Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Amarok Automática: preço, desempenho e consumo

Categorias: , , , , , 12 Comentários

A Volkswagen do Brasil apresentará a linha 2016 da Amarok nas próximas semanas, com aperfeiçoamentos mecânicos e uma elevação média de preços de 1,7%.

VW Amarok 2016

A VW Amarok 2016 conta com dois aperfeiçoamentos mecânicos. O primeiro é uma nova correia dentada, que passará a operar dentro de um compartimento selado e hermético, que impedirá a entrada de detritos e sujeira que podem danificar seu funcionamento.

VW Amarok 2016

Além disso, a Amarok 2016 disporá de um sistema que avisa sobre a presença de água no diesel por meio de uma luz monitor no painel. Caso essa luz se acenda, o motorista poderá retirar a água do diesel por meio de uma válvula localizada na bomba de combustível. Trata-se de um sistema de prevenção contra os combustíveis adulterados.

VW Amarok 2016

Com tais ajustes, o conjunto mecânico da picape Amarok ficará mais confiável. Outra novidade é que as concessionárias vão comercializar, como acessórios, um novo conjunto de chapas de proteção inferior, ampliando a resistência em pisos de precariedade extrema.

VW Amarok 2016

A VW Amarok Highline adota o motor 2.0 Turbo Diesel de 180 cavalos, associado a uma caixa de transmissão automática ZF de oito velocidades.

VW Amarok 2016 - interior

A tração é integral do tipo 4Motion, que faz a seleção e distribuição de torque entre as rodas de forma automática, de acordo com demanda de tração e aderência.

VW Amarok 2016 - espaço interno

Esse conjunto entrega os seguintes dados de consumo e desempenho, segundo testes da Revista Quatro Rodas (Amarok x Hilux aqui, Amarok x Ranger x S-10 aqui).

Desempenho - Consumo - Frenagem - Ruído (grifo azul - melhor / grifo vermelho - pior)

Modelo0 a 100 Km/h [s]80 a 120 Km/h [s]Cons. Cidade [Km/l]Cons. Estrada [Km/l]Frenagem a 120 Km/h [m]Ruído a 120 Km/h (dbA)
VW Amarok 2.0 TDI AT811,59,48,810,864,161,7
Ford Ranger 3.2 Diesel AT611,68,58,910,866,866,3
GM S-10 2.8 (180 cv) AT611,89,68,611,268,267,6
Toyota Hilux 3.0 Diesel AT413,5118,310,661,467,2

Os dados mostram um conjunto mecânico bastante eficiente da Amarok, com desempenho similar ao da Ranger 3.2 Diesel de 200 cavalos. Outro ponto de destaque é na medição de ruído interno, com 61.7 dbA. É importante considerar que a escala dbA é logarítmica, e isso significa que 3 dBA a mais resulta o dobro de barulho.

Capacidades - (grifo azul - o melhor / grifo vermelho - o pior)

ModeloCaçamba (litros)Caçamba (Kg)Peso (kg)
VW Amarok 2.0 TDI AT8128010172073
Ford Ranger 3.2 Diesel AT6118010022198
GM S-10 2.8 (180 cv) AT6106110392061
Toyota Hilux 3.0 Diesel AT4n/d10001935

O quatro acima traz os dados de capacidades das picapes. A Amarok Cabine Dupla tem o maior volume útil de caçamba, enquanto a Chevrolet S-10 tem a maior capacidade de carga.

Itens de série - Amarok Highline

A Amarok Highline conta com itens como volante multifuncional, computador de bordo, piloto automático, faróis com acendimento automático, câmera de ré, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, retrovisores elétricos aquecíveis e rebatíveis, ar-condicionado digital com duas zonas, bancos em couro, sensor crepuscular e de chuva.

VW Amarok 2016 - interior

Em termos de segurança, o modelo oferece airbags frontais e bancos dianteiros com airbags laterais. Os faróis são bixênon com luz de circulação diurna em LED. Estão presentes também sistema ISOFIX de cadeiras infantis e sistema multimídia com navegação integrado.

VW Amarok 2016 - interior

No que respeita aos sistemas de segurança ativa (veja detalhes com vídeos dos recursos off-road da Amarok clicando aqui), a Amarok conta com ABS Off-Road, Controle Eletrônico de Estabilidade, Controle Automático de Descida e Assistente para Partida em Rampa.

Amarok Ultimate

A Volkswagen da Argentina já confirmou o lançamento em seu mercado da verão Ultimate da Amarok, em substituição à Dark Label.

VW Amarok 2016

Enquanto a Dark Label é feita com base na versão de acesso, Trendline, a Ultimate é um modelo baseado no modelo Highline, e, portanto, bem mais completa.

VW Amarok 2016

A versão Ultimate conta com detalhes de decoração externa exclusivos, como rodas e faixas decorativas, enquanto no interior há revestimento em Alcãntara e Couro.

Preços

A Amarok 2015 Highline Cabine Dupla Automática tem preço sugerido de R$ 152 mil reais, mas é vendida com desconto com preços em torno de R$ 148 mil reais. O modelo 2016 terá preço em torno de R$ 155 mil reais.

Vídeo - Amarok Highline 2015 - detalhes



Conclusão

VW Amarok - teste quatro rodas

A picape Amarok Highline 2.0 TDI Automática apresenta-se com um conjunto mecânico eficiente, e que, na linha 2016, ganhará aperfeiçoamentos que a tornarão mais confiável.

Postagens relacionadas:

12 comentários:

  1. Espero que esses ajustes melhorem a mecânica do Veículo.
    Os dados de comparação usados são muito antigos (Hilux aT4?, S10 de 180cv?).
    Reclamam muito também dos valores absurdos das peças de reposição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, S10 de 180cv foi pra matar.

      Excluir
    2. A mecânica da Amarok já era disparado a melhor do segmento.
      O motor 2.0 Turbo Diesel 4 cilindros que coloca no bolso, com facilidade, os 2.8 e até 3.2 da concorrência. A Amarok anda mais e bebe menos.
      A transmissão é covardia. ZF8 marchas, muito superior ao resto.
      E o que dizer do sistema de tração 4Motion, totalmente controlado por computador?
      As outras ainda estão na idade da pedra, com acionamento de reduzida por alavanquinha.
      A mecânica da Amarok sempre foi superior às demais, e agora com correia dentada selada, até mesmo aqueles 0,000001% dos casos de uso absurdamente extremo em minas de minério de ferro, que entrava na correia, não será mais problema algum. Aliás, não era, pois nesses casos a VW estipulava inspeção a cada 10.000 Km.
      Agora não mais.
      E ainda terá uma versão V6...
      Não adianta. Amarok está em um nível muito acima do resto. Muito acima mesmo.

      Excluir
    3. E a que mais da defeito e a que mais desvaloriza !!!!

      Excluir
    4. Infelizmente não é apenas 0,0000001% dos casos não, CARLOS!!! Tenho Amarok, não troco por outra no mesmo patamar - pois RAM 2500 é outro nivel de caminhonete - a minha arrebentou a correia 2x, a do meu irmão 1x fora outros problemas - bomba de alta indo pro saco... tudo isso antes do 100mil km e andando em estrada de chão de Goiás, nada de minas de ferro!!!

      Excluir
    5. A S10 tem o melhor motor da categoria, anda mais, bebe menos!

      Excluir
  2. Só fico me perguntando uma coisa... Porque diabos ela não fez isso desde o lançamento? O.o

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque os processos de desenvolvimento são assim mesmo. Evolucionários. Em alguns momentos temos processos revolucionários (como no caso do Novo A4, ou mesmo do up! e do up! TSI), mas a maioria dos processos são evolucionários.
      E o desenvolvimento de uma solução de engenharia que seja simples e eficiente é algo extremamente difícil. Tem que se pensar em todos os seus aspectos. Desenvolver uma correia dentada selada e hermética não é algo tão simples. E o resultado está aí. A mecãnica da Amarok que já era a mais eficiente disparado, agora será também a mais confiável.

      Excluir
    2. Porque as montadoras estão nem ai pro consumidor brasileiro, que paga caro por porcaria! Além disso, tentaram implementar uma pickup com motor inteiro europeu, bombas, injeção! E lá na Europa ninguem roda com diesel S10 lixo que nem o nosso e sim com S5 genuinamente Europeu! Estive na Alemanha e cheguei ao ponto de trazer uma peça pra minha Amarok de Munique pra cá, tendo em vista ser metade do preço no concessionário alemão! Montadoras deitam e rolam no consumidor brasileiro! E não temos o que fazer no país do imposto! Não troco por outra, Hilux é disparadamente a melhor mecânica até então, não quebra de forma alguma, menor desvalorização, mas não tem o conforto da Amarok!

      Excluir
  3. A Quatro Rodas viajou nesse consumo da Amarok. Ela faz médias bem melhores que a concorrência.

    ResponderExcluir
  4. Esse ruido a 120km/h em db deveria ser medido em todos teste de carros por aí. Só ficam falando que é barulhento ou não e não provam.

    ResponderExcluir
  5. Pergunta dos diretores da Vw da Alemanha para a Vw do Brasil, em virtude da previsão do novo aumento de preços e do fato de ser a única pick-up não Flex do Brasil:

    VAMOS VENDER QUANTAS?

    NÃO VAMOS COLOCAR UMA META, VAMOS DEIXAR A META ABERTA E QUANDO A GENTE ATINGIR A META, NÓS DOBRAMOS A META.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.