Car.blog.br

Pesquisar este blog

Golf TSI: "The Very Best" no longa duração da Quatro Rodas

Categorias: , 85 Comentários

O VW Golf TSI chegou ao fim do seu teste de longa duração na revista Quatro Rodas. A edição de fevereiro da publicação traz o resultado do desmonte do modelo, que, de tão novo, foi considerado o melhor carro que já passou pela avaliação.

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

O Golf foi elogiado e disputado para uso por todos os jornalistas da revista por sua beleza discreta, consumo de carro 1.4 e desempenho de turbinado, resultando em um carro extremamente prazeroso de ser conduzido.

Motor

Um dos pontos que mais impressionou a equipe da revista foi o motor 1.4 TSI - o qual chegou ao fim do teste completamente limpo, sem carbonização, e com medições de pressão similares às de um carro 0KM.

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

Na parte inferior do motor, porém, foi identificado perda de material de superfície das bronzinas (elemento que faz o contato das bielas com o virabrequim). Entretanto, a causa do problema foi atribuída a um erro na revisão de 40.000 Km do Golf, que teria colocado menos óleo no motor que o indicado.

A suposição da Quatro Rodas decorre do fato de que, após pegar o carro na revisão, a pessoa que o estava dirigindo teve que encostá-lo por conta de sinal de falta de óleo no painel. O carro foi parado e não se encontrou sinais de vazamento. Entretanto, quando foram completar o óleo do motor, foi necessário 1 litro - o que levou à suspeita de que a concessionária não colocou a quantidade correta na revisão.

Pneus

O Golf TSI teve um problema de bolhas de pneus no começo do teste (veja aqui). Entretanto, depois de substituídos pelos pneus com especificação de carga maior (94), não voltaram mais a apresentar bolhas.

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

Transmissão DSG

A transmissão DSG tem um ruído característico (veja detalhes aqui) - ouvido dentro do carro andando em baixa velocidade, com vidros abertos, e ao passar com o carro perto de uma mureta. É uma característica do projeto, segundo as concessionárias.,

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

Essa transmissão de dupla embreagem de sete marchas do Golf foi elogiada pela rapidez e precisão, tendo ao fim dos 60.000 Km perfeita, sem qualquer sinal de desgaste. Detalhe: a caixa DSG é tão sofisticada que só pode ser desmontada com auxílio da própria Volkswagen.

Freios

O Golf da Quatro Rodas teve suas pastilhas de freios trocadas na revisão de 40.000 Km, e chegaram ao fim do teste em perfeito estado.

Suspensão

Outro ponto muito elogiado foi a suspensão do Golf, que chegou ao fim do teste em estado de nova, sem qualquer problema.

Carroceria

A carroceria do Golf é caracterizada por elevada rigidez torcional, e chegou ao final do teste exibindo vedação perfeita contra água e poeira. As guarnições de borracha estavam em perfeito estado.

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

As forrações de portas e demais revestimentos estavam perfeitos, sem deformações. Isso foi atribuído pela Quatro Rodas à quantidade e posicionamento ideal de travas de fixação dos revestimentos.

A revista considerou uma das melhores carrocerias que passou pelo teste de 60.000 Km.

Desempenho e consumo

O Golf chegou aos 60.000 Km exibindo números de performance melhores que quando 0KM. A aceleração de 0 a 100 Km/h foi completada em 8,8 segundos (9s segundos no início do teste). E o consumo também melhorou, passando de 11,7 Km/l em cidade para 11,9 no final do teste. Em estrada atingiu 16,2 Km/l - melhora de 3,8% sobre os 15,6 Km/l do começo.

Rede de concessionárias

A Revista Quatro Rodas apontou problemas com a rede de concessionárias, como o erro na revisão de 40.000 Km, que poderia ter causado um travamento do motor. Assim considerou que as autorizadas demandam um treinamento adicional para lidar com um produto da qualidade do Golf.

Conclusão - The Very Best

O teste de longa duração da Quatro Rodas evidencia que o modelo, mesmo importado da Alemanha, está perfeitamente adequado às condições brasileiras, tendo sido o carro que se saiu melhor em toda a história do teste de longa duração da publicação.

VW Golf TSI longa duração - Quatro Rodas

Todos os componentes do carro - carroceria, suspensão, transmissão DSG, direção elétrica, freios - estavam como 0KM ao final do teste. Teste este que foi coroado com medições de desempenho e consumo melhores aos 60.000 Km que os obtidos com o mesmo carro 0KM.



Enfim, sendo considerado o melhor carro já testado pela revista Quatro Rodas, o Golf fez jus ao comercial de lançamento do carro, em 2013 - "The Very Best" (vídeo acima).

OBS: Fotos meramente ilustrativas

Postagens relacionadas:

85 comentários:

  1. Esse carro é realmente espetacular! Motor, câmbio e carroceria são impecáveis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O carro é excelente. É o melhor hatch médio do mercado.
      O carro acumula prêmios por todo o mundo.
      Até mesmo proprietários de carros concorrentes (Focus, Cruze, etc) elogiam o Golf.
      Só entrar nesse carro e ver o excelente acabamento. (Tive oportunidade de conhecer o carro na css).
      Ah, se eu tivesse grana! O carro parece que convida pra pegar uma estrada.
      Motor moderno, potente e econômico. Um dos carros mais seguros do mercado. Bom desempenho, muita tecnologia.
      Dispensa comentários. É o carro referência em seu segmento.
      Só mala sem alça que coloca defeito e fica de mimimi criticando o carro.

      Excluir
    2. Hoje vi um GTI pintado com uma cor que não sei o nome, topado. Carro lindo demais. E quanto a desempenho, melhor nem comentar.

      Excluir
  2. Espero que os concorrentes leiam a revista e tragam seus motores turbo que vendem no exterior! Chevrolet Ecotec 1.4 Turbo, Fiat Twin Air, Ford Ecoboost, Peugeot Puretech, etc

    ResponderExcluir
  3. Não sei porque... mas eu gosto desse blog kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Fiquei decepcionado com a desvalorização do carro. Pagaram 80 mil e após 1 anos e 4 meses chegaram a oferecer 55 mil no carro. Isso é desvalorização de carro chinês.

    No resto gostei do resultado, apesar de que logo iria precisar de uma retífica por conta do desgaste das bronzinas e a garantia já teria acabado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Duas mentiras.
      A 4 Rodas recebeu oferta de R$ 65 mil de REVENDEDORES, não de consumidores finais. E mesmo assim disseram que pagariam R$ 68.000 se o carro não estivesse com 60.000 Km. Evidentemente venderiam por R$ 80 mil reais, que é o preço de mercado dele, ou seja, desvalorização zero.
      Então eu que fiquei decepcionado com vc mentindo.
      A segunda mentira se refere à retífica. A quatro rodas deixou bem claro que ocorreu desgaste, mas em nenhum momento disse que afetou o motor. Ao contrário, disseram que o fato de terem parado o carro quando acendeu o sinal de falta de óleo salvou o motor.
      O motor chegou ao final intacto e novo, nas palavras da 4 Rodas. E a presença de carquilhos foi erro da concessionária. E não se falou nada de retífica. Vc que está mentindo. Só isso.

      Excluir
    2. Parceiro, o Golf é o hatch médio que menos desvaloriza e é o segundo carro que menos desvaloriza do Brasil depois do Onix. Olha a reportagem do Car Blog sobre isso e outra do Carplace. Tem Golf Highline DSG alemão 13/14 vendido hoje pelo preço que foi comprado 0km. O carro é disputado a tapa, afinal é o melhor hatch do mundo.
      Para desespero dos Haters...

      Excluir
    3. Parceiro, o Golf é o hatch médio que menos desvaloriza e é o segundo carro que menos desvaloriza do Brasil depois do Onix. Olha a reportagem do Car Blog sobre isso e outra do Carplace. Tem Golf Highline DSG alemão 13/14 vendido hoje pelo preço que foi comprado 0km. O carro é disputado a tapa, afinal é o melhor hatch do mundo.
      Para desespero dos Haters...

      Excluir
    4. O problema está aí, Carlos4, na rede despreparada para atender carro/cliente desse nível.
      Da mesma forma que um colega disse que as outras montadoras deveriam se inspirar no Golf em seus carros, digo que a VW deveria se inspirar na dupla Honda e Toyota e na Land Rover sobre como tratar o cliente com educação, honestidade e competência. E fazer isso não deve ser difícil para uma empresa que lançou um carro que é uma obra prima, como o Golf.
      VW: Golf não é Gol. Honre a fama do carro e ofereça um pós-venda condizente com a qualidade do produto que vendem.

      Excluir
    5. Já rodei um ano no meu. Já achei duas propostas pelo mesmo preço que paguei. É um carro que vc divulga de manhã e vende à tarde!

      Excluir
    6. ele deve ter ido em uma css da concorrência.

      Excluir
  5. Eta Golfão, que calou a boca de muita gente; o melhor exemplo da obra da engenharia moderna automotiva na produção de automóveis em grande escala, insuperável.

    Duas regras praticas para ser feliz com seu automóvel:

    Regra nr1- sempre que possível tenha um VW, de preferencia um Golf.
    Regra nr2 - conferir a vareta do óleo do motor ao retirar o carro da Css na Revisão Programada, sempre no nível máximo, assim nunca faltará óleo mesmo após 10 mil km rodados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou melhorar essa sua afirmação, da primeira regra!!!

      Duas regras praticas para ser feliz com seu automóvel( se for da marca Volks)

      Regra 1- Se quiser um veiculo Volks, sempre que possível tenho um Golf, um carro excepcional e extremamente moderno e seguro , que esta muito a frente de seus concorrentes, pode ate ser um Up que também tem a grande vantagem de ser um carro 5 estrelas no Latin, fora esses dois e a linha Premium da Volks, fuja de qualquer outro Volks, pois não passam de carros defasadas e inseguros e ultrapassados, fora que alem de tudo tem preços exorbitantes e totalmente fora do que realmente vale o carro. Sobre a regra dois concordo.

      Excluir
    2. Eddie,

      Vc é um dos felizardos proprietários do THE VERY BEST, Golf Mk7 alemão legítimo.
      Parabéns.

      Excluir
    3. Ótimo comentário Luiz Gustavo. Relatou de forma imparcial a situação da VW hoje no Brasil, sem fanatismo doente.

      Excluir
    4. Concordo Luiz, só não colocaria como "não passar perto", pois, querendo ou não, a concorrência no segmento de Gol e Fox é muito fraca, pois Onix e HB20 não estão exatamente em patamar superior, o primeiro é inseguro e usa mecânica defasada, o segundo conseguiu 4 estrelas depois de um reforço, após 3 estrelas no primeiro teste, mas ainda tem um acabamento regular, espaço interno contido e não marca grandes médias de consumo ou possui qualquer grande diferencial, em termos de tecnologia embarcada. Apenas o HB20 está em um patamar um pouco acima.

      Além disso, HB20 e Onix atingem valores bem altos e não possuem ESP, controle de tração ou mesmo um assistente de partida em rampa. Se colocar o Novo Palio na história, este fica no mesmo nível do Gol.

      Ou seja, não diria para passar longe do resto da linha, pois apesar de Up! e Golf serem ótimas opções, O Fox 1.6 16v é uma opção razoável, na sua faixa de preço, o Gol, caso consiga um bom desconto, pode ser uma opção em sua faixa de preço, pois ainda tem um ótimo câmbio, direção direta, suspensão ótima para curvas e posição de dirigir esportiva. Ou seja, agrada a um tipo específico de consumidor, apesar de estar ultrapassado.

      Excluir
    5. Concordo em parte com o último comentário. Com certeza gol e onix estão no mesmo nível, até porque os dois possuem mecânicas baseadas em tecnologias defasadas em quase todas as versões (motor AP e monzatec). Já o HB20 utiliza um motores mais modernos e acabamento melhor que o gol. Mesmo assim, se for comparar as versões mais caras, acho o HB20 um pouco inferior ao Fox.

      Excluir
    6. Obrigado Roger!
      To muito feliz com o Golfão, mesmo, sem fanatismos por marca A ou B. Assim como, com o Up, um grande pequeno carro, nota 10.

      Luiz G.,

      não tenho duvida em optando-se pela linha VW, tem o Golf num extremo e o Up no outro, os melhores por varias razoes. Já o Gol é um trator, carro pra trabalho, mas 3 estrelas no crash test que é duro de engolir, lamentável. O Fox vale pelo espaço interno e motorização quando EA 211 1.6 e 1.0 Bluemotion. 4 estrelas no crash test Euro NCAP.

      Sds



      Excluir
    7. Caro Felipe!!
      Concordo quando diz que o Gol esta no mesmo nivel do Onix, mas sobre tambem estar no mesmo nível do Hb20 isso já não é verdade. O HB20 é melhor que o Gol em tudo, tanto em modernidade do projeto como em segurança também, e só isso já é o bastante pra dizer que o HB20 esta num nível acima que seus concorrentes( Gol, Novo Palio, Onix), me arrisco a dizer sem medo que Hoje o HB é o melhor hatch compacto a venda , junto com o novo Ka no nosso mercado, esta muito melhor que o seus concorrentes que são muitos defasados quando se comparado com o mesmo. Sobre o Fox concordo que o mesmo em comparação com seus concorrentes não esta muito atras, mas é um projeto muito antigo( se não me engano de 2003) e já pede uma atualização na sua plataforma, e sobre essa nota , foi de um teste de mais de 5 anos atras , a metodologia e rigidez era outra, já esta mais que na hora de ser testado novamente pra ver se mantem essas 4 estrelas não concorda?!!. Apesar de tudo isso ainda acho que não é nenhum absurdo se comprar um Fox, principalmente depois que a volks "maquiou" o mesmo, mas também incorporou itens de segurança no carro que não se tem nem em alguns médios( o corolla por exemplo), como foi dito hoje em dia se compra um Fox highline completo com todos os itens de segurança e ainda com sistema de som com navegação , por 56.500 mil, ou seja, nada mal, mas não muda o fato de o carro já estar defasado e cansado no mercado, e por isso eu como respondi ao nosso amigo Eddie , considerar apenas o Golf e Up como compras corretas da marca Volks, logico tirando sua linha Premium, pois não tem como considerar outros veículos da marca quando se coloca modernidade e segurança do projeto a principal ponto na sua escolha.

      Caro Eddie!

      Como disse ao nosso amigo Felipe, considero o Fox uma compra razoável somente na versão highline com os opcionais de segurança e sistema multimídia, for isso dispensaria qualquer outra versão do veiculo, e como disse acredito que já passou da hora de o Fox passar novamente no teste de impacto, visto que esse resultado, se não me engano, ja tem mais de 5 anos que saiu e na época não se era tão rigoroso como se é hoje, como disse , quer certeza no carro da Volks, vai de Golf ou Up, pois os dois são realidades quando o assunto é segurança, modernidade do projeto, pois o restante da linha, hoje na minha opinião depois de entrar e conhecer mais sobre carros em sites e fórum automotivos, não teria na minha garagem, mas vai do gosto e da opinião de cada um!!!Abs

      Excluir
  6. Realmente um carro fantástico. Espero que a concorrencial se espelhem nele

    ResponderExcluir
  7. "Em estado de nova sem qualquer problema" excerto os amortecedores trocados aos 50 mil km...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você já rodou 50 mil km com o Golf mk7?

      Excluir
    2. Os Haters ficam desesperados com tantas premiações do The Very Best, e com o fato de não terem dinheiro para comprar um.

      Excluir
    3. Bom mesmo é o Bravo com aquele defasado E.torQ e o Trancologic.

      Excluir
    4. Bom mesmo é ver o choro das vadias do Golf, interessante que nenhuma dela tem um.

      Excluir
  8. Apesar de ter passado com louvor, o problema nas bronzinas é de assustar e mais assustador ainda um carro sair da CSS com luz de óleo acesa, nunca houvi falar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior é ele chorar por óleo quando faltou quase 1 litro.

      Excluir
    2. Lendo o relato oficial na integra foi depois de 4milkm que a luz acendeu.

      É normal e correto avisar baixo nível de óleo para evitar danos.

      Excluir
    3. Para o desespero dos Haters, o World Car of The Year recebeu a maior nota da história do longa duração da 4 rodas, ou seja, THE VERY BEST.

      Excluir
    4. O consumo de óleo é característica de alguns propulsores aplicações Audi e VW. Não vejo algo muito crítico nisto.

      Outros carros que foram muito bem avaliados no longa duração, que eu me lembro foram: i30, Cruze, HB20 e agora o Gol. O Corolla parece estar no mesmo caminho...

      Excluir
  9. Uma tapa na cara dos haters que falam mal do DSG, do motor supostamente "frágil" e da suspensão que "supostamente" não aguenta as vias brasileiras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calou a boca dos Haters.
      O Golf é O CARRO.

      Excluir
  10. A dúvida é se será a mesma coisa quando for fabricado pela mão-de-obra nacional. Mas os elogios são merecidos. Esse carro mudou o patamar do segmento.

    ResponderExcluir
  11. Não entendi pq trocaram as pastilhas de freio aos 40 mil......ainda não li a reportagem da 4 rodas.

    Golf é o melhor da categoria, só poderia ser mais barato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se trocaram é por que estavam gastas. Eram para aguentarem mais de 40 mil km?

      Excluir
  12. Desde o i30 2010, um carro não tinha se saído tão bem no longa duração. Parabéns para a Volks por esse grandioso carro. Merece todos os prêmios, é sem dúvidas o melhor hatch médio do mercado, apresenta o melhor CxB apesar do preço exorbitante (crítica valida à todos os carros). Enfim, parabéns pra VW. Carro acertadíssimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por coincidência, os dois importados... ;P

      Excluir
  13. VW golf é espetacula, nunca vi um nome fazer tanto jus quanto o the very best

    ResponderExcluir
  14. Mesmo com alguns probleminhas, é um carro maravilhoso. A única coisa que me desagrada é a desvalorização e o caríssimo preço do seguro.

    Na mesma faixa de preço, o seguro ficou em média em 3 seguradoras:

    I30 : R$2.340,00
    Focus : R$2.480,00
    Golf 1.4: R$5.735,00


    *Obs: Condutor único com mais de 30 anos, só sai final de semana e possui garagem coberta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Duas grandes falácias. O Golf VII é o hatch médio que menos desvaloriza e o 2° carro do Brasil com menor desvalorização, tem inúmeras matérias falando sobre o alto valor do Golf VII no mercado de usados, caso não saiba.

      Sobre o seguro, novamente uma grande falácia:

      "O Golf escapa da sua antiga danação. O seguro cotado pela Autoesporte ficou em R$ 2.387, um valor bem mais em conta do que o obtido pelo Golf G4 produzido no país."

      http://revistaautoesporte.globo.com/Analises/noticia/2013/10/ford-focus-20-ou-vw-golf-14-qual-comprar.html




      Como se pode observar, o Novo Focus é que tem o seguro mais acessível, com 2,75% (reflexo do acordo Ford/Mapfre), seguido do Golf Highline, com 3,77% do valor do carro. Na sequencia temos o Golf GTI, com 3,91%, Cruze LTZ com 4,85%. Os intermediários são Fiat Bravo Absolute (6,71%) e Bravo T-Jet (7,30%). O modelo que apresentou seguro mais caro foi o Peugeot 308 THP (7,67%).

      http://www.car.blog.br/2013/11/golf-x-cruze-x-focus-precos-de-seguro-e.html

      Excluir
    2. Seguro é algo relativo, pois pode se pagar tanto 1500 reais quanto 5 mil, depende muito... No meu caso, fiz uma cotação e ficou por 3 mil, que considero um valor bem razoável.

      Excluir
    3. Felipe:

      A Auto Esporte pode dizer que o azul é amarelo que isso não vai mudar nada pra mim.

      Dê um pulinho na própria Volks e pergunte por quantos eles compram o seu Golf (se vc tiver) Caso não tenha, invente uma versão qualquer. Mas pergunta sentado pra não se assustar.

      O fato é que eu cotei e o Golf ficou em uma valor muuuuito superior aos outros. Vou acreditar em mim que liguei e cotei com três seguradoras ou vou acreditar no que um jornalista diz em um site ou revista? Então tá, vou fazer o seguro do Golf e vou mandar a diferença de dinheiro que falta pra redação da Auto Esporte pra ver se eles pagam.

      Excluir
    4. Seguro ano passado do meu highline 2400 pela Porto
      Seguro esse ano do meu GTI 3500 pela Bradesco
      37 anos solteiro garagem subterrânea.
      Brasília.

      Excluir
    5. Dá um pulinho na internet e olha quanto custa um Golf Highline alemao 13/14. Eles custam exatamente a mesma coisa que quando eram 0km. Isso é impressionante, o carro não desvaloriza NADA.
      Coloca no Google, Novo Golf deavalorizacao. Você vai ver que ele não desvaloriza cidadao.

      Excluir
    6. Tu és um contador de histórias, Rodrigo. Não adianta vir com historinhas de pescador. Já fiz cotação e ficou por volta de 3mil reais, conheço donos que pagam nessa faixa também. Além disso, no clube do Golf os proprietários relatam valores nessa faixa também.

      Não vem com esse papinho furado. E se tu procurar nos classificados de usados, verás que Golf tem um preço de mercado bem alto, com desvalorização muito baixa para seu segmento. Esses são os fatos, o resto é conversa fiada de pescador.

      Excluir
    7. http://www.car.blog.br/2014/11/volkswagen-golf-e-o-hatch-medio-que.html?m=1

      http://carplace.uol.com.br/onix-e-o-carro-com-maior-valor-de-revenda-aponta-pesquisa/

      http://www.flatout.com.br/bons-de-negocio-os-carros-que-menos-desvalorizaram-em-2014/

      Esse Rodrigo é só mais um hater, apenas isso. Eu lido com FATOS. E o fato é (as notícias e pesquisas tão ai pra provar) que o Golf é o hatch médio que menos desvaloriza disparado.
      Para desespero dos Haters...

      Excluir
  15. Também tenho que tirar o chapéu. Apesar de todas as criticas que eu fiz, tenho que admitir, o carro é fantástico. É disparado o melhor carro vendido no Brasil abaixo de 100 mil reais, The Very Best.

    ResponderExcluir
  16. A única coisa que me preocupou, foi os custos para troca das pastilhas de freio. No mais o carro foi muito bem...

    ResponderExcluir
  17. Uma pena não venderem mais o alemão. Não importa o que digam, não creio na mesma qualidade construtiva. Além disso, não toparia lidar com a rede VW.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *não creio na mesma qualidade construtiva do mexicano.

      Excluir
  18. Desvalorização onde? "Saporra" de carro, usado, com mais de 20.000 KM, 2013 é vendido hoje mais caro do que na época ou seja, é o único carro da história que, depois de quase 2 anos o preço está maior - CERCA DE R$ 12.000,00 - do que quando lançou. Estou querendo comprar um Highline 2014 com pacote Elegance e DSG e o menor preço que encontrei foi R$ 79.000,00 mas na média tá custando R$ 82.000,00. Na época o mesmo carro saía por R$ 70.000,00.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comprar Golf VII semi novo com preço razoável só daqui a uns 2 a 3 anos. Antes disso esquece.

      Excluir
  19. "o motor 1.4 TSI - o qual chegou ao fim do teste completamente limpo, sem carbonização" essa parte me deixou feliz....Rodando com essa gasolina porca e acredito que a quatrorodas colocou a comum, ainda sem aditivos...A declaração da empresa de que o carro pode rodar tranquilamente com o percentual de álcool proposto pelo governo é crível....A desvalorização....Eu não compraria um carro de um ano de uso com 60 mil rodados nem por 50 mil reais, apenas se fosse repassar....Mas, no mercado de usados colocou na tabela ou um pouco abaixo dela, o carro é vendido com facilidade....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Quatro Rodas coloca gasolina comum.

      Excluir
    2. Essa notícia foi ótima para mim....Agora vou ficar mais tranquilo na compra do carro.....
      Abraço,,,,

      Excluir
    3. Muito legal o baixo nível de carbonização, isso mostra que o motor trabalha em uma temperatura adequada!

      Excluir
    4. Verdade SDS SP.....Para mim foi um alívio.....Abraço!

      Excluir
  20. Putz, mas e aí, eles vão remontar e vender este carro com as bronzinas gastas, ou vão dar uma geral no motor? Amortecedores traseiros substituídos, pastilhas de freio beirando os 900 reais, pneus com bolhas, ou seja, mesmo os carros considerados excelentes tem seus pontos fracos. Desvalorização dentro da normalidade, na média. Quem tem o costume de vender seus carros em concessionárias ou lojas do ramo, a palavra chave é o valor de tabela, ou menos, e foi o que aconteceu com a avaliação deste Golf.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To com vc André teve muita coisa ruim, e olha que. Era o alemão, o mexicano então.

      Excluir
    2. Junta 2 haters e não dá 1. Certamente o Mexicano é ainda melhor, pois utiliza pneus mais adaptados às vias brasileiras. Sem falar que bolhas constantemente são causadas por falta de cuidado na condução do veículo, coisa que é normal em testes de longa duração, situação em que os repórteres precisam rodar muito em pouco tempo e metem o pau no carro.

      As pastilhas de freios também ficarão mais baratas com a produção nacional. Além disso, muito choro por 900 reais em um item que é trocado a cada 3 anos, seguindo a média de rodagem do brasileiro(pouco mais de 40mil em 3 anos). Se chora para esse valor, melhor comprar logo um Celta ou Palio Fire.

      As bronzinas não estão gastas, apenas apresentaram algum desgaste. E a avaliação foi clara ao citar a causa desse desgaste, que foi um erro da concessionária. Importante salientar que não estão com desgaste avançado e em nenhum momento foi citada a necessidade de reparo.

      A desvalorização foi mínima. E, de fato, o valor oferecido por Concessionária(68mil) é sempre cerca de 15~25% menor que o praticado no mercado de particulares. Além disso, é um carro com 60.000 km, ou seja, foi submetido a uso bastante severo e isso influencia diretamente na sua desvalorização. Quem quiser comprar um Golf Highline alemão, hoje, não acha por menos de 80mil, geralmente fica na faixa de 82~83mil, no mercado de usados. E olha que esse é mais ou menos o preço que o dono pagou quando comprou. A desvalorização do Golf VII é BEM ABAIXO da média.


      A estratégia do hater é essa: tenta manipular o que foi dito para transformar em graves defeitos e, no que diz respeito às qualidades, tenta desvalorizar e dizer que está na média. Bela piada, rapaz!!

      Excluir
    3. Felipe,
      Concordo com quase tudo que você falou, exceto pelas pastilhas, pois mesmo sendo um carro destinado a pessoas mais abastadas e a troca sendo realizada por volta dos 40 mil km, está bem caro esses 900 reais. Não da para aceitar assim, um custo desses. Claro com a produção nacional e por consequência, a disponibilidade maior de peças, os preços devem cair, assim esperamos.

      Excluir
  21. Sem desmerecer o Golf, excelente automóvel, mas o blog se esqueceu de dizer: consumo quase igual de sub compactos com etanol. Pena que Quatro Rodas não é referência em nada.

    ResponderExcluir
  22. Nada além do esperado, o Golf é simplesmente incrível.

    ResponderExcluir
  23. há um ano esse blog sempre tem os mesmos comentários kkk incrivel.

    ResponderExcluir
  24. Sem duvida é um excelente carro, o melhor entre os médios "populares", só não entendo o porque dessa idolatria toda em um carro comum como esse, um carro acessível e " qualquer".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é qualquer carro no Brasil que tem a tecnologia e o esmero do Golf. Dá pra chamar de "acessível" um carro de quase 90k - a versão mais comprada??

      Excluir
    2. Não conheço nem um carro que custe menos de 100 mil reais com o acabamento do Golf Highline. O painel e o topo das portas são emborrachados, o teto é em tecido finamente costurado, as colunas são forradas em tecido, os bancos são em camurça, o porta-Luvas é todo forrado em veludo, os porta-trecos são forrados em carpete e emborrachados pra evitar ruídos (assim como os guarda-mapas das portas), o painel é em black piano, o volante de base chata é em black piano e em couro de excelente qualidade, o câmbio é revestido em couro e em aço escovado, há LED's em todo o interior do carro, as portas tem detalhes de fibra de carbono e aço escovado, os tapetes são em carpete e presos por engates no assoalho, o retrovisor é eletrocromico e não tem um fio a mostra (no Fusion tem, por exemplo), não há um parafuso a mostra no carro. O porta-malas é muitíssimo bem acabado com zero de metal aparente, tem luzes de cortesia, tomada 12w, ganhos cromados de fixação, suporte para segurar a tampa, todas as ferramentas são presas em isopor, o Estepe é de liga leve aro 17...
      Até o capô do carro é suspenso por braço pantográfico e tem vedação acústica, além do motor ser todo coberto (sem aquele monte de fios aparentes do Focus, que tem capô suspenso por varetinha manual).
      Enfim, o carro tem acabamento muito mais refinado que muito carro mais caro. Só entrar num Golf Highline "basico" e num focus titanium Plus ou num Cruze LTZ, a diferença de acabamento é brutal!

      Excluir
    3. Como eu disse um excelente carro, o melhor em sua categoria e não tenho problemas em admitir isso ( mesmo preferindo vários outros modelos ), e acho acessível sim, custa o mesmo que vários modelos da mesma categoria em suas versões mais tops. Só não entendo porque idolatrar apenas um golf, mas respeito já que gosto é gosto. Eu prefiro idolatrar carros únicos.

      Excluir
  25. very best é o gti! a diferença de qualidade é absurda. esse é modelo de entrada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é o Golf Highline Elegance com câmbio DSG, alemão sem teto. Custava no lançamento 79.900 e agora custa 92 mil ( mas se consegue por 88). É a versão com melhor custo-benefício do Golf.

      Excluir
  26. A engenharia alemã de fato, é uma das mais avançadas do mundo!

    ResponderExcluir
  27. Discordo que apenas 1 litro em tão pouco tempo e baixa quilometragem tenham sido a causa. O ideal era levá-o até 100.000km. Costumo ter meus carros com km muito superior, inclusive tenho um VW Pointer GLi 2.000 com 232.000km sem "abrir o motor", que sempre consumiu desde okm muito óleo, e dado o fato de 1 em 4 litros ser um problemas tão sério, como pode meu carro ainda estar rodando? Se for assim, quando for aberto este AP nem bronzina vai ter!!! Fiquem atentos.

    ResponderExcluir
  28. Que este resultado magnífico do Golf sirva de lição, exemplo e principalmente um norte para as demais empresas automotivas.

    Nem falo das francesas, pois estas são casos perdidos, mas a Ford, que atualmente a que oferece a pior qualidade entre as quatro grandes.

    Mas a Ford precisa primeiro apreender a fazer carroceria com um pingo de alinhamento, pois todos os seus carros vêm de fábrica totalmente desalinhados, o que provocou inclusive a reprovação do último Ford que passou pelo longa duração da 4 Rodas, o malfadado EcoSport.

    O Ka é outro, que, além do acabamento de baixa qualidade, ainda tem projeto de baixa qualidade.O carro vem todo desalinhado, e não tem santo que resolva. É triste ter que pegar um carro que parece que tomou um PT e foi recuperado de sinistro.

    O problema de desalinhamento aparece em TODOS os carros da Ford. Todos, inclusive nos Fusion que vem do México, um desastre total.

    Os da Argentina, então, é caso perdido. Vejam o Focus, que além de desalinhado, tem aquele forro de teto que parece uma esfiha de queijo, teto todo mole.

    Pior de tudo, a transmissão Powershift, que tem petição pública com quase 1000 infelizes proprietários pedido ação do governo contra a Ford por problemas crônicos em seus carros.

    http://www.peticaopublica.com.br/viewsignatures.aspx?pi=P2013N44036

    Ou seja, espero que este resultado fenomenal do Golf sirva de lição para outras empresas melhorem sua qualidade e tecnologia.

    O fato é que hoje, Toyota e Honda tem boa qualidade de construção, mas em engenharia e tecnologia estão obsoletas.

    A VW é a única marca generalista que tem qualidade top de montagem e acabamento e projeto e design, e ainda está avançadíssima em tecnologia e engenharia.

    Herzlichen Glückwunsch Golf

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkkkkkkk
      "Teto de esfiha de queijo mole"...
      Esse Carlos.

      Excluir
  29. O cambio desses golfs batem mais que máquina de moer cana, basta passar por pisos de paralelepidos pra ver... É o mal desses cambios da VW e Audi, mssmo grupo. Golf com esse cambio jamais compraria e cá pra nós etta carrinho sem graça viu, só de perto, bem de perto mesmo que da pra se notar que é modelo novo, de longe passa despercebido. Carrinho qq.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deve-te ter um vovorola da toytota para botar defeito num carro desses. Tenho um e não tem este barulho que estar falando. Meu amigo vc estar botando defeito num carro que tem um motor premiado mundialmente e é considerado o carro mais seguro do Brasil, um acabamento de carro premium entre outro atributo que não vou falar...
      http://carros.ig.com.br/2016-05-06/os-10-carros-mais-seguros-do-brasil.html

      Excluir
  30. O cambio desses golfs batem mais que máquina de moer cana, basta passar por pisos de paralelepidos pra ver... É o mal desses cambios da VW e Audi, mssmo grupo. Golf com esse cambio jamais compraria e cá pra nós etta carrinho sem graça viu, só de perto, bem de perto mesmo que da pra se notar que é modelo novo, de longe passa despercebido. Carrinho qq.

    ResponderExcluir
  31. Estou com um golf 1.4 faz mais de um ano, carro simplesmente fantastico, muito rápido e economico.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.