Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo VW Polo 2018: detalhes e informações técnicas - Brasil

Categorias: , , 104 Comentários

A Volkswagen do Brasil divulga os detalhes da plataforma MQB-A0 que estreia no Novo Polo 2018, em outubro, e que será usada também no sedã Virtus (março de 2018), SUV T-CROSS (2º semestre de 2018) e na picape intermediária entre Saveiro e Amarok (2019). O hatch e o sedã serão fabricados em SP, enquanto o SUV e a Picape no Paraná - para abastecer o mercado brasileiro e latino-americano.

VW Polo 2018 200 TSI Automático

A plataforma MQB-A0 deriva da plataforma MQB do Golf, e é caracterizada por elevada rigidez torcional, baixo peso e boa eficiência espacial. Todos os novos modelos contarão com painel digital (nas versões topo), novos sistemas de assistência e novo sistema de sistema de infotainment de 8 polegadas e espelhamento de smartphone por meio das plataformas Apple CarPlay e Android Auto.

VW Polo 2018 200 TSI Automático - painel

O Novo Polo terá novos motores TSI Total Flex que desenvolve torque de 200 Nm (20,4 kgfm) a 1.500 rpm e potência de 128 cv (94 kW), que agora será conhecido pela sigla ‘200 TSI’, associado a nova transmissão automática de seis marchas.



Controle de estabilidade (ESC), freio a disco nas quatro rodas, Detector de Fadiga e Sistema de Frenagem Pós-Colisão são novidades no segmento de compactos.

Estratégia MQB

Atualmente a VW Brasil já produz o Golf e Audi A3 Sedan em sua fábrica de São José dos Pinhais (PR), ambos modelos baseados na plataforma MQB. Agora, com a chegada do Polo, está implementando a Estratégia Modular MQB na Fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP), para modelos compactos.

Sigla ‘200 TSI’ – torque

O Novo Polo vai inaugurar uma nova estratégia da Volkswagen –a sigla ‘200 TSI’ (referente a 200 Nm de torque, gerados pelo motor TSI, com tecnologia de turbocompressor e injeção direta de combustível). Essa nova nomenclatura será aplicada na tampa traseira do Novo Polo com motor TSI, enfatizando o fato de o motor 1.0 TSI ter o maior torque do segmento de compactos.

VW Polo 2018 200 TSI Automático

Segundo a marca, o torque é o responsável pela sensação de performance, deslocamento, quando o corpo “cola” no banco nas retomadas de velocidade. E é o que associa esportividade, prazer ao dirigir e segurança para realizar ultrapassagens seguras e superar subidas íngremes com facilidade. É a sensação de que o carro tem força.

Sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão

Já adotado no Golf, esse recurso faz parte da plataforma MQB. É um recurso de segurança que aciona automaticamente os freios do veículo quando ele se envolve em uma batida, para reduzir a energia cinética residual. O acionamento do sistema de frenagem pós-colisão se baseia na detecção da colisão inicial pelos sensores dos airbags.

O sistema aciona os freios até que o veículo atinja a velocidade de 10 km/h. A velocidade residual do carro pode ser usada para conduzi-lo a um local seguro. O motorista pode se intervir a qualquer momento – se os sensores perceberem que o motorista está acelerando, por exemplo, o sistema é desligado. O recurso automático também é desativado se o motorista começar a frear fortemente, a um grau de desaceleração mais elevado.

Painel Digital - Active Info Display

O Novo Polo é o primeiro carro da marca a adotar a segunda geração do Active Info Display, no qual todos os instrumentos são implementados virtualmente via software. Somente as luzes/ícones na borda inferior do mostrador são implementados em hardware.

VW Polo 2018 200 TSI Automático - painel

Informações de navegação podem ser mostradas em 2D ou 3D, em uma tela de 10,25 polegadas, do tamanho de um tablet. Sua resolução de 1.440 x 540 pixels permite gráficos precisos e de alta qualidade. Por exemplo, o modo de navegação: nesse caso, o velocímetro e conta-giros são deslocados para os lados, a fim de criar mais espaço para o mapa.

VW Polo 2018 200 TSI Automático - painel digital

As informações sobre as funções de condução, de navegação e de assistência podem ser integradas em áreas gráficas do velocímetro e conta-giros, conforme necessário. Dados que são exibidos no console central pelo sistema de infotainment, como contatos de telefone ou capas de CD, também podem ser exibidas no Painel Digital Programável.

Discover Media

O Novo Polo estreia também novos sistemas de informação. O Discover Media permite conectividade avançada com os smartphones por meio do App-Connect. Também oferece interatividade, com opções de informação e entretenimento, comando de voz e navegação integrados e interatividade com o painel de instrumentos. Fotos, vídeos e músicas em diversos formatos são alguns exemplos de mídias que podem ser “lidas”.

VW Polo 2018 200 TSI Automático - sistema multimídia

Independentemente do sistema de Infotainment, praticamente todos os comandos podem ser executados pelos botões no volante multifuncional, ou por comandos de voz. É possível selecionar as mídias (CD, SD-Card, Bluetooth, entradas auxiliar e USB), operar o telefone e o sistema de navegação apenas utilizando a voz.

VW Polo 2018 200 TSI Automático - sistema multimídia

Entre os recursos de segurança também está o detector de fadiga, que analisa a forma como o motorista dirige e compara com os 15 primeiros minutos de direção. Caso detecte um desvio no comportamento ao volante, o equipamento emite um alerta, sugerindo uma parada para descansar e tomar um café.

Conceito MQB – Veículo

Um dos mais importantes para a implementação do conceito de componentes modulares são as suas dimensões de engenharia uniformes – como, por exemplo, a distância entre os pedais do veículo (acelerador, freio) e o centro da roda dianteira.

novo VW Polo 2018

Mas é igualmente importante oferecer parâmetros variáveis. Entre eles, a distância entre-eixos, as bitolas e os tamanhos das rodas, de forma a permitir que diferentes arquiteturas de veículos possam ser implementadas a partir de um conjunto de componentes.

novo VW Polo 2018 - plataforma MQB

Assim, a plataforma MQB tem uma Arquitetura Flexível, que tem dimensão entre pedaleira e centro da roda dianteira padronizada, balanço dianteiro e traseiros variáveis, instalação do motor padronizada e distância entre-eixos e posição dos bancos é variável em cada modelo de veículo.

novo VW Polo 2018 - plataforma MQB

A relação entre o motor e o eixo dianteiro – e entre o eixo dianteiro e a chamada parede de fogo – é padronizada em todo o conjunto de componentes. Os balanços dianteiro e traseiro (distância entre a extremidade do veículo e o centro da roda) e a distância entre o “eixo” do banco traseiro e o centro da roda de trás são todos variáveis. Com isso, distâncias entre-eixos, desenhos de suspensão traseira, cabines e porta-malas podem variar de tamanho.

novo VW Polo 2018 - plataforma MQB

Os veículos tendem a se tornar mais pesados por causa da adoção de sistemas de assistência, conforto e outros avanços tecnológicos. A Estratégia Modular MQB inverte esta tendência: quase todas as peças são otimizadas em sua construção, ou feitas de diferentes composições de materiais, e, portanto, são significativamente mais leves.

novo VW Polo 2018 - plataforma MQB

Os veículos produzidos na Estratégia Modular MQB apresentam grandes reduções de peso – sem comprometer a segurança ou o conforto de condução. Powertrain perde peso graças ao uso de alumínio. Os componentes do sistema elétrico do veículo também pesam menos. A seleção de material inteligente e a construção melhorada colaboram para economizar peso na área do chassi.

Motor e transmissão na estratégia MQB

Na Estratégia Modular Transversal todos os motores são instalados em posição padronizada, com o coletor de escape montado para trás (próximo do painel corta-fogo). Dessa forma, o modelo está preparado para utilizar as diversas motorizações disponíveis no Grupo Volkswagen.

novo VW Polo 2018 - motor 1.0 TSI Flex

A nova posição de montagem para motores torna mais fácil a padronização de algumas peças, como linhas de escapamento e árvores de transmissão. A posição uniforme também reduz drasticamente o número de combinações de motor e transmissão que deveriam ser desenvolvidas individualmente para cada aplicação.

Motor TSI de 128 cv e 200 Nm

Com três cilindros e 999 cm³ de cilindrada, o motor TSI que equipará o Novo Polo é Total Flex, capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. Com etanol, sua potência máxima é de 128 cv, com torque máximo de 200 Nm (20,4 kgfm), com gasolina ou etanol.

Transmissão Automática TipTronic

Esse motor está associado a nova transmissão automática de seis marchas AQ250-6F Tiptronic é projetada para carros com motores transversais e possui engrenagens planetárias, com acoplamento por conversor de torque.

novo VW Polo 2018 - motor 1.0 TSI Flex - Automático

Caracterizado pela suavidade nas arrancadas e trocas rápidas de velocidades, o câmbio AQ250-6F conta com bloqueio do conversor de torque em diversas condições de uso, o que evita o deslizamento interno do componente, reduzindo o consumo de combustível.

Transmissão Automática TipTronic

A transmissão oferece a opção de trocas manuais sequenciais Tiptronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas (paddle shifts) no volante. O motorista também conta com o modo de acionamento esportivo (posição “S”), que altera os momentos das trocas de marchas para rotações mais elevadas, proporcionando aceleração mais rápida, para um comportamento mais dinâmico do veículo.

Chassi

Todos os modelos baseados na plataforma MQB adotam sistema de direção com assistência elétrica. Além da precisão, uma de suas principais vantagens em relação aos sistemas de assistência hidráulica é só demandar energia quando necessário – ou seja, em curvas ou manobras, por exemplo. Isso representa uma redução no consumo de combustível de até 3% quando comparado com um sistema de direção com assistência hidráulica (convencional).

novo VW Polo 2018 - motor 1.0 TSI Flex - Automático

O sistema de assistência elétrica não utiliza fluido em seu funcionamento, o que é outra vantagem em relação à assistência hidráulica. Além de ser melhor para o meio ambiente, o usuário tem um item a menos com que se preocupar nas manutenções.



TC (M-ABS) – O controle de tração tem a função de reduzir o escorregamento das rodas durante a aceleração ou quando o veículo começa a destracionar, em curvas acentuadas, controlando eletronicamente o torque do motor.

Novo VW Polo 2018 - interior

O sistema de freios ABS é um dos mais modernos disponíveis e é composto por outros recursos de segurança, como o EBD (distribuição eletrônica das forças de frenagem) e ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência).

Novo VW Polo 2018 - interior

O sistema EBD distribui eletronicamente as forças de frenagem entre os eixos traseiro e dianteiro, garantindo a estabilidade e a segurança.

Novo VW Polo 2018 - interior

O ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras. Caso o motorista pressione o pedal de freio de forma acentuada, mantendo uma frenagem mais consistente, o sistema aciona as luzes de frenagem de forma intermitente na frequência de 3Hz. Após essa frenagem, com o veículo estático, as luzes de freio param de piscar e o ESS aciona as luzes de pisca-alerta na frequência de 1,25Hz, indicando que o veículo está parado.

O sistema MSR (Motorschleppmomentregelung ou Controle do Efeito Freio Motor) evita o escorregamento das rodas em pisos de baixo atrito devido ao efeito do freio-motor. Esse sistema atua quando o motorista libera rapidamente o pedal do acelerador e nas reduções de marcha, aumentando o torque através do controle do acelerador eletrônico.

ESC – Controle eletrônico de estabilidade – O sistema reconhece um estágio inicial de que uma situação de rodagem crítica essa para acontecer. Compara os comandos do motorista com as reações do veículo a esse comando. Se necessário, o sistema reduz o torque do motor e freia uma ou várias rodas até atingir a condição de estabilidade.

HHC (Hill Hold Control) ou controle de assistência de partida em rampa – Em aclives acima de 5%, o sistema mantém o veículo freado por até 2 segundos, após o motorista aliviar o pedal do freio. Os freios são liberados progressivamente durante a aceleração, permitindo a partida do veículo com mais conforto e tranquilidade em rampas.

HBA (Hydraulic Brake Assist system) – reconhece a frenagem de emergência por meio da velocidade de acionamento e da pressão aplicada no pedal. O BAS aumenta ativamente a pressão de freio, que é então modulada pela intervenção do ABS. Quando o motorista reduz a pressão no pedal de freio ou ocorrer redução da velocidade do veículo abaixo de um limite mínimo, ocorre o fim da assistência de frenagem.

EDS (Elektronische Differenzialsperre ou Bloqueio eletrônico do diferencial) – Em trilhas ou em situação de baixa tração em uma das rodas motrizes, o bloqueio eletrônico do diferencial aciona o freio da roda com menor tração, transferindo o torque para a roda com maior tração, proporcionando assim melhor eficiência à saída do veículo. Esse sistema de “tração inteligente” funciona de forma automática, sem necessidade de o motorista acionar um botão no painel. Além disso, o sistema atua em curvas e em velocidade de até 80 km/h.

O sistema XDS+ (bloqueio eletrônico do diferencial) é uma função integrada ao controle eletrônico de estabilidade (ESC) para melhorar o comportamento dinâmico do carro. O XDS+ aumenta a agilidade e diminui a necessidade de movimentação do volante por meio de intervenções seletivas nos freios das rodas internas às curvas nos dois eixos. Além disso, o XDS+ funciona com quaisquer condições de aderência do piso. Isso resulta em uma dirigibilidade mais precisa.

BSW (Bremsscheibewischer – Limpeza Automática dos Discos de Freio) – O Novo Polo também conta com o inovador sistema BSW, que identifica situações de discos de freio molhados, em condições de chuva. O sistema de freios trabalha para aproximar as pastilhas dos discos de freio dianteiros, em frações de segundo e de forma imperceptível para o motorista, com o objetivo de secar os componentes e garantir o menor espaço de frenagem possível. O sistema atua acima de 70 km/h e com o limpador de para-brisa acionado. Essa tecnologia, até então apenas presente em carros de luxo, garante ao Novo Polo muito mais segurança e precisão nas frenagens.

Monitoramento da pressão dos pneus - O ESC inclui o Sistema de monitoramento de pressão dos pneus, que colabora para maior segurança. O recurso funciona por meio dos sensores de velocidade de roda do ABS e detecta quando a pressão dos pneus cai porque a velocidade daquela roda é alterada, passando a girar mais rapidamente em relação à velocidade do carro. O sistema verifica os pneus constantemente. Manter a pressão correta também ajuda os pneus a durarem mais e reduz o consumo de combustível.

Outro recurso é o GMA (Giermomentaufbauverzögerung ou Controle do Momento de Giro), que diminui a possibilidade de giro do veículo em piso com diferentes níveis de atrito. O sistema também proporciona diferentes forças de frenagem no momento da desaceleração até que a rotação das rodas seja equalizada.

novo VW Polo 2018 - motor 1.0 TSI Flex - Automático

Suspensões exigem calibrações específicas para a região na qual o veículo será produzido e comercializado. O Novo Polo terá configuração dianteira independente tipo McPherson e interdependente na traseira, com eixo de torção. Os pneus “verdes” colaboram para a redução de combustível.

104 comentários:

  1. Respostas
    1. Tá lindo e perfeito. 1.0 TSI de 128 cv + Automático por R$ 68 mil!
      A VW só consegue isso pelo motor 1.0 TSI, que paga imposto menor.

      Excluir
    2. Carlota, quem garantiu esse preço?
      Pode até vir com essa motorização e câmbio, porém provavelmente capado dos opcionais (novidades interessantes).

      Excluir
    3. Quem garantiu foi ninguém menos que o Gustavo Schimdt, o diretor de vendas e marketing da VW.

      Excluir
    4. A VW consegue esse preço em um carro tão sofisticado quanto o Polo, pelo motor 1.0 TSI.

      Eu disse que esse motor é a arma secreta da VW. Então, está aí.

      O Up! TSI e Golf 1.0 TSI Manual foram lançados como balão de ensaio...para testar o motor em condições reais.

      Agora o motor está tinindo e vai chegar com tudo, só com câmbio automático de seis marchas.

      Esse polo 200 TSI AT fará uma hecatombe nos HB20 e Onix entre 60 e 70 mil.

      Excluir
    5. Carlos, tenho visto que esse Polo 1.0 TSI vem com câmbio manual de 5 marchas também, que seria o ideal pra estar na minha garagem. Mas será que virá somente com câmbio automático?

      Excluir
    6. não terá 1.0 tsi manual. só automático.
      Ninguém quer isso. não vale a pena produzir.

      Excluir
    7. Caramba Carlos 68k!

      Comprei recentemente (esse mês) o UP! Connect, paguei os 55, mas com vários brindes (banco de couros de verdade, feito pela concessionaria) muito bons, mas o Polo por 68, rapaz to começando a me arrepender de não ter esperado. Você acha que fiz um mal negocio?

      Excluir
    8. Esquece, o TSi AT não vai custar 68 mil. Surgiu essa especulação mas não é oficial.

      Excluir
    9. 68 mil ? Venderia igual agua até eu compraria facil ,seria perfeito dms

      Excluir
    10. Vou responder, fez um péssimo negócio em pagar 55 temers em um subcompacto.

      Excluir
    11. Se o at vier a 68 mil será líder.
      Mas acho bem difícil

      Excluir
    12. Carlos se o Polo vier por esse preço, vai vender igual água, tecnologia, segurança, motorização de primeiro mundo e sem contar que ficou muito lindo, por esse preço vai sucesso total em vendas!!!

      Excluir
    13. Se vier o 1.0 TSI automático a no máximo R$ 71, 72 (estourando 73 mil), vai vender bastante.

      é caro, mas não tem outro carro nessa faixa de preço.

      Então tem grandes chances de emplacar um sucesso

      Para a alegria do Carlos Carros e do Bob Sharp, kkkk

      Excluir
    14. A vá, único argumento é que é mal negócio só por ser "sub"compacto? Só isso? Sério? Comparei ele com o Etios e só perde nos vidros traseiros elétricos e iluminação na parte de trás, no resto o espaço interno não me deixou nada a desejar. Esperava respostas mais condizentes com a discórdia. Mas obrigado.

      Excluir
    15. Se a versão top passar de 82k, vai de Cruze lt.

      Excluir
    16. Cruze tá 92k. O pelado.
      Com painel de plástico inteiramente DURO.
      Estilo ridículo. Mal acabado.
      Cruze? Piada.

      Excluir
    17. Cruze de 92 k pelado, kkk, já saiu de traz do PC fez um teste drive em um, só fala orelhada...

      Excluir
  2. Na 4 rodas descartaram o 1.0mpi, dizendo que a VW já lançou e não fez sucesso. Uma pena, pois teria um grande mercado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Quatro Rodas tá orelhando.
      Terá sim o 1.0 MPI, com potência de 90 cv.
      O polo 1.0 que não deu certo foi o quatro cilindros 1.0 16V, com 75 cavalos e sem comando variável, sem torque em baixa, e em um POlo que pesava 1.150 Kg.

      Este novo será 150 kg mais leve, 15 cv mais potente, mais torque, mais tudo. Não tem comparação.

      Quatro Rodas orelhou.

      Excluir
    2. O MPI 3 cilindros é um excelente motor, durável, economico e andador. Sempre haverá mercado para este master piece da engenharia.

      Excluir
    3. Carlos o polo 1.0 16v tinha 79cvs e era o motor mais potente na epoca.

      Excluir
    4. Para o Gol até dava; tive 2 Gols com esse motor, mas para o Polo sem chance naquela época, por isso virou um mico.

      Excluir
    5. Quero ver esse Polo a 68 mil TSI Automatico. Só acredito vendo na revenda. Se tiver a esse preço, não vai ter pra vender nunca.Já conheço essa "manobra".

      Excluir
    6. Está melhor do que o Golf

      Excluir
  3. Polo TSI por menos de 70 mil,a chefia da Fiat vai perder o sono.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensei a mesma coisa, os caras gastaram centenas de milhões no desenvolvimento do Argo, aí vem a VW e faz o Polo pra cagar na cabeça deles. Só desinformado vai levar esse Argo pra casa.

      Excluir
    2. O Argo é uma gambiarra. O sujeito que compra aquilo hoje já precisa ser internado. para ficar fora da VW, HB20 Turbo e Onix são dez vezes mais carro que ele.

      Esse Polo 200 TSI é outra categoria. Não dá para comparar com o Argo.

      Este Polo é nível BMW Série 1 , Golf, Audi A3 e Mercedes Classe A.

      Excluir
    3. 0nix? Exagerou hein Carlão.

      Excluir
    4. polo nível de bmw, mercedes é foda.

      Excluir
  4. Um belo projeto mas uma boa opção no mercado espero que venha com sinto de 3 pontos no banco do meio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, ele terá cinto de 3 pontos no banco do meio traseiro, veja nas fotos (e vídeos) da apresentação de ontem do Polo desmontado, naquele em que aparecem todos os bancos, é possível ver o cinto de 3 pontos para todos.

      Excluir
    2. Vamos botar a culpa no corretor vai kkk

      Excluir
  5. Ta ai... achei o substituto pro C3 da minha mae. Polinho 1.0 TSi automatico.

    Show.... nem ligo para as parafernalias de midia, to interessado na construcao, seguranca e eficiencia do motor e cambio.

    Anos-luz na frente da concorrencia.
    A VW so tem que mete uma estrategia de preço que faça o carro ser Compravel.
    Nao adianta nada tambem um polo desse Top automatico, mesmo que sem todos opcionais vir custando de 70mil pra cima.
    Tem que começar ali nos 58-59 pra fazer frente ao Onix LTZ e HB20 Premium. Se a VW souber precificar (que ultimamente nao sabe muito) mesmo com a qualidade e todas as virtudes fica dificil, pois hoje tudo esta cada vez mais caro no BR, entao qualquer 1-2mil a mais faz a diferença no bolso do consumidor.

    Espero ver, nem que pelos primeiros 3 meses, preços decentes.

    Se o Polo TSi automatico vier de serie com Active Display, por preço entre 60-65 mil..... Hyundai, GM e Fiat que se cuidem com seus carrinhos mequetrefe.

    Nao eh puxar a sardinha pra VW, mas nada no mercado vai se equiparar ao Polo, ate mesmo o Golf vai fica um cadiquim aquém, ate a reestilizacao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qd vc disse ligar mais para motor e estrutura ,Sao pessoas assim q deveria comprar carros zero nesse paid.parabens

      Excluir
    2. Vc tá sonhando com esses preços. Polo TSI automático vai começar entre 65/68. Esse carro não vem pra brigar com Ônix. A referencia de preço é o Argo 1.8 pra essa versão TSI.

      Excluir
  6. Acho que esses podem ser os preços:
    (Podem ok)

    Trendline 1.0 MPI MT/5 R$49,990
    Trendline 1.0 TSI MT/5 R$55,990
    Trendline 1.0 TSI AT/6 R$60,900
    Comfortline 1.0 TSI MT/5 R$64,990
    Comfortline 1.0 TSI AT/6 R$69,990
    Highline 1.0 TSI MT/5 R$72,900
    Highline 1.0 TSI AT/6 R$79,990

    Quem sabe né kkk
    Lembrando sem opcionais

    Só não sei como vão encaixar a 1.6 MSI, mas vamos ver.

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito do logo 200TSI, bem bolado.
    Estou muito bem de carro, meu Golfão TSI DSG indo para o 4o ano sem problema algum, não há motivo lógico para substitui-lo. Se não fosse o caso, certamente este Polo 200TSI automatic seria meu próximo carro. relação custo-benefício muito boa. Show. Parabéns para a VWB.

    ResponderExcluir
  8. 68K será a versão de entrada capada, este carro com a configuração top de linha vai beirar os 100k fácil, ai será melhor ir de golf mesmo, pode até vender bem no início, mas depois de passada a novidade, vai vender menos que fox peper.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De acordo com o vice-presidente de vendas e marketing da montadora, Gustavo Schmidt, tal configuração deve ficar posicionada abaixo dos R$ 68.000, para bater de frente com as versões intermediárias do Fiat Argo,


      https://wm1.com.br/noticias-rapidas/polo-1-0-automatico-deve-vir-abaixo-de-r-68-000

      Esse será um Polo 200 TSI Automático, com bancos em tecido, versão comfortline, com volante com comandos multifuncionais, 4 airbags, freios a disco nas quatro rodas, sistema de som básico, ar manual, vidros nas quatro rodas, rodas de alumínio, painel analógico.

      Esse carro será a entrada ao mundo 200TSI Automático. Claro que não ser[á a versão top.

      Mas será o melhor hatch compacto do segmento. Disparado.

      E a vw só consegue isso com o motor 1.0 TSi que paga menos imposto que o 1.8 e 1.;3 d Fiat, o 1.4 da GM e o 1.6 da Hyundai, mesmo andando bem mais que todos esses e bebendo menos.

      Excluir
  9. VW Polo tem tem tudo pra ser o carro do ano hein?

    ResponderExcluir
  10. Gostaria que a VW tivesse importado ou fabricado a Kombi T6 aqui...

    ResponderExcluir
  11. Não seria melhor esperar lançar de verdade e avaliar o produto que chegará realmente aos interessados aqui no Brasil?
    Esse mundo fantástico de muito conteúdo e preço condizente não é verdade por aqui, principalmente se tratando de VW.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Exato. VW aqui no país gosta de vender carro pelado caro e completo com 10 pacotes a mais por preços surreais.

      Excluir
  12. Este 200 TSi manual pode ser até um esportivo.

    Imaginem colocar este motor no Gol GT que será lançado em 2018?

    Irá ganhar o nome de Gol 200 GTI

    ResponderExcluir
  13. Só acredito vendo esse preço. A cara da VW é R$ 68 mil com o motor TSI e automatico mas com vidro eletrico dianteiro só na frente roda de ferro com calota, sem nada digital, tudo analógico. Ai põe o painel digital, mais R$ 5.000,00, central multimídia mais R% 5 mil, rodas mais R$ 3000,00, Bancos em couro mais R$ 5 mil... e ai vai... ai o Polo legal mesmo, que promete, que enche os olhos, sai por R$ 90 mil. Quem sabe a VW surpreende dessa vez, mas tô duvidando, espero estar errado.
    Esse tipo de painel eu acho show demais, além do motor turbo...
    Estou esperando chegar meu civic novo que comprei com desconto na venda direta.
    Ano que vem é a vez de trocar o Ka da minha esposa, se esse carro vier num preço atrativo com certeza vai ser minha opção... ai nem vou me importar de emprestar direto meu carro pra ela hehehehe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De acordo com o vice-presidente de vendas e marketing da montadora, Gustavo Schmidt, tal configuração deve ficar posicionada abaixo dos R$ 68.000, para bater de frente com as versões intermediárias do Fiat Argo,

      https://wm1.com.br/noticias-rapidas/polo-1-0-automatico-deve-vir-abaixo-de-r-68-000

      Esse será um Polo 200 TSI Automático, com bancos em tecido, versão comfortline, com volante com comandos multifuncionais, 4 airbags, freios a disco nas quatro rodas, sistema de som básico, ar manual, vidros nas quatro rodas, rodas de alumínio, painel analógico.

      Esse carro será a entrada ao mundo 200TSI Automático. Claro que não ser[á a versão top.

      Mas será o melhor hatch compacto do segmento. Disparado.

      E a vw só consegue isso com o motor 1.0 TSi que paga menos imposto que o 1.8 e 1.;3 d Fiat, o 1.4 da GM e o 1.6 da Hyundai, mesmo andando bem mais que todos esses e bebendo menos.

      Excluir
    2. Esse será um Polo 200 TSI Automático, com bancos em tecido, versão comfortline, com volante com comandos multifuncionais, 4 airbags, freios a disco nas quatro rodas, sistema de som básico, ar manual, vidros nas quatro rodas, rodas de alumínio, painel analógico.

      Vidro nas 4 rodas é muito bom carlota.

      Excluir
  14. Achei esse carro lindo...meu pai tem um golf, mas esse polo tá demais.

    ResponderExcluir
  15. Sensacional, se sair realmente por esse preço de 68k com AT6 e uma quantidade decente de itens de série eu levo.

    Alguém sabe alguma coisa sobre a quantidade de Airbags que ele terá?

    ResponderExcluir
  16. Internamente este carro esta top, matou até o Golf, esta moderno e limpo ao mesmo tempo. Show...Parabéns VW.

    ResponderExcluir
  17. Só uma dúvida, esse TSI vai ser vendido aqui no Brasil com todos esses opcionais???

    ResponderExcluir
  18. A VW estima produzir e vender 4 mil por mês; mas se caprichar nos preços tem potencial para muito mais.

    ResponderExcluir
  19. Esse Polo vai colocar pressão sobre o Novo HB20 que sai em 2019, a conferir. A Chevrolet terá que se mexer também. A decepção é o Fiat Argo, esperava muito mais, creio que a Fiat perderá posições nos próximos anos.

    ResponderExcluir
  20. Muito interessante. Pra competir com Argo e HB20 provavelmente será bem superior, e deve ter custo x benefício interessante pra quem quiser um carro "completo de tudo" abaixo dos R$ 90.000,00, faixa que ele não pode passar porque já entram HR-V, Corolla, enfim, carros com os quais ele não tem como competir em posicionamento de mercado.
    Vou esperar esse Novo Polo antes de trocar de carro.

    ResponderExcluir
  21. Seria minha próxima aquisição caso o 1.0 tsi viesse com câmbio manual, não gosto de automáticos...

    ResponderExcluir
  22. Tem um porem, 1.0 acima de 80k não tem como, mesmo sendo bem equipado.

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá mesmo, o confortline tá com 10 mil de desconto.'

      Excluir
  24. Que triste, ter que colocar um 200 na tampa pra parecer que é 2.0. Dispensável essa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito pelo contrário. É auspicioso. Com tal estratégia a VW contribui para melhorar o nível de informação da população brasileira sobre motores.

      Ela já usa esse tipo de nomenclatura na China há quase três anos.

      http://www.car.blog.br/2015/01/volkswagen-lamando-golf-7-seda-preco-e.html

      Triste mesmo é o brasileiro médio que não tem informação alguma, e ainda está na idade da pedra achando que cilindrada significa alguma coisa. Piada. Isso que é triste.

      O motor 200 TSI da VW, é 1.0, mas tem mais torque que o 2.0 Tigershark do Compass.

      O Torque que é o elemento fundamental em um motor. E não a cilindrada.

      Definir motor pela cilindrada é coisa de idiota. que não sabe nada, que não é capaz de compreender as novas tecnologias.

      Então, parabéns à VW que está contribuindo com tal medida para aumentar, democratizar e modernizar o conhecimento e a cultura automotiva no Brasil.

      E, de quebra, um carro com o 200 TSI na traseira, dará "status".

      Excluir
    2. legal essa ação da vw...heim? mostra que tem responsabilidade social!!!

      Excluir
    3. o 200, além de denominar o torque, também fará o seu vizinho pensar que você tem um carro de 200 cavalos.

      Excluir
    4. Não precisava agredir baixo nivel colega mas vc 4C está parcialmente certo. Downsizing é com turbo que significa bom torque em baixas rotações. 90% do tempo utizamos torque e não potência sendo assim é mais inteligente levar o 200TSI do que um 2.0 litros aspirado que fará falta somente em ultrapassagens na estrada geralmente arriscadas e desnecessarias onde a potência máxima e regime rpm elevado é necessário. Entendo assim. Bom motorista tranquilo que procura economia com desempenho o 200TSI é a compra certa e se quiser mais potência com muita economia va de 1.4 TSi pagando um prêmio no Golf Highline.

      Excluir
    5. A volatilidade do comentário impressiona, sempre bradou sobre potência e briga por cada CV de vantagem sempre ignorando o torque, milagrosamente hoje quem fala só de potência virou "idiota" e o que vale de fato era o até pouco tempo atrás o esquecido "torque", realmente a vida de fã é difícil...

      Excluir
    6. ^^ Orelha. Cilindrada não é potência. Mané.
      Tenta de novo...

      Excluir
    7. Oh mal educado é potencia sim. Tem maior deslocamento volumétrico gerando mais potencia na mesma rotação comparado ao motor de 1 litro turboalimentado.

      Excluir
    8. "jura?!, se não tivesse falado nunca saberíamos..."

      Tenta de novo... mas lava só a isca e deixa o anzol dessa vez, próximo!

      Excluir
  25. Fiquei bem interessado na versão de R$ 68.000,00. Tenho um New Fiesta. Era ótimo sem central multimídia. Com a Central virou excelente. Waze ajuda demais e ter que ficar com celular exposto é péssimo. Pelo que o Carlos falou, essa versão não vem nem com Multimídia básica (android auto). Será que não mesmo? =[ Fiquei triste, pq pacote de opcional com ela na VW deve ser 10k! rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vão ter duas centrais multimídia, uma mais simples e a outra maior, mas ambas com AppleCarplay e Androidauto.

      Excluir
  26. Fábio, você tem alguma informação da redução das versões do UP! ? Acabei de acessar e verifiquei que não consta mais High UP! e Move Connect. Sabe de algo ? Abs !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que entrou o Up Pepper no lugar do Connect.

      Excluir
  27. Se a VW tirar as guias de leds dos farois vai ficar pior que o Gol de frente. Espero que não façam essa cagada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em se tratando de VW tudo é possível.

      Excluir
    2. Pois é, pelas imagens que saiu parece que não terá o LED, e se tiver acho que só vira na Highline.

      Carlos4Carros, você sabe alguma coisa sobre isso?

      Excluir
    3. Também ficarei extremamente decepcionado se ao menos a versão top não timer o Led frontal. É lindo demais, o mercado brasileiro merece, e foi uma das coisas que mais me agradou nesta carro.

      Excluir
    4. Pois é, seria um belo diferencial, além disso, agora que a lei obriga rodar com o farol baixo ligado ou a DRL, nada mais logico que ele ter DRL, além de útil também chamada atenção de quem vê o carro na rua, podendo atrair potenciais novos interessados.
      Tomara que venha de série pelo menos na Highline.

      Excluir
  28. Qual será a surpresa da vw pro dia primeiro de setembro?
    https://youtu.be/XLyDqFH3P6Q

    ResponderExcluir
  29. Esperando ansiosamente pelo VW Virtus 1.0 TSI automático que será minha próxima aquisição 😁😁😁

    ResponderExcluir
  30. VW chamava os motores Boxer pós 84 de "Torque", agora resolve usar o numeral de fato estampado, um tanto curioso, afinal muitos brasileiros não aceitam "1.0" mas não deixa de ser um bom "alias" usar o 200.

    ResponderExcluir
  31. É muito bla bla bla pra pouca coisa concreta ... Antes tinha 355 Litros , inclusive fooi un dos motivos pra vencer um comparativo, agora tem só 300litros, e o que mais ele vai perder até chegar o lançamento?? kkkk apesar de gostar do carro ... chega né de propaganda (enganosa) pois nem lançaram ele, nem tem dados oficiais e todo mundo fica comparando com algo "incomparável" .. Uai, tudo isso só pra todo mundo esperar mais um pouco pra ver se é melhor que o argo ... Claro que é, só que se fosse por isso, o hb20 e onix nao estavam no topo das vendas ... com a gasolina nas nuvens, a relação custo/benefício(economia desempenho e conforto) e´o que pesa. O que adianta ter um baita carro, mas só quem pode vai comprar!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que a perda de tamanho do porta malas se dê pela presença do estepe, se vc calcular o volume que o estepe ocupa, é muito próximo da redução que houve (±55 litros), não tenho certeza, mas talvez na Europa eles considerem o volume contando o espaço do estepe.

      Excluir
  32. questão preço! entre eu e este carrinho a distancia pode ser curta ou longa!

    esperar pra ver;

    ResponderExcluir
  33. Colocar 200 tsi é meio apelativo.
    O 1.0 tsi já tem seus meritos consagrados.

    ResponderExcluir
  34. Aposta de versões e preços:

    trend 160 msi mt 57.000,00
    confort 160 msi mt 63.000,00
    confort 160 msi at 68.500,00
    high 200 tsi mt 70.000,00
    high 200 tsi at 75.500,00

    ResponderExcluir
  35. Tirando a velha babação e exagero do Carlos, ele têm razão ao dizer que precisa acabar essa mania ridícula de Brasileiro achar que o que importa é cilindrada. Por isso por exemplo Civic e Vovorolla que tinham bons motores 1.8 lançaram o 2.0 (diferenca minima), mas na cabeça de ignorante...
    Eu tive uma parati preta turbo de fábrica, 100cv e eu amava aquele carro, aquele motor... não tinha escrito que era 1.0 apenas o 16V e o Turbo em vermelho e praticamente ninguem sabia que era 1.0 e todos babavam mas se soubessem o preconceito tomava conta...
    Carro turbo é tudo de bom.
    Eu nem sou fã da VW, aliás depois de 2 gols e Parati fiquei é com raiva dos carros duros, cheio de nhec nhec e pós venda lixo, mas aluguei um Jetta 1.8 Turbo em Orlando e adorei, até o barulho nervoso do carro com aquela gasolina pura que eles tem é massa.
    Enfim, a VW no BR é apenas uma sombra do que é em outros países, quem sabe mudam, mas começou (a virada?!) muito mal com o Golf nesse preço estratosferico que matou as vendas...

    ResponderExcluir
  36. O Pólo 1.0 TSI vai ser a última pá se terra que enterrará de vez o Golf por aqui. Pelos preços praticados no Golf, tem espaço de sobra para o Pólo vender como ninguém, até por que um Polo 1.0 TSI completo será tão interessante quanto um Golf 1.4 TSI custando alguns reais a menos.
    Agora eu entendo motivo de terem especulado o fim da produção do Golf no Brasil.
    Well done, VW, well done.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ^^ Para de orelhada! Tudo isso é vontade de ter um Golf e não ter dinheiro pára tal? Deixa de ser recalcado.

      Antes de mais nada, vc tem que parar de MENTIR. Não há plano de fim de produção do Golf no Brasil, conforme a VW Brasil informou:

      http://www.car.blog.br/2017/07/nao-ha-planos-de-interrupcao-de.html

      Segundo, até minha vó, que não acessa blog nenhum de carro, sabe que o que falta ao Golf é um câmbio automático na versão 1.0 TSI, e isso chega logo, antes do Polo.

      Terceiro. Polo e Golf conviveram no Brasil por mais de 10 anos e na Europa convivem há mais de 40 anos. E nenhum interfere no mercado do outro.

      O Golf já vendeu mais de 40 milhões de unidades no mundo, e o Polo 14 milhões.

      Por mais que o Polo seja um baixa carro, ele não é um Golf.

      A começar do tamanho. O Golf tem 8 cm a mais de entre-eixos, tem 22 cm a mais de comprimento, tem um design característico e com identidade. Tem porta-malas maior. É mais refinado constritivamente, vem com 7 airbags em todas as versões, sensores de estacionamento dianteiros e trasriros em todas as versões.

      O Golf tem buchas hidráulicas de suspensão.

      Esse Polo é show, é. Disparado o melhor do segmento. Nem dá para comparar com outros.

      Mas ele não chega no Golf.

      Agora, deixa de ser mané. Se vc quer um Golf, trabalhe mais. Ficar destilando ranço contra o carro que vc tanto quer e não pode comprar na Internet não resolve nada.

      Deseje menos, ou trabalhe mais.

      Excluir
    2. Eu tive os dois carros. Polo 1.6 e Golf G4.5. O Golf era muito superior dinamicamente fazendo curva bem mais que o Polo Hatch. Carros completamente diferentes. O Golf era muito melhor. Já o Polo 200Tsi com a mesma plataforma do Golf7 tem tudo para andar igual ou melhor. Vamos aguardar.

      Excluir
  37. O Pólo 1.0 TSI vai ser a última pá se terra que enterrará de vez o Golf por aqui. Pelos preços praticados no Golf, tem espaço de sobra para o Pólo vender como ninguém, até por que um Polo 1.0 TSI completo será tão interessante quanto um Golf 1.4 TSI custando alguns reais a menos.
    Agora eu entendo motivo de terem especulado o fim da produção do Golf no Brasil.
    Well done, VW, well done.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ^^ Para de orelhada! Tudo isso é vontade de ter um Golf e não ter dinheiro pára tal? Deixa de ser recalcado.

      Antes de mais nada, vc tem que parar de MENTIR. Não há plano de fim de produção do Golf no Brasil, conforme a VW Brasil informou:

      http://www.car.blog.br/2017/07/nao-ha-planos-de-interrupcao-de.html

      Segundo, até minha vó, que não acessa blog nenhum de carro, sabe que o que falta ao Golf é um câmbio automático na versão 1.0 TSI, e isso chega logo, antes do Polo.

      Terceiro. Polo e Golf conviveram no Brasil por mais de 10 anos e na Europa convivem há mais de 40 anos. E nenhum interfere no mercado do outro.

      O Golf já vendeu mais de 40 milhões de unidades no mundo, e o Polo 14 milhões.

      Por mais que o Polo seja um baixa carro, ele não é um Golf.

      A começar do tamanho. O Golf tem 8 cm a mais de entre-eixos, tem 22 cm a mais de comprimento, tem um design característico e com identidade. Tem porta-malas maior. É mais refinado constritivamente, vem com 7 airbags em todas as versões, sensores de estacionamento dianteiros e trasriros em todas as versões.

      O Golf tem buchas hidráulicas de suspensão.

      Esse Polo é show, é. Disparado o melhor do segmento. Nem dá para comparar com outros.

      Mas ele não chega no Golf.

      Agora, deixa de ser mané. Se vc quer um Golf, trabalhe mais. Ficar destilando ranço contra o carro que vc tanto quer e não pode comprar na Internet não resolve nada.

      Deseje menos, ou trabalhe mais.

      Excluir
  38. O nosso "Gti" 200 tsi, na europa 200 CV. Igual....

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.