Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW up! I-Motion (automatizado) x manual: qual o melhor?

Categorias: , , 32 Comentários

Agora que temos as duas configurações mecânicas do up! - manual e automática - sendo testadas pelas mesmas pessoas, já é possível estabelecer um comparativo sobre semelhanças e diferenças de comportamento entre os dois carros para responder a questão: qual a melhor opção?

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

A primeira observação a ser feita é que o up! I-Motion adota o comportamento ideal de troca de marchas, como faria um exímio motorista. Assim, a transmissão I-Motion está sempre alterando as marchas para colocar o carro na mais indicada à circunstância em que o veículo está rodando em todos os momentos.

Volkswagen up! I-motion - interior - painel

Como a maior parte das pessoas tem "preguiça" de trocar as marchas, o resultado é que a transmissão do up! I-Motion funciona melhor que a maior parte dos (e das) motoristas - fazendo-os muito satisfeitos com o comportamento do câmbio.

Volkswagen up! I-motion - interior - espaço traseiro

Já os mais entusiastas, que sabem cambiar nos tempos corretos e não tem preguiça de trocar as marchas, o up! I-motion não traz vantagens em temos de dirigibilidade e de agilidade, mas mesmo estes se rendem aos encantos do I-motion ao primeiro congestionamento.

Semelhanças

No campo das semelhanças, apesar de o nosso up! I-Motion ser o modelo topo de linha (White-up! completo) e o Manual ser um exemplar da versão intermediária (Move-up!), verificamos em ambos a mesma qualidade de montagem impecável, tanto na parte externa quanto no interior.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

As peças são perfeitamente encaixadas e não há desalinhamentos. Ao rodar em qualquer um deles sente-se a mesma impressão de solidez estrutural, e também o mesmo silêncio interno.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

O comportamento dinâmico é o mesmo, assim como a excelente posição de dirigir (facilitada pela regulagem milimétrica do banco do motorista), o mesmo amplo espaço dianteiro, bem superior neste aspecto ao KA SE 1.0 que vínhamos testando até o início do mês (veja detalhes do teste do Ka aqui) - o que não deixa de ser uma surpresa pelo fato de o up! ter um comprimento total 26 cm menor.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

O porta-malas do up! também é visivelmente maior (285 litros) que o do Ka (257 litros), e também mais prático, pois o do up! conta com o sistema S.A.V.E (veja detalhes deste sistema clicando aqui).

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

Da mesma forma, tanto o up! I-Motion quanto o MT são parecidos no aspecto de se mostrarem mais ágeis e agradáveis de serem conduzidos que o Ka SE 1.0 - em qualquer situação.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

O que falta de torque em baixa rotação no Ka, abunda no motor do up!, e, no caso do Manual, exige poucas trocas de marchas. No caso do I-Motion, que não exige troca alguma - e nem acionamento de embreagem, tem-se um carro ágil em cidade e em estrada.

O up! I-Motion em cidade - Congestionamentos

O I-motion deixa uma impressão muito favorável de "custo x benefício" ao usá-lo em um congestionamento. Aí você se lembra que teria que estar acionando a embreagem, engatando a primeira, soltando a embreagem, milhares de vezes - um processo maçante e irritante.

Volkswagen up! manual - interior

Já no up! I-motion você apenas aguarda liberar a via, e acelera. Parou de novo? Freia. E aguarda o trânsito fluir novamente no ambiente silencioso da cabine do up!, e refrigerado pelo excelente ar-condicionado - que consegue gelar a cabine mesmo sob intenso calor externo. E também ouvindo uma música no sistema de som - que pode estar armazenada no seu smartphone conectado ao up! via Bluetooth.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado - interior

O resultado é que o estresse causando pelo congestionamento quando se está em um up! I-motion com ar-condicionado é muito menor, e aí vem à mente que este é o carro com câmbio de operação automática mais barato que tem no mercado, resultando em uma impressão de "custo x benefício" muito favorável.


Além disso, nosso up! I-motion é um representante da versão topo de linha, White-up!, que vem com o volante revestido em couro, com inserções em Black Piano - oferecendo uma pega excelente. Então, além de custo x benefício, observa-se um interior não só bem acabado (como em todos os up!s), como requintado.


Requinte este que é reforçado pelos bancos revestidos em Native - material sintético que imita o couro, resultando em um aspecto interior ainda mais agradável aos olhos e ao tato.

Saídas em ladeiras

Umas das dúvidas sobre o funcionamento do up! I-motion é como ele se sai arrancando em ruas inclinadas. A saída em ladeiras com o up! I-Motion é um processo muito mais simples que com o up! com transmissão manual. Nessas situações a transmissão I-motion é de grande ajuda, pois não há o pedal de embreagem.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

Assim, como o carro tem apenas dois pedais, freio e acelerador, basta manter o carro parado com o pé esquerdo no freio, e acelerar com o direito, ao mesmo tempo que se solta o freio.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

A operação é simples e sem riscos, e muito mais fácil de ser executada que em um carro manual, pois não há a necessidade de controlar a embreagem.

Diferenças - Trânsito mais livre

Já com trânsito mais livre, constata-se algumas situações que o up! "erra" na troca de marchas. O up! I-motion não tem uma tecla "S", como existe em outros automatizados, e que força a transmissão em rotações mais elevadas. No lugar disso, o software analisa a situação e estica mais ou menos as marchas dependendo da necessidade.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

Entretanto, algumas vezes ele se engana. É o caso, por exemplo, quando se entra em uma via de velocidade mais alta, normalmente em segunda, e se precisa acelerar rapidamente. Em um câmbio manual o motorista esticaria a segunda marcha para ganhar velocidade rapidamente, e depois trocaria.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

No caso do I-Motion, se você entrar nesta via e acelerar tudo, o up! vai manter a segunda marcha. Mas, se o motorista estiver acelerando normalmente, o software de gerenciamento da transmissão vai trocar para a terceira marcha (buscando maximizar a economia de combustível), e o carro vai perder agilidade.

Volkswagen up!: Automático x Manual - qual o melhor?

Ocorre que conforme o motorista vai se acostumando com o carro, ele começa a conhecer as situações em que o up! trocará a marcha inadequadamente, e passa corrigir o comportamento do câmbio dando um toque para baixo na alavanca de câmbio, mantendo a transmissão na marcha mais curta nesses processos de aceleração. Acaba ficando um processo natural, e que acaba se incorporando inconscientemente ao processo de dirigir. Vale lembrar que a transmissão volta ao modo automático sozinha em momento posterior se o motorista não estiver mais trocando as marchas manualmente.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Outra opção é pisar mais fundo no acelerador para garantir a maior agilidade com o câmbio esticando mais as marchas. Mas esta foi a única situação até agora que consideramos adequada uma intervenção do motorista nas escolhas da transmissão, sendo que na maior parte das situações o câmbio está na marcha correta.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Up! I-motion em estrada

O comportamento do up! I-Motion em rodovia é exemplar. Nesse tipo de condução a transmissão é perfeita pois as reduções de marchas são muito rápidas, suaves e sem trancos.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Assim, quando se está andando com o up! em rodovia, a transmissão I-Motion coloca as marchas corretas em todas as situações. Quando começa uma ladeira, ele reduz de 5ª para 4ª para permitir manter a velocidade.

Volkswagen up! Manual x Up! I-Motion Automatizado

Em ultrapassagens, basta se acelerar mais fundo que o up! troca para uma marcha inferior para permitir maior agilidade e segurança na manobra.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Em subidas de serra é outra situação que nos impressionou, pois a transmissão mantém as marchas mais corretas a todo o instante.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Assim, de um percurso de mais de 400 km que fizemos em estrada não sentimos necessidade de intervenção no câmbio em nenhum momento.

Vídeo - up! I-Motion - Autoentusiastas



O vídeo acima traz a avaliação do up! I-motion feita pelo site Auto Entusiastas (teste completo clique aqui).

Conclusão

O up! manual é um carrinho compacto tão bom e agradável de ser conduzido que achávamos difícil que outro carro pudesse superá-lo. Mas o up! I-Motion conseguiu ser ainda mais surpreendente.

Volkswagen up! Manual x Up! I-Motion Automatizado

O up! automatizado agrega a todas qualidades do up! manual - solidez, silêncio, suspensão corretamente ajustada, prazer ao conduzir, entre outras - o conforto excepcional tanto em cidade quanto em estrada propiciando por uma transmissão que troca marchas por conta própria.

Volkswagen up! Manual x Up! I-Motion Automatizado

E isso fica ainda mais evidente quando se está em um congestionamento, situação na qual você constata que os R$ 2.320 reais que se gastou na transmissão I-Motion foi um investimento muito bem feito.

Volkswagen up! I-Motion Automatizado x  manual

Enfim, respondendo a questão título da matéria: ambos os up!´s - manual e I-motion (automatizado) - são ótimos, ágeis, confortáveis, bem acabados, econômicos e muito agradáveis de serem conduzidos, mas o up! I-motion consegue ser ainda melhor que o já excelente up! manual.

Postagens relacionadas:

32 comentários:

  1. O que o Ford Ka têm haver com a comparação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. è que o ford Ka é concorente da la Ferrari
      Afinal ele é um bólido com 985 Cv
      Acorda

      Excluir
    2. Bom a verdade;
      vc tem que alugar um e outro e assim tirar a conclusão,afinal só vc pode decidir

      Excluir
    3. O problema é que não tem up-Imotion para alugar. E em test drive não é possível perceber as nuances de comportamento dessa transmissão, nem verificar onde ela torna o carro muito mais confortável, que é em trânsito congestionado, e nem onde ela melhor se comporta, que é em estrada.
      Depois de andar muito com os dois, hoje, eu, só compraria o I-motion. Fantástico o benefício que essa transmissão traz por R$ 2.350 reais a mais.

      Excluir
    4. O up! é um veículo subcompacto já o Ka é um veículo compacto. A comparação mais racional em minha opinião seria Ka Vs Gol se formos seguir esse critério.
      Em relação a transmissão I-Motion minha opinião se matém a mesma, não comprei, não compro e nem comprarei, se fosse uma transmissão automática, CVT ou uma automtizada de dupla embreagem eu até poderia pensar no caso mas essa automatizada de mono embreagem eu considero descartável, é claro que eu respeito opiniões alheias porém eu não recomendo, essa transmissão acaba totalmente com o bom desempenho que o up! possuí.

      Excluir
    5. NDA, o desempenho do up! I-motion é o mesmo do MT. A VW fala em 0,5 segundos a mais no sprint de 0 a 100 Km/h, mas eu, que tenho os dois, e já andei bastante nos dois, não percebi diferença alguma.
      Na realidade, a maior parte das pessoas percebe exatamente o contrário: que o I-motion é mais rápido. Isso acontece porque a maioria das pessoas não troca as marchas no tempo correto, e têm preguiça de reduzir.
      Aí, quando anda no I-motion, que faz isso tudo sozinho, que basta acelerar que o câmbio reduz as marchas, então elas percebem que o carro é mais ágil.
      Isso aconteceu com uma pessoa que andou nesse I-motion, e não gosta de trocar marchas. Ela achou o I-motion muito mais ágil.
      Fora que ele é muito mais confortável que a versão MT.
      Hoje, eu, que tenho os dois, prefiro o I-Motion e recomendo ele no lugar o MT. O I-motion é claramente um carro superior ao up! MT.
      Apesar que o MT é ótimo também.

      Excluir
  2. Uma das coisas que gosto no UP é exatamente o câmbio manual de engates curtos, rápidos e precisos (câmbio manual da Volks sempre foi referência), que deixa o carrinho bastante ágil e agradável de guiar (bem "na mão"). Além disso, o câmbio manual deixa o carro mais econômico e com melhor desempenho (respostas mais rápidas), e tbm não dá manutenção (e se der, é fácil e barato de fazer). / Mas acho interessante ter essa opção automatizada para quem busca a comodidade de ficar com a perna esquerda livre (da embreagem) e com a mão direita tbm livre da mudança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. André, tenho a mesma conclusão mas aqui insistem em dizer que é "a mesma coisa" o desempenho entre manual e automatizado, quer dizer que para trocar as marchas manuais como as lerdas do up! i-motion tem que ser um exímio motorista?
      O câmbio automatizado deixa o carro mais lerdo e mais gastador, isso já foi atestado por qualquer revista especializada, respeito a opinião do blogueiro, cada um tem sua sensibilidade...

      Excluir
    2. A velocidade de troca do imotion e a mesma do.mt. Quando se está em um câmbio mt demora-se mais de 1 segundo na operação embregagem, troca marcha, solta a embregagem. Não há ganho e.perda em relação ao MT nesse aspecto .

      Excluir
  3. Eu já deixei minha opinião a respeito dessa transmissão. Entretanto, é louvável um carro nessa faixa de preço ter esse tipo de câmbio disponível. Para aqueles que estão com a grana curta e querem abrir mão do pedal de embreagem, Vale a pena arriscar. Bom, eu não compraria...

    PS: Estou levemente desconfiado de que o Cao rj voltou aqui utilizando um outro perfil... rssrss...Não vou falar qual perfil, mas que a maneira de escrever são muito parecidas, ah isso é rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SDS eu também já desconfiava, nem vou falar o nome, mas imagino que ele com outro nick deve tá sofrendo, sem poder falar que é diplomata, que tem Edge e caseiros e tantas asneiras

      Excluir
    2. SDS eu também já desconfiava, nem vou falar o nome, mas imagino que ele com outro nick deve tá sofrendo, sem poder falar que é diplomata, que tem Edge e caseiros e tantas asneiras

      Excluir

  4. No meu caso optei por ficar com o tradicional câmbio manual.

    ResponderExcluir
  5. Fugindo um pouco do assunto em questão, quem dirige o Up dificilmente reprova, seja manual ou automatizado, reflexo disso são as opiniões dos donos, na grande maioria satisfeitos com ele. Na Europa é muito elogiado. Até o Jeremy Clarkson(um avaliador de carros bem criterioso e exigente) se rendeu às qualidades dele, afirmando ser "uma obra de engenharia descomplicada e bem-sucedida". Outros apresentadores britânicos também fizeram boas matérias sobre o carro, procurem no YT.

    O apreço do pessoal aqui do blog pelo Up faz lembrar a mesma admiração que um blog indiano tem por um compacto da Honda que faz muito sucesso por lá, o Brio, que tem uma proposta muito parecida com a do Volks. Sinceramente, eu não consigo entender porque a Honda não investe nesse segmento aqui no Brasil, iriam vender muito. Na índia, o Brio tem motor 1.2 VTEC. Aqui, provavelmente a Honda aplicaria um 1.0 tricilíndrico da nova família de motores dela.

    Quanto ao I-Motion, li pela net que a manutenção é muito cara quando chega a hora de trocar o conjunto da embreagem, muito acima do valor gasto na mão-de-obra da caixa convencional. E isso vale pra todos os modelos da VW com esse câmbio. Isso procede?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente a manutenção de automáticos e automatizados assusta, depois que publicaram uma lista dos preços de algumas peças do up! lá no fórum cai sentado, algumas mais caras que carros médios que custam praticamente o dobro do preço do up!, não quero nem ver o preço da manutenção desse câmbio automatizado.
      Como pretendo ficar muitos anos com ele, esse foi um dos motivos de não querer o i-motion.

      Excluir
    2. O up tem garantia de 3 anos. Não tem o que se preocupar com manutencao por 3 anos.
      E tem outra questão. Para a maior parte dos usuários o câmbio imotion tem uma durabilidade muito superior ao do manual. O imotion não tem vícios e ficar com o pé na embregagem. Não sobrecarrega o sistema ao não trocar as marchas.
      a durabilidade doa câmbios automaticos e automatizados e muito maior por conta disso.

      Excluir
    3. Fábio, pretendo ficar muito mais que 3 anos com o up!, talvez mais que o dobro desse tempo.
      Se você acompanha canais de manutenção automotiva, vera que sim esse câmbio da muito problema no robô, principalmente vazamentos com baixa quilometragem, vai da sorte de quem comprar, por hora eu preferi não arriscar.

      Excluir
    4. No canal hightorque do YouTube há um vídeo da manutenção de um I-motion do Pólo e outro do dualogic de uma Fiat idea de um taxista e os custos são de assustar... Azar de quem compra um carro desses fora da garantia...

      Excluir
    5. Os câmbios automatizados são mais duráveis que os câmbios convencionais. Eles funcionam sempre nas especificações de projeto, enquanto os convencionais não.
      Já comprei e vendi vários carros I-motion e dualogic usados, e nunca tivemos problemas com clientes reclamando. Carros usados são fora da garantia, mas a loja tem que dar garantia. E nunca, repito, nunca tivemos problemas.

      Veja exemplos de usados que já vendemos:

      http://www.car.blog.br/2010/07/volkswagen-gol-16-i-motion-trend-2010.html

      http://www.car.blog.br/2010/09/teste-novo-fox-2011-16-i-motion-trend.html

      Bravo e Linea Dualogic são mais demorados para vender pois são carros com comércio mais difícil mesmo, mesmo os manuais. Mas os VW I-Motion vendem tão bem quanto os manuais.

      E os clientes depois só querem carro automático ou automatizado.

      http://www.car.blog.br/2012/06/fiat-linea-absolute-dualogic-2010-fotos.html

      http://www.car.blog.br/2013/04/fiat-bravo-2013-dualogic-preco-consumo.html

      Essa tecnologia I-motion já existe desde 2009 e já está muito madura faz um tempo já.

      Os cambios automáticos também falavam que davam problema e eram uma fortuna para consertar. Tudo lenda. Os Automáticos se mostraram mais robustos e confiáveis que os manuais.

      Excluir
    6. SDS, acompanho esse canal a muitos anos e vi essa reportagem e infelizmente é uma fortuna a manutenção desses câmbio.

      Fábio, o custo de manutenção do i-motion está anos luz de ser lenda, o "teste dos 100 dias" do up! feito pela Carro Motorpress avaliou junto a VW a manutenção do i-motion, a brincadeirinha sai por preço médio de R$4.500,00, uma verdeira fortuna levando em conta o valor do carro e muitas vezes superior a manutenção do manual.

      Mas, conforto tem seu preço, e ainda considero caríssimo...

      Excluir
    7. Five:
      Por mais difícil que seja esse tipo de transmissão possa dar problemas, eu passo! Ainda mais para aqueles que costumam ficar com o carro depois do período de garantia.

      Excluir
    8. Esse foi um dos motivos que falei por não ter pego o i-motion, vou usar o carro por no mínimo 5 anos, rodo somente 5mil por ano, nem sei se vou usar os 3 anos de garantia, ainda vou averiguar com calma pois todos os carros que tive 70% da manutenção faço em casa.
      Também não podemos esquecer que esse detalhe da garantia não é certo, se eles falarem que for desgaste natural ou por mau uso (prática natural em qualquer montadora) quero ver provar que não, vai ter que pagar para não ficar a pé e recorrer na justiça mais tarde.

      Mas isso são outros "500" :)

      Excluir
  6. Temos os dois VW Up, o MT (6.200 km rodados) e i-motion (1.300 km rodados), o automatizado é disparado o mais divertido de se guiar, vc pode intervir a qualquer momento no modo "tiptronic". O conforto maior na cidade do i-motion, não preciso comentar. Nota dez para a VW neste Up i-motion.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu peguei o carro em São Bernardo do campo e logo peguei o Rodoanel (que por sinal está fantastico). A medida que fui andando com o up mais eu gostava dele.
      o up imotion e mais divertido que manual porque vc só troca as marchas nele quando vc quer. Então é bem legal. Concordo com o Eddie. ()s.

      Excluir
    2. Outra coisa que eu pensei quando comecei a andar no imotion e " como tem besteira escrita e falada na Internet " sobre essa transmissão.
      a pessoa que não comprar um imotion baseada nessas besteiraduas que estão escritas e faladas por aí, se tiver a oportunidade de andar em um imotion depois, certamente vai se arrepender. O imotion e show.

      Excluir
    3. Exatamente Fabio, relato da minha experiência neste assunto:

      - Na ultima semana de novembro passado encomendei um White i-motion com M&M, que ainda estava na Fabrica; dois dias depois leio o teste do Carplace demolindo com o carro, o Vrum TV também, escreveram e falaram o diabo sobre o carro. Preocupado por ter feito besteira (não havia carro para test drive), mandei uma mensagem pro Css desfazendo o negocio e optando por um Move MT. Não totalmente convencido do que havia lido no Carplace, fui pesquisar uma terceira, quarta opiniões; encontrei o test drive do Car-Blog e do Autoentusiastas aplaudindo o Up i-motion, o Arnaldo Keller só fez elogios, o link do vídeo foi publicado aqui. Assim, voltei a pedir o mesmo carro na manhã seguinte, dez dias depois recebemos o White i-motion, que é só alegria.

      Realmente Fabio, tem muita informação errada sobre automóveis na Web (pra não dizer outra coisa) e quem não pesquisar outras opiniões certamente vai quebrar a cara, ou no mínimo perder a oportunidade de ter um produto diferenciado, a frente da concorrência como o Up i-motion. Abraço

      Excluir
  7. Já tive um Fox imotion e não voltaria a ter um carro automatizado de novo não, hoje tenho um high up e pra mim tá de bom tamanho, sem pedal de embreagem só se for dupla embreagem ou cvt

    ResponderExcluir
  8. Eu um sinaleiro com o pé no freio usando o modo atutomático, o i motion, fica no neutro ou engatado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele fica indica D1 no painel. A primeira engatada, mas a embreagem desacoplada. Quando começa-se a acelerar, o I-motion passa a acoplar a embreagem, como se estive soltando a embreagem e acelerando em um carro manual. É muito fácil de ser conduzido, muito confortável e prático.

      Excluir
    2. Estou convicto que no dia-a-dia a transmissão do Up i-motion (eletromecânica) terá custo de manutenção menor que sua equivalente manual.

      Excluir
  9. Só para deixar claro, o sistema i-motion do UP é 100% elétrico, a caixa é produzida pela ZF, é a SQ100 que equipa o Up e os Citigo da Skoda na europa. Portanto, diferente dos Fox, Polos e Dualogics da Fiat, que utilizam o sistema da Magnetti-Mareli, o UP não terá vazamento nos atuadores, mangueiras e problemas com a bomba hidráulica.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.