Car.blog.br

Pesquisar este blog

Hyundai HB20 tem financiamento com recompra garantida

Categorias: , , , , 10 Comentários

A Hyundai do Brasil oferece para o seu compacto HB20 um tipo de financiamento que é comum em modelos premium da BMW (Sign & Go), Audi (Audi Pass), Mercedes-Benz (Flexibility) e Land Rover (Acess): trata-se do Hyundai Compra Certa, que garante a recompra do usado, após dois anos de uso, por um valor mínimo de 40% do 0KM.

Hyundai HB20 - Compra Certa

Nessa modalidade, o cliente dá uma entrada de 30%, mais 24 parcelas reduzidas, e, ao final do contrato, tem uma parcela residual de 40% do valor do carro - que pode ser paga entregando o carro para o concessionário. Essa parcela final é conhecida por "parcela balão".

Hyundai HB20 - Compra Certa

No caso da última parcela, caso o valor do carro usado seja maior que o valor da parcela, a diferença pode ser usada para dar entrada em outro Hyundai 0KM. Entretanto, se o preço de avaliação do usado for menor que o valor da parcela final, a Hyundai garante a compra do carro pelo valor da parcela. O funcionamento está no vídeo abaixo.



Simulações

Usando o Hyundai Compra Certa, um HB20 1.0, que tem preço de R$ 37.795, pode ser adquirido da seguinte forma:
  • entrada de R$ 11.338,50 (30%)
  • 23 parcelas de R$ 840 reais
  • parcela final (parcela balão) de R$ 15.118 reais
Ao final de dois anos, estimando uma desvalorização de 15%, o HB20 estaria valendo R$ 32.125 reais. Assim, o consumidor pode vendê-lo, quitar a parcela balão de R$ 15.118 reais, e ainda sobraria R$ 17.007 reais, que poderia ser usado para dar uma entrada em um novo HB20.

Histórico

Se esse tipo de financiamento existisse há dois anos, um HB20 básico, com preço de R$ 31.468 à época, poderia ser comprado com entrada de R$ 9.440 (30%), 23 parcelas de R$ 700, e uma parcela residual de R$ 12.587 reais.

Hoje, um HB20 2013 1.0 Comfort Plus vale R$ 32.236 reais pela FIPE. Então, o consumidor pode vendê-lo, quitar a parcela final de R$ 12.587, e ainda sobra R$ 19.649 para dar entrada em um financiamento.

Entretanto, é preciso considerar que as concessionárias Hyundai não pagam o valor da tabela FIPE no usado. O valor de avaliação é menor. Se fosse hoje, segundo simulações da revista Quatro Rodas, o HB20 2013 seria recomprado por R$ 23 mil reais, o que resultaria ainda em um valor de R$ 10.413 de troca - quase o valor de entrada de um 0KM.

Suporte das concessionárias para revenda do usado

O sistema Compra Certa, porém, garante o suporte da rede de autorizadas Hyundai na revenda do HB20 usado, o que é bastante prático para pessoas que não têm tempo ou familiaridade com os procedimentos de venda de carros usados.

Postagens relacionadas:

10 comentários:

  1. Interessante para quem não tem a grana toda e precisa financiar!
    Só discordo dos 15% de desvalorização, após 2 anos! Essa desvalorização é muito maior, e pode chegar à 25/30% do valor original!
    A depreciação de um carro 0km, só diminui á partir do 3o ano em diante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na realidade quem pagou 32k no HB20 no lançamento está vendo desvalorização zero, pois segundo a Fipe o 2013 vale 32,5K. Ou seja, pode até ter ganho alguns trocados.

      Excluir
  2. Como mencionado no final do texto, isso pode ser interessante para quem não tem tempo ou disposição para negociar o seu usado, e, que obviamente faz a compra do 0km financiado.

    Porém acredito que HB20 seja um carro bom de revenda (apenas achismo meu, alguém tem informações concretas?). Assim, para quem tiver disposição, valeria a pena tentar vende-lo diretamente para um interessado. A internet é um instrumento fantástico.

    Eu, por exemplo, consegui vender o dois Honda (Fit 2008 e Civic 2011) daqui de casa (sem trocas) através de anúncios no OLX. Nunca tinha conseguido isso com outros carros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu primo tem uma loja de Usados aqui em Fortaleza/CE e ele mesmo me diz, que em muitas vezes "O carro já tá vendido antes da Olx colocar a publicação". Espero ter respondido !

      Abraços.

      Excluir
  3. Uma coisa É CERTA: podem criar o título que quiserem, seja em inglês, alemão ou japonês... no final, é para o bem da própria Hyundai!!
    O cara vai lá, crente, crente q vai fechar um grande negócio! Aí, 2 anos depois... ou paga o restante dw uma só pancada, ou permanece no financiamento!!!
    Convenhamos: qual consumidor de HB20, 1.0, vai ter 15k no bolso, p dar assim...?! Rsrs
    Me engana q eu gostchio!!!! Hahaha

    ResponderExcluir
  4. opção muito interessante, especialmente o suporte para venda do usado por parte da concessionária, o que ajuda muito a maior parte dos consumidores que não tem tempo e paciência e skills para vender no mercado de usados.
    Mas como nada é de graça, precisa ver quanto será a "comissão" pelo serviço.

    ResponderExcluir
  5. Estou querendo pegar um hb20 confort style a vista. Mas as concessionárias não me dão desconto nem a Pau.

    ResponderExcluir
  6. 60% de desvalorização em 2 anos demonstra pouca confiança no produto. Parabéns Hyundai por reconhecer isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se pode considerar a parte da matéria que diz que segundo a Quatro Rodas o HB20 vale 23 mil na própria Hyundai, pq eles estão se baseando na simulação de venda do longa duração, onde o carro com menos de 2 anos de uso já está com 60 mil km. Esta condição não é normal, pois no mercado carro com 2 anos de uso tem entre 20 e 30 mil km rodados em média. Acima disso a desvalorização é maior para qualquer modelo, independente da marca.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.