Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fiat Chrysler: vendas desabam 14% nos EUA em novembro

Categorias: , , , 11 Comentários

O mercado automotivo americano apresentou uma queda de vendas de 5,9% no último mês de novembro, para um total de 1,37 milhões de unidades vendidas, mas esse resultado ruim não é uniforme na indústria: enquanto a Volkswagen cresceu 24% e a Audi bate recorde positivo, a Fiat-Chrysler é uma das maiores perdedoras do mês, com queda expressiva de vendas.

Fiat Chrysler: vendas desabam 14% nos Estados Unidos

A montadora informou que suas vendas de novembro caíram 14%, apesar de bom resultado de sua marca RAM. A companhia vendeu 160.827 veículos no mês, mesmo com crescimento de 12% nas vendas da RAM.


As vendas da Chrysler caíram 47%, enquanto as da Dodge despencaram 21%. A marca Fiat registrou retração de 15%, com queda de 58% nas vendas do Fiat 500L e de 49% no Fiat 500X.


As vendas da Jeep também decepcionaram, com retração de 12%, marcando o terceiro mês consecutivo de quedas. O Renegade foi o único modelo da marca a crescer, com ganho de 30% relativamente ao mês anterior, enquanto o Cherokee desabou 37%.


Mesmo com resultados positivos na Europa, os resultados ruins nos EUA colocam a FCA em situação complicada nos próximos meses, já que a companhia depende de boas vendas nos EUA - algo que não vem se materializando.

Fonte: [Automotive News]

Postagens relacionadas:

11 comentários:

  1. Nada a declarar.

    No Brasil, a FCA perdeu sua posição. Não tem produtos inovadores nos segmentos de maiores vendas. Somente produtos requentados: UNO-Mobi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só que não. Renegade, Toro e Compass: três sucessos com margem de lucro muito maior que a dos populares.

      Excluir
    2. A Fiat está para a FCA assim como a Azul Seguro está para a Porto Seguro.

      FCA tem acertado muito bem com Renegade, Toro e o mais recente queridinho, Compass.

      A Fiat BR é que anda mais perdida que cego em tiroteio ...

      Excluir
  2. Esse 500X é o único Fiat que tem um design digno de elogio! Mas, não vai muito além disso, afinal, é um Fiat...

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. A Fiat é, a Jeep e a Chrysler não são não. Não eram, pelo menos.

      O problema é que sem vender bem nos EUA, a FCA está praticamente inviabilizada, pois sua dívida se torna muito difícil de rolar.

      A FCA precisa cada vez mais desesperadamente de uma fusão com uma montadora gigante que tenha uma posição sólida na Ásia.

      Excluir
    2. FCA tem perdido espaço ano após ano nos EUA, desde 2009.
      Também não é pra menos.
      Em termos de conjunto mecânico está parado no tempo. Sobrevive com alguns tapas aqui e outros ali, mas nada significativo que mereça atenção ou destaque ...

      Excluir
  4. Que a GM salve a FCA! Depois q a GM disse não a fusão com a FCA, esta ficou em situação complicadíssima, seus produtos são medianos, pouco inovadores e pra piorar não há expectativa alguma de um lançamento promissor. Tá feia a coisa pra ela.

    ResponderExcluir
  5. Notícia preocupante para a FCA dado seu alto grau de endividamento....... se as vendas não reagirem a coisa vai ficar feia..

    ResponderExcluir
  6. Os Fiateiros do carplace quando lêem isso choram

    ResponderExcluir
  7. Quem manda lá nos EUA há anos são GM, Ford, Toyota e Nissan.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.