Car.blog.br

Pesquisar este blog

Hyundai Brasil aumenta preços do HB20, HB20S e do HB20X

Categorias: , , , , 28 Comentários

A Hyundai do Brasil promoveu uma elevação geral nos preços sugeridos dos seus modelos fabricados no Brasil: Hyundai HB20, HB20S e HB20X.

Hyundai HB20 2015

O menor incremento foi de R$ 200 reais, incorporados ao modelo de acesso, HB20 1.0 Comfort - que agora custa R$ 37.995 reais.

Hyundai HB20S 2015  - Preço

Já a maior majoração foi verificada no Hyundai HB20S 1.6 Comfort Style, que passa a ter preço sugerido de R$ 51.375.

Hyundai Hb20X - Preço

A tabela abaixo traz os preços atuais (abril/2015), os anteriores, o aumento e a variação percentual.

ModeloVersãoPreço atualPreço anteriorAumentoVariação
HB20
Comfort 1.0R$37.995R$37.7952000,50%
Comfort Plus 1.0R$41.265R$40.8953700,90%
Comfort Style 1.0R$44.135R$43.7653700,80%
SpicyR$44.450
Comfort Plus 1.6R$46.635R$46.1754601,00%
Comfort Plus 1.6 ATR$49.995R$49.5454500,90%
Comfort Style 1.6R$49.505R$48.9855201,10%
Comfort Style 1.6 ATR$52.865R$52.3555101,00%
SpicyR$49.975
Soicy ATR$53.545
Premium 1.6 ATR$55.755R$55.3104450,80%
Premium 1.6 AT + CouroR$57.345
Premium + BlueNav + CouroR$60.175
HB20S
Comfort Plus 1.0R$44.895R$44.1957001,60%
Comfort Style 1.0R$47.765R$47.0657001,50%
Comfort Plus 1.6R$49.265R$48.5657001,40%
Comfort Plus 1.6 ATR$52.625R$51.9356901,30%
Comfort Style 1.6R$52.135R$51.3757601,50%
Comfort Style 1.6 ATR$55.495R$54.7457501,40%
Premium 1.6 ATR$58.385R$57.7006851,20%
HB20X
Style 1.6R$52.495R$52.3451500,30%
Style 1.6 ATR$55.855R$55.7151400,30%
Premium 1.6 ATR$59.355R$59.2001550,30%

Postagens relacionadas:

28 comentários:

  1. Eu estava pensando em comprar um hb20 confort style. Mas agora com esse aumento eu desisti. 50 mil num carro popular feijão com arroz não me desce. Vou de i30 semi novo muito mais negócio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pega um focus titanium, golf sportline..

      Excluir
    2. Você ia comprar o carro e desistiu porque aumentou o preço? O aumento médio foi de 500 reais. Essa diferença inviabiliza sua compra? Então vc não vai mais comprar carro nenhum porque todos aumentaram. Que o i30 seminovo é muito mais carro isso não tem dúvidas, mas a única semelhança é o preço de compra. Pense primeiro na diferença de preço da manutenção, seguro e desvalorização de um popular fabricado no Brasil para um importado de categoria superior e verá que são carros para consumidores com renda distinta. Mas se cabe no seu bolso fará um ótimo negócio.

      Excluir
    3. Bom se R$500,00 lhe incomoda
      aha vc vive aonde em que planeta
      me conte
      bom nós estamos no Brasil, se ainda assim vc fica horrorizado,:
      PEDE PARA SAIR

      Excluir
    4. Parabéns pela sua atitude José, é dessa maneira que iremos conquistar o respeito merecido por essas montadoras. Por falar nisso o Moan estava choramingando hoje dizendo que o trimestre foi muito ruim... quero ver quando o pacote de austeridade fiscal for implementado, quem não tiver lastro e utilizar o cartão de crédito para todas as necessidades vai chorar ao extremo.

      Excluir
  2. Aumentos e mais aumentos. Aonde vamos parar desse jeito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos parar como uma Argentina, onde Sentra topo de linha custa o equivalente a R$ 108 mil.

      Excluir
  3. Vamos boicotar as vendas de carros zero.

    ResponderExcluir
  4. Quando comprei meu HB20, conseguí por 33 mil. Hoje quando vejo esses preços, é de se assustar qualquer um. Muito caro.

    ResponderExcluir
  5. E o pior, uma vez que há aumento de preço NUNCA MAIS o preço volta a diminuir.

    ResponderExcluir
  6. Preço de carro no Brasil é uma piada de mau gosto!

    ResponderExcluir
  7. Hb20 1.6 por 60 mil reais, Onix 1.4 por 60 mil reais, Voyage 1.6 por 60 mil reais, fiesta 1.6 por 70 mil reais... Ai ai ai

    ResponderExcluir
  8. Quando postei na comunidade do Facebook do hb20,achando um absurdo pagar 40 mil em um 1.0 me excluíram.kkkkkk!!!
    Vamos ver agora o que os moderadores têm a dizer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Hyundai que faz o carro. E ela coloca o preço que ela quer.
      Os consumidores de HB20 ganham seus dinheiros, e fazem dele o que querem.
      Então não é da sua conta o preço que a Hyundai pede pelo HB20, como também não é da sua conta o que uma pessoa faz com seu dinheiro. Se ela quer comprar um HB20, ótimo para ela.

      Assim, dizer que acha um "absurdo" pagar "x" por um produto que não é vc que faz, e que não é comprado com o seu dinheiro não passa de fofoca. Sim, fofoquinha de quem não tem o que fazer da vida e fica comentando da vida alheia.

      "Oh!, que absurdo que fulana pagou X naquele carro!"

      Não passa disso. Fofoca. E como fofoca é ridículo, fizeram bem em te expulsar, e deveriam te expulsar daqui também, já que este não é site de fofocas.

      Aliás, já que vc gosta tanto de fofocar, procure o site da revista Contigo ou Ti Ti Ti, ou Caras...

      Excluir
    2. A questão nem é essa, dizer que um carro zero no Brasil é absurdo é chover no molhado...a questão é que carros que antes eram ditos "populares" ou seja, carros 1.0 estão sendo vendidos a preço de ouro, 40K em um carro 1.0? nenhuma vale isso, óbvio, mas em 2013 o mesmo carro era vendido a 32k, pq aumentou tanto? ora, agora airbag (que como citaram custa 20 dolares pro fabricante) e ABS é obrigatório, viram ai uma oportunidade para inflar os preços.

      Excluir
    3. Porque aumentou tudo isso? Faz a soma da retomada do IPI mais a inflação de 2 anos e verá que o aumento de 5 mil não é nenhum absurdo. Não estou defendendo o HB20, sabemos que todos os carros no Brasil são caros, mas simplesmente temos que ter consciência de que TODOS os carros aumentaram seus preços de 2 anos pra cá.

      Excluir
    4. O que não aumentou foi o salario do povo.
      Kkk

      Excluir
    5. carlos4carros:
      É graças a esse pensamento mesquinho e infantil de "o dinheiro é meu"que as montadoras deitam e rolam no Brasil.
      A questão não é o quanto as pessoas gastam seu dinheiro,mas sim como gastam
      Realmente,se o cara quer pagar tudo isso em um modelo que passando três ou quatro anos não valerá a metade,que pague,mas depois que não reclame de desvalorização.
      Aliás,o fofoqueiro aqui no blog é tu,que defende tanto os carros da VW,mas sempre vem dar pitaco nas outras montadoras.

      Excluir
  9. O setor ta perdido a discrepância entre o valor de um zero km e de um semi novo é um abismo, só sendo muito distraído e desinformado pra comprar um carro zero nacional.

    ResponderExcluir
  10. Olha galera é de se pensar....

    Por 60 mil dá pra pegar uma ix35, Captiva ou ASX modelos 11/12, que não estão tão usadas assim....

    O problema é como o diogo disse, se a manutenção, combustível, seguro e etc, cabe no bolso...

    Se couber, huuuuum o mercado de automóveis zero estará em apuros....

    ResponderExcluir
  11. E em pensar que eu ficava fascinado em comprar um carro zero.... eu achava o máximo, mas os tempos mudaram e agora só tenho olhos para os usados, e digo, com o mesmo prazer que eu olhava os novos. Porque? A opção de usados esta recheada de carros interessantes e com preço convidativo, não sei vocês, mas agora pra mim, só "semi-usados". E perdi todo o prazer em carros "novos" em preços também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Digo o mesmo. Sai de um Fox Prime 1.6 manual 2011 com 45km pra um Tiida 1.8 SL Automático 2012 da sogra com 42km. Fiz todas as revisões (inclusive óleo do câmbio AT), coloquei Michelins, mandei espelhar e colocar um central com GPS, lavamos e hidtratamos o couro etc e etc. Gastei no final (troca de carro + deixar o Tiida bala) 8 mil reais.
      Nada de se preocupar com carro nos próximos 5 anos =)

      Excluir
  12. O mercado brasileiro de automóveis não é regulado pelo mercado como se pensa, a chamada lei da oferta versos demanda. Os preços estão subindo com estoques altos, imagino quando os estoques baixarem, vão subir mais. Sem discutir margens de lucro, as pressões sobre os preços dos produtos industrializados nessa crise é bem alta, a saber, energia, dólar, encargos, etc. Mesmo em produtos com percentuais de nacionalização alta. Ainda sim, a maior parte do preço dos carros é impostos. Se a gente compra a prazo ainda tem os juros pela hora da morte, a tal da tac, o iof. etc. Por isso, em tempos de zero caro o usado ganha espaço, os consórcios viram opção para quem já tem carro e pode esperar ser contemplado. No fim paga quem pode, reclama quem não. Comparar preços com outros países cuja realidade é outra, como os estados unidos é complicado. Eles em crise compram muito mais que nós, gerar escala por lá é mais fácil, isso reduz preços, os impostos também são menores. Pena mesmo é não podermos importar os usados deles. Se pudéssemos, mesmo com 50% de impostos ainda seria um bom negócio porque a depreciação deles é muito maior e os carros bem mais equipados.

    ResponderExcluir
  13. essa de discutir aumento das coisas é algo tão desgastante, pois a solução só pode ser feita a quatro anos
    como ja escolheram não tem como ficar discutindo, fica para próxima vez

    ResponderExcluir
  14. puro plástico , motor 1.0 e mais de 40 mil por isso, somente sendo estúpido para não questionar e aceitar, aliás, ninguém aceita já que ninguém comprou nada e nem vai comprar pq não tem dinheiro, querer reprimir quem critica os preços elevados é puro exibicionismo, ninguém aqui é rico, desce do palco.

    ResponderExcluir
  15. ao invés de discutir o que é justo e o que não é... melhor deixar de comprar...

    ResponderExcluir
  16. Pessoal, caixão não tem gaveta. Quer comprar um carro novo ? Compre e curta. Faz muito bem um carrinho novinho na garagem.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.