Car.blog.br

Pesquisar este blog

Mercedes-Benz Classe E 2017: fotos e detalhes do interior

Categorias: , , 32 Comentários

A Mercedes-Benz se prepara para apresentar a nova geração do seu modelo intermediário Classe E no Salão do Automóvel de Detroit, e, em antecipação, divulga as imagens oficiais do interior.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

As imagens mostram que Stuttgart está subindo o nível do segmento de luxo de médio porte - muito disputado nos EUA - com uma cabine de alta tecnologia, elegante e que inspira (principalmente) o luxuoso Classe S com algumas nuances do Classe C (esportividade) quando os olhos se movem para baixo das enormes telas digitais individuais.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

O painel de instrumentos pode vir com uma tela digital de 12,3 polegadas e o sistema COMAND Online, e ainda uma outra tela lateral com 1920 x 720 pixels. O motorista pode escolher entre três estilos diferentes chamados "Classic", "Sport" e "Progressivo".

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

Os modelos de entrada terão uma configuração mais tradicional, com dois mostradores analógicos separados por uma tela de 7 polegadas, e um visor central de 8,4 polegadas.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

Apesar de não ser visto nestas imagens, Mercedes disse que a nova Classe E virá com dois consoles centrais concebidos de forma diferente, um para os modelos equipados com transmissões automáticas que têm um design simples, e outra para versões caixa de velocidades manual com um design de separação de cockpit.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

O Mercedes-Benz Classe E é o modelo de sua classe mais vendido no mundo, competindo com BMW Série 5, Audi A6, Jaguar XF e, nos EUA, Cadillac CTS. O seu volante integra botões de controle multifunções, permitindo ao motorista para realizar movimentos para controlar todas as funções do sistema de infotainment.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

Há também sistema de iluminação ambiente com LED que permitem 64 cores diferentes de tonalidade. Falando em luzes, a nova Classe E estará disponível com um sistema de LED multifeixe nos faróis e lanternas traseiras, que fazem um efeito "Stardust" que, segundo a Mercedes, é "uma reminiscência da Via Láctea ou o brilho de um motor a jato".

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

Opcionalmente o Novo Classe E pode ser equipado com um sistema Burmester 3D surround. O carro se destaca também por novos designs de assentos que são oferecidos em três versões diferentes, dependendo da versão (BASE, AVANTGARDE, Exclusive e AMG), e da disponibilidade de materiais de alta qualidade tais como guarnições de madeira.

Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

O novo Mercedes-Benz Classe E será apresentado nas próximas semanas em antecedência ao Salão Automóvel de Detroit, que ocorre em janeiro.

Vídeo - Novo Mercedes-Benz Classe E 2017 - interior

Postagens relacionadas:

32 comentários:

  1. Mas está muito parecido com o Classe. S, até achei que era o Classe S.
    Não sei se isso é exatamente ruim ou bom, mas está lindo.

    ResponderExcluir
  2. Magnifico! Revolucionando com linhas simples, belas e muita tecnologia!

    ResponderExcluir
  3. O interior dessa Mercedes perto do interior de qualquer Audi faz o Audi parecer carro popular.
    Que design! Simplesmente belíssimo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Audi e BMW NUNCA vão chegar aos pés da MB em termos de acabamento e luxo.

      Excluir
    2. Isto para os que gosta de botões e luzes bem chamativas... Calça vermelha e um abacaxi na cabeça para chamar atenção!
      Desculpe, não é o meu caso!
      Sou mais a sobriedade elegante do A6, que até então, segundo a car & driver é um carro melhor!
      http: // www . caranddriver . com/audi/a6

      Excluir
    3. G VII, mas a revista já testou o novo Classe E? A sua comparação é totalmente descabida...

      Excluir
  4. Essa Mercedes só tem pedal de acelerador, não tem de freio, pk será?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boy que é boy capota mas não "fréa"!
      kkkkk

      Excluir
  5. Essas novas Mercedes estão com interior muito top, o da C180 mesmo é espetacular, muito mais bonito que do A3.

    ResponderExcluir
  6. sempre achei o design do classe E o mais tradicional dos mercedes, vamos ver como ele ficara agora com esse banho de elegancia e modernidade

    ResponderExcluir
  7. sempre achei o design do classe E o mais tradicional dos mercedes, vamos ver como ele ficara agora com esse banho de elegancia e modernidade

    ResponderExcluir
  8. Audi e BMW NUNCA vão chegar aos pés da MB em termos de acabamento e luxo.

    ResponderExcluir
  9. Espetáculo . A antiga não tinha esse requinte .

    ResponderExcluir
  10. Esse interior do novo classe E tem vários problemas.

    Começa com esse volume central quadradão, horrível, usado para colocar a tela do infotainment central.
    Essa solução é usada no A4 atual e já foi abandonada no Novo A4, e até no Classe C.
    È uma solução grotesca, feia, que coloca um volume grande no campo de visão do motorista, e um blocão quadrado e feio no meio do painel, e sem função alguma.

    É feio e compromete todo o visual do interior. Logo que se entra no carro se olha para esse tijolão grotesco dentro. Muito feio.

    A Mercedes deveria usar a solução do Classe C e do A4, com uma tela bela e simples colocada no console central.

    E tem outros problemas. Essas saídas de ar redondas são obsoletas. Elas jogam jatos de ar na cara dos passagerios. São pouco refinadas.

    A Mercedes deveria ter se inspirado no desenho do Audi A4, com suas saídas de ar que se estendem por toda a largura do painel, permitindo uma refrigeração eficaz e sem jogar jatos de ar na cara dos passageiros, comprometendo sua saúde.

    E as telas digitais são outro ponto bem pouco inspirado. Começa com o cluster central, que projeta instrumentos analógicos desproporcionalmente grandes, fazendo o visual parecer de um carro dos anos 50. Pior de tudo, o cluster não projeta o mapa do GPS. Resultado, o motorista precisa desviar a atenção para o console central, para ver o GPS. Péssimo.

    Novamente a Mercedes deveria ter tentado imitar o que a Audi fez em seu cockpit virtual, com o mapa do GPS projetado no cluster de instrumentos, facilitando a vida do motorista e deixando o visual muito mais bonito e tecnológico.

    E a decoração interna está ridícula também. Muito rebuscada. Chega ao cúmulo de ter materiais listradinhos. Esse tipo de revestimento poderia estar tranquilamente em uma sala de estar vendida nas Casas Bahia, de tão brega que é.

    A única coisa que gostei foi do console central, parece refinado e simples, exceto o relógio analíogico, que é ineficaz e ocupa espaço no centro do painel. Mas a manopla de câmbio é bonita.

    No final das cotnas, fica claro que a distãncia que separa a competência da Audi em design de interior das demais só está aumentando. O interior dos Audi sempre foi muito superior aos MV e BMW. Agora a distância aumentou muito. Observem o show de tecnologia do interior do A4.

    Vc entra no A4 e parece estar em um carro do século XXII, e entra no Classe E e parece estar em um interior dos anos 50 do século XX. É ridículo.

    Pior. O interior do novo Passat está mais refinado e sofisticado que esse Classe E.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mimimi mimimi

      O imbecil inventa um monte de argumento sem pé nem cabeça para justificar suas preferências. Carlos, você pode achar o interior do MB feio, ok? Mas uma coisa subjetiva. Você acha mais feio, a maioria acha mais bonito. E nem venha falar em classe C, design sei lá o que, escola tal, pois isso não cola. Não existe apenas uma escola de design (ainda bem), é possível conciliar forma com função, e não apenas função. O interior dos MB transmitem muito mais requinte e sofisticação que os da Audi, enquanto esta se destaca em outros pontos.

      Não adianta, seu carro preferido não é melhor em tudo. Você nem sequer entrou nos carros e fica falando bobagens na internet. Deviam chamar você para fazer os jogos de supertrunfo.

      Sugiro que pare de desinformar os leitores.

      Excluir
    2. Única coisa que tem problema é a tua cabeça.

      Excluir
    3. Como você ousa comparar Passat com MB? Pqp... Carlos problemático!

      Excluir
    4. Carlos entenda eu também sou fã da VW, mas eu tiro o chapéu para as outras marcas, agora comparar o interior da MB classe E com o do Passat e a mesma coisa que comparar um fusca com uma Ferrari, o interior dessa classe E ficou belíssimo.
      Por favor pelo menos respeite as opiniões de todos cara, e como o José e o Gustavo tem razão você e um problemático.

      Excluir
    5. Realmente nao sei para que as saidas de ar centrais tanto da MB quanto da Audi. Sem elas liberaria espaço para telas mais bem posicionadas. Solução? Simples e utilizada no UP! saídas de ar acima do painel que realiza sua função com maestria sem jogar vento na cara ou peito de ninguém, distribuindo o ar muito bem e liberando espaço para a área central do painel, sem comprometer a estética!

      Excluir
    6. Carlos, para de babar ovo da Audi, unica coisa que eu achei feio nesse interior é esse painel, parece o painel do Corolla sofisticado, reto e feio, mas o carro é muito superior aos Audi da vida. Mercedes está anos luz na frente em luxo.

      Excluir
    7. E ainda esse "individuo" chamado Carlos, mais conhecido como o "vidente que mais erra no mundo", tem a coragem de falar que a Audi transmite mais "requinte" que um AMG, esse cara realmente é muito problemático como os amigos estão citando. Agora uma pergunta aos amigos olhe o interior por exemplo desse AMG e comparem com um da mesma categoria da Audi e digam qual deles transmite mais ar de categoria "Premium"??!!!Sem mais...

      Excluir
    8. E mesmo com tantos "defeitos", o Classe E vende bem mais que o fantástico Audi A6.

      É aquele esquema: o Carlos está certo e o resto do mundo está errado.

      Excluir
    9. Hein? As saídas de ar redondas "comprometem a saúde dos passageiros"?!?

      Chorando de rir aqui... hahahahahaha!

      Carlos, o ar-condicionado da MB não é motor diesel da VW, pra "comprometer saúde" de alguém!

      Excluir
  11. Salva A4, o rei absoluto de qualquer categoria

    ResponderExcluir
  12. Realmente acho que tem muita informação, não que não tenha ficado bonito, mas para mim informação um pouco em demasia.
    Penso que o que me incomoda são as saídas de ar centrais e talvez seja ela a culpada do meu desgosto com algo no painel, que além de ocupar muito espaço e serem muito chamativas, estão posicionadas muito baixas. Acho que uma solução simples e extremamente inteligente foi utilizada no VW up! com a saída de ar na parte de cima do painel. Discreta e sem ocupar espaço, executa sua função com perfeição.
    Com uma tela tao grande e um console central tão grande e largo vejo que os botões ao lado do relógio analógico poderiam ser deslocados para um destes dois lugares.
    Mas o couro passa um ar de luxo e isto ficou bom entretanto as saídas de ar laterais não precisavam ser cromadas e o controle dos bancos poderiam sair da porta para a parte lateral dos bancos (simples e discreto e prático).
    Chego à conclusão que não gostei do painel laterais de porta. A MB se perdeu um pouco no interior e vem fazendo um interior impactante, mas cansativo, saindo da tradição minimalista alemã, se tornando menos clássica e mais chamativa! Bom para uns, ruim para mim e nisto tenho que aplaudir a Audi e sua visão corajosa e persistentemente clássica.

    ResponderExcluir
  13. Carlos e G VII: Eu tenho um Mercedes, vcs não tem.... lero, lero.
    Não gosto desse tipo de postagem, mais diante da infantilidade de vcs dois, não restou outra opção sensata de respota.....

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.