Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen: lucros em alta e liderança global em 2016

Categorias: , , 3 Comentários

O lucro do Grupo Volkswagen subiu 3,4% no primeiro trimestre de 2016, mesmo com uma queda de 86% no lucro da marca núcleo Volkswagen, em função dos custos associados à controvérsia das emissões de motores diesel nos EUA. O resultado financeiro foi divulgado hoje,


O conglomerado automotivo alemão viu seu lucro operacional subir para 3,44 bilhões de euros (US $ 3,83 bilhões) - avanço de 3,4% sobre os 3,33 bilhões de euros do ano passado, disse a VW em um comunicado divulgado hoje. A rentabilidade sobre as vendas está em 6,8%.

A receita trimestral caiu 3,4%, para 51 bilhões de euros. Segundo o CEO, Matthias Mueller, "a empresa tem conseguido resultados respeitáveis ​​em condições difíceis", e que "2016 será um ano de transição para a Volkswagen", que passará por um realinhamento.

Segundo analistas de mercado , a lucratividade está baixa, o que evidencia a necessidade de a marca operar com preços mais elevados daqui para frente, e também controlar custos da marca núcleo. Ressalta-se, também, que a marca núcleo VW está assumindo a maior parte dos custos relacionados com o escândalo de emissões.

Resultados por marcas

O lucro operacional trimestral da marca núcleo VW caiu para 73 milhões de euros (514 milhões em 2015), enquanto a margem operacional foi de 0,3%.


Em contraste, as unidades Porsche e Skoda do grupo forneceram boas notícias, enquanto o resultado da Audi está estável e Bentley perdeu dinheiro.


O lucro operacional da Porsche aumentou para 895 milhões de euros, com sua margem de lucro tendo crescido para 16,6% (contra 15,1% em 2015).


O lucro operacional da Skoda aumentou pouco mais de 30 por cento, para € 315 milhões, e sua margem de lucro subiu para 9,3% (7,6% em 2015).


O lucro operacional da Audi foi de 1,3 bilhões de euros, quase no nível resultado do primeiro trimestre do ano passado. Sua margem de lucro caiu para 9,0% (9,7% em 2015) em decorrência de variações cambiais, e maiores investimentos em novos produtos e fábricas.


A Bentley perdeu 54 milhões de euros no trimestre, contra um lucro de 49 milhões no mesmo trimestre do ano passado.

China se deteriora

O desempenho da marca núcleo Volkswagen também sofreu na China, seu maior mercado. O lucro proporcional de suas duas joint ventures chinesas caíram 27%, para 1,17 bilhões de euros. Segundo analistas, o aumento da concorrência na China levou a empresa a intensificar os descontos, sobretudo em carros compactos.


A VW prevê que, no ano de 2016, sua receita global vai diminuir em torno de 5%, enquanto a margem de lucro ficará no intervalo entre 5% e 6% - queda em relação aos 6% do ano passado.

VW supera a Toyota e assume liderança global em 2016


O resultado global trimestral do grupo VW superou a expectativa dos analistas, e isso é atribuído a um crescimento das vendas dos veículos da VW, que vem se beneficiando de recuperação na China e de crescimento do altamente lucrativo mercado europeu. Apesar dos problemas, o grupo de 12 marcas apresentou ganho de 0,8% em suas vendas, para um total de 2,5 milhões de veículos nos primeiros três meses, passando a ser líder do mercado global, à frente da Toyota, que, no mesmo período vendeu 2,46 milhões de unidades.

Postagens relacionadas:

3 comentários:

  1. Querendo ou não, a VW é uma marca poderosa.
    Na minha opinião ela vai se consolidar como a maior montadora do planeta.
    É só questão de tempo.

    ResponderExcluir
  2. Se não fosse essa mancada do diesel ela já era líder faz tempo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse lance do dieselgate é claramente uma armação que as empresas americanas (GM, Ford e FCA) e japonesas (toyota) para dar uma parada na VW.
      É uma piada isso. Mas conseguiram fazer o governo americano criar esse problema só para dar uma parada temporária na VW, pois as outras empresas estavam vendo que iriam ser esmagadas pela VW.
      Olha que com dieselgate e tudo já assumiu a liderança global, mesmo com a operação nos EUA capengando.
      Mas está capengando agora, mas a VW está com uma penca de SUV´s e elétricos que chegam ao mercado em breve que e vão reposicionar a VW nos EUA. O Tiguan atual já está bombando, e o novo tiguan tem uma versão de carroceria feita exclusivamente para a gordolândia.
      E tem novo Audi Q5 e etc. Ou seja, a VW vai bombar nos EUA nos próximos anos.
      E os EUA era o único mercado relevante onde a VW não dominava. O resto tá tudo sob controle dos alemães: na Europa a VW é incontestável; China é liderança absurda. Melhorando nos EUA, não terá para ninguém.

      Então, esse dieselgate foi claramente um conluio político de empresas e governo da gordolândia para dar uma parada momentãnea na VW.
      Mas está produzindo menos efeitos que o esperado. VW Back in Black, better than ever.

      Excluir