Car.blog.br

Pesquisar este blog

Controle de Estabilidade será obrigatório a partir de 2020

Categorias: , 21 Comentários

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) aprovou nesta quarta-feira, 16 de dezembro de 2015, a obrigatoriedade do controle eletrônico de estabilidade para carros novos a partir de 2020.

Fox Highline - Controle de Estabilidade é opcional
Fox Highline - Controle de Estabilidade é opcional
A nova exigência será aplicada em duas fases. A primeira, já a partir de 2020, valida para veículos que serão homologados a partir da data de publicação da resolução do Contran, ou seja, modelos novos ou que passam por grandes alterações. Já a segunda etapa, a partir de 2022, o recurso será obrigatório também para os modelos 0KM lançados antes da lei vigorar.

Controle de Estabilidade

O controle eletrônico de estabilidade, conhecido como ESC (Eletronic Stability Control) ou ESP (Eletronic Stability Program), é um sistema de segurança que atua diretamente no controle do veículo para evitar que o carro saia de sua trajetória original.

O sistema sistema detecta a perda de aderência dos pneus e aciona várias vezes por segundo os freio de maneira quase imperceptível pelo motorista, para que o carro consiga contornar a curva.

Já no caso de pisos de baixa aderência, quando o sistema detecta que o carro irá derrapar, o ESC reduz a rotação do motor e freia as rodas que estão perdendo contato com o solo.

Aumento de preço entre R$ 1 mil e R$ 2 mil

Segundo a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA), a inclusão desse sistema em que carros onde ele não é oferecido deverá resultar num aumento de custo de R$ 1 mil a R$ 2 mil, dependendo do modelo - impacto similar ao que teve a adoção do ABS e Airbags nos carros nacionais em 2104.

O Contran ainda não definiu se o controle de estabilidade pode ser desligado ou não, recurso disponível em modelos de alta performance, como o Golf GTI, por exemplo.

ABS para motocicletas

Outra exigência de segurança que será implementada a partir de 2016 será a exigência de freios ABS ou CBS para motos, que evita que as rodas da motocicleta travem, e será obrigatório para modelos 300 cc e acima. O percentual de motos novas com o sistema varia de 10% em 2016 e chega a 100% em 2019.

Postagens relacionadas:

21 comentários:

  1. Por que um prazo tão longo? Lixo de governo, lixo de órgão, lixo de propina; digo, "lobby".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo que eu li, alguns fabricantes alegam que seria necessário os veículos estarem equipados com direção elétrica (além do sistema ABS) para serem equipados com controle de estabilidade. O que não passa de uma grande mentira, já que a saveiro (que tem direção hidráulica) tem ESP nas versões mais caras.

      Excluir
  2. Controle de traçao funciona junto do ABS e encarece cerca de 50 dolares...

    ResponderExcluir
  3. Melhor que nada. Com definição de prazo para obrigatoriedade, as montadoras já começarão a incorporar os recursos com maior agilidade.

    ResponderExcluir
  4. Não entendi por que mencionar Fox Highline e Golf GTI na reportagem.

    ResponderExcluir
  5. Que desculpa mais esfarrapadas que as montadores vao ter pra aumentar mais ainda o preço. O custo real fica na casa de 50 a 100 dólares, afinal o mais caro (ABS) todos os carros já possuem.

    ResponderExcluir
  6. " já a partir de 2020 " já!!!!! Tinha que ser a partir de 2017..no máximo... Brasil sil sil sil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o que a Latin Ncap e o proteste estão querendo também. Tanto que mandaram um manifesto pedindo isto.

      Excluir
    2. Vergonha, nossas vidas valem mais que estes 100 ou mais dólares de aumento de custo sem falar que o governo deixa de recolher impostos sobre este novo item.

      Excluir
  7. Eu já sabia que isso iria acabar em pizza. Vão empurrar carro sem ESP até quando der e quando não puderem, vão aumentar bastante o preço, até por que em primeiro mundo é US$ 50, e aqui será US$ 200... É, realmente é difícil ser brasileiro.

    ResponderExcluir
  8. 18/06/2014
    A Ford divulgou nesta quarta-feira (18) que o Novo Ka terá controle eletrônico de estabilidade e tração e assistente de partida em rampa, recursos que não eram encontrados no segmento dos carros compactos.
    O mercado já oferece a opção, basta comprar os modelos com...

    ResponderExcluir
  9. "será a exigência de freios ABS ou CBS para motos, que evita que as rodas da motocicleta travem" Pelo que eu saiba o CBS da Honda CG não envia que as rodas travem. Ele só aciona também o freio dianteiro quando o piloto aciona o freio a roda traseira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CBS é apenas a frenagem combinada, o que já dá uma certa ajuda na hora da frenagem. O ideal mesmo era ABS para todos, o que eu achei que seria, agora será apenas para motos acima de 300 CC.

      Excluir
  10. Quem não quiser esperar ate 2020 pra ter carro com controle de tração e estabilidade é so comprar carros da ford,toda linha da ford tem controle de tração e esbabilidade, e ainda tem gente que não sabe,eu falei toda linha, não todos os modelos, é porque aqui tem uns sabe tudo que gostam de questionar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. E pior que muitos compram sem saber que tem, ou as vezes nem sabe para que funciona.

      Excluir
  11. Só em 2020...

    PT ta atrasando por que?

    ResponderExcluir
  12. Ontem o presidente da Anfavea declarou que a entidade é contra o impeachment da Dilma. Hoje o governo fez sua parte.

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. O pior não é nem esse prazo todo. Quando chegar 2019, as montadoras irão alegar que precisarão de mais tempo para se adaptarem às mudanças. E o governo bunda-mole certamente cederá.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.