Car.blog.br

Pesquisar este blog

Ford Ka 1.5 com câmbio Automático chega em 2018

Categorias: , , 51 Comentários

A Ford do Brasil prepara uma versão topo de linha do Ka, equipada com o novo motor Dragon 1.5 e transmissão automática.

Ford Ka Automático

O Ka, que é atualmente o terceiro carro mais vendido do Brasil, disputa o segmento de hatchs compactos com Onix e HB20, ambos com opção de transmissão automática.

Ford Ka Automático

Dessa forma, a Ford já trabalha no desenvolvimento de uma configuração do Ka, provavelmente Titanium, com a mesma transmissão automática de seis marchas e conversor de torque aplicada ao Novo EcoSport 2018.

Ford Ka Automático

A novidade deve chegar em 2018, já como linha 2018, vindo com a provável versão brasileira do motor Dragon 1.5 de três cilindros e 137 cavalos apresentado no EcoSport. Esse motor é atualmente da Índia, mas em breve será fabricado em Taubaté (SP) nos próximos meses.

Ford Ka Automático

Além do Ka, o powertrain do EcoSport será aplicado também ao Novo Fiesta 2018, que receberá um facelift - distanciando-se, assim, do modelo europeu totalmente reformulado.

Ford Ka Automático

Esse Novo Fiesta chega até o final do ano ao país, trazendo o novo sistema de infotaniment SYNC3.

Fonte: G1

51 comentários:

  1. Ótimo, agora só falta uma central multimídia pra igualar com a concorrência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas já está anos à frente da família Gol e Fox!

      Excluir
    2. "carros4carlos" kkkkkkk.
      Tem o "carlos4mitos" e agora mais outro alter ego da Carlota!!!
      Os caras querem zuar e só dão moral pro mestre das orelhadas! Kkkkk

      Excluir
  2. Esse carro já envelheceu esteticamente , a versão é horrorosa , o painel desse carro é ridículo, enfim não vale a pena em nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me refiro a versão sedam , tem uma traseira horrorosa

      Excluir
    2. O sedan realmente é horrível.

      Excluir
    3. A Ford é meio conservadora nesses sedans pequenos e eu não entendo por que...

      Excluir
  3. Vai ser uma boa opção para quem quer um carro automático para andar no trânsito das grandes cidades.

    ResponderExcluir
  4. Se na reestilização colocar uma central e alguns itens, somado ao câmbio automático pode dar trabalho pro HB20 brigando pela vice liderança

    ResponderExcluir
  5. Carlos4Sharp, você é que entendido de Volkswagen:

    Não era pra sair o Fox 1.6 16v com câmbio Tiptronic?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, está preparando, mas acho que não ficou pronto ainda.

      Excluir
  6. Vai brigar pela segunda posição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc está torcendo por isso? O que ganha com isso? Não me diga que nada...

      Excluir
    2. Talvez menos que tu, que baba ovo de uma, avacalha as outras e faz previsões furadas, não me diga que nada...

      Excluir
  7. Fiesta reestilizado e Ford Ka vão receber o câmbio automático 6F15, usado no novo Ecosport 1.5.
    Já o novo Focus vai receber o câmbio automático 6F35, usado no novo Ecosport 2.0 de 176 cavalos.

    ResponderExcluir
  8. O fiesta com Câmbio automático e central multimídia vai ficará show.

    ResponderExcluir
  9. O cambio autonatico e Aisin o e Ford?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Pelo que eu sei tiraram o powershift do EcoSport e colocaram aisin. E vão fazer o mesmo no fiesta.

      Excluir
    3. O câmbio do Ecosport 1.5 que irá pro Ka e pro Fiesta reestilizado é o 6F15, da própria Ford.
      Já o câmbio do Ecosport 2.0 que irá pro novo Focus é o 6F35, o mesmo que equipa o Fusion.

      Excluir
  10. Finalmente a Ford tirando esse powershift, voltará a vender bastante, possui bons carros, torço muito pra concorrência aumentar e os preços diminuírem, pelo menos sonhar por enquanto ta de graça.

    ResponderExcluir
  11. Carlota tá triste com essa notícia... enquanto isso Família peba da VW (Gol, Up! Fox, Polo e Golf 1.0 não passa de 125 cv, vem Ford Ka com 137, motor 1.5 Dragon 3C e câmbio AUTOMÁTICO de verdade, fora o baile com Fiesta, Focus, Fusion... O choro é livre.

    ResponderExcluir
  12. Focus titanium 1.6 ecoobost + Aisin 6 ... não teria para a concorrencia

    ResponderExcluir
  13. Se a volkswagen e a Fiat acabasse com esses câmbios automatizado, e colocasse um câmbio automático de vdd iria vender mais, isso é se no aumentasse tanto o preço

    ResponderExcluir
  14. Se a volkswagen e a Fiat acabasse com esses câmbios automatizado, e colocasse um câmbio automático de vdd iria vender mais, isso é se no aumentasse tanto o preço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A VW sabe disso. Tenha certeza. Tanto que está preparando o Polo com câmbio automático. Nada de I-Motion (que, apesar dos pesares, é um bom automatizado ASG, mas o consumidor o rejeita).

      Excluir
    2. ja que é tão bom , compra um e depois seja feliz ao tentar vender seu automatizado!!! é tão bom que nem é aceito nas concessionárias na troca!

      Excluir
    3. O i_motion é um câmbio confiável, bem mais confiável que o Powershit, esse sim uma caixa que teve que ser retirada de linha de tão ruim que é.

      Excluir
    4. Essa história me lembra muito o que a VW fez com o DSG7 do Golf. Tirou do mercado com 2 anos de uso, deixando os donos com a bomba na mão. Além do fato de que os reparos na mecatrônica ultrapassavam os 20mil reais.

      Se lembra disso, carlota?

      Excluir
    5. Muito pelo contrário. Vc viu algum dono de carro com DSG-7 na mão? Nada. Zero.
      Foram algums poucos problemas (infinitamente menores em número que o Powershift), e a VW e a Audi trocam todas as peças sem custo algum, zero, mesmo em carros fora da garantia.

      A VW não deixou nenhum consumidor na mão. Zero. Os poucos que tiveram problemas, todos tiveram seus casos resolvidos prontamente. Inclusive todos elogiam muito as concessionárias, e dizem que o carro ficou muito melhor depois que a VW ajusta o DSG-7.

      E mais ainda, esse preço de R$ 20 mil é uma ficção. Apenas um valor de nota, que não serve para nada.

      Um cãmbio DSG-7 inteiro novo custa menos de R$ 7 mil reais nas concessionárias. ENtão o sujeito que repete essa papagaiada de R$ 20 mil não passa de um idiota, que não sabe pensar, e sai repetindo baboseira que outros idiotas repetiram.

      Agora, quem deixa consumidor na mão é a Ford, que TODOS os câmbios Powershift dão problemas. TODOS.

      Inclusive a Ford está desovando todos os Powershift aqui na bananalândia, pois na gordolândia o câmbio foi extinto, e na fumolândia idem,

      Excluir
    6. RASJ, vamos escapar um pouco desse boato que a web tentou espalhar, mas a realidade não deixa. Essa história do 20 mil de custo de reparo é de uma matéria que eu já vi em 2014... Vasculha o google aí que você não vai encontrar uma segunda pessoa reclamando do mesmo... Se achar, ainda será uma jornada para encontrar a terceira... Enfim, é lógico que tudo o que é mecânico é falível, mas, na prática mesmo, o câmbio DSG-7 é uma solução não apenas confiável, como premiada. É claramente superior a câmbios com conversor de torque, pois não traz perda de desempenho e ainda favorece o consumo. Acredite cara, essa é a realidade.

      Outra realidade é que tanto para o Brasil como para os EUA a VW não optou por investir em um câmbio DSG, pois as vendas do Golf não a motivou. Repare que o Golf vendido para os EUA sempre foi inferior ao oferecido na Europa.

      O câmbio é ótimo, a incidência de problemas foi ínfima e pena que o Brasil não tem em 2017 um produto tão equipado e a preço de mercado quanto tinha em 2014.

      Excluir
    7. De fato esse mimimi de 20 mil é bobagem. Tem que ser muito idiota para sair repetindo. O mané que repete isso não sabe para que serve uma Nota Fiscal de serviço.

      E tem que ser mais idiota ainda para acreditar que o suposto conserto de um DSG-7 custaria 20 mil reais, se o próprio câmbio inteiro custa menos de R$ 7 mil reais.

      Então, se cobrasse R$ 20 mil, o sujeito teria que ser ainda mais idiota que os idiotas que repetem que um conserto de DSG custa 20 mil, já que pagaria 20k para consertar, e poderia ter um 0KM por menos de R$ 7 mil. É ou não idiota?

      Mas, enfim, vamos deixar os idiotas de lado, e vamos aos fatos.

      O DSG-7 dizem que é mais eficiente, né? SQN.

      Golf nacional com câmbio tiptronic foi mais rápido e mais econômico:

      http://www.car.blog.br/2016/01/golf-14-tsi-flex-automatico-2016.html

      Fatos, apenas fatos.



      Excluir
    8. Concordo com o Carlos que todos os PowerShit dão problema: tem 1.831 reclamações do PowerShit no Reclame Aqui, um assombro. Isso sem falar das petições públicas, canais diretos, MP investigando, PROCON de SP e de MG exigindo respostas da Ford, audiências públicas, ações coletivas...
      PowerShit virou mico no mercado de usados, invendável.

      Excluir
    9. http://www.peticaopublica.com.br/viewsignatures.aspx?pi=P2013N44036

      Abaixo assinado com 4.000 proprietários com problemas no PowerShit.

      Excluir
    10. Observando alguns mitos do DSG7, vou contar aqui minha experiência com esse câmbio, tenho um Golf CL 2015 mexicano DSG7. Carro foda, minha paixão. Até 30000km só se ouvia o barulho tradicional de chocalho com vidro aberto e passando perto de muros. Como não ando com vidro aberto, pra ouvir, tinha que procurar o barulho.
      Após 30000 começou a aparecer um barulho diferente na troca de 3a pra 4a. Levei na concessionária sem agendar o serviço. Um mecânico entrou no carro comigo e demos uma volta, paramos em uma rampa e observamos o novo barulho. Ele me disse que o problema é na dupla-embreagem, que seria trocada é que eu ficasse tranquilo que o barulho não evolui para quebra. Agendarmos o serviço com o consultor para 10 dias úteis depois que era o tempo de chegar a peça da fábrica continuei rodando normalmente ouvindo o barulho. Levei o carro o no dia marcado, ficou de um dia pro outro na css, e quando voltei pra buscar, haviam trocado o câmbio inteiro. Novinho, 0 bala.
      Desde então 5000km se passaram e problema zero de novo com o câmbio. Até o barulho de chocalho não escuto, tem que ficar caçando o barulho pra ouvir.
      É um câmbio nota dez! E a VW me deu garantia extensiva desse câmbio. Mesmo após completar 3 anos de carro ano que vem, terei mais 3 anos de garantia do câmbio. Trocar de carro? Nem pensar! Pelo valor que paguei nesse Golf em 2015 não pago nada nem parecido hoje!

      Excluir
    11. Primeiro ponto: os 20 mil de custo não foram tirados de nenhuma reportagem ou matéria de internet. Um dos meus melhores amigos tinha um Golf 2013/2014 que foi trocado esse ano. No ano passado eu fui com ele na concessionária efetuar o reparo que, segundo a Recreio BH, foi na mecatrônica do câmbio. Não me perguntem o que isso significa, pois eu não sei. O reparo foi feito em garantia e eu vi a nota fiscal do que foi trocado. O valor, sem mão de obra, ficava próximo de 15mil reais. Eu vi. Não li, ninguém me contou, eu vi a nota. Então menos acusações sem embasamento porque eu tenho mais o que fazer do que vir aqui inventar história.

      Segundo ponto: Basta entrar no grupo do Focus para ver que os câmbios que deram problema são minoria. É fato que é um número muito maior do que o aceitável, mas é minoria. E falar que foram todos é, de fato, um comentário digno do Carlos: sem fundamento, sem credibilidade e completamente enviesado e pensado para favorecer a Vw em detrimento de qualquer outra marca. Simplesmente ignoro

      Terceiro Ponto: Realmente o DSG7 é um excelente câmbio. Mas robustez não é e nunca foi o forte desse câmbio. Tanto é que a VW o substituiu com menos de 2 anos de mercado. Lá fora passou a usar um DSG com caixa molhada e aqui empurraram o jurássico Tiptronic da década de 90. Então, defendam o que quiserem, gostem do que quiserem, não é do meu interesse mudar a opinião de ninguém. Mas fatos são fatos e esses eu sempre mostrarei aqui ou em qualquer outro lugar. Não me venham com papinho de que o reparo do DSG é barato, ou que o câmbio é robusto, ou que só Powershift tem problema. O problema de vocês fanboys da VW é que vocês perdem a credibilidade por causa da cegueira. Todas as marcas tem problemas e com a VW não é diferente.

      Pedro Abdalla, apenas esclarecendo, meu comentário não se refere ao seu relato. Conheço outros donos de Golf com DSG que também adoram o carro, que de fato é muito bom. Minha resposta é aos fanáticos aí em cima.

      Excluir
    12. RASJ, por que a Ford está tirando o powershift dos seus modelos?

      Excluir
    13. X1, pelo mesmo motivo que a VW tirou o DSG7 com caixa seca: falta de robustez.

      Excluir
    14. Tranquilo RASJ, é verdade mesmo o que você disse! E a nota fiscal da troca do meu câmbio, feita pela garantia, teve como valor final 20mil reais, incluindo serviço.

      Excluir
    15. Já teve muita orelhada neste post, então vamos aos fatos.

      Primeiro, querer dizer que o Powershift é igual ao DSG-7 é mentira pura.

      O DSG-7 seco (que não é usado mais no Golf desde 2016) teve problemas em 17% dos casos. E TODOS os casos que deu problema, a VW PRONTAMENTE substituiu a mecatrônica, e em TODOS os casos que a mecatrônica foi substituída, o problema JAMAIS Volta a ocorrer. ZERO.

      Então, o DSG-7 não tem um problema crônico. Ele teve problemas em algumas mecatrônicas, 17% dos casos vendidos no Brasil (que é sim um número altíssimo, pois o câmbio automático do Golf nacional dá ZERO Problema, isso mesm, ZERO ocorrências), mas a VW SOLUCIONA TODOS os problemas. TODOS, dentro e fora da garantia e sem custo algum para os consumidores. Essa NF de 20k que eles fazem é apenas uma nf de serviço, sem efeitos financeiros. Uma caixa DSG-7 zero custa menos de R$ 7 mil reais.

      Então, temos que, o DSG-7, em alguns casos dá problema, a VW sabe a solução, que é a troca da mecatrônica, e, em alguns casos, das embreagens, e pronto. Problema resolvido que jamais volta a ocorrer (tem vários casos de carros com mais de 150.000 km com mecatrônica substituída e nada de dar problemas mais).

      E mais ainda. O DSG-7 continua a ser fabricado e oferecido na Europa.]

      Agora, vamos ver o Powershift. Problemas em 100% dos casos. 100%. Todos os Focus, Fiesta e EcoSport com esse câmbio tem problemas. TODOS trepidam. E grande parte trava.

      Mas o pior de tudo é que a FORD não tem solução para ele. Ela troca embreagens, e depois nde 5.000 km o problema volta. as reclamações são constantes. Há casos em que foram trocadas mais de 5 vezes o câmbio, e continua a dar problemas.

      O Powershift é um problema crônico, sem soluçaõ. Hà apenas medidas paliativas, que amenizam as trepidações, mas depois de um tempo volta, e em muitos casos o câmbio trava por superaquecimento.

      Então, o Powershift dá problema em 100% dos casos, e a Ford não tem solução. Pois mesmo depois de trocas de todo o câmbio, volta a dar problemas.

      O Powershift tanto é ruim, que já foi extinto nos EUA e na Europa. EXTINTO.

      Então, vemos que são situações bem diferentes.

      DSG: problema pontual em algumas caixas, e que tem solução definitiva. 1 vez trocada a mecatrônica, jamais volta a dar problema de novo. E o DSG continua firme e forte na Europa.

      Powershift: problema crônico em todas as caixas, e que não tem solução. Há casos de mais de 5 trocas de câmbio e o problema sempre volta a ocorrer. E o Powershift foi extinto na Europa e nos EUA.

      E vemos também a diferença de postura das duas empresas. VW logo identificou que o DSG-7 dava índice de problemas muito alto no Brasil, então quando nacionalizou o Golf, em 2016, trocou o DSG-7 por um câmbio Automático AISIN, que está com indicador de problemas ZERO. ZERO Problemas, ZERO reclamações. E 100% dos proprietários satisfeitos.

      Enquanto isso, a Ford continua a oferecer o Focus com câmbio Powershift e Fiesta idem.

      Já a VW não tem mais o DSG-7 em seus carros no Brasil desde o começo de 2016, já que os Golf de 2016 em diante usam a caixa AISIN de 6 marchas que tem ZERO problemas desde então.

      Portanto, bem diferente DSG x Powershift.

      Excluir
    16. Beleza, Carlota,

      Continue acreditando nisso. Não vou tentar te convencer não. Vou ali conversar com uma porta que é mais produtivo. Abraço

      Excluir
  15. Lentidão de chinesa é aceitável... Mas a demora de VW e Fiat em câmbio AT e central com espelhamento é mico. A Fiat ainda colocou uma versão automatizada do Argo para brigar com Ônix e HB20 AT6 !!!??? Por mais que tenha funções semelhantes como a de aceleração automática para manobras e redução automática para ultrapassagens, ainda é inferior. Já a VW nem merece comentários, pois nem isso o imotion tem. Puxa, se uma GM fez isso há mais de um ano atrás, a VW deveria ter feito há pelo menos 2. Minaram o público dessa categoria e agora vão ter que correr atrás. Mas pelo menos não se queimaram como a Ford... Vamos ver agora se esse câmbio AT dá Ford reescreve essa história.

    ResponderExcluir
  16. Se mesmo tendo apenas versões manuais e sem multimídia, esse carro já vende, em média, 6.500 unidades mensais, acredito que com pouco o Ká consegue colar no Hb20 e até mesmo ultrapassá-lo.

    Um bom câmbio AT6, inclusão do SYNC3 nas versões de topo e um facelift bem leve já garantiria pelo menos umas 1.000-1.500 unidades mensais extras, acredito eu.

    Bela jogada da Ford, pena que demorou a fazê-la, mas antes tarde do que nunca.

    ResponderExcluir
  17. era o que faltava para matar o fiesta de vez....

    ResponderExcluir
  18. Cluster do velocimento ainda tem os desalinhamentos.... meu deus! é muito amadorismo montar um carro assim.....

    ResponderExcluir
  19. Nesse ponto o etios aut manda lembranças há algum tempo já! Mesmo com apenas 4 marchas tem um câmbio com funcionamento perfeito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa outra porcaria feita para país emergente.
      para quem gosta de carros, ele é um lixo!
      agora para quem atura qquer coisa.... parabéns, vc tem o pós venda toyota!!!!!

      Excluir
    2. gostei muito do carro ja tive enformasaõ dele so ke eu keria faser um testi nele d eum dia dois dia praver ae conomia cipoder mada vi eu keru

      Excluir
  20. A ford com novos motores e sem o Powershift está novamente ficando competitiva
    isso é bom ganha ela ganha os consumidores, o ka com o Dragon de 137cv será um canhão.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.