Car.blog.br

Pesquisar este blog

Vídeo - Test-Drive noturno com o Passat Highline usado

Categorias: , , 27 Comentários

O Volkswagen Passat, sedã topo de linha da marca no Brasil, é vendido na linha 2017 apenas na versão Highline. A versão Comfortline, apesar de constar do site da marca, não é mais oferecida. Neste mostramos imagens e vídeo de um Passat Highline 2017 usado, com 15.000 km rodados, à noite.

VW Passat Highline 2017

O vídeo a seguir mostra os detalhes dos sistemas de iluminação e também do interior do modelo.



Desvalorização

O modelo que é exibido neste vídeo é um exemplar 2017, da versão Highline e mais o teto-solar panorâmico. Esse modelo tem preço sugerido de R$ 183.232 reais, mas sabemos que concessionárias, como a VW 12 Motors de Brasília, telefone (61) 3329-9999, vendem o carro com descontos.


Um modelo 2017 usado, como o das imagens, tem preço FIPE de R$ 150.563 reais, enquanto um 2016 ficaria em R$ 134.156 reais. Levando-se em consideração o modelo básico - sem teto solar, de R$ 177.432 reais, esses números encerram uma desvalorização de 15% para o 2017, e de 24,4% para o 2016.

VW Passat Highline 2017

O modelo mostrado nas imagens, apesar de estar com quase 16.000 km, apresenta-se como um carro 0KM. Não identificamos qualquer ruído de peças soltas, o revestimento em couro dos bancos está com novo, e todo o comportamento do carro é de 0KM, o que não deixa de ser uma surpresa para um carro que já andou na mão de muita gente, e em múltiplos lugares do Brasil. Ademais, para um carro desenhado para rodar na Alemanha, a situação do carro atual indica um bom processo de tropicalização.

VW Passat Highline 2017

O Passat é um sedã de 4,767 metros de comprimento, e distância entre eixos de 2,791 metros. Dimensões bem maiores que a do Golf, modelo com o qual compartilha a plataforma MQB, e que, por conta disso, guarda grandes similaridades em termos de comportamento de suspensão - firme, até mesmo no modo "Comfort" de condução - performance e até de ergonomia. O entre-eixos maior o torna ainda mais estável em curvas de raio longo.

VW Passat Highline 2017

O motor 2.0 TSI de 220 cv associado com a transmissão DSG de 6 marchas é o mesmo do Golf GTI, e produz resultados quase tão excepcionais: 0 a 100 km/h em 6,7 segundos, e máxima de 246 km/h. Esta versão vem de série com o ACC - Piloto Automático Adaptativo - e com o Front Assist - Frenagem autônoma de emergência em cidade. Os dois recursos são muito úteis, sobretudo em trânsito urbano, mas é necessário manter a atenção à via. Nesta linha 2017 o Passat perdeu o Active Lane Assist, o qual mantinha o carro em faixa de forma autônoma, então não dá mais para ligar o ACC e tirar as mãos do volante para deixar o carro andar sozinho. O modelo perdeu também o Park Assist, assistente de estacionamento.

VW Passat Highline 2017 - interior - painel

De qualquer forma, ele ainda é um carro muito completo, sobretudo se compará-lo com modelos como BMW Série 3, Audi A4 e Mercedes-Benz Classe C, os quais não oferecem nem como opcionais sistemas como ACC e Front Assist.

VW Passat Highline 2017 - interior

E tampouco o painel totalmente digital do Passat, o Active Display - que dá ao carro um aspecto muito high-tech especialmente à noite.

Conclusão

VW Passat Highline 2017

O Passat Highline chega ao Brasil importado da Alemanha à conta gotas. Neste ano foram vendidas 101 exemplares do carro, e há casos de concessionárias com encomendas de consumidores. Apesar da estética sóbria, é um carro que chama muito a atenção nas ruas, por conta das dimensões avantajadas e do sistema de iluminação diurno e noturno por LED.

Postagens relacionadas:

27 comentários:

  1. Realmente muito bonito mesmo, e parece que o Seminovo vale bem mais a pena que um Fusion 0km, ja em relação a 0km nesse valor ja optaria pelo audi A4

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas o A4 seminovo também não perde valor?

      Excluir
    2. Tá falando merda...digo relinchando sobre o ford

      Excluir
  2. Show de bola este carro e muita tecnologia. Uma pena que A taxa de importação acaba elevando muito o valor . Parabéns Passat

    ResponderExcluir
  3. Carro utilizado em viagens pelo país. No ano de 2009 compramos um Honda Fit no qual viajamos o país inteiro, depois repassamos o carro, acredito que isso tenha ocorrido com este Passat, sai muito mais barato do que alugar um veículo, perde-se pouco quando o valor é dividido por mais de uma pessoa.

    ResponderExcluir
  4. E esse reloginho no painel? Se fosse num Toyota iria chover críticas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Relógio analógico. Também presente nos Rolls Royce, Bentley e Lexus.

      Transmite algum requinte, diferente do relógio de calculadora do Corolla.

      Excluir
    2. tal e qual! esse reloginho transmite classe... já aquele do Corolla lembra um reloginho que existia no Ford Del Rey... aff...

      Excluir
  5. Carro excepcional,pena quê está flopado no mercado,carro com capacidade pra deixar os concorrentes na lama,pena quê não é valorizado !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que é valorizado, passa ums meses ele sofre uma valorização/ variação positiva de preços kkkkkkkkkk

      Excluir
    2. Flopou por conta dos aumentos e de esbarrar bem encima dos carros da Audi, e posso até apostar que o Audi A4 vendeu bem mais que essas 101 unidades do Passat.

      Excluir
  6. Esse sim é um carro extremamente bonito. Aliás, é o único carro bonito da VW. Ao meu ver, neste quesito (beleza), supera A4, série 3, classe c, qq Toyota, qq ford, qq fiat, qq chevrolet e etc.

    ResponderExcluir
  7. Pra manter esse carro é preciso ter bala na agulha. Imagina o IPVA + seguro + manutenção...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como qualquer carro nessa faixa de preço, mas ainda acho que deve ter um custo mais baixo que um Audi A4, por exemplo.

      Excluir
  8. Desprezado pelo mercado. Um crime.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Europa tem o Passat tsi 1.4 que podia vir pra cá

      Excluir
    2. Sei náo, acho que a briga interna seria muito grande com Jetta e a VW, ao que parece não quer isso...

      Excluir
    3. A briga seria com versões mais baratas do Fusion e podia vir o Passat GTE pra peitar o Fusion Híbrido.

      Excluir
  9. Ainda a compraria um fusion , mas pelo preço (sai com bom troco no bolso) e mercado ,! Mas tenho certeza q a qualidade desse carro é superior em td !

    ResponderExcluir
  10. Esse papo de "seminovo"é apenas marketing. Pq simplesmente não existe. O carro é 0km ou usado. Simples.

    ResponderExcluir
  11. Pelo preço pedido vai mesmo mofar na concessionária.
    Os concorrentes estão mais interessantes, principalmente o Fusion.
    Não deixa de ser um excelente veículo, mas ainda não dá para considerá-lo uma compra certa.

    ResponderExcluir
  12. O que o relógio transmite dependa da marca onde é colocado.
    Pode ser luxo ou requinte para algumas ou apenas "pobreza" ou "anos 80" para outras.

    ResponderExcluir
  13. Ontem (05/04/2017) vim um igual a esse na Marginal Pinheiros (São Paulo/SP) e por obra do destina, havia um Fusion ao lado...
    É IMPRESSIONANTE como a VW caprichou nesse carro. Ficou lino, apesar de você saber que os elementos de design da montadora estão lá (e ficaram muito bons...)
    Dessa vez ouso dizer que ficou mais bonito que o Fusion, apesar de este também ser muito bonito...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Fusion tirando a traseira e o interior é mais feio que a Dercy Gonçalves

      Excluir
  14. Cheio de Luzinhas no painel e console.
    Deve ser para a vw mostrar sua tecnologia

    ResponderExcluir
  15. So nao curto o show de pirotecnia no painel. Pisca-pisca...no mais...bom conjunto motriz.(ironic imbecil mod on)

    Sobrio para o segmento executivo. Mas longe de ser o hi-end que deseja.

    Pena se passar na rua como jetta. Eu mesmo ja ouvi...um branco com rodas 20 do azera...e quando passou as pessoas falram que rodas linda desse jetta. Ai mata tudo. 180k vou de Mecca usada Top.

    ResponderExcluir
  16. So nao curto o show de pirotecnia no painel. Pisca-pisca...no mais...bom conjunto motriz.(ironic imbecil mod on)

    Sobrio para o segmento executivo. Mas longe de ser o hi-end que deseja.

    Pena se passar na rua como jetta. Eu mesmo ja ouvi...um branco com rodas 20 do azera...e quando passou as pessoas falram que rodas linda desse jetta. Ai mata tudo. 180k vou de Mecca usada Top.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.