Car.blog.br

Pesquisar este blog

Audi enfrenta Toyota, Nissan e Porsche nas 24h de Le Mans

Categorias: , , , , 7 Comentários

24 Horas de Le Mans é a mais famosa, longa e desafiadora corrida de endurance do mundo. Ocorrendo na França anualmente desde 1923, é também uma das mais emocionantes e desafiadoras. Dentro das 24 de Le Mans, a categoria LMP1 é a de mais alto nível,

Audi R18 e-tron Quattro 2015
Audi R18 e-tron Quattro 2015
A categoria LMP1 (Le Mans Prototype) é disputada por carros experimentais com o que há de mais avançado em termos de tecnologia automotiva. Nessa categoria, os modelos devem conter sistemas de propulsão híbridos altamente eficientes, incluindo motores elétricos, motores a combustão, baterias e sistemas de armazenamento de energia regenerativa. As regras de projeto são bastante amplas, o que acaba fazendo que as montadoras apresentam carros com aparência e powertrain bem diferentes entre si.

Audi R18 e-tron Quattro 2015
Audi R18 e-tron Quattro 2015
Desde 2012, quando a Audi colocou na pista o Audi R18 e-tron Quattro, a montadora alemã venceu todas as provas com seu novo powertrain híbrido. Este ano, porém, vai enfrentar uma competição mais pesada de Porsche, Toyota, e Nissan, já que pela primeira vez, desde 1999, haverá quatro fabricantes diferentes na pista. Os modelos são os seguintes.

Audi R18 e-tron Quattro

O Audi R18 e-tron Quattro adota um esquema com motor central, turbo, V-6 de injeção direta, diesel com tração nas rodas traseiras.

Audi R18 e-tron Quattro 2015
Audi R18 e-tron Quattro 2015
Esse propulsor opera em conjunto com um motor elétrico alimentado por baterias e pela energia regenerada de frenagens, que impulsionam as rodas dianteiras.

Nissan GT-R Nismo LM

A Nissan entra no campo em Le Mans este ano com um carro totalmente novo baseado em um projeto radical. Em uma ruptura completa com a tradição, ele tem um motor V-6 a gasolina twin-turbo, na frente e que transmite potência às rodas dianteiras. A energia regenerada nas frenagens pode ser enviada às rodas dianteiras ou às traseiras.

Nissan GT-R Nismo LM
Nissan GT-R Nismo LM
O esquema de motor dianteiro e tração integral permite ao modelo ser bastante baixo, com um enorme nariz dianteiro.

Nissan GT-R Nismo LM
Nissan GT-R Nismo LM
Em função dos peso sobre as rodas dianteiras (motor frontal), os pneus dianteiros são bem mais largos que os traseiros.

Nissan GT-R Nismo LM
Nissan GT-R Nismo LM
Esse formato também permitiu à Nissan trabalhar a parte aerodinâmica nas laterais e traseira, garantindo maior downforce na traseira - o que é uma deficiência dos modelos de motor central (como o da Audi).



Porsche 919 Hybrid-1

O Porsche 919 Hybrid-1 teve sua eficiência aprimorada este ano, com uma estrutura ainda menor, motor turbo atrás do motorista, usando um esquema atípico V-4 com tração traseira.

Porsche 919 Hybrid-1
Porsche 919 Hybrid-1
A grande novidade é a utilização de um sistema de sistema de recuperação de energia de oito mega-joule, que pode armazenar uma enorme quantidade de energia, e que amplia ainda mais a potência em modo elétrico.

Toyota TS040 híbrido WEC-1

Audi pode ter ganho a corrida de Le Mans no ano passado, mas a Toyota venceu o Campeonato Mundial de Endurance (WEC), do qual Le Mans é simplesmente uma corrida.

Toyota TS040 híbrido WEC-1
Toyota TS040 híbrido WEC-1
E ela fez isso usando um motor V-8 3.7L movido a gasolina sem turbocompressores. É claro que, conforme as regras, o carro da Toyota também usa um sistema de recuperação de energia híbrida, mas adota uma bateria de 6 mega-joule.

Toyota TS040 híbrido WEC-1
Toyota TS040 híbrido WEC-1
Dois motores elétricos ajudam o motor a combustão com potência nas rodas traseiras, mas enviam potência também às dianteiras, em um sistema de tração integral.

Ford GT na LM GTE Pro

A Ford anunciou que participa da 24 de Le Mans de 2016 com o Ford GT, mas em categoria inferior, a LM GTE Pro, que tem carros não tão avançados, sem sistemas híbridos e sem a obrigatoriedade de sistemas de regeneração de energia.

Ford GT Le Mans

O Ford GT de Le Mans adota um motor EcoBoost V6 3.5, motor que estreou no campeonato TUDOR United SportsCar em 2014.

Postagens relacionadas:

7 comentários:

  1. Situação atual da corrida (4 horas de corrida): Porsche lidera seguido de dois Audi.
    E mais dois Porsche.
    O primeiro Toyota vem em 6º.

    1 #17 Porsche (Hartley)
    2 #7 Audi (Treluyer)
    3 #9 Audi (Albuquerque)
    4 #18 Porsche (Lieb)
    5 #19 Porsche (Bamber)
    6 #1 Toyota (Davidson)
    7 #2 Toyota (Sarrazin)
    8 #8 Audi (Di Grassi)

    ResponderExcluir
  2. O Nissan GT-R LMP1 tá tomando pau dos carros LMP2! Que desastre.
    O Ford GT já está fora da corrida. Acho que o motor EcoBoost estourou. Não aguentou nem 2 horas de corrida.
    Que vexame heim Ford?

    ResponderExcluir
  3. Acho interessantíssimo prototipos com tração integral, me lembrou um pouco DTM. O regulamento deveria liberar o uso completo dessa tração, pois além de ser mais seguro pros pilotos, a categoria se destacaria muito em tecnologia além do que ja se destaca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O DTM era liberado tração integral, mas os Audi Quattro ganhavam todas, e não sobrava para ninguém. BMW e Mercedes não conseguem chegar nem perto da tecnologia Quattro da Audi.
      Então resolveram banir a tração integral para dar uma equilibrada...

      Excluir
    2. Concordo contigo, Carlos! Mas a BMW contratou como presidente da BMW M, o responsável pela Audi Quattro, Franciscus Van Meel, aí que, tudo indica, a tração integral da BMW será tão boa também!

      Excluir
  4. Porsche e Audi comandam essa corrida! Dai que sai as tecnologias que chegam em carros normais de rua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os Porsche e Audi parecem ser de outro mundo. Com 12 horas de corrida, Porsche 919 lidera, com Audi R8 E-tron em segundo, 1 minuto e 30 segundos atrás. Acho que este ano vai dar Porsche!
      Agora, o primeiro carro não Porsche ou Audi é um Toyota TS040, da equipe oficial da Toyota, que vem nada menos que 4 voltas atrás do Porsche e do Audi. Repito: Toyota 4 voltas atrás.
      Não tem o que falar: Audi e Porsche estão séculos à frente da Toyota em termos de tecnologia automotiva.

      http://www.autosport.com/news/report.php/id/119480

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.