Car.blog.br

Pesquisar este blog

Toyota comemora venda global de 10 milhões de híbridos

Categorias: , , 19 Comentários

A montadora de automóveis japonesa Toyota, atualmente a segunda maior do mundo, atrás da líder Volkswagen, comemora a marca de 10 milhões de veículos híbridos vendidos no mundo.

Toyota Prius 2017

Deste total a família Prius tem participação majoritária de 60%, com 6,1 milhões de unidades comercializadas.


Toyota Prius 2017

O Toyota Prius, lançado em 1997 é o primeiro híbrido produzido em massa no mundo, e recebeu uma nova geração em 2015, inaugurando a uma nova plataforma modular, que será a base do novo Corolla, em 2019.

Toyota Prius 2017

O novo Prius foi lançado no Brasil em 2016, e tem preço sugerido de R$ 126 mil reais.

19 comentários:

  1. Apenas 18 km/l de media?? Up! TSI e o motor PSA 1.2 puretech fazem isso, sem cobrar estratosféricos R$126 mil!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desde que fossem igualmente refinados e tecnológicos seus argumentos seriam válidos.

      No mais, Up! e 208 são carroças de entrada ...

      Excluir
    2. O prius precisa de uma trapizonga tecnológica, motor híbrido, não sei quantas bugigangas para dar infinitos problemas no futuro para conseguir o mesmo consumo que um motor a combustão interna da VW faz.
      Isso só mostra o quão atrás está a engenharia da Toyota perante a VW. A Toyota precisa de um motor híbrido para conseguir o mesmo nível de consumo de um motor a combustão alemão.
      o que mostra que japonês sabe fazer sushi e yakisoba..carros? Deixa para a Alemanha.

      Excluir
    3. mas isso ele faz na cidade, o up não dá 18km/l na cidade, e no mais ele é maior, mais pesado e etc.

      Excluir
    4. Ou seja, de achismo em achismo se caminha a humanidade.
      Bastante interessante é achar que o mesmo público do Up! seja o mesmo público do Prius.
      As diferenciações começam já em termos de valores.
      Quem compra um Prius nunca cogitou um carrinho de entrada como o Up!. Conforto, maciez, tecnologia, Prius deixa o VAGuizinho aí no chinelo ...

      Excluir
    5. La vem o fanboy da VW ....mas uma vez ele nao tem dinheiro pra comprar um desses ....

      Excluir
  2. Up e abasteci hoje com gasolina Grid, 526,8 km e foi 45,32 litros e fez a média de 11,62 km/litro
    só andando na cidade, que o transito não flui bem , na estrada ja cheguei na média 15 a 16 km/litro mas andando tranquilo
    a realidade é diferente dos que os sites e revistas falam
    a média é feita num modelo de ensaio

    ResponderExcluir
  3. Que carro de design horroroso! Tremendo mau gosto!

    ResponderExcluir
  4. Os carros da Toyota podem ate ser Indestrutíveis feitos de Adamantium, Mais o Design precisam de uma reformulação urgente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Toyota tá mal mesmo em design. A Nissan é a campeã no quesito aberrações, esse Kicks é horrendo.
      Mas a Honda com o novo Civic é a atual campeã de lixão de design.
      O design do Civic 10 está envelhecendo na velocidade da luz. Horrível o carro. Tudo recortado, cheio de vincos..um horror.

      Excluir
  5. Depois de um tempo, todo o dinheiro economizado em combustível vai ser gasto na compra de uma nova bateria (+ ou - R$ 10.000,00), a unica vantagem e não poluir na "teoria" porque bateria não da em arvores....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não poluir??
      E qual será o destino dessa montanha de enormes baterias que serão descartadas.

      Excluir
  6. Ai você lê os comentários, e neles que o Prius é cheio de frescuras, que darão problema no futuro.
    Ai eu pergunto para você leitor, e quem comprou golf dsg7?
    Como vai ficar no futuro?
    Entrem no golf club no facebook, toda a semana um novo caso de alguém com problema no dsg, já chegou a ter semanas com mais de 10 golfs com problema no dsg7. Ai preciso ouvir que carro da Toyota vai dar problema, me poupe ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há sim alguns poucos problemas com o câmbio DSG-7 do Golf e o S-tronic 7 marchas dos Golf/A3 2013/2014, mas esses poucos casos são prontamente resolvidos pelas concessionárias VW/Audi com troca de mecatrônica, e substituição do óleo mineral por sintético, e jamais os carros voltam a dar problemas.
      E os únicos e poucos câmbios DSG que deram problemas são unidades 7 marchas secas. Todos os DSG-6 de Jetta e Golf GTI não tem relato algum de problemas. ZERO. os DSG-6 são banhados a óleo.


      Detalhe: a VW/Audi faz a troca imediata da mecatrônica desses carros sem qualquer ônus ao consumidor, mesmo que o carro esteja fora da garantia.
      E todos os proprietários que tiveram suas mecatrônicas substituídas, jamais voltam a relatar problemas.
      Isso mostra que é um problema pontual com algumas unidades 2013/2014.

      De qualquer forma, a VW do brasil substituiu a transmissão DSG pelo AISIN de 6 marchas no Golf nacional desde 2015, e esse novo cãmbio do Golf é o melhor câmbio de seis marchas do mundo e ainda por cima suave e silencioso.

      Agora, vamos ver o que a Ford faz com o Powershift. Simplesmente TODOS os carros da Ford com câmbio Powershift dão problemas. Quem reclama algumas vezes tem embreagens trocadas, um, duas, três, quatro vezes e o problema sempre volta.

      Tem até uma petição pública com mais de 3.000 proprietários relatando o problema, e nada da Ford resolver.

      http://www.peticaopublica.com.br/viewsignatures.aspx?pi=P2013N44036

      A Ford, inclusive, nos EUA e Europa já tirou essa transmissão de linha, substituindo por um câmbio de seis marchas, e continua a oferecer esse cãmbio no Brasil, e ainda por cima tiraram o emblema "Powershift" nos modelos 2016, pois sabem que esse câmbio tá queimado.

      Então, vemos ai a diferença entre uma empresa que respeita o consumidor (VW), que soluciona os poucos problemas na velocidade da luz, e a Ford, que empurra o problema com a barriga. E a Toyota usando tecnologia do século XIX, pois se avançar um pouco não consegue.

      Toyota e Ford? Que piada!

      Excluir
  7. Tenho um Jetta 1.4 2016.
    O carro é simplesmente liso, hoje c 10.000km (70% só estrada).
    Vc encosta o pé e vem a patada.
    A cada viagem q faço sempre estou conferindo as médias, e acreditem se quiserem, más é o fato, Rodando a 120km/h ele faz míseros 18.7km/l. Inclusive já tirei várias fotos do painel que comprovam o feito.
    Não tenho nada que reclamar do carro, só elogios.

    * Motor TSI não é híbrido.

    ResponderExcluir
  8. Volkswagen: você conhece, você confia.

    ResponderExcluir
  9. Carlos, como você pode dizer que a Toyota e os japoneses são atrasados, se até a própria VW passou a usar câmbio AISIN no lugar do DSG????

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.