Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fim de linha para a suspensão hidropneumática da Citroen

Categorias: , 12 Comentários

A suspensão hidro-pneumática, recurso que já foi o principal apelo técnico dos modelos de luxo da Citroen, especialmente os primeiros Citroen DS, será descartada pelo grupo PSA/Peugeot-Citroen em um processo de redução de custos.

Citroen C5 2015

A tecnologia, fabricada na unidade da PSA no noroeste da França, termina com o fim do Citroen C5.

Citroen C5 2015

Combinando uma bomba hidráulica com esferas pneumáticas preenchidas com nitrogênio, o sistema de suspensão da Citroen criou um nível de conforto praticamente inigualável entre 1955 e 1975, tendo contribuído para a mística futurista que envolvia os modelos DS.

Citroen C5 2015

A esse sistema de suspensão também é atribuído o mérito de ter salvo o General Charles de Gaulle, presidente da França, de uma tentativa de assassinato em 1962, quando o DS presidencial foi capaz de escapar de uma emboscada mesmo com dois pneus furados por tiros.

Citroen C5 2015

Recentemente, porém, alternativas controladas eletronicamente, como a suspensão adaptativa DCC da Volkswagen, superou a suspensão hidropneumática da Citroen em dirigibilidade e preço.

Citroen C5 2015

A decisão de colocar fim a essa tecnologia faz parte de um amplo plano de redução de custos da Citroen. O CEO, Carlos Tavares, apontou que existem outros sistemas que funcionam tão bem quanto, mas custam menos.

Citroen C5 2015

O aspecto interessante é que o fim da suspensão hidropneumática acontece exatamente no momento em que a marca DS da Citroen começa a ganhar vida própria, novamente. Dos atuais modelos DS, nenhum adota esse tipo de suspensão.

Citroen C5 2015

O novo DS5, por exemplo, adota uma suspensão adaptativa fornecida pela alemã ZF.

Citroen C5 2015

Atualmente, sistemas de suspensão hidráulica ou hidropneumática são usadas apenas em modelos de ultra-luxo da Rolls-Royce, assim como topos de gama da Mercedes-Benz e da Audi.

Citroen C5 2015

As vendas do Citroen C5 com suspensão hidropneumática caíram para cerca de 10.000 unidades por ano, sendo que sua suspensão responde por uma pequena parte da produção da fábrica de componentes da PSA na Normandia. Essa unidade ainda fabrica esperas pneumáticas para a Rolls Royce.

Fonte: Automotive News

Postagens relacionadas:

12 comentários:

  1. Os carros da citroen são interessantes.... Mas, falta algo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falta que as pessoas vejam os carros como são, e não com o pré conceito que normalmente vejo em comentários da internet, alguns dos carros são ótimos,.

      Excluir
    2. Ótimos 0km, depois é só dor de cabeça.

      Excluir
    3. dor de cabeça por falta de cuidado dos donos pois, tenho um c5 2008 e nunca tive dor de cabeça com a suspensão.

      Excluir
  2. É o fim de uma era! Piada dizer que suspensão DCC da VW é melhor, essa da Citroën só é superada por aquela da Classe S que lê o asfalto, mas também né...

    Citroën indo na contra-mão do mundo e tirando a personalidade de seus carros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ela nao esta indo na conta-mao do mundo ela so esta se adaptando as novas condicoes do mercado mundial e o estilo esse sim e unico na citroen vem evolindo muito nos ultimos lançamentos como o c4 picasso e c4 cactus

      Excluir
  3. Que está indo na contra-mão são alguns brasileiros! Pagando quase 100k em um volvorolla sem nenhum sistema de segurança ativa (ESP/T, ou ESC).
    Entregando a vida a propria sorte! Agora, até o Sentra versão de entrada tem ESP!

    ResponderExcluir
  4. soh quem tem sabe, quem nao tem citroen amem.
    com duas suspensoes Hidractive fui muito feliz

    ResponderExcluir
  5. Sou apaixonado pelo C5. Tenho um 2006/2007 e não imagino ficar sem ele. Faço revisões periódicas e o carro é excelente na cidade e no asfalto. Estou tentando achar um mais novo para manter, ultimo que veio para o Brasil foi 2012. O meu tem 58.000km pois tenho tb um DS4 2014. o C5 é melhor, mais confortável, o DS4 tem mais motor e é mais potente, muito mais. Pena que não fabricarão mais com a suspensão...

    ResponderExcluir
  6. Realmente ter um C5 é um prazer. Ele é maravilhoso, suspensão excelente, bom desempenho. Tenho um 2006/2007 com 58.000km e não tenho coragem de trocar. Comprei um DS4 2014 mas mantive o C5 e não arrependi. O DS4 é mais potente, lindo, mas o C5 é muito mais confortável. Pena ter parado de produzir.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.