Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Chevrolet Tracker 2017: fotos, preços, detalhes

Categorias: , , , 27 Comentários

A Chevrolet traz para o mercado brasileiro o Novo Tracker 2017, SUV urbano compacto equipado com motor turbo Flex, transmissão automática e sistema de conectividade Mylink2. O modelo tem preço de R$ 79.990 reais na versão LT, e R$ 89.990 reais na LTXZ.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O Novo Tracker caracteriza-se pelas mudanças visuais e de acabamento. Além disso, o modelo passa a oferecer itens adicionais de segurança e comodidade, com destaque para o alerta de ponto cego, para a câmera de ré com alerta de movimentação traseira e para o sistema de partida da ignição por botão.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Outra novidade é a adoção da direção elétrica progressiva e de uma nova calibragem para a suspensão, exclusiva para o mercado brasileiro. Ela é mais firme e ao mesmo tempo mais confortável para garantir bom comportamento dinâmico tanto no uso urbano como no rodoviário.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O Novo Tracker é ofertado em duas versões de acabamento: LT e LTZ, sempre com o motor turbo Flex de até 153 cavalos, transmissão automática de seis marchas, sistema Stop/Start, telemática OnStar, multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay, entre outros itens de conforto e conveniência.


São cinco opções de cores: Branco Summit, Preto Ouro Negro, Prata Switchblade e as inéditas Vermelho Baroque e Cinza Graphite. A garantia do veículo é de três anos.

Powertrain - Desempenho e consumo

O modelo da Chevrolet estreia o motor 1.4 turbo Flex com injeção direta de combustível. São até 153 cv de potência e 24,4 kgfm de torque, sendo 90% dessa força disponível a apenas 1.500 rpm. O propulsor trabalha em conjunto com a transmissão automática de seis velocidades de última geração, que ganhou nova relação de marchas, exclusiva para o modelo.

Segundo dados da GM, o Tracker acelera de 0 a 100 km/ em 9,4 segundos – exatamente 2s mais rápido que o modelo anterior. A velocidade máxima agora é de 198 km/h.

Além disso, o carro ganhou o sistema Stop/Start, que desliga o motor temporariamente em pardas, ficando até 15% mais econômico. Recebeu nota máxima em eficiência energética pela etiquetagem veicular do Inmetro. As médias com gasolina são de 11,7 km/l na estrada e de 10,6 km/l na cidade, enquanto que com etanol são de 8,2 km/l e 7,3 km/l, respectivamente.

O time de engenharia da Chevrolet trabalhou ainda em um novo acerto de suspensão para o Tracker, que deixou o SUV mais confortável no dia a dia e mais firme em altas velocidades, proporcionando também maior sensação de segurança, muito por conta da menor rolagem da carroceria em curvas.

Design

O Novo Tracker diferencia-se externamente por conta das mudanças visuais promovidas na parte dianteira e traseira, além das rodas de 18 polegadas remodeladas.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Capô, faróis, grade, para-choque e os para-lamas posteriores foram completamente redesenhados para proporcionar uma aparência mais contemporânea ao SUV compacto da Chevrolet.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Na parte de traz, as alterações ficam por conta das novas lanternas, com opção de iluminação com LED, e do para-choque reestilizado.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - interior

A cabine está 11% mais silenciosa , com destaque para o novo painel.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - interior painel

O quadro de instrumentos, por exemplo, inclui um computador de bordo que informa até a vida útil do óleo em percentual.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - espaço traseiro

O Novo Tracker também conta com sistema de conectividade total, o qual soma o multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay à tecnologia OnStar.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - Multimídia MyLink2

Por meio dela, pode-se comandar diversas funções do veículo por meio do smartphone, ter acesso a serviços de segurança, concierge, emergência e navegação.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - Multimídia MyLink2

O modelo já oferece o Diagnóstico Avançado, que permite ao usuário fazer um check-up dos principais sistemas do veículo de maneira remota.

Versões e itens de série

O Novo Tracker é ofertado em duas opções de acabamento, LT e LTZ, sempre equipadas com motor turbo e transmissão automática AT6 com a função Active Select, que permite trocas no modo manual. Confira os principais equipamentos que cada uma delas oferece:
  • Novo Chevrolet Tracker LT – Airbag duplo; cinto de segurança de três pontos em todos os assentos; sistema isofix para fixação de cadeirinhas infantis; luz de condução diurna, de milha e de neblina; freios ABS com EBD; grade do para-choque e maçanetas internas cromadas; rack de teto; rodas de alumínio aro 16; ar-condicionado; volante multifuncional com assistência elétrica progressiva; coluna de direção com ajuste de altura e profundidade; porta-óculos no teto; computador de bordo; controlador de velocidade de cruzeiro; retrovisores elétricos; travas e vidros elétricos com controle remoto pela chave; sistema Stop/Start; bancos de tecido com porta-revista e ajuste de altura para o motorista; conjunto de seis falantes com tweeters; multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay; OnStar com pacote Exclusive (Concierge, Segurança, Emergência, App, Diagnóstico, Navegação).
  • Novo Chevrolet Tracker LTZ – Os itens da LT mais retrovisores laterais com aquecimento e alerta de ponto cego; câmera de ré com alerta de movimentação traseira; sensor de estacionamento; faróis e lanternas com LED; acabamento externo cromado do friso das janelas, maçanetas das portas e da tampa do porta-malas; teto solar elétrico; rodas de alumínio aro 18; chave eletrônica com sensor de presença (keyless); computador de bordo com opção de mostrador digital da velocidade; descansa-braço para o motorista e passageiros traseiros; bancos e volante com revestimento premium; banco do motorista com ajuste elétrico lombar; banco do carona rebatível e com porta-objeto na parte de baixo. O único opcional é o conjunto de airbags laterais e de cortina.



Entre os itens de segurança do Novo Tracker, há o alerta de ponto cego e a câmera de ré com alerta de movimentação traseira.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - Multimídia MyLink2

O alerta de ponto cego auxilia o motorista em mudanças de faixa. Uma luz acende no retrovisor externo atentando da presença ou da aproximação de um outro veículo em tráfego lateral.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - itens de segurança

Já o alerta de movimentação traseira ajuda nas manobras de marcha a ré, como nas de saída de garagem, quando a visibilidade é limitada.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - itens de segurança

Sensores são capazes de detectar a aproximação de veículos vindos na perpendicular e avisar instantaneamente o condutor.

OnStar com Diagnóstico Avançado

O Novo Tracker agrega o Diagnóstico Avançado, função que informa por meio do aplicativo OnStar para smartphone ou do portal web se há alguma anormalidade com os principais sistemas do veículo.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - Sistema OnStar

Essa função complementa os serviços já oferecidos pelo OnStar no país, como os de emergência, segurança, proteção patrimonial, concierge e navegação. A tecnologia é exclusiva da marca Chevrolet no Brasil.

Com o Diagnóstico Avançado OnStar, o usuário pode consultar a situação dos seguintes sistemas:
  • Motor e transmissão
  • Airbag
  • Freios ABS
  • Emissões
  • OnStar
O Diagnóstico Avançado OnStar realiza um check-up básico do veículo com um simples toque de botão. Quando detectada qualquer anomalia, uma mensagem é enviada para o smartphone do usuário. O cliente poderá entrar em contato com o Centro de Atendimento OnStar para mais informações ou agendar os serviços na Concessionária diretamente pelo App ou pelo portal web.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - interior - teto solar

Outra comodidade é que, pressionando o botão da esquerda do OnStar, o usuário consegue acionar, por comando de voz, serviços como os alertas de velocidade, movimento e o de valet, chamar o serviço de assistência mecânica ou ainda iniciar a navegação de algum destino cadastrado no aplicativo.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - espaço interno

Pressionando o botão azul do OnStar, o motorista é conectado a uma central com atendimento humano que oferece serviços como pesquisas rápidas na internet e reservas de restaurantes, hotéis, salão de beleza, consultas médicas, entre outros. Pode-se igualmente acionar o botão vermelho de emergência para solicitar assistência mecânica, elétrica ou médica em casos de necessidade.

Novo Chevrolet Tracker 2017 - chave

A comunicação entre os ocupantes e o atendente do Centro de Atendimento ocorre por meio de uma linha celular exclusiva do veículo, que transmite a conversa pelos autofalantes e microfones do sistema “hands-free” do carro. Portanto, o cliente não precisa utilizar seu celular para falar com a central.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O OnStar também avisa quando o automóvel está sendo furtado ou envolveu-se em um acidente que resultou na deflagração dos airbags.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Isso acontece porque os sensores espalhados pela carroceria são capazes de detectar situações de anormalidade e alertam o Centro de Atendimento. Profissionais capacitados então fazem a análise da situação e solicitam, se necessário, o auxílio das autoridades competentes ou mesmo contatar serviços públicos de emergência em casos de acidentes ou necessidade médica.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O OnStar também permite que o usuário comande funções do veículo por meio de um aplicativo para smartphone, como o travamento das portas.

Novo Chevrolet Tracker 2017

Pelo app ainda é possível programar para receber notificações quando o veículo inicia uma nova movimentação, saber qual é a sua localização atual e ainda pedir para ser avisado quando o velocímetro ultrapassar o limite de velocidade predeterminado – recursos úteis principalmente quando o automóvel é cedido a terceiros.

Novo Chevrolet Tracker 2017

O aplicativo é compatível com os sistemas Android e IOS e pode ser baixado na Play Store e na Apple Store.

Novo Chevrolet Tracker 2017

No Novo Tracker, a Chevrolet oferece como cortesia o serviço OnStar plano Exclusive – com todas as funções disponíveis, sendo que o cliente poderá desfrutar dos serviços por um período de experiência determinado. O processo de habilitação pode ser iniciado na concessionária. Na sequência, o cliente recebe um e-mail para finalizar seu cadastro e dar seu aval para a ativação.

Postagens relacionadas:

27 comentários:

  1. Sem controle de estabilidade, sem controle de tração, freios a tambor...carta fora do baralho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ainda mais essa chatice de start/stop que não desliga nunca!!!
      TAMBÉM TÔ FORA!!!

      Excluir
    2. Sem GPS também.
      Estão tentando fazer os clientes engolir este Onstar, que não serve para quase nada.

      Excluir
    3. O GPS é irrelevante... Com Android Auto ou Carplay é a melhor central que existe no mercado. Você pode colocar google maps e waze que são bem melhores do que qualquer GPS...

      Mas a ausência de controles de estabilidade e tração (em qualquer imprevisto, fazem a maior diferença), a ausência de sensor de estacionamento na versão de 80 mil, os freios a tambor, enfim, tinha tudo para ser uma das melhores opções do mercado, conseguiu ser uma das piores... Só é melhor que Duster e ECO (e a ECO vence em segurança e praticidade para estacionar).

      Excluir
    4. SUV é carta fora do baralho de qqer jeito.

      Excluir
  2. Outra coisa ridícula desse carro é ele só ter 2 airbags até na versão top de 90 mil reais (airbags laterais e de cortina são um opcional à parte). E tem ar condicionado analógico em todas as versões. Apesar da falta de ESP e ASR (além de ter bizarros freios a tambor) já ser impeditivo para a compra do carro.
    Como a Chevrolet pode estragar um lançamento assim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Custos, o kicks tem tudo isso a mais mas com um motorzinho de march. Cada marca escolhe quem agradar

      Excluir
  3. Por mim poderia perder alguns itens como on star, teto, start stop e garantir os controles de tração, estabilidade, disco nas 4 e 7 air bags. Colocaria o resto como opcional

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Na primeira fechada que você levar, desviar o carro ao máximo e precisar retornar à pista, você vai entender a importância do ESP.

      Há 1 mês atrás passei por isso novamente e o carro respondeu exemplar. Na primeira vez, no meu carro anterior, a roda de trás chegou a encostar na calçada... Só não deu lambança, pois tive mais tempo... Se fosse no imediatismo da segunda, tinha rodado o carro...

      Mas beleza, é a sua opção. Depois que entendi o benefício, troco o motor turbo do meu carro por um 1.0 com ESP, fácil...

      Excluir
  5. Incrível um carro desses oferecer alertas de ponto cego e mais um monte de firulas como esse on-star e nada de esp. pelo powertrain seria um dos poucos SUV que me interessariam ao menos testar, mas a falta de esp e um pecado mortal pra min

    ResponderExcluir
  6. esp, controle de tração, não fazem a menor diferença quando se sabe dirigir, até pouco tempo atrás quase nenhum carro tinha. As pessoas acham que isso vai evitar um acidente e comecam a abusar da velocidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende cara... Imprevistos acontecem. Dirijo bem, há 15 anos, sem causar nenhuma batida. Há um mês atrás sofri uma fechada, que não tive outra opção a não ser frear brusco e escapar à esquerda. Como essa pista era muito estreita, o pouco que se perderia da traseira (e a partir de determinada velocidade é inevitável) poderia causar uma batida... O ESP atuou na hora, perceptível, o carro voltou praticamente reto. Curva em alta também faz diferença... Enfim, quem tem e percebe o recurso, valoriza pra caramba.

      Excluir
    2. ok, respeito sua opinião, mas eu particularmente, nunca tive carro com isso, e pelas minhas condições acho que nunca vou ter, de qualquer forma se pudesse compraria essa tracker, achei linda

      Excluir
  7. O estilo deste painel ficaria muito bem no Onix...Com relação a ESP,freio a disco nas 4 rodas, air-bags no teto, no coluna seria bom? ótimo, mas a proposta do carro é urbana onde a velocidade média é de 60 km...bem, acho que melhor maneira de preservar a vida é ser um motorista consciente e responsável. Fico imaginando o povo reclamando quando todos os carros forem autônomos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Motor 1.4T pra proposta urbana? Não concordo. Se ainda fosse com Kicks com o 1.6 ate poderia ser. Eu mesmo procuro um carro pra o dia-a-dia mais possíveis viagens, ou seja, precisa ter um bom powertrain (o que ele tem, e minha opinião), caber as bagagens (como temos apenas 1 filha que nao usa mais carrinho, daria de boa mesmo não sendo um sedã) mas precisa ser SEGURO e isso é nota de corte pra mim. Sem ESP, sem chance

      Excluir
  8. O carro SERIA quase perfeito se tivesse CONTROLE DE TRAÇÃO e ESP. Quero um carro pra carregar a família em viagens e pegar um SUV, com CG elevado, sem ESP seria muita irresponsabilidade da minha parte. COLOQUEM ESP e CONTROLE DE TRAÇÃO que vcs vão ganhar clientes.

    ResponderExcluir
  9. Respostas
    1. 300 litros. A mesma de antes do Facelift. Porta-malas minúsculo para um "Suv".

      Excluir
  10. carro maneiro.... excelente custo benefício.... fiz o teste e gostei..... vou trocar no meu civic lxr 2015.

    ResponderExcluir
  11. Respostas
    1. Só que com qualidade e construção 1.000.000 de vezes melhor que o Gol...

      Excluir
  12. Bom mesmo é um Cross UP, muito mais bonito, bem equipado, espaçoso, e com maior porta malas, sem falar nas 5 estrelas do Latin Ncap. Ainda tem a opção do motor 1.0 Tsi, que anda bem mais e bebe menos que esse 1.4 defasado. (Carlos)

    ResponderExcluir
  13. Para um SUV o ESP é necessário pois o carro balança muito mais que um sedã, e em geral os iniciantes em SUV vieram de um sedã.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.