Car.blog.br

Pesquisar este blog

Vendas da Audi crescem em todos os principais mercados

Categorias: , 3 Comentários

A Audi, montadora de carros premium alemã, registrou aumento de 4,3% nas vendas glonais, com 154.050 unidades entregues no último mês. A demanda avançou na Europa, mercado onde dois importantes novos modelos, o Audi Q2 e o Audi A5, foram lançados recentemente. Com relação a todo o portfólio, as vendas na região cresceram cerca de 9,5%, somando 68.200 carros. Além disso, durante o mês, a marca também cresceu em duas outras importantes regiões: na América do Norte (+3.6%) e na Ásia-Pacifico (+0.8%). No acumulado do ano, foram 1.713.900 unidades comercializadas em todo o mundo, um volume 4.2% maior do que o mesmo período em 2015.

Novo Audi Q2 2017

O mercado europeu representou em 2016 o motor de crescimento mais forte da Audi. Apesar das grandes incertezas políticas e econômicas, a montadora avançou em todos os principais mercados europeus. A marca conta com o lançamento do novo Q2 na Europa para manter o crescimento, já que esse novo SUV compacto será um importante impulsionador de vendas na região no futuro.



A chegada do novo A5 também refletiu no resultado total. As vendas do A5 Coupé na Europa dobraram, somando cerca de 1.130 unidades em novembro. A grande procura pelo novo A4 também teve impacto positivo nas entregas. Com cerca de 12.200 unidades comercializadas, as vendas do modelo no mês passado superaram em 51,6% as de novembro de 2015. Considerando todos os modelos, a Audi elevou suas vendas na Europa em 9,5% para 68.200 unidades no mês passado.

Audi R8

O Reino Unido, (+18.0%, com 12.970 unidades), França (+32.0%, com 6.551 unidades), Itália (+18.8%, com 5.570 carros) e a Espanha (+24.7%, com 4.176 entregas) apresentaram crescimento de dois dígitos. O mercado russo ainda tem queda (-32,1%), com 1.486 unidades no último mês. Entre janeiro e novembro, a Audi registrou 795.050 entregas, o que representa um avanço de 7,1% na comparação com 2015. A montadora também registrou bom desempenho de vendas no portfólio da Audi Sport, com destaque para o Audi R8. No acumulado do ano, o crescimento é de 27%, com 1.370 unidades comercializadas.

Audi A4

Na América do Norte, a montadora continua com desempenho positivo: foram 20.850 carros entregues em novembro, com aumento de 3,6%. O Canadá teve o maior crescimento na região, com 2.455 unidades comercializadas, volume 13,2% maior. A Audi of America também conseguiu expandir ainda mais as vendas, registrando 17.118 unidades, o que representa um aumento de 2,5% na comparação com o mesmo mês do ano passado.


No acumulado, foram 187.018 carros comercializados no mercado norte-americano, com crescimento de 2,9%. O Audi Q7 teve grande impacto neste resultado e os Estados Unidos representam hoje o principal mercado para o modelo no mundo. Mais de um em cada quatro consumidores do SUV vêm dos Estados Unidos. Desde que a nova geração foi introduzida em janeiro, as entregas do Q7 neste mercado aumentam dois dígitos cada mês. No acumulado, foram 27.288 carros, o que representa um crescimento de 53,3%. Mundialmente, esse volume é de 91.450 unidades (+40%).


Em novembro, o maior crescimento individual veio da China. Foram 52.776 carros, aumento de 6,6%. A demanda pelo Q3 cresceu 46,8%. Já as entregas do A3 também subiram: foram 8.529 carros, volume 31% maior na comparação com o mesmo período do ano passado. No total, foram 540.040 carros entregues no país desde o começo do ano, um crescimento de 5,7%.


20162015Δ 2016 / 201520162015Δ 2016 / 2015
Mundiais154.050147.7464,3%1.713.9001.644.8174,2%
Europa68.20062.2889,5%795.050742.2967,1%
- Alemanha21.65421.6050,2%275.653252.9769,0%
- Reino unido12.97010.98718,0%166.346157.8145,4%
- França6.5514.96332,0%59.976548619,3%
- Itália5.5704.68918,8%57.35650.47913,6%
- Espanha4.1763.34924,7%48.07541.70115,3%
EUA17.11816.7002,5%187.018181.8032,9%
México1.2551.2431,0%13.63012.6317,9%
Brasil5251.427-63,2%11.45715.821-27,6%
China (incl. Hong Kong)52.77649.5196,6%540.040510.6925,7%

Postagens relacionadas:

3 comentários:

  1. Mais do que merecido. A Audi está em um nível de tecnologia, acabamento e engenharia tão acima de BMW e Mercedes, que não dá nem para comparar.

    Só a Audi tem condução autônoma já instalado em seus carros.
    Só a Audi tem o Virtual Cockpit, com tela de 12,3 polegadas, muito funcional.
    Só a Audi tem a melhor tração integral do planeta, a Quattro.
    A Audi é de longe a maior vencedora do DTM de todos os tempos, e este ano ganhou novamente o título de construtores.
    Acabamento da Audi muito superior às demais, internamente, não dá nem para comparar. Enquanto Mercedes tá com acabamento tipo "Hyundai", com telas coloridas ridículas, e um monte de botões, a Audi tem um visual limpo e sólido.
    Externamente então é covardia. Olhem a frente do novo A4. A carroceria inteira do novo A4 é uma provocação pública à capacidade da Mercedes e BMW fazerem algo similar.
    O A4 tem vãos incrivelmente delgados, e um vinco na lateral limpo e elegante que se junta à abertura do capô. Uma verdadeira escultura em aço de alta resistência.
    E os motores? Os TFSI da Audi oferecem mais desempenho e menor consumo que qualquer BMW e Mercedes. O 2.0 TFSI Ultra do Novo A4 bebe menos que o 1.6 Turbo da Mercedes.
    É uma vergonha para Mercedes e BMW.
    Na boa, só compra mercedes e BMW hoje pessoas com falta de informação correta sobre qualidade automotiva. Uma análise de 5 minutos faz a pessoa desistir de qualquer Classe C e Série 3 por um A4, pois o A4 é tão superior, que não tem nem o que argumentar.
    Então, só posso parabenizar a Audi por suas vendas crescentes.

    ResponderExcluir
  2. O Brasil não entra na lista?? Quais os números brasileiros?

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.