Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Audi A4 2016 terá sistema de condução autônoma

Categorias: , , , 7 Comentários

A Audi revelará o novo A4 somente no Salão do Automóvel de Frankfurt, em setembro. O modelo mantém um visual conservador, sóbrio e elegante, porém com inovações.

Novo Audi A4 2016

O novo Audi A4 é baseado na "Plataforma Modular Longitudinal EVO", que já deu origem também ao Audi Q7. Dessa forma, a nova geração do sedã será cerca de 100 Kg mais leve que seu anterior, mesmo com pouca alteração nas dimensões externas.

Novo Audi A4 2016

O novo A4 chegará cheio de tecnologia, com capacidade de se comunicar com a Internet e com o ambiente à sua volta. Em estradas, o A4 será capaz de operar em condução autônoma a até 60 Km/h.

Novo Audi A4 2016 - interior

Posteriormente a Audi oferecerá uma atualização que permitirá condução autônoma em estrada a até 130 Km/h. Em cidade, a novidade será o sistema de estacionamento automático, que fará com que o A4 estacione-se sozinho em vagas paralelas e perpendiculares ao toque de um botão, sem a necessidade de intervenção do motorista nem no acelerador e freio.

Na parte mecânica o Audi A4 ficará ainda mais eficiente, com motores turbo, que apresentarão redução de consumo significativo em relação aos modelos atuais. O motor 2.0 TFSI é totalmente novo e conta com um "inovador sistema de combustão", o qual permite elevados graus de eficiência.

A Audi promete consumo superior a 20 Km/l nos modelos a diesel. Em média, o novo A4 será 5 Km/l mais econômico que as correspondentes versões atuais.

Fonte: AutoBild

Postagens relacionadas:

7 comentários:

  1. Está MUITO bonito e interessante, transpira qualidade. Mas Série 3 e Classe C continuarão dando as cartas nesse segmento, pelo menos na Alemanha.

    Se tem uma coisa que me assombra, é a evolução da Audi nos últimos 20 anos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois eu já acho justamente o contrário. A Audi era a maior referência de qualidade entre 1990 e 2000. Os carros eram mais que lindos, simplesmente deslumbrantes. Aquele Audi 80 Cabriolet foi o carro mais desejado, sendo utilizado em diversas peças publicitárias da TV. Eu tive BMW 98, Audi A4 2000 e Mercedes Série C 2000. A Audi simplesmente humilhava os outros dois. Tinha suspensão independente com vários braços, dando um conforto incrível. O interior tinha couro cinza e o painel tinha acabamento 100% em couro preto com madeira de lei e entorno do câmbio e maçanetas cromadas. Um super luxuoso. A BMW e a Mercedes tinha McPherson e os painéis nem tinham madeira, couro ou cromados. O motor da Audi era mais moderno e potente, diferenciando-se do L6 da concorrência. Depois começou o processo de mega-empobrecimento dos Audi, painéis absolutamente ridículos, saídas de ar redondas, volantes pobres e excesso de plásticos rígidos como os VW. O Senna deve ter se remexido no túmulo após essas novas gerações dos Audis, haja vista que ele trouxe a Audi justamente por conta da qualidade superior à concorrência da época.

      Excluir
  2. Ninguém me tira da cabeça que esse interior está muito BMW para um Audi.

    ResponderExcluir
  3. Muito moderno e tecnologico, o interior me agradou demais se realmente for assim, já o design externo eu não gostei tanto, podia ser melhor.

    ResponderExcluir
  4. na questão de eficiência de motores à combustão a audi ganha de qualquer um. sem falar nessa plataforma que é perfeita.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.