Car.blog.br

Pesquisar este blog

Barack Obama: pronunciamento sobre carros autônomos

Categorias: , 2 Comentários

O presidente dos Estados Unidos da América, Barack Obama, anunciará que seu governo envidará esforços para fomentar o desenvolvimento e impulsionar a disseminação dos carros de condução autônoma. Obama tratará da questão no seu Discurso sobre o Estado da União de 2016.


O fato de Barack Obama tratar de carros autônomos no principal pronunciamento que o presidente dos EUA faz no Congresso Americano dá a dimensão do nível de prioridade com o qual os carros que andam sem motorista estão sendo tratados nos EUA.

De acordo com a imprensa americana, as montadoras e empresas de tecnologia estão pedindo para que o governo estabeleça legislação para regular a introdução da tecnologia de condução autônoma e a presença desses carros nas ruas e rodovias dos Estados Unidos.


A preocupação das empresas hoje é que, ante a uma ausência de legislação, eventuais acidentes envolvendo carros de condução autônoma podem ser bastante custosos, sobretudo em processos judiciais.


O Governo Obama, por seu turno, também não quer que ocorra uma proliferação de legislações estaduais sem coordenação. Assim, pretende estabelecer diretrizes gerais mais flexíveis que deverão ser adotadas pelos Estados americanos.

O Google, por exemplo, se opõe às regras que foram criadas pelo Estado da Califórnia para carros autônomos, as quais proíbem carros autônomos sem uma pessoa no banco do motorista pronta para assumir a direção.

Além disso, a Califórnia está propondo regulamentos estaduais que exigem que todos os carros autônomos tenham volante, acelerador e pedais de freio durante a operação em vias públicas da Califórnia. E um motorista licenciado teria de estar no assento do motorista pronto para assumir em caso algo desse errado.


O Google é contrário a estas regras. Sua proposta de carro autônomo não tem volante de direção, nem pedais de comandos. e portanto, não precisa de motorista. Segundo o Google, a proposta da Califórnia "mantém o status quo velho e não permite que a tecnologia atinja seu pleno potencial, além de excluir as pessoas que precisam se locomover, mas não podem dirigir", como deficientes visuais, por exemplo.

Fonte: Reuters

Postagens relacionadas:

2 comentários:

  1. Claro que tem que ter volante e pedais... Senão como vai ficar a vida dos ladrões. Eles vão ter de fazer um curso de especialização com hackers, rsrsr! Temos que ter consciência social...

    ResponderExcluir
  2. Sem duvida o google está certo, mas com certeza terá que nascer um NCAP dos autônomos para avaliar o nível de segurança dessa autonomia através de diversos testes, e ai sim, atingindo 5 estrelas o carro pode ficar isento do volante e pedais... É também bastante provável que sejam criadas categorias de carros autônomos para absorver todas as diferentes propostas de autonomia...

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.