Car.blog.br

Pesquisar este blog

Ford EcoSport 2016 terá versão 1.6 automatizada Powershift

Categorias: , 28 Comentários

A Ford do Brasil prepara uma novidade mecânica para a linha 2016 do EcoSport. Trata-se do powertrain composto pelo motor Sigma 1.6 Flex de 130 cavalos associado à transmissão automatizada Powershift de seis marchas.

Ford EcoSport 2016 Powershift 1.6

Esse conjunto era oferecido no Focus até a linha 2014, e foi abandonado na versão atual reformulada do hatch médio, em função de insuficiência de desempenho. Entretanto, o Focus é mais pesado que o EcoSport, de modo que a solução pode funcionar melhor no crossover.

Ford EcoSport 2016 Powershift 1.6

A transmissão será a mesma PowerShift já aplicada nos EcoSport 2.0, com dupla embreagem e seis marchas. A opção 2.0 + Powershift continuará.

Ford EcoSport 2016 Powershift 1.6

A novidade é uma resposta da Ford à queda de vendas que seu modelo vem sofrendo desde a chegada do Honda HR-V, Jeep Renegade, Peugeot 2008 e também do Novo Duster 2016.

Postagens relacionadas:

28 comentários:

  1. Respostas
    1. Exatamente isso, nada como a concorrência para se movimentar.

      Excluir
    2. Isso é só demora e lerdeza mesmo, pois se o EcoSport é derivado do Fiesta, por que essa configuração ainda não estava disponível?
      Ford sendo Ford de novo.

      Excluir
    3. Isso sem falar na demora que foi para a FreeStyle ter o câmbio automático

      Excluir
  2. Não será essa pequena alteração q salvará o Eco da humilhação que ele vem passando. A ford poderia ter se mexido antes do mundo do Ecosport desabar, mas ficou olhando as ameaças de JEEP e HONDA deixar os projetos e papéis e se tornarem reais.
    Burrice pura! A FORD é acomoda demais... Veja que no new fiesta faz a mesma coisa. Não promove qq mudança substancial no produto só pq a concorrencia já desistiu d lutar, porém a VW vem comendo pelas beradas com o FOX, q aliás, quem for vê-lo pessoalmente nas CCS, o modelo Higline e Cross mais precisamente, estão dando um banho no FORD. É uma questão de tempo ganhar a preferência nas vendas.
    O problema do ECo são uns 10mil reais a menos no preço e uns 7ou8mil a mais em qualidade e acessórios que o carro deveria ter...

    Só isso!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os problemas do Nhecosport são:
      Pior acabamento possível em um carro, verdadeiro amontoado de plásticos com rebarbas.
      Montagem horrorosa.
      Câmbio powershit

      A maior prova disso são as vendas:

      1- Hrv
      2- Renegade
      3 - Duster
      4 - Ecosport


      O consumidor já está buscando mais qualidade, então é bom a ford dar uma bela melhorada no carro, se não quiser continuar em queda livre.

      Excluir
    2. Acredito que o Fox falta itens de segurança, diga-se airbags e um câmbio automático ou com duas embreagens. Além disso o polo tinha uma qualidade melhor e custava bem menos a pouquíssimo tempo. Vw e fiat cobram caro por opcionais, chegando a valores altos quando completos. Um golf 1.4 highline passa do preço do A3 1.8 ambition quando completo!

      Excluir
    3. Pela sua lógica, de que as vendas refletem as qualidades dos produtos, o up! seria um produto ruim e os Fiats excelentes veículos.

      O mercado não é tão simples, pois além do produto, considera preço, condições de financiamento, marketing, pós-venda, valor de revisões, localização de CSS, disponibilidade de entrega, avaliação do usado...

      Excluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  3. Ué, ainda não era vendido a eco 1.6 powershift? Pensei que era vendido com esse conjunto na eco e no nfiesta. Aff

    ResponderExcluir
  4. Para entrar no páreo vai ter de oferecer motor turbo com dupla embreagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso só vai acontecer quando a concorrência oferecer isso no mesmo segmento.
      E quando a concorrência fizer, só depois de dois anos a Ford vai se mexer, como de costume.

      Excluir
  5. Nunca entendi a ausência dessa configuração.

    ResponderExcluir
  6. De que adianta colocar este PoweLixo com problemas insolúveis de trepidação e patinação que estão fazendo os proprietários de New Fiesta 1.6 desistirem deste cambio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai exagerou quem fez upgrade no software do cambio diminui em muito essa trepidação
      Melhorou mas não eliminou por completo mas é um avanço, o que é muito bom

      Excluir
  7. Aí carblog, já tem vídeo do TSI fazendo 0-100. Contei 8s. Ficou show mesmo!
    http://youtu.be/5mWsGEqtGBI

    ResponderExcluir
  8. Esse powershit eu dispenso, campeão de reclamações.

    ResponderExcluir
  9. Talvez a chegada do Powershift no 1.6 do Ford Ecosport leve a Renault a colocar o câmbio de dupla embreagem e 6 marchas que tem lá fora no Duster 1.6 ou mesmo no 2.0 para não perder o 3 lugar.

    ResponderExcluir
  10. Não se pode considerar o tempo exato 0-100 pelo velocímetro, é certo que o ponteiro no 100 estará na real em 93-95 km/h.

    ResponderExcluir
  11. "Esse conjunto era oferecido no Focus até a linha 2014, e foi abandonado na versão atual reformulada do hatch médio, em função de insuficiência de desempenho. "

    Qual a fonte deste comentário?
    Desde quando esse foi o motivo para o Powershift ter sido descontinuado no Focus hatch?

    ResponderExcluir
  12. Falam falam...
    Mas em ruas esburacadas o DSG parece carro velho...

    ResponderExcluir
  13. Essa tranqueira não tem a menor chance com HRV e Renegade no mercado. Devia custar uns 10 mil menos.

    ResponderExcluir
  14. Sério que esse carro não vai mudar na na linha 2016? Nem sequer a roda?
    Parece até que a Ford ta cagando e andando pro segmento de SUV compacto.

    ResponderExcluir
  15. Brincadeira!!!!!
    Coloque o motor Dragon 3 cilindros igual ao europeu na ecosport urgente, pois motor sigma 1.6 da geração 1.6 com power shift e ........

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.