Car.blog.br

Pesquisar este blog

Hyundai Elantra GT Hatch 2018: o i30 chega aos EUA - vídeo

Categorias: , , 32 Comentários

A Hyundai Motor lança nos EUA o novo Elantra GT 2018, que é basicamente a versão norte-americana do novo i30 – hatch médio que já tinha sido lançado na Europa em 2016. Nesta versão americana, há algumas alterações mecânicas e de itens de conveniência. Nessa linha 2018 o Elantra GT adota uma estética mais agressiva, maior espaço interno e dinâmica de condução europeia.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

O modelo chega aos concessionários dos EUA no meio do ano (verão norte-americano) em duas versões: GT e GT Sport. O vídeo a seguir mostra os detalhes.



O modelo GT (exemplar vermelho das fotos) adota o motor 2.0 aspirado, com 162 cavalos, que pode estar associado com transmissão manual ou automática de conversor de torque de seis marchas. Já o Elantra GT Sport é equipado com o motor 1.6 Turbo, o mesmo do Elantra Sport Sedan, com 201 cavalos e 26,9 Kgfm de torque.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Esse motor também pode estar associado com uma transmissão manual de seis marchas, ou uma automática de dupla embreagem de sete velocidades.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Em termos estéticos, o Elantra GT tem como destaque uma carroceria mais baixa, larga e consequentemente uma postura mais esportiva.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

O modelo tem uma estética tipicamente europeia, e traz também de série sistema de posicionamento diurno em LED, sistema multimídia compatível com Apple CarPlay e Android Auto.

Hyundai i30 2018

Há ainda ar-condicionado com duas zonas de climatização, faróis com facho alto e baixo de LED, carga de smartphone sem fio, entre outros itens.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30 - interior

A estética do novo i30 adota linhas mais limpas e a Hyundai chama a atenção para a nova grade dianteira, que será padrão em novos modelos da marca. A carroceria traz proporções limpas é também mais rígida e aerodinâmica.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Mais da metade da estrutura do carro, 53%, é feita de aço de ultra alta resistência, quase o dobro do uso da geração anterior. O resultado é que este Elantra GT é mais rígido, fonte e leve, com um nível de rigidez torcional 22% maior que o modelo anterior.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

E ainda mais leve, sendo 27 kilos mais leve que o modelo anterior. O coeficiente de penetração aerodinâmica é de 0.30.

Interior

O novo Elantra GT tem uma carroceria que mantém basicamente as mesmas dimensões do modelo anterior, e é similar à dos demais hatchs que concorre, como Golf e Focus. Entretanto, a Hyundai diz que o interior do Elantra é o mais espaçoso da categoria.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30 - interior

O modelo tem 2.732 litros de volume para passageiros, e um compartimento de carga com capacidade de até 707 litros – medidos até o teto. Caso se deite os bancos traseiros, o volume total de carga vai a 1560 litros.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30 - porta-malas

Segundo a Hyundai, esse volume é 4,6% maior que os 1492 litros do Golf, que é o líder do segmento até então. Se comparado ao Focus, que apesar de ser o maior de todos externamente, é o pior do segmento em termos de espaço interno, com volume de 1243 litros, mostrando que o Hyundai tem 25,5% mais espaço.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30 - interior
Hyundai i30 GT - interior (versão de acesso)
O interior da versão GT Sport adota um bancos em couro, pedaleiras de alumínio, e ar-condicionado dual zone, A Hyundai adicionou também recursos de conveniência como o sistema Infinity Premium Audio WiFi, Apple CarPlay™, Android Auto™ e sistema de carga wireless de smartphone.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30
Hyundai i30 GT Sport 1.6 Turbo - interior (versão topo de linha)
O sistema multimídia tem tela de 7 polegadas na versão GT, a qual vem com rodas de 17 polegadas. O modelo GT Sport vem com tela de 8 polegadas.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30
Hyundai i30 GT Sport 1.6 Turbo - interior (versão topo de linha)
Para segurança, O GT conta com piloto automático adaptativo com função stop/start, frenagem automática de emergência com detecção de pedestres.

Novo Hyundai i30 2018 - frenagem autônoma de emergência

Completa a gama de recursos de assistência sistema ativo de manutenção em faixa, monitor de atenção, comutação automática de faróis alto e baixo, detector de ponto cego e alerta de tráfego cruzado.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30
Hyundai i30 GT Sport 1.6 Turbo - interior (versão topo de linha)
O Elantra GT tem também sistema de partida remota com controle do sistema de climatização, que função de descongelamento de para-brisa e dos retrovisores, o qual pode ser acionado por meio de um app de smartphone.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30
Hyundai i30 GT Sport 1.6 Turbo - interior  - espaço traseiro - ersão topo de linha)
Outra novidade é a nova geração de sistema de navegação, que vem com processadores mais potentes e tela de maior expansividade.

Novo Hyundai i30 2018 - sistema de navegação

Esse sistema recebe informações de trânsito e de acidentes via rádio, mediante assinatura.

Dirigibilidade europeia

A Hyundai fez o desenvolvimento essa nova geração do Elantra GT/I30 na Europa, especificamente no circuito de Nürburgring, para dar ao modelo um comportamento dinâmico típico de carro europeu. Na realidade, a Hyundai, como todas as demais marcas, querem dar a seus modelos hatch um comportamento dinâmico parecido com o do Golf, da Volkswagen.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

A Ford tenta isso com o Focus faz 20 anos, mas até agora não conseguiu. E a Hyundai agora entrou na onda também, depois de ter contratado um engenheiro da divisão M da BMW para tornar seus carros mais prazerosos de dirigir. E esse novo i30 é um dos primeiros resultados práticos sobre isso.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

O quão certo deu a estratégia, só se saberá quando colocarem esse novo Elantra na pista junto com o Golf. De qualquer forma, a Hyundai diz que fez um ajuste de suspensão que é confortável, mas minimiza rolagem da carroceria e a maximiza a absorção de impactos.


O modelo de entrada, o GT, com motor de 166 cv, vem com suspensão traseira semiindependente por eixo de torção, que é um esquema mais robusto, confortável e adequado para carros que circulam a até 200 km/h.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Já o modelo GT Sport, com motor de 200 cv, vem com uma suspensão traseira totalmente independente, multilink, que é mais cara, mais susceptível a desalinhamentos em buracos, mas proporciona melhor comportamento em curvas contornadas acima de 200 km/h quando elas têm ondulações.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Então, observa-se que a Hyundai adota uma estratégia correta, que é a de adotar em cada modelo um tipo de suspensão mais adequado. Para os modelos não esportivos, adota-se o eixo de torção, mais robusto, macio e que não deve nada para o multilink em velocidades de até 200 km/h.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Já para o modelo que supera muito essa velocidade, usa-se um esquema mais dispendioso, menos confortável, menos rubusto, mais pesado, mas que proporciona melhor comportamento em curvas com piso ondulado acima de 200 km/h. Em curvas com piso liso, mesmo acima de 200 km/h, não há diferença entre os dois esquemas.

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

Junto com a suspensão multillink, o Elantra GT 1.6 Turbo vem com rodas de 18 polegadas e freios mais potentes tanto na dianteira quanto na traseira.

Conclusão

2018 Hyundai Elantra GT Hatch / i30

O Elantra GT, ou Novo I30, como é conhecido no Brasil, adota uma estética mais conservadora, dinâmica de condução europeia, carroceria mais rígida e motores, especialmente o 1.6 turbo, mais potente.

Postagens relacionadas:

32 comentários:

  1. Lembra muito o BMW Série 1, por dentro e por fora, com mais harmonia, proporcionalidade e beleza do que o BMW Série 1. Parabéns Hyundai!!

    ResponderExcluir
  2. Nossa que enjambre essa tela, realmente não gostei do carro. Se vendem o i30 que não tem nada demais por 85k na republica dos bananas, esse ai custaria 180k ...

    ResponderExcluir
  3. Novo i30, Cruze Sport6 e Corolla iM são os hatches médios mais bonitos à venda no mundo. Parabéns, Hyundai!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentários que se resumem a dizer "bonito", "feio", "mimimi é mais bonito que x"..."mimimi é mais feio que y" são ou de mulher, ou de pessoas de baixo QI.
      As mulheres avaliam carro pelo visual. Só. Se ela olha e acha bonito = carro é bom, se acha feio = carro ruim. Ponto. Elas não conseguem nem dar 1 pio sobre aspectos técnicos.
      Mas as mulheres ok, elas não estão nem aí para carros.
      Já os caras que só conseguem opinar pela estética, são normalmente aqueles que gostam de novelas, Faustão ou BBB. Pode verificar que só conseguem opinião sobre o visual, e exclusivamente em duas palavras: "bonito" ou "feio". O olho vê, e se ele sente tesão no rabo, o sujeito repete: "bonito". Se o rabo não deu tesão, então diz que é "feio".
      É o típico consumidor que não tem cultura alguma, não é capaz nem de saber porque ele acha que é bonito ou feio. Nada. Sua mente limitada é capaz apenas de absorver coisas simples, como propagandas de candidato a político, novelas, faustão e BBB. E ao olhar o carro, comparar assim: "bonito" ou "feio".

      Excluir
    2. Carlos4carros você é retardado só pode kkkkk

      Excluir
    3. Pare de coaxar. Achar carros bonitos é permitido. Enquanto você coaxava, i30, Corolla iM e Cruze Sport6 continuavam carros muito bonitos.

      Excluir
  4. A Hyundai tá totalmente perdida. Viu que o design açucarado e enjoativo e todo rebuscado que vinha usado até então envelhece na velocidade da luz, e está tentando usar linhas menos rebuscadas.

    Mas aí fica evidente a falta de competência. Quem sabe fazer design sóbrio e discreto, e ao mesmo tempo estético, é a VW/Audi.

    A Hyundai não sabe. E a estética desse i30 é ridícula. Não tem outro nome. Não tem identidade alguma, não tem correlação alguma com o i30 atual, não diz nada, não é bonito, nada. Horrível.

    O interior então parece que Hyundai, Kia e Ford estão fazendo a mesma coisa, ou seja, copiando a tela central flutuante no centro do painel, e fazendo um cluster de instrumentos mal copiado dos clusters analógicos da VW.
    E então não tem identidade alguma, não inova em nada.

    E, pior, o que esse carro traz de novo em termos de engenharia, tecnologia ou tecnologia? Responta: NADA.

    Chega em 2017 com um powertrain que o Golf tem desde 2009. Não tem o mesmo nível de segurança do Golf. Não tem os mesmos recursos de tecnologia.

    O Golf 2017 tem condução semi-autônoma em congestionamento, e o I30 se vangloria de colocar ACC agora, em 2017, enquanto o Golf tem desde 2012.

    COmo a Hyundai (e a Honda e a Toyota idem) espera sair da posição vexatória de mercado que tem na Europa oferecendo um produto em 2017 que é inferior ao que a líder de mercado, VW/Golf, oferecia em 2012?

    Esquece, desse jeito vai ter que continuar a oferecer "custo x benefício", oferecendo o carro 40% mais barato que o Golf tentanto atrair desavisados para o seu produto.

    A Hyundai está 5 anos atrás da VW em termos de segurança, 20 anos atrás em termos de desing, 30 anos em termos de powertrain. E, pior, pelo que se vê, a distância, ao invés de diminuir, está aumentando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carlos coloca o elantra ao lado do jetta, o tucson ao lado do tiguan, hb20 e o gol e me diz quem está 20 anos atrás em design, a esqueci sua doença e sua cegueira não iria conseguir mostrar que a volks é muito atrasada em design.

      Excluir
    2. Fala isso porque a sua marca do coração só tem carros sem design

      Excluir
    3. Comentários que se resumem a dizer "bonito", "feio", "mimimi é mais bonito que x"..."mimimi é mais feio que y" são ou de mulher, ou de pessoas de baixo QI.

      By: Carlota

      Excluir
  5. Site internacionais realçam a similaridade do Elantra, Fusion entre outros. A queda de vendas nos EUA é realidade:

    Cars Most Similar to a Hyundai Elantra:
    1 Ford Focus
    2 Dodge Dart Aero

    ResponderExcluir
  6. Esse I30 aí tá muito "mamãe quero ser o Golf".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que está mais para "mamãe, quero ser o Série 1".

      Excluir
  7. Golf infinitamente superior em tudo nesse Hyundai

    ResponderExcluir
  8. Pelo amor de Deus quando vocês desse fórum vão aprender sobre mecânica e estudar mais para depois vir falar sobre suspensão com eixo com torção ser melhor.

    Tomem vergonha na cara antes de falar o que não sabem.
    EU por experiencia tenho o GOLF mexicano e já passei por buracos que meu antigo carro um GOL não aguentou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A3 sedan nacional tiptronic com eixo de torção foi mais rápido que o Golf 1.4 tsi dsg-7 com multilink. O Golf é alemão, e o Audi fabricado no Brasil

      E o Audi brasileiro com tip e eixo foi mais rápido que o Golf alemão com dsg e multilink. Os dois são o mesmo carro, mesmo motor, só muda a suspensão traseira e o câmbio. E o com câmbio tip e suspensão por eixo foi mais rápido que o dsg e suspensão multilink.

      Audi A3 eixo de torção enrabou o Jetta 1.4 multilink e o Civic 2.0 Multilink, aprecie:

      http://www.car.blog.br/2017/02/audi-a3-14-flex-at6-nacional-trucida-o.html

      Golf 1.0 TSI eixo de torção enraba Focus 2.0 Powershift (multilink) e o Corolla Altis.

      http://www.car.blog.br/2016/12/vw-golf-10-tsi-mais-rapido-que-corolla_16.html

      Corolla (eixo de torão) enraba o Civic multilink, veja:

      http://www.car.blog.br/2015/11/corolla-altis-20-cvt-atropela-civic-exr.html

      Audi A3 nacional (eixo de torção) enraba o Golf alemão (multilink):

      http://www.car.blog.br/2016/10/audi-a3-sedan-nacional-supera-golf-14.html

      Excluir
    2. Blá blá blá

      Eu tinha um focus mk1,5

      Nada de manutenção na suspensão traseira, apenas troca dos amortecedores traseiros.
      Hoje tenho um pug207
      Pensa na falta q o Ford faz.
      A maciez do Ford era top!!!

      Excluir
    3. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      O dia em que a suspensão dependente do tipo eixo com barra de torção for superior a um multilink de 4 braços eu me enforco.

      Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    4. Aliás, Civic Touring ficou 0,5s atrás do Jetta Highline e 0,8s a frente do Audi 1.4 TSI com o "extraordinário" eixo por barra de torção.

      Excluir
  9. Pelo visto não é só mais uma carinha bonita. Aguardo os testes.

    ResponderExcluir
  10. Blablablabla, Com essa crise alguem acha que este carro vai desembarcar aqui rápido?? Kkkk. Fiquem ai discutindo bobagens enquanto nossos dirigentes continuam as nos enrolar e roubar...ahh Pode ser que desembarque mesmo...vem bonito!! E bem caro pra pagarmos bastante imposto!!! Eta povo trouxa!!

    ResponderExcluir
  11. Achei o carro sensacional, se vier por 90k, pode ser uma boa opção, na minha opinião mesmo nível do Golf, mas eu gosto mais do design do I30. Se esse modelo 1.6turbo vier até 110k, vai fazer uma boa disputa com Cruze, acredito que o Golf ainda terá mais adeptos, mas em valores similares eu iria de i30

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não custa sonhar.

      Agora volta para a realidade tupiniquim e esqueça essa utopia...

      Excluir
  12. "(...) Na realidade, a Hyundai, como todas as demais marcas, querem dar a seus modelos hatch um comportamento dinâmico parecido com o do Golf, da Volkswagen (...)
    (...) A Ford tenta isso com o Focus faz 20 anos, mas até agora não conseguiu (...)"
    Kkkkkkkkkkkkkk. Cara, como eu ri. Além da imparcialidade ter passado longe, vai contra o que todas as outras mídias especializadas e proprietários dizem (uma vez que colocam Focus e Golf em pé de igualdade nesse quesito). Não dá pra levar a sério. Deve ter sido o Carlos que escreveu o texto kkkkkkk.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Focus em pé de igualdade? Em que mundo vc vive?

      O Focus 2.0 Powershiht andou em 1:13,2 no Acelerados, enquanto o Golf 1.0 TSI MT com 58 cavalos a menos, girou em 1,13,5! O Focus 2.0 quase toma um couro do Golf 1.0?

      http://www.car.blog.br/2016/12/vw-golf-10-tsi-mais-rapido-que-corolla_16.html

      O Golf/A3 nacional enfiou uma naba de mais de 2,5 segundos no Focus 2.0 Powershift no Vello Cittá:

      http://www.car.blog.br/2016/10/audi-a3-sedan-nacional-supera-golf-14.html

      A3 1.4 nacional trucidou o Civic 2.0, o Focus 2.0 e o Cruze 1.4 Turbo:

      http://www.car.blog.br/2017/02/audi-a3-14-flex-at6-nacional-trucida-o.html

      Um Focus de 350 cv é humilhado por um Golf de 300 cv:

      http://www.car.blog.br/2016/06/focus-rs-350-cv-desempenho-inferior-ao.html


      vai contra o que todas as outras mídias especializadas e proprietários dizem

      Essa é a diferença entre quem pensa e quem apenas repete como um papagaio o que a "midia especializada e o que proprietários" dizem.

      proprietário de Focus e mídia especializada pode dizer a bobagem que quiser, mas quando se coloca na pista que os fatos vêm à tona: Golf 1.4 eixo de torção nacional com câmbio automático enfiando mais 2,5 segundos na mesma pista que um Focus 2.0 Powershift com 28 cavalos a mais. Golf 1.0 TSI, com 58 cv a menos, andando junto com Focus 2.0 Powershift.

      Enfim, há quem pense e coloque fatos, números de pista. E há os que repetem as bobagens como papagaios.

      Excluir
  13. "Na realidade, a Hyundai, como todas as demais marcas, querem dar a seus modelos hatch um comportamento dinâmico parecido com o do Golf, da Volkswagen."
    Não pude deixar de reparar na "imparcialidade".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai negar que o Golf seja A referência do segmento? Ou seria outro carro? Focus Powershit? Cruze-credo? I30 aspirado monocombustível?

      Excluir
  14. Esta traseira é do Golf, carro ficou bonito internamente e este motor promete ser bom, em suma melhor versão do elantra ou i30 como dizem.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.