Baghdad Joe, o "cockpit virtual" tbm é algo que a Mercedes já tem a mais tempo que a Audi, e sem contar que o faróis de led foi apresentado primeiro pela BMW, e a Hyundai mostrou a condução semi-autonoma no Gênesis há um bom tempo. Ou seja, a Audi pega carona nos lançamentos alheios, reúne tudo no seu carro chef e diz que é inovação,mas não passa de um réles genérico.

      Excluir
    6. Mercedes Classe C tem faróis full LED desde o lançamento. Não sei de onde o Carlos tira essas bobagens...

      Full LED tem nos Audi desde o começo da década passada. O que hoje só tem nos Audi e tem nesse A4, e não tem em nenhum outro carro é faróis matriz de LED, isso aí só a Audi tem.

      Excluir
    7. Baghdad Joe, o "cockpit virtual" tbm é algo que a Mercedes já tem a mais tempo que a Audi, e sem contar que o faróis de led foi apresentado primeiro pela BMW,

      Você não sabe o que fala. Começa que não sabe escrever direito. o "a" de "a mais tempo" aí de cima deveria ser um "há" pois o verbo haver no sentido de "faz".."faz mais tempo". Aprendeu? Não assassine o vernáculo na próxima vez.

      E a Mercedes NÃO tem cockpit virtual coisa nenhuma. Ao falar isso você demonstra que não sabe o que é cockpit virtual. O Mercedes Classe S tem apenas um painel ridículo, que parece um brinquedo de criança quando colocado ao lado do painel do Audi. O painel do Mercedes apenas projeta dois mostradores analógicos na tela de TFT. Não é uma tela multiconfigurável e não coloca o mapa do GPS no painel como o do Audi.

      O vídeo abaixo mostra o quão ridículo ficou o painel digital da mercedes perto do do novo A4...

      https://www.youtube.com/watch?v=DL_b2N4EPqs

      Na boa, se eu fosse a Mercedes, eu tirava essa aberração de linha, até desenvolver algo descente, pois esse painel do Classe S tá infantil perto do do A4.

      e a Hyundai mostrou a condução semi-autonoma no Gênesis há um bom tempo.

      A Hyundai NÃO tem condução autônoma. Ela tem apenas Lane Assist Ativo e frenagem automática de emergência. Isso o Golf Highline Exclusive vendido no Brasil tem também.

      O sistema da Audi é muito mais sofisticado. Ele assume o comando do carro em congestionamentos, com velocidade até 65 Km/h, sendo capaz de seguir um carro à frente ou não. E ainda tem o sistema de eficiência preditiva, que não existe em qualquer outra marca.

      Ou seja, a Audi pega carona nos lançamentos alheios, reúne tudo no seu carro chef e diz que é inovação,mas não passa de um réles genérico.

      Que ranço cara. Que demonstração de inveja. Que feio. Aprenda a reconhecer as qualidades alheias. Hoje a Audi está muito acima das demais em engenharia, tecnologia, design e acabamento. E isso gera muita, muita inveja, e você apenas está demonstrando isso.

      Excluir
    8. O vídeo do painel infantil da Classe S que alguns acham que é cockpit virtual.

      https://www.youtube.com/watch?v=ENk9tvNk628

      Na boa, ridículo. A mercedes deveria tirar isso do mercado. É totalmente tosco perto do painel do a4. Pior: é infantil.

      Excluir
    9. Valeu, "professor"!
      Agora volta lá e vai jogar seu PlayStation que você só conhece o mundo virtual.

      Excluir
    10. Ué, mas a Mercedes também tem esses faróis "LED matrix". Taí o vídeo, de UM ANO E MEIO atrás:

      https://youtu.be/qqgcnXtCPPk

      Engraçado... o Classe S é "ridículo" e "infantil", mas o Audi A8 não faz sequer cosquinha nele, desde que foi lançado em 1994. O Mercedes é o líder absoluto no segmento, em nível mundial.

      Excluir
    11. Errado de novo. O Mercedes NÃO tem matriz de LED. O que esse vídeo aí em cima mostra é o sistema de ajuste dinâmico do farol do Mercedes. Isso aí é a mesma coisa que o DLA do Golf. Nada além do que tem no Golf Highline vendido no Brasil com pacote exclusive.

      Faróis Matriz de LED só a Audi tem. É um sistema de iluminação totalmente revolucionário, com faróis formados por dezenas de LEDs menores, totalmente controlados dinamicamente, que emitem um facho de luz muito mais intenso e eficientre, fora que muito mais direcionável, e ainda com assinatura visual que não encontra em outro lugar.

      O Matriz de LED mostrado abaixo, mostra como o faról pode ser acesso só em partes, e inclusive é usado para indicador de direção.

      https://www.youtube.com/watch?v=D6O2-O6sMMI

      Aqui outro vídeo:

      https://www.youtube.com/watch?v=kwLiY-J0bJQ

      E mais um.

      https://www.youtube.com/watch?v=jHBbEcHW8PI

      Excluir
    12. O conceituado site Motor Authority noticiou em 16/06/2014:

      "Mercedes-Benz is working on an updated version of its CLS-Class for the 2015 model year and has confirmed today that the car will feature the automaker’s new MULTIBEAM LED headlights. The technology is similar to Audi’s Matrix LED headlights in that it uses multiple LEDs to enable high-precision lighting of the car’s high beam, so that it can be controlled in a way that it doesn’t bother other drivers."

      Fonte: http://www.motorauthority.com/news/1092745_mercedes-to-debut-multibeam-led-headlight-technology-on-2015-cls-class

      Mesma tecnologia da Audi. CQD.

      Excluir
    13. Segundo o Autoblog:

      "The MultiBeam system improves upon the CLS' already formidable lamps by utilizing a new camera and LED element. Fans of headlight technology should note that this system is not unlike Audi's Matrix LED setup that's found on the 2015 A8. While it's not new, it doesn't mean that MB's system isn't pretty darn significant. Like the Matrix LED system, the CLS' headlights are able to constantly adjust the high-beam output on a specifically targeted area, which allows the CLS driver to maintain visibility without blinding oncoming traffic."

      Fonte: http://www.autoblog.com/2014/06/18/us-wont-get-mercedes-cls-multibeam-led-headlights/

      Mesma tecnologia. CQD. (2)

      Excluir
    14. E a quem possa interessar, taí uma descrição completa do sistema MULTIBEAM da Mercedes-Benz:

      https://www.mercedes-benz.com/en/mercedes-benz/innovation/multibeam-led-brings-light-into-the-darkness/

      Tão eficiente e avançado quanto o Matrix da Audi. Contra fato, não há argumento.

      Excluir

  7. Concordo com o Alexandre Galvão. Visual cansativo. Parece o mesmo
    modelo de há 10 anos. Tanto quanto os carros da VW que de frente não dá para saber se é um Gol, Golf ou Jetta. Visual é tudo nesse segmento de automóveis premium. BMW sempre à frente com seu visual sereno e sem exageros. MB arrojada e como sempre mantendo a classe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao e cansativo muito pelo contrario, e um design de longevidade. Veja os hyundais por exemplo, sao carros relativamentes recentes, mas esses sim ja cansaram os olhos. O design dos Alemães sao assim, sobrios, elegantes e duradouros. E a industria automobilistica ja percebeu isso, tanto que os carros estao ficando menos abusivo no visual. E como as cores, cores berrantes podem ate ser legais num primeiro momento, mas abusa com o tempo. Cores frias, como cinza e suas variacoes, preto, branco sao cores que tendem a aborrecer menos.

      Excluir
  8. Fenômeno esse A4 diesel. Bem q podiam liberar o diesel pra carros de passeio no Brasil.

    ResponderExcluir
  9. Uma dúvida pessoal esse tela no centro da painel ela é retratil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lamentavelmente, a Audi copiou a pior característica do Classe C. A tela retrátil é muito melhor.

      Excluir
  10. Audi = bmw = Mb . Nenhum e perfeito, mas qualquer e superior as carroças de toyota , honda, vw , ford , fiat ...

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.